A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z  

  Subjects -> SPORTS AND GAMES (Total: 199 journals)
The end of the list has been reached or no journals were found for your choice.
Similar Journals
Journal Cover
Revista Intercontinental de Gestão Desportiva
Number of Followers: 0  

  This is an Open Access Journal Open Access journal
ISSN (Online) 2237-3373
Published by Universidade Salgado de Oliveira Homepage  [2 journals]
  • Editorial (DOI - https://doi.org/10.51995/2237-3373.v11i1e110041)

    • Authors: José Pedro Sarmento de Rebocho Lopes
      Abstract: Editorial 2022

      PubDate: 2022-06-07
      Issue No: Vol. 12 (2022)
       
  • EDUCAÇÃO EM GESTÃO DO DESPORTO: UMA PERSPECTIVA SOBRE O SECTOR PÚBLICO
           (DOI - https://doi.org/10.51995/2237-3373.v11i1e110043)

    • Authors: André Sesinando, Mário Teixeira
      Abstract: A discussão sobre o papel do gestor desportivo tem ganho um crescente destaque no âmbito da investigação científica em desporto, sendo crucial que este possua conhecimentos e competências essenciais para atuar de forma eficiente e eficaz em contextos cada vez mais complexos e diferenciados. Esta investigação teve como objetivo identificar o perfil sociodemográfico dos principais intervenientes na gestão do desporto municipal, ao mesmo tempo que explorou a sua perceção sobre a importância da formação em gestão do desporto. Seguimos uma abordagem quantitativa descritiva simples, centrada nos 308 municípios de Portugal Continental, Região Autónoma da Madeira e Região Autónoma dos Açores. Os dados foram recolhidos através de questionário, aplicado entre novembro de 2020 e fevereiro de 2021, tendo sido alcançadas 443 respostas. Os resultados demonstram uma superioridade do sexo masculino em ambos os grupos, sendo que em ambos os casos possuem idades compreendidas entre os 41 e os 49 anos. O nível médio de qualificações é o grau de licenciatura, todavia, o número de profissionais com formação académica em gestão do desporto é extremamente reduzido. Apesar deste cenário os profissionais que atuam na gestão do desporto municipal consideraram ser bastante importante possuir formação em gestão do desporto de forma a melhorar as suas competências. Contribuições teóricas da investigação: (i) aumenta o conhecimento científico no âmbito da gestão do desporto municipal e seus intervenientes; (ii) atualiza o conhecimento sobre o perfil dos técnicos e responsáveis pela promoção e desenvolvimento da atividade desportiva municipal; (iii) estabelece a relação entre a importância da formação em gestão do desporto e a opinião/perceção de quem atua efetivamente enquanto gestor desportivo; (iv) explora os índices de formação em gestão do desporto vs. habilitações académicas de técnicos e responsáveis municipais.
      PubDate: 2022-06-07
      Issue No: Vol. 12 (2022)
       
  • FATORES DETERMINANTES PARA O ENCERRAMENTO PRECOCE DA CARREIRA DE JOGADORES
           DE FUTEBOL (DOI - https://doi.org/10.51995/2237-3373.v11i1e110042)

    • Authors: Luís Felipe De Matos Borges, Luciano Bernardes Leite, Leonardo Mateus Teixeira Rezende, Lucas Rogério dos Reis Caldas
      Abstract: O objetivo do presente estudo foi analisar os fatores de maior influência para o término precoce da carreira de jogadores de futebol. A amostra foi composta por 40 ex-atletas de futebol profissional. Para coleta dos resultados foi utilizado um questionário semiestruturado, elaborado pelos próprios autores que abordou temas como: biografia dos atletas; aspectos psicológicos e sociológicos da carreira; causas, problemas e dificuldades com o término de carreira; emoções vivenciadas nesse processo e a ocorrência de lesões ao longo da carreira. Os dados foram analisados de forma quantitativa através da distribuição de frequência absoluta e relativa. Ao analisar os resultados foi possível verificar que 55 % da amostra, abandonou a carreira de jogador de futebol na faixa etária de 21 a 25 anos. Além disso, 37,5% da amostra recebia um valor equivalente a menos de um salário mínimo quando ainda eram jogadores de futebol. Em relação a renda mensal atual, 52,5 % da amostra recebe atualmente entre 1 a 2 salários mínimos. Também foi possível observar que 90,0% da amostra escolheu a profissão de jogador de futebol pelo “Prazer em jogar futebol”. Por outro lado, o principal motivo de abandono da carreira de jogador de futebol se deu pela “Falta de estabilidade na profissão” com uma porcentagem de 37,5%. Os resultados do presente estudo mostraram que a falta de estabilidade e os baixos salários na profissão de jogador de futebol, além das lesões ao longo de suas carreiras foram os grandes motivos para o abandono precoce da profissão. 
      PubDate: 2022-06-07
      Issue No: Vol. 12 (2022)
       
