Subjects -> HEALTH AND SAFETY (Total: 1464 journals)
    - CIVIL DEFENSE (22 journals)
    - DRUG ABUSE AND ALCOHOLISM (87 journals)
    - HEALTH AND SAFETY (686 journals)
    - HEALTH FACILITIES AND ADMINISTRATION (358 journals)
    - OCCUPATIONAL HEALTH AND SAFETY (112 journals)
    - PHYSICAL FITNESS AND HYGIENE (117 journals)
    - WOMEN'S HEALTH (82 journals)

HEALTH AND SAFETY (686 journals)                  1 2 3 4 | Last

Showing 1 - 200 of 203 Journals sorted alphabetically
16 de Abril     Open Access   (Followers: 1)
ACM Transactions on Computing for Healthcare     Hybrid Journal  
Acta Scientiarum. Health Sciences     Open Access   (Followers: 2)
Adultspan Journal     Hybrid Journal   (Followers: 1)
Advances in Child Development and Behavior     Full-text available via subscription   (Followers: 11)
Advances in Public Health     Open Access   (Followers: 30)
Adversity and Resilience Science : Journal of Research and Practice     Hybrid Journal   (Followers: 3)
African Health Sciences     Open Access   (Followers: 7)
African Journal of Health Professions Education     Open Access   (Followers: 6)
Afrimedic Journal     Open Access   (Followers: 3)
Ageing & Society     Hybrid Journal   (Followers: 40)
Aging and Health Research     Open Access   (Followers: 3)
Air Quality, Atmosphere & Health     Hybrid Journal   (Followers: 10)
AJOB Empirical Bioethics     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Akademika     Open Access  
American Journal of Family Therapy     Hybrid Journal   (Followers: 6)
American Journal of Health Economics     Full-text available via subscription   (Followers: 25)
American Journal of Health Education     Hybrid Journal   (Followers: 36)
American Journal of Health Promotion     Hybrid Journal   (Followers: 24)
American Journal of Health Sciences     Open Access   (Followers: 11)
American Journal of Health Studies     Full-text available via subscription   (Followers: 14)
American Journal of Preventive Medicine     Hybrid Journal   (Followers: 34)
American Journal of Public Health     Full-text available via subscription   (Followers: 208)
American Journal of Public Health Research     Open Access   (Followers: 31)
Analytic Methods in Accident Research     Hybrid Journal   (Followers: 9)
Annali dell'Istituto Superiore di Sanità     Open Access  
Annals of Global Health     Open Access   (Followers: 10)
Annals of Health Law     Open Access   (Followers: 7)
Applied Biosafety     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Applied Ergonomics     Hybrid Journal   (Followers: 18)
Apuntes Universitarios     Open Access   (Followers: 1)
Archives of Community Medicine and Public Health     Open Access   (Followers: 2)
Archives of Medicine and Health Sciences     Open Access   (Followers: 5)
Archives of Suicide Research     Hybrid Journal   (Followers: 11)
Archivos de Prevención de Riesgos Laborales     Open Access  
ASA Monitor     Full-text available via subscription   (Followers: 18)
Asia Pacific Journal of Counselling and Psychotherapy     Hybrid Journal   (Followers: 7)
Asia Pacific Journal of Health Management     Full-text available via subscription   (Followers: 4)
Asia-Pacific Journal of Public Health     Hybrid Journal   (Followers: 11)
Asian Journal of Gambling Issues and Public Health     Open Access   (Followers: 5)
Asian Journal of Medicine and Health     Open Access   (Followers: 1)
Asian Journal of Population Sciences     Open Access   (Followers: 9)
Asian Journal of Social Health and Behavior     Open Access   (Followers: 3)
Atención Primaria     Open Access   (Followers: 2)
Atención Primaria Práctica     Open Access  
Australasian Journal of Paramedicine     Open Access   (Followers: 8)
Australian Advanced Aesthetics     Full-text available via subscription   (Followers: 5)
Australian Family Physician     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
Australian Indigenous HealthBulletin     Free   (Followers: 4)
Autism & Developmental Language Impairments     Open Access   (Followers: 15)
Bijzijn XL     Hybrid Journal  
Biograph-I : Journal of Biostatistics and Demographic Dynamic     Open Access   (Followers: 1)
Biomedical Safety & Standards     Full-text available via subscription   (Followers: 7)
Biosafety and Health     Open Access  
Biosalud     Open Access  
Birat Journal of Health Sciences     Open Access  
BLDE University Journal of Health Sciences     Open Access   (Followers: 1)
BMC Oral Health     Open Access   (Followers: 5)
