A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z  

  Subjects -> MILITARY (Total: 106 journals)
The end of the list has been reached or no journals were found for your choice.
Similar Journals
Journal Cover
Navigator
Number of Followers: 3  

  This is an Open Access Journal Open Access journal
ISSN (Online) 0100-1248
Published by Portal de Periódicos da Marinha do Brasil Homepage  [10 journals]
  • Revista completa

    • Authors: Navigator
      PubDate: 2022-06-08
      Issue No: Vol. 18, No. 35 (2022)
       
  • Apresentação

    • Authors: Editores
      Pages: 5 - 6
      Abstract: Apresentação
      PubDate: 2022-06-08
      Issue No: Vol. 18, No. 35 (2022)
       
  • Apresentação do Dossiê

    • Authors: Fernando da Silva Camargo
      Pages: 8 - 9
      Abstract: Apresentação do Dossiê "O mar e as lutas pela independência na América Luso-Espanhola".
      PubDate: 2022-06-08
      Issue No: Vol. 18, No. 35 (2022)
       
  • Geopolítica portuária e as Independências no Prata

    • Authors: Fernando da Silva Camargo
      Pages: 10 - 23
      Abstract: Tópicos de natureza geopolítica estiveram intimamente vinculados às decisões estratégicas tomadas pelos diferentes agentes políticos e econômicos atuantes nos anos finais do antigo regime ibérico na região platina (1778 a 1810) e nos princípios do período revolucionário (1810-1820). Esses mesmos agentes e seus papéis são abordados nesse trabalho, mas de forma a dar centralidade à questão territorial e portuária da bacia hidrográfica do rio da Prata, com suas peculiaridades e parcialidades, estabelecendo a importância das cidades-porto para a sobrevivência e consolidação das formações políticas rebeldes.
      PubDate: 2022-06-07
      Issue No: Vol. 18, No. 35 (2022)
       
  • Os caminhos fluidos do corso insurgente

    • Authors: Eduardo Sartoretto
      Pages: 24 - 44
      Abstract: O presente artigo tem por objetivo analisar as manifestações das hostes marítimas insurgentes, focalizando a extensão geográfica e o modus operandi dessas atuações, bem como a repercussão dessas ações nas sociedades hispano-americanas. Para alcançarmos nosso objetivo, dividiremos as trajetórias entre interiores e exteriores, abrangendo a Região Platina e o Atlântico, utilizando-nos da análise de correspondências trocadas entre governos, oficiais, capitães, bem como das relações de entrada e saída de navios das imediações do porto buenairense, registrados nas edições periódicas da Gazeta de Buenos Aires e da Gazeta Ministerial de Buenos Aires, durante os anos de 1814 e 1819. Para além da compreensão desses grupos, o exercício nos permitirá entender a extensão atlântica dos conflitos hispano-americanos.
      PubDate: 2022-06-07
      Issue No: Vol. 18, No. 35 (2022)
       
  • Thomas Cochrane e as presas de guerra em Guayaquil e no Brasil

    • Authors: Sergio Willian de Castro Oliveira Filho
      Pages: 45 - 56
      Abstract: No início de 1822 o Capitán de Navío da Armada espanhola José Villegas Y Córdoba rendeu-se, entregando na Província Livre de Guayaquil três navios sob seu comando: as Fragatas Prueba e Venganza e a Corveta Emperador Alejandro. Tal rendição se deu após uma insistente perseguição, que já durava alguns meses, encetada pelo Vice-Almirante Thomas Cochrane, comandante das forças navais chilenas. Contudo, autoridades peruanas presentes em Guayaquil conseguiram por meio de negociações que os três navios passassem à posse da Marinha do Peru, o que gerou uma série de conflitos entre Thomas Cochrane e as autoridades peruanas. Pouco menos de um ano após esse episódio, Cochrane comandaria a Força Naval do Império Brasil em sua luta pela independência de Portugal. Com uma campanha naval exitosa, o Primeiro-Almirante Thomas Cochrane, comandou o apresamento de mais de 80 navios mercantes e de guerra portugueses, porém, novamente seus interesses relacionados às presas de guerra foram frustrados por decisões conflitantes advindas do governo imperial brasileiro, desencadeando uma longa disputa judicial entre o chefe naval escocês e o governo brasileiro que durou cinco décadas. O objetivo desse artigo é realizar um paralelo entre as demandas por presas da guerra naval feitas por Cochrane com relação aos navios espanhóis que se renderam em Guayaquil em 1822, e os navios portugueses apresados por ele em 1823 durante a campanha de independência do Brasil.
      PubDate: 2022-06-08
      Issue No: Vol. 18, No. 35 (2022)
       
  • Pela glória e pela honra do Império!