  • COMPETÊNCIAS COMPORTAMENTAIS NA GESTÃO DO ESPORTE (DOI -
           https://doi.org/10.51995/2237-3373.v12i2e110040)

    • Authors: Felipe Silva dos Santos, Carlos Silva
      Abstract: O objetivo deste estudo foi identificar as competências comportamentais descritas na literatura em gestores atuantes no campo do esporte. Trata-se de uma pesquisa bibliográfica com abordagem qualitativa. Os termos utilizados para a busca inicial foram: liderança, esporte, equipes desportivas, (competências comportamentais) “gestão do esporte”, respeitando-se as vírgulas, os parênteses, e as áspas duplas. Foram considerados estudos publicados entre janeiro de 2016 e setembro de 2021, Os achados apontam que existe uma considerável lacuna para investigação da atuação de gestores esportivos no que diz respeito ao relacionamento com seus pares. Encontra-se ainda, uma tendência para identificação diagnóstica de gerenciamento de processos em detrimento do gerenciamento de pessoas.
      PubDate: 2022-05-30
      Issue No: Vol. 12 (2022)
       
  • COM A PALAVRA..., AS CRIANÇAS”: EXPERIÊNCIAS E ACESSO AO ESPORTE E
           LAZER NA REGIÃO OESTE DO PARANÁ - BRASIL (DOI -
           http://dx.doi.org/10.51995/2237-3373.v12i2e110039)

    • Authors: Verónica Gabriela Silva Piovani, Shayda Muniz Oliveira Guilherme, Andréia Juliane Drula, João Fernando Christofoletti, Felipe Canan, Arestides Pereira da Silva Júnior
      Abstract: O objetivo da pesquisa foi analisar e compreender qual o universo de experiências esportivas e de lazer acessíveis às crianças de três cidades da região Oeste do Paraná, sendo Maripá, Marechal Cândido Rondon e Toledo. A pesquisa caracterizou-se como exploratória de cunho quali-quantitativo, com a aplicação de um questionário composto de questões fechadas e abertas. A amostra foi composta por 472 crianças dos 3º, 4° e 5° anos de sete escolas públicas municipais participantes da pesquisa. Os dados foram analisados, considerando duas categorias traçadas a priori: a) experiências de esporte e lazer de crianças; e b) acesso aos espaços e projetos/programações de esporte e lazer. Os dados quantitativos foram tabulados com a utilização da estatística descritiva – frequência (f) e porcentagem (%), com o auxílio do software SPSS Statistics 22.0, e os qualitativos analisados a partir da técnica de análise de conteúdo, com apoio do software NVivo 11 Plus. Os resultados evidenciaram que mais da metade das crianças (53,3%) participam de projetos ou atividades esportivas e/ou de lazer. Na comparação entre os municípios, constatou-se um percentual menor de crianças envolvidas em algum projeto ou atividades no município de Toledo (41,2%) em relação a Marechal Cândido Rondon (57,1%) e Maripá (60,2%). Em relação as modalidades praticadas pelas crianças, predominam os esportes coletivos, com destaque para o futebol/futsal, mas também manifestaram o interesse pela natação, embora seja pouco praticada pela falta de oferta. Sobre o acesso aos espaços e projetos/programações de esporte e lazer para as crianças, de forma geral, os resultados são satisfatórios, demonstrando aspectos favoráveis de alcance às práticas esportivas e de lazer. Conclui-se que boa parte das crianças dos três municípios pesquisados participam de programações esportivas e de lazer e, tem condições bastante favoráveis de acesso.
      PubDate: 2022-04-18
      Issue No: Vol. 12 (2022)
       
  • FATORES QUE DETERMINAM A ADESÃO AO ATLETISMO: UM ESTUDO COMPARATIVO ENTRE
           BRASIL, PORTUGAL E ESPANHA (DOI -
           https://doi.org/10.51995/2237-3373.v12i2e110038)

