Subjects -> HISTORY (Total: 1540 journals)
    - HISTORY (859 journals)
    - History (General) (45 journals)
    - HISTORY OF AFRICA (72 journals)
    - HISTORY OF ASIA (67 journals)
    - HISTORY OF AUSTRALASIA AREAS (10 journals)
    - HISTORY OF EUROPE (256 journals)
    - HISTORY OF THE AMERICAS (183 journals)
    - HISTORY OF THE NEAR EAST (48 journals)

HISTORY (859 journals)            First | 1 2 3 4 5     

Showing 801 - 452 of 452 Journals sorted by number of followers
Heritage, Memory and Conflict Journal     Open Access   (Followers: 14)
Nepalese Culture     Open Access   (Followers: 13)
Architectural History     Hybrid Journal   (Followers: 10)
History of Classical Scholarship     Open Access   (Followers: 7)
History of Science and Technology     Open Access   (Followers: 5)
Cuadernos de Investigación Histórica     Open Access   (Followers: 4)
Global Intellectual History     Hybrid Journal   (Followers: 4)
Cultural Heritage and Science     Open Access   (Followers: 4)
International Journal of Military History and Historiography     Hybrid Journal   (Followers: 4)
Studies in Church History     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Italian Review of Legal History     Open Access   (Followers: 3)
Navigator     Open Access   (Followers: 3)
Anales de Historia Antigua, Medieval y Moderna     Open Access   (Followers: 3)
Commonwealth Essays and Studies     Open Access   (Followers: 2)
Revista de Istorie a Moldovei     Open Access   (Followers: 2)
British Journal for the History of Mathematics     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Journal of Applied History     Hybrid Journal   (Followers: 2)
International Journal of Culture and Modernity     Open Access   (Followers: 2)
Gimbernat : Revista d’Història de la Medicina i de les Ciències de la Salut     Open Access   (Followers: 2)
Opuscula : Short Texts of the Middle Ages and Renaissance     Open Access   (Followers: 2)
Global Food History     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Herança : Revista de História, Património e Cultura     Open Access   (Followers: 1)
Esclavages & Post-esclavages     Open Access   (Followers: 1)
History of Retailing and Consumption     Hybrid Journal   (Followers: 1)
Hispania Nova. Revista de Historia Contemporánea     Open Access   (Followers: 1)
Revue de géographie historique     Open Access   (Followers: 1)
Acta Terrae Septemcastrensis     Open Access   (Followers: 1)
International Journal of Divination and Prognostication     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Territories : A Trans-Cultural Journal of Regional Studies     Open Access   (Followers: 1)
RADAR : Historiedidaktisk tidsskrift     Open Access   (Followers: 1)
Historisk Tidsskrift     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Material Culture Review / Revue de la culture matérielle     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Mythos     Open Access   (Followers: 1)
Early Modern Culture     Open Access   (Followers: 1)
Journal of History and Future     Open Access   (Followers: 1)
Actas y Comunicaciones del Instituto de Historia Antigua y Medieval     Open Access   (Followers: 1)
Histoire Politique : Revue du Centre d'histoire de Sciences Po     Open Access  
Middle European Scientific Bulletin     Open Access  
Kadim     Open Access  
Emotions : History, Culture, Society     Full-text available via subscription  
Indian Journal of History of Science     Hybrid Journal  
Paragone : Past and Present     Full-text available via subscription  
Medicina Historica     Open Access  
Przegląd Nauk Historycznych     Open Access  
Intelligere : Revista de História Intelectual     Open Access  
Archivos de historia del movimiento obrero y la izquierda     Open Access  
Humanidades em diálogo     Open Access  
Epígrafe     Open Access  
Cadernos CERU     Open Access  
Revista de Historia Universal     Open Access  
Cuadernos de Historia del Arte     Open Access  
Passepartout     Open Access  
Jernbanehistorie     Full-text available via subscription  
Fund og Forskning     Full-text available via subscription  
Anuario del Centro de Estudios Históricos "Prof. Carlos S. A. Segreti"     Open Access  
Journal of Russian American Studies (JRAS)     Open Access  
Connexe : Questioning Post-Communist Spaces     Open Access  
Revista de Historia Industrial. Economía y Empresa     Open Access  
Pedralbes : revista d'història moderna     Open Access  
Audens : revista estudiantil d'anàlisi interdisciplinària     Open Access  
Sociología Histórica     Open Access  
Patristica et Mediævalia     Open Access  
Sasdaya : Gadjah Mada Journal of Humanities     Open Access  
Journal of Historical Syntax     Open Access  
LaborHistórico     Open Access  
Revista Mosaico : Revista de História     Open Access  
Revista Habitus : Revista do Instituto Goiano de Pré-História e Antropologia     Open Access  
SPAL : Revista de Prehistoria y Arqueología     Open Access  
Historia : Instituciones. Documentos     Open Access  
RIHC : Revista Internacional de Historia de la Comunicación     Open Access  
Bajo Guadalquivir y Mundos Atlánticos     Open Access  
Atrio : Revista de Historia del Arte     Open Access  
Sémata : Ciencias Sociais e Humanidades     Full-text available via subscription  
Ohm : Obradoiro de Historia Moderna     Full-text available via subscription  
Res Gesta     Open Access  
Revista de Historia (Concepción)     Open Access  
IKAT : The Indonesian Journal of Southeast Asian Studies     Open Access  
Studia Historyczne     Open Access  
Journal of Tourism History     Hybrid Journal  
Intercâmbio : Revue d’Études Françaises=French Studies Journal     Open Access  
História : revista da Faculdade de Letras da Universidade do Porto     Open Access  