BMC Pregnancy and Childbirth     Open Access   (Followers: 19)
Brazilian Journal of Medicine and Human Health     Open Access  
British Journal of Health Psychology     Hybrid Journal   (Followers: 52)
Buletin Penelitian Kesehatan     Open Access  
Buletin Penelitian Sistem Kesehatan     Open Access  
Cadernos de Educação, Saúde e Fisioterapia     Open Access  
Cadernos de Saúde     Open Access  
Cambridge Quarterly of Healthcare Ethics     Hybrid Journal   (Followers: 13)
Canadian Family Physician     Partially Free   (Followers: 14)
Canadian Journal of Community Mental Health     Full-text available via subscription   (Followers: 16)
Canadian Journal of Human Sexuality     Hybrid Journal   (Followers: 1)
Canadian Journal of Public Health     Hybrid Journal   (Followers: 26)
Cannabis and Cannabinoid Research     Hybrid Journal   (Followers: 1)
Carta Comunitaria     Open Access  
Case Reports in Women's Health     Open Access   (Followers: 4)
CASUS : Revista de Investigación y Casos en Salud     Open Access  
Central Asian Journal of Global Health     Open Access   (Followers: 2)
CES Medicina     Open Access  
CES Salud Pública     Open Access  
Child and Adolescent Obesity     Open Access   (Followers: 3)
Child's Nervous System     Hybrid Journal  
Childhood Obesity and Nutrition     Open Access   (Followers: 11)
Children     Open Access  
Chinese Journal of Physiology     Open Access   (Followers: 2)
CHRISMED Journal of Health and Research     Open Access   (Followers: 1)
Christian Journal for Global Health     Open Access   (Followers: 1)
Ciencia & Salud     Open Access  
Ciencia & Trabajo     Open Access  
Ciencia e Innovación en Salud     Open Access  
Ciencia y Cuidado     Open Access   (Followers: 1)
Ciencia y Salud     Open Access   (Followers: 1)
Ciencia, Tecnología y Salud     Open Access  
Cities & Health     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Cleaner and Responsible Consumption     Open Access  
Clinical and Experimental Health Sciences     Open Access   (Followers: 1)
ClinicoEconomics and Outcomes Research     Open Access   (Followers: 1)
Clocks & Sleep     Open Access   (Followers: 1)
CME     Hybrid Journal   (Followers: 1)
Community Health     Open Access   (Followers: 6)
Conflict and Health     Open Access   (Followers: 8)
Contact (CTC)     Open Access  
Contraception and Reproductive Medicine     Open Access   (Followers: 2)
Cuaderno de investigaciones: semilleros andina     Open Access  
Current Opinion in Behavioral Sciences     Hybrid Journal   (Followers: 10)
Current Opinion in Environmental Science & Health     Hybrid Journal  
D Y Patil Journal of Health Sciences     Open Access   (Followers: 4)
Das österreichische Gesundheitswesen ÖKZ     Hybrid Journal  
Day Surgery Australia     Full-text available via subscription   (Followers: 2)
Design for Health     Hybrid Journal   (Followers: 1)
Digital Health     Open Access   (Followers: 11)
Disaster Medicine and Public Health Preparedness     Hybrid Journal   (Followers: 12)
Discover Social Science and Health     Open Access   (Followers: 5)
Diversity and Equality in Health and Care     Open Access   (Followers: 10)
Diversity of Research in Health Journal     Open Access   (Followers: 1)
Dramatherapy     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Drogues, santé et société     Open Access   (Followers: 2)
Düzce Üniversitesi Sağlık Bilimleri Enstitüsü Dergisi / Journal of Duzce University Health Sciences Institute     Open Access  
Early Childhood Research Quarterly     Hybrid Journal   (Followers: 23)
East African Journal of Public Health     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
Eating and Weight Disorders - Studies on Anorexia, Bulimia and Obesity     Hybrid Journal   (Followers: 25)
EcoHealth     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Education for Health     Open Access   (Followers: 9)
electronic Journal of Health Informatics     Open Access   (Followers: 7)
ElectronicHealthcare     Full-text available via subscription   (Followers: 2)
Emerging Trends in Drugs, Addictions, and Health     Open Access   (Followers: 1)
Ensaios e Ciência : Ciências Biológicas, Agrárias e da Saúde     Open Access  
Environmental Disease     Open Access   (Followers: 3)
Environmental Sciences Europe     Open Access   (Followers: 2)
Epidemics     Open Access   (Followers: 7)
EsSEX : Revista Científica     Open Access  
Estudios sociales : Revista de alimentación contemporánea y desarrollo regional     Open Access  