    • Authors: George Henrique de Vasconcelos Gomes, Leandro Vilar Oliveira
      Pages: 57 - 73
      Abstract: O trabalho de pesquisa tem como fim abordar a atuação do Batalhão da Paraíba durante a Guerra de Independência ocorrida na Bahia entre 1822 e 1823. Inserido dentro do contexto da Independência do Brasil, a unidade militar em questão foi formada a partir do recrutamento de homens de cidades, vilas e povoados da Província da Paraíba, tendo sido importante componente no cerco à cidade de Salvador, sitiada por terra pelo chamado “Exército Pacificador” e pelo mar. Apresentamos este último como importante espaço estratégico de deslocamento de forças terrestres, tanto as formadas na Corte (Rio de Janeiro), quanto os batalhões das províncias do Norte, discutindo os motivos e hipóteses dessa ação. Ademais, abordaremos como se deu o recrutamento, a organização dessa força e parte da atuação do Batalhão da Paraíba. A pesquisa se realizou em acervos existentes em arquivos on-line através de fontes primárias e de apoio bibliográfico no que diz respeito ao contexto histórico presente.  
      PubDate: 2022-06-08
      Issue No: Vol. 18, No. 35 (2022)
       
  • Maria Graham na Confederação do Equador

    • Authors: Denise Maria Couto Gomes Porto
      Pages: 74 - 89
      Abstract: O presente artigo investiga a representatividade da escritora inglesa Maria Graham (1785-1842) nas negociações para a rendição do comandante da Confederação do Equador, Manuel de Carvalho Paes de Andrade, em agosto de 1824. Atendendo ao pedido do amigo, Almirante Thomas Cochrane, comandante da Armada Imperial brasileira, Maria Graham protagonizou o papel de mediadora entre as proclamações de capitulação impostas pelo governo de D. Pedro I e a resistência dos sediciosos republicanos à causa federalista pernambucana. Os textos do Diário de uma viagem ao Brasil (1990) e Escorço biográfico de D. Pedro I (1997) constituem as fontes bibliográficas utilizadas neste estudo, cujo objetivo, sob novas abordagens teóricas, é de contribuir para a ressignificação da escritora inglesa na historiografia da Independência do Brasil.
      PubDate: 2022-06-08
      Issue No: Vol. 18, No. 35 (2022)
       
  • Astrolábios

    • Authors: Vagner da Rosa Rigola
      Pages: 91 - 109
      Abstract: Em meados da década de 70 do século XX, a descoberta de destroços do Galeão Sacramento, naufragado em 1668, no litoral do estado da Bahia, trouxe à tona não só uma grande quantidade de armamentos, instrumentos e artefatos, mas também um verdadeiro despertar para a Arqueologia Subaquática brasileira ao evidenciar, na prática, as possibilidades decorrentes dessa atividade para a pesquisa sobre os equipamentos, o emprego e a construção dos navios, assim como sobre os indivíduos e os grupos sociais aos quais pertenciam. Dentre tantos achados, do trabalho no sítio arqueológico do Galeão Sacramento resultou no resgate de dois astrolábios náuticos fabricados em Portugal, sendo um deles, o Sacramento B, objeto de estudo deste artigo. Assim, partindo da perspectiva geral do estudo do astrolábio enquanto item reconhecidamente fundamental para o desenvolvimento das navegações oceânicas entre os séculos XV e XVII, a pesquisa direciona-se para o caso particular do soçobro do galeão para, em seguida, examinar, exclusivamente, um dos instrumentos recuperados daquele sítio arqueológico. Para tanto, a partir de uma metodologia qualitativa, embasada em pesquisa bibliográfica, buscou-se o entrelaçamento dos assuntos de modo a alcançar o objetivo de realçar a importância do astrolábio no contexto das navegações oceânicas, de proporcionar a reflexão acerca da relevância da Arqueologia Subaquática, tomando por base um naufrágio específico, bem como reunir informações sobre um dos itens que, como peça de museu, passou a simbolizar a sua classe de instrumentos e o resultado do trabalho de gerações de mareantes.
      PubDate: 2022-06-08
      Issue No: Vol. 18, No. 35 (2022)
       
  • Proposta da musealização do Vapor Bahia como forma de preservação e
           identidade marítima de sítios de naufrágios em Pernambuco, Brasil

    • Authors: Ana Paula Barradas Maranhão, Anne Caroline Barbosa dos Passos, Ismael de Freitas Paiva, Carlos Celestino Rios e Souza
      Pages: 110 - 126
      Abstract: Este artigo tem como objetivo fundamentar e propor um roteiro do turismo arqueológico do Vapor Bahia, utilizando uma metodologia baseada na museologia, com ênfase na arqueologia, na história e nos atrativos turísticos, priorizando a arquitetura naval do naufrágio. Portanto, pretende-se propor um método que possa ser utilizado pelo setor turístico pernambucano, para permitir que o naufrágio cumpra seu papel de patrimônio cultural subaquático e seja associado a uma forma de entretenimento do Estado de Pernambuco. 
      PubDate: 2022-06-08
      Issue No: Vol. 18, No. 35 (2022)
       
  • Resenha "É como procurar meia ervilha em um campo de
           futebol..."

    • Authors: Francisco Silva Noelli
      Pages: 127 - 130
      Abstract: Resenha do livro de Vilfredo Schürmann, sobre a descoberta do U-513.
      PubDate: 2022-06-08
      Issue No: Vol. 18, No. 35 (2022)
       
  • O Cours de mathématiques de Étiènne Bezout

    • Authors: Carlos André Lopes da Silva
      Pages: 131 - 135
      Abstract: DOCUMENTO: BEZOUT, Étiènne. Cours de mathématiques a l’usage des Gardes du Pavillon et de Marine. Paris, 1775. 5 v.
      DATA: 1775.
      LOCALIZAÇÃO: Biblioteca da Marinha (Seção de Obras Raras).
      PubDate: 2022-06-08
      Issue No: Vol. 18, No. 35 (2022)
       
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
 


Your IP address: 44.197.108.169
 
Home (Search)
API
About JournalTOCs
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-