  First | 1 2 3 4 5     

Similar Journals
Journal Cover
LaborHistórico
Number of Followers: 0  

  This is an Open Access Journal Open Access journal
ISSN (Print) 2359-6910
Published by Universidade Federal do Rio de Janeiro Homepage  [22 journals]
  • Apresentação - volume 8, Número 1 - Patrimônio Musical
           Brasileiro

    • Authors: Paulo Castagna, Carlos Sandroni
      Pages: 10 - 13
      Abstract: LaborHistórico - Volume 8, número 1 (Patrimônio Musical Brasileiro).
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.53995
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • As três dimensões do patrimônio musical: uma teoria em
           progresso

    • Authors: Paulo Augusto Castagna
      Pages: 14 - 45
      Abstract: Este artigo estuda o significado do conceito de patrimônio musical e suas relações com os conceitos oficiais de patrimônio histórico, artístico e cultural (materiais ou imateriais) estabelecidos na legislação brasileira, e de patrimônio documental ou arquivístico, implícito na legislação do país para os arquivos públicos e privados. Para isso, são analisados os três grandes tipos de patrimônio musical, decorrentes das três dimensões do conhecimento musical (1 - fenômeno musical; 2 - codificação notacional, gravação ou programação; 3 - documento musical físico), correspondentes às três dimensões do conhecimento (1 - ôntica; 2 - epistêmica; 3 - documental) estabelecidas por Claudio Gnoli (2012). As conclusões apontam para a artificialidade da separação do patrimônio musical em material e imaterial, e para a necessidade de ações mais integradas em relação aos seus três tipos, visando resultados mais amplos para o conhecimento, proteção e difusão desse tipo de herança.
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.47605
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • Mas o choro já não é patrimônio' Ressonâncias e desafios do
           processo de patrimonialização do choro

    • Authors: Lúcia Campos, Pedro Aragão, Rafael Velloso
      Pages: 46 - 62
      Abstract: O artigo descreve o processo de instrução para registro do choro como patrimônio cultural pelo IPHAN, em curso desde março de 2020. Além do desafio de abarcar a abrangência histórica e geográfica do choro, trata-se da primeira instrução de registro inteiramente realizada de forma remota, devido à pandemia de Covid-19. Visa-se, desse modo, refletir sobre as ressonâncias e desafios do processo, que busca a mediação e articulação permanentes entre, por um lado, a esfera pública e as normativas estabelecidas pelo IPHAN e, por outro, a escuta sensível e compreensiva das diversas demandas de participação e de reconhecimento das comunidades do choro. São descritas as etapas da pesquisa e as decisões metodológicas que a pautaram, como a realização de seminários e de entrevistas via plataformas online e a elaboração de um amplo inventário sobre o choro em todas as regiões do país em torno de quatro eixos (acervos, associações e clubes do choro, ações educativas, rodas e lugares de performance) que objetiva a disponibilização de um banco de dados público e colaborativo.
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.47592
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • Memórias das Bandas de Goiás: tradições, imaginários e identidades
           nas entrevistas nas cidades históricas de Goiás do acervo do BandaLab