    • Authors: Jallyson Jader Monteiro de Araujo, Alan de Carvalho Dias Ferreira, Juliana Carla Mendes de Melo, Celina Raquel Nunes Gonçalves
      Abstract: Introdução: a adesão ao desporto pode decorrer por várias razões. Neste sentido, parece fundamental que a prática desportiva esteja de acordo com as necessidades e desejos dos praticantes, para que a oferta da modalidade corresponda às suas expectativas. A compreensão do consumidor em conjunto com a análise do serviço, prática de atletismo, com foco no público-alvo, pode ajudar a identificar determinantes que promovam maior adesão de praticantes. Objetivos: analisar os fatores que determinam a escolha do atletismo, entre os responsáveis educacionais, de crianças com idade entre 5 e 10 anos no Brasil, em Espanha e em Portugal. Especificamente, comparar as respostas dos responsáveis educacionais de cada país e, identificar quais os determinantes que mais contribuem para a adesão à prática do atletismo. Método: num estudo quali-quantitativo, foram utilizadas duas amostras: a primeira, clubes do Brasil, da Espanha e de Portugal, nos quais foram utilizadas técnicas de pesquisa de campo em observações das aulas e da estrutura de funcionamento; e, a segunda, composta por 52 responsáveis educacionais das crianças que responderam a um questionário. Para o tratamento e análise dos dados foi realizada análise dos conteúdos registados nas observações, além de técnicas da estatística descritiva, por meio do software SPSS (versão 25), para análise dos dados dos questionários. Resultados: foram encontradas diferenças significativas entre os fatores que determinam a adesão ao atletismo entre Brasil, em Portugal e na Espanha. Os determinantes mais importantes para a adesão ao atletismo são os aspectos relacionados com a aceitação da família sobre a prática esportiva da criança, enquanto, os fatores que menos interferem na adesão são os que estão relacionados com a formação do atleta, isto é, aqueles relacionados ao potencial para se tornarem atletas. Conclusões: Os resultados apontam que a principal orientação nos clubes observados é a formação de atletas, com foco no desempenho das crianças. Entretanto, os objetivos dos responsáveis educacionais estão maioritariamente conectados com a dimensão “Fatores Pessoais”. Estes achados indicam discordância entre a oferta da prática do atletismo pelos clubes e os objetivos dos responsáveis educacionais para que as crianças pratiquem atletismo, o que pode acarretar baixa adesão à modalidade. Estes resultados colaboram ainda com a identificação de determinantes para modelos de negócios desportivos que envolvem a prática de atletismo, com o objetivo de aumentar a adesão desta modalidade, além de demonstrar a importância da constante adequação dos clubes às exigências do mercado. 
      PubDate: 2022-04-04
      Issue No: Vol. 12 (2022)
       
  • EQUIPAMENTOS ESPORTIVOS E A CIDADE DE FORTALEZA/CE: ESTRATIFICAÇÃO
           FUNCIONAL DAS INSTALAÇÕES DE ESPORTE E LAZER, PRÁTICAS EXISTENTES E
           PROJETOS SOCIAIS VINCULADOS AS COORDENADORIAS ESPECIFICAS (DOI -
           https://doi.org/10.51995/2237-3373.v12i2e110037)

    • Authors: Basílio Rommel Almeida Fechine, Thaylane Bastos Santos Fechine, Antônio Ulisses Sousa Júnior
      Abstract: O presente estudo teve como objetivo descrever as instalações de esporte e lazer, condicionadas as suas práticas de atividade física, projetos sociais e respectivas coordenadorias administrativas A metodologia aplicada teve como parâmetro uma pesquisa exploratória de campo no ano de 2019/2020, com levantamentos de dados quantiqualitativa via análise descritiva, exploratória e de observação dos discursos dos gestores, dos documentos legais e das visitas aos equipamentos. Com catalogação e configuração das informações, conjugadas a procedimentos de interpretação do discurso dos gestores, aliado a documentos oficiais interpretados à luz das ciências sociais. A categorização amostral partiu do setor público municipal de Fortaleza (Prefeitura), respectivamente, aos equipamentos e suas Práticas/Projetos de esporte e efetivados pela comunidade e sob responsabilidade das: Secretaria de Esporte e lazer (Secel); e a Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude (CJUV). Os resultados encontrados apontam que os equipamentos oportunizam acesso gratuito à população, com um ambiente seguro de convivência, com lazer entre as famílias e formação cidadã. Compreendendo sujeitos de ambos os sexos, com crianças, jovens, adultos, idosos desfrutando o mesmo espaço democraticamente. Porém, algumas ações/projetos sociais desenvolvidos são organizados para grupos populacionais etariamente delimitados, o que não inviabiliza o acesso por todos ao bem-estar físico cognitivo e social proporcionados pelo esporte e pelo lazer.
      PubDate: 2022-04-03
      Issue No: Vol. 12 (2022)
       
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
 


Your IP address: 3.235.140.84
 
Home (Search)
API
About JournalTOCs
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-