    • Authors: Marcos Botelho
      Pages: 63 - 86
      Abstract: O presente artigo analisa o acervo “Memórias das Bandas de Goiás” do BandaLab-UFG, que possui entrevistas/depoimentos obtidos em 2 projetos de pesquisas desde 2016, que foram gravadas em 4 cidades históricas de Goiás: Cidade de Goiás, Pirenópolis, Corumbá de Goiás e Jaraguá. O foco tem sido registrar a memória dos integrantes das bandas, assim como de pessoas locais que são admiradores e seguidoras delas. Assim, utilizando o conceito de reminiscência pessoal, buscamos nas entrelinhas e coincidências dos discursos as memórias, imaginários e sentimentos de identidades dos entrevistados em relação as bandas e as cidades as quais elas pertencem. Notamos grande sentimento de identidade entre os membros das bandas, além do sentimento de pertencimento por parte de seus admiradores. Demostram que consideram como tradição as festas tradicionais locais e as músicas que as bandas tocam nessas atividades. As bandas e as tradições locais se confundem, sendo que a banda possui papel essencial nas festas e atividades culturais em cada cidade, muitas vezes confundindo-se.
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.46698
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • A Sociedade Musical União XV de Novembro como Patrimônio Cultural: da
           prática musical ao arquivo vivo

    • Authors: Manuela Areias Costa
      Pages: 87 - 107
      Abstract: Este artigo propõe reflexões sobre a importância do reconhecimento e salvaguarda das bandas de música brasileiras como patrimônio cultural por meio de uma pesquisa sobre a trajetória da centenária banda da Sociedade Musical União XV de Novembro, localizada no município de Mariana-MG. As sociedades musicais, além de serem protagonistas na produção musical de muitas cidades, desempenham um papel de guardiãs de memórias relacionadas à tradição popular, contribuindo para a formação e afirmação da identidade musical no país. O patrimônio da Sociedade Musical União XV de Novembro é constituído por acervo de partituras, instrumentos musicais, fotografias, estatutos e atas de reuniões, memória de seus músicos e saberes e práticas musicais transmitidos para gerações, reproduzindo e (re)inventando uma tradição comunitária. A banda é uma entidade viva e atuante e, as memórias de seus maestros e músicos, detentores dos saberes de uma cultura musical, bem como seus documentos musicais e musicográficos expressam um patrimônio cultural que precisa ser valorizado, registrado, divulgado e preservado. Em termos teóricos e metodológicos, analisamos uma vasta bibliografia sobre bandas de música e patrimônio cultural e variadas fontes documentais que englobam jornais, relatos de memorialistas, partituras musicais, fotografias e documentos administrativos encontrados no acervo documental da banda União XV de Novembro.
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.46743
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • “Santa Cecília ressurge” – considerações preliminares sobre a
           atividade musical do Seminário de Mariana na primeira metade do século
           XX

    • Authors: Josineia Godinho
      Pages: 108 - 126
      Abstract: Este trabalho tem por objetivo trazer à luz a trajetória da atividade musical dentro do Seminário de Mariana. Em 2020 a instituição celebrou seus 270 anos de fundação e estabeleceu-se na história como uma das mais tradicionais e prestigiadas casas de formação para sacerdotes no país. Egressos do Seminário ocuparam cargos de destaque tanto na vida religiosa quanto secular e política não só em Minas Gerais, mas em todo o Brasil. Para melhor entender o desenvolvimento das atividades musicais dentro do Seminário, abordamos inicialmente a história da instituição desde a sua fundação ainda no século XVIII, continuando com uma análise do perfil dos alunos e do currículo oferecido até que a Música passasse de fato a fazer parte da formação musical dos futuros sacerdotes. A vida musical do Seminário até a década de 60 do século XX foi retratada através de relatos escritos, acervos e entrevistas, que corroboram a importância da vivência artística no processo de formação dos futuros líderes religiosos.
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.47222
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • O arquivo musical da Orquestra Lira Sanjoanense no tempo da Companhia de
           Muzica

    • Authors: Modesto Flávio Chagas Fonseca
      Pages: 127 - 139
      Abstract: O arquivo de documentos musicais da Orquestra Lira Sanjoanense é constituído de grande quantidade de fontes que transmitem obras musicais para as mais diversas demandas de ritos na sociedade local, sejam religiosos ou de entretenimento. Ter em foco obras acumuladas no exercício das funções propostas pelo grupo musical denominado de Companhia de Múzica é oportunidade para uma imerssão na dinâmica social de São João del-Rei na primeira metade do século XIX, vislumbrada pela ótica da prática musical. Esta ação permite verificar a organicidade dos documentos produzidos por aqueles músicos com os propósitos da instituição musical por eles delineada.
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.47629
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • Schola Cantorum “Santa Caecilia”: atribuição de repertório e
           proposta de cronologia

    • Authors: Matheus Theodorovitz Prust
      Pages: 140 - 167
      Abstract: Neste texto apresento uma proposta de atribuição de parte do conteúdo de dois acervos musicais de Santa Catarina, recentemente identificados, à Schola Cantorum “Santa Caecilia”, um dos mais antigos coros em atividade contínua no Brasil (1913- ). Os acervos em questão se relacionam ao contexto missionário franciscano na região interiorana do sul do país, a partir de 1890, mais especificamente na cidade de Canoinhas, no planalto norte de Santa Catarina. A abordagem é centrada no estudo do repertório sacro do acervo privado de Irmã Maria Carolina Gross e do acervo do Colégio Sagrado Coração de Jesus, alocado no Arquivo Histórico da Fundação Cultural Helmy Wendt Mayer. São apresentados e discutidos os procedimentos de análise material, que resultam em uma proposição de cronologia da Schola Cantorum, focalizada em momentos de interesses musicais particulares. A partir do texto, ainda, pretende-se destacar a necessidade de expansão dos esforços de investigações histórico-musicais em torno de temas não-canônicos.
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.47614
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • Documentos Musicográficos de Francisco Fonseca (1884-1970): a trajetória
           de um músico compositor através dos acervos de Formiga/MG

    • Authors: Vinícius Eufrásio
      Pages: 168 - 192
      Abstract: O presente texto é uma ampliação da comunicação “Francisco Fonseca (1884-1970): valsas de um compositor formiguense” (EUFRÁSIO; FREITAS, 2021), apresentada no âmbito do 7º Nas Nuvens... Congresso de Música. Seu conteúdo integra uma pesquisa documental realizada em acervos que vêm sendo identificados nos últimos anos na cidade de Formiga, região centro-oeste de Minas Gerais, e, sobretudo, no arquivo pessoal do próprio compositor, atualmente em posse de sua família. Músico e autor de centenas de obras, Francisco teve ampla atuação no cenário cultural local ao longo do século XX e surge no contexto dos acervos formiguenses como um personagem central para compreensão de parte das práticas musicais que ocorreram na história do município.
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.47617
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • O fundo documental do Sindicato dos Músicos do Estado do Rio de Janeiro e
           a pesquisa sobre as relações sociais de produção musical no Brasil:
           dualidade no trato com fontes primárias para a pesquisa musicológica
           brasileira

    • Authors: Luciana Requião
      Pages: 193 - 210
      Abstract: O presente texto trata do projeto que vem sendo desenvolvido junto ao fundo documental do Sindicato dos Músicos do Estado do Rio de Janeiro. Além de apresentar os processos iniciais de organização e salvaguarda deste material, são problematizadas questões pertinentes à dualidade no enfrentamento de problemas de ordem histórica e arquivística no trato com o acervo. Destaca-se a importância deste tipo de documento para os estudos sobre o trabalho no campo da música e que, apesar de não se tratar propriamente de um conjunto de documentos musicais, constitui-se como importante fonte primária para a pesquisa musicológica brasileira, em particular aquela que busca discutir as relações sociais de produção musical no Brasil.
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.47464
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • Música para a Quaresma na Primeira Capital de Sergipe: os Motetos dos
           Passos em São Cristóvão Oitocentista

    • Authors: Thais Fernanda Vicente Rabelo Maciel
      Pages: 211 - 234
      Abstract: Este trabalho objetiva discorrer sobre a música sacra em Sergipe, contribuindo com o conhecimento sobre o panorama musical de São Cristóvão, cidade que foi a primeira capital de Sergipe. No contexto das celebrações do tempo litúrgico da Quaresma, destaca-se a Procissão dos Passos, tradição mais que bicentenária na cidade e que permanece ocorrendo na atualidade. A pesquisa, também pautada no âmbito da História Cultural, considerou uma variedade de fontes e abarcou a pesquisa bibliográfica e arquivístico-documental. Nesse sentido, escritos memorialísticos, jornais que circulavam em Sergipe oitocentista e documentos musicográficos consistem em fontes essenciais nessa investigação. O panorama apontou para um contexto rico em celebrações, agentes, espaços e repertórios (em grande parte esquecidos em nossos dias) evidenciando os Motetos dos Passos no contexto da procissão homônima. O estudo a partir das fontes musicográficas, considerando três versões dos mesmos motetos e que culminou em uma edição crítica, iluminou questões relativas ao texto latino, à procedência, ao trânsito de repertório e às mudanças ocorridas ao longo do tempo, contribuindo com a compreensão sobre a música religiosa católica em nível regional e nacional.
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.46661
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • As Aberturas, Elogios Dramáticos e Peças de Circunstância do Pe. José
           Maurício Nunes Garcia: Abordagem Crítica de suas Fontes – Libretos e
           Manuscritos Musicais

    • Authors: Sérgio Dias
      Pages: 235 - 256
      Abstract: Desde o advento dos estudos críticos e demais trabalhos testamentários relacionados a produção mauriciana – grande parte deles produzidos pela pesquisadora Cleofe Person de Mattos (1913-2002) –, muito se tem discutido sobre o universo mais proeminente de sua lavra: as obras de cariz religioso. Entretanto, sua comparativamente diminuta produção na esfera profana nos induz a interessantes questões nas esferas circunstancial, estética e literária. Este pequeno trabalho procura estabelecer ponderações sobre esta parcela de sua obra, redimensionando os contextos a partir dos quais foi produzida; seus notáveis parceiros poéticos; suas ilações quanto a possíveis obras agregadas e sua problemática instrumental relacionada a intrincada questão das fontes, muitas delas munidas de indicações lacônicas e disponíveis em grande descontinuidade temporal.
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.47515
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • Celebrando uma identidade: os usos do passado para enaltecimento da
           paraibanidade na música Paraíba Joia Rara

    • Authors: Glauber Paiva da Silva, Ana Lúcia do Nascimento Oliveira
      Pages: 257 - 276
      Abstract: A música ao longo da história se incorporou em nosso dia a dia, estando presente nos mais variados momentos de nossas vidas. Assim, ela nos remete a uma variedade de sentimentos como alegria, tristeza e saudade. Desde o início do século XX, diversas músicas foram compostas se utilizando da premissa sentimental de pertencimento. Desse modo, muitas delas foram criadas em meio a indústria cultural com o intuito de despertar o enaltecimento de uma identidade, seja ela nacional, regional ou mesmo local. É por meio dessa construção que iremos nos debruçar sobre uma dessas músicas que se tornou patrimônio cultural imaterial do estado da Paraíba. Paraíba Joia Rara se utiliza do passado para engrandecer e celebrar a história e cultura paraibana. Portanto, nos debruçaremos sobre esse objeto para tentarmos perceber as suas relações com os patrimônios, a identidade cultural, a história e o povo paraibano. Para isso, nos utilizaremos das reflexões de Castagna (2016) e Soares (2017), que nos ajudarão a entender os diálogos entre patrimônios musicais brasileiros e ensino de história. Acreditamos que essa pesquisa é importante para nos fazer compreender melhor essas construções de enaltecimento de uma identidade, como também para contribuir com o campo e salvaguardar os patrimônios musicais brasileiros.
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.45776
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • A solfa do Romance da Bela Infanta: uma melodia italiana do século XVII
           teria sobrevivido na tradição oral brasileira'

    • Authors: Daniel Issa Gonçalves
      Pages: 277 - 293
      Abstract: O artigo avalia a hipótese de que o Ballo di Mantova, melodia italiana cuja versão mais antiga registrada data do início do século XVII, possa ter influenciado a música brasileira de tradição oral. Segundo Luigi Ferdinando Tagliavini, essa "melodia errante" se difundiu por toda a Europa ainda no seiscentismo na forma de música vocal profana, hinos religiosos, danças, peças para teclado ou tablaturas para alaúde e guitarra. Foi utilizada por compositores eruditos nos séculos XVIII e XIX como Mozart e Smetana, e é encontrada "ainda em vida" nos dias de hoje no folclore do norte da Itália. No entanto, esse motivo musical também está presente em algumas peças do folclore brasileiro, recolhidas na Paraíba, Bahia, São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais por Guilherme de Mello, Ariano Suassuna e Rossini Tavares de Lima.
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.47127
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • A canção folclórica em sua essência: uma análise etnomusicológica de
           duas canções populares tradicionais brasileiras

    • Authors: Pedro Razzante Vaccari
      Pages: 294 - 324
      Abstract: Investigou-se as origens e procedências principais de duas canções populares tradicionais brasileiras, a saber: o canto de Maracatu “Loanda” e a canção indígena “Natiô”, dos Paresis. Elas representam um panorama estilístico da música popular brasileira, seja ela urbana, rural ou feita pelos próprios nativos. Guardam, portanto, além de idiossincrasias de ordem estético-musical, características próprias de cada região e grupo étnico que as produziram. São fonte cultural que espelham a enorme profusão de cantos que o país continental produzira até os anos 1930, quando eclodiu no Brasil o Movimento Nacionalista, que buscava unificar as linguagens da Literatura, Música e Artes Plásticas em prol de uma totalidade artística que desvelasse os significados de Nacionalidade. As canções em questão foram reunidas e harmonizadas pelo compositor paraibano José Siqueira (1907-1985), e lançadas em disco em 1939. Nelas podemos ver retratos de diversos matizes do colorido nacional: música popular rural percussiva, ritualística indígena e religiosa afro-brasileira. Constituem peças de um quadro maior, onde podem ser observadas as diversas regiões brasileiras, num jogo etnomusicológico que parece querer traduzir a essência folclórica do nosso povo. 
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.47148
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • Difusão do legado musical brasileiro: a disponibilidade de partituras
           pela Web

    • Authors: Rosana Saldanha da Gama Lanzelotte, Nivia Gasparini Zumpano
      Pages: 325 - 342
      Abstract: Apesar de ser um de nossos maiores legados culturais, o patrimônio musical brasileiro é, em grande parte, desconhecido, devido ao difícil acesso às partituras musicais. Poucos autores tiveram a sua produção editada, a maioria das edições está hoje esgotada. Especialistas estimam que 80% das obras ainda esteja em formato manuscrito, em arquivos espalhados por todo o país, que só podem ser consultados presencialmente. Nas últimas décadas, a impressão musical entrou em declínio, enquanto a distribuição de partituras digitais via Web se afirma como tendência mundial. Este artigo trata dos desafios implicados na realização de portais de partituras musicais. São discutidos padrões e boas práticas para a disponibilidade de partituras via Web, de forma a que sejam facilmente localizáveis, acessíveis, interoperáveis e reutilizáveis.
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.46739
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • Festa da Padroeira, Patrimonialização e Portuguesidade em Minas
           Gerais

    • Authors: Suzel Ana Reily
      Pages: 343 - 346
      Abstract: O presente trabalho busca apresentar de forma crítica a obra Gold, Festivals, and Music in Southeast Brazil: Sounding Portugueseness, de Barbara Alge.
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.53994
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • “Biblioteca Universal”: saberes necessários para a boa educação
           segundo monges da Ordem de Cister

    • Authors: Davi Bretas
      Pages: 347 - 366
      Abstract: O livro Biblioteca Universal: em a qul se contem huã util, e muy proveytosa de todas as maes principaes noticias, de 1727, é um trabalho apógrafo, copiado por monges da Ordem de Cister, do Mosteiro de Santa Maria, em Alcoçaba. Disponibilizado digitalmente pela Biblioteca Nacional de Portugal, a obra apresenta ensinamentos variados, que tangem desde curiosidades e estudos referentes às ciências da natureza a discussões sobre a ética e a moral com base nas crenças da fé cristã. Dividido em sete tratados, o texto transcrito no presente trabalho aborda as páginas iniciais do livro. Sendo assim, inclui tanto informações de contracapa quanto um prólogo, além de dois fólios referentes ao primeiro tratado, no qual o autor dedica-se a transcrever ensinamentos de cunho religioso para um viver social considerado adequado e proveitoso.
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.40027
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • Edição semidiplomática da Caderneta de estudos e exercícios de
           latim-português e português-latim de Carlota Joaquina

    • Authors: Marcelle Mayne Ribeiro da Silva
      Pages: 367 - 382
      Abstract: Este trabalho apresenta uma edição semidiplomática da Caderneta de Estudos e Exercícios de Latim-Português e Português-Latim de Carlota Joaquina, que está sob guarda do Arquivo Nacional do Rio de Janeiro. De autoria de Sebastião Rodrigo Costa, professor do Real Colégio dos Nobres, serviu de subsídio para o aprendizado de Língua Latina da Infanta Carlota Joaquina, infanta de Espanha que, com dez anos de idade, mudou-se para Portugal para se casar com D. João, filho de D. Maria I e D. Pedro III. Acreditamos que nossa edição contribuirá para os estudos de pesquisadores que se interessam pela transmissão da Língua Latina no século XVIII ou pela educação da nobreza da Europa nesse século.
      PubDate: 2022-09-20
      DOI: 10.24206/lh.v8i1.39987
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
 


Your IP address: 3.238.72.180
 
Home (Search)
API
About JournalTOCs
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-