Ethics & Human Research     Hybrid Journal   (Followers: 4)
Ethics, Medicine and Public Health     Full-text available via subscription   (Followers: 7)
Ethiopian Journal of Health Development     Open Access   (Followers: 7)
Ethiopian Journal of Health Sciences     Open Access   (Followers: 6)
Ethnicity & Health     Hybrid Journal   (Followers: 16)
Eurasian Journal of Health Technology Assessment     Open Access   (Followers: 1)
EUREKA : Health Sciences     Open Access  
European Journal of Health Communication     Open Access  
European Journal of Investigation in Health, Psychology and Education     Open Access   (Followers: 5)
Evaluation & the Health Professions     Hybrid Journal   (Followers: 11)
Evidência - Ciência e Biotecnologia - Interdisciplinar     Open Access  
Exploratory Research in Clinical and Social Pharmacy     Open Access  
Expressa Extensão     Open Access  
F&S Reports     Open Access  
Face à face     Open Access  
Families, Systems, & Health     Full-text available via subscription   (Followers: 8)
Family & Community Health     Hybrid Journal   (Followers: 13)
Family Medicine and Community Health     Open Access   (Followers: 8)
Family Relations     Partially Free   (Followers: 11)
FASEB BioAdvances     Open Access  
Fatigue : Biomedicine, Health & Behavior     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Finnish Journal of eHealth and eWelfare : Finjehew     Open Access  
Food and Public Health     Open Access   (Followers: 10)
Food Hydrocolloids for Health     Open Access  
Food Quality and Safety     Open Access   (Followers: 2)
Frontiers in Digital Health     Open Access   (Followers: 4)
Frontiers in Neuroergonomics     Open Access  
Frontiers in Public Health     Open Access   (Followers: 8)
Frontiers of Health Services Management     Partially Free   (Followers: 6)
Gaceta Sanitaria     Open Access   (Followers: 2)
Galen Medical Journal     Open Access  
Ganesha Journal     Open Access  
Gazi Sağlık Bilimleri Dergisi     Open Access  
Geospatial Health     Open Access   (Followers: 1)
Gestão e Desenvolvimento     Open Access  
Gesundheitsökonomie & Qualitätsmanagement     Hybrid Journal   (Followers: 7)
Giornale Italiano di Health Technology Assessment     Full-text available via subscription  
Global Advances in Health and Medicine     Open Access  
Global Challenges     Open Access   (Followers: 2)
Global Health : Science and Practice     Open Access   (Followers: 7)
Global Health Annual Review     Open Access   (Followers: 2)
Global Health Innovation     Open Access   (Followers: 4)
Global Health Journal     Open Access   (Followers: 2)
Global Health Promotion     Hybrid Journal   (Followers: 15)
Global Journal of Health Science     Open Access   (Followers: 5)
Global Journal of Public Health     Open Access   (Followers: 16)
Global Medical & Health Communication     Open Access   (Followers: 1)
Global Mental Health     Open Access   (Followers: 13)
Global Reproductive Health     Open Access  
Global Security : Health, Science and Policy     Open Access   (Followers: 1)
Global Transitions     Open Access   (Followers: 1)
Global Transitions Proceedings     Open Access   (Followers: 1)
Globalization and Health     Open Access   (Followers: 7)
Hacia la Promoción de la Salud     Open Access  
Hastane Öncesi Dergisi     Open Access  
Hastings Center Report     Hybrid Journal   (Followers: 7)
HCU Journal     Open Access  
HEADline     Hybrid Journal  
Health & Place     Hybrid Journal   (Followers: 22)
Health & Justice     Open Access   (Followers: 5)
Health : An Interdisciplinary Journal for the Social Study of Health, Illness and Medicine     Hybrid Journal   (Followers: 19)
Health and Human Rights     Open Access   (Followers: 10)
Health and Social Care Chaplaincy     Hybrid Journal   (Followers: 9)
Health and Social Work     Hybrid Journal   (Followers: 63)
Health Behavior and Policy Review     Full-text available via subscription   (Followers: 5)
Health Behavior Research     Open Access   (Followers: 2)
Health Care Analysis     Hybrid Journal   (Followers: 12)
Health Equity     Open Access   (Followers: 4)
Health Information : Jurnal Penelitian     Open Access  
Health Information Management Journal     Hybrid Journal   (Followers: 26)
Health Notions     Open Access  

        1 2 3 4 | Last

Similar Journals
Journal Cover
Cadernos de Saúde
Number of Followers: 0  

  This is an Open Access Journal Open Access journal
ISSN (Print) 1647-0559
Published by Universidade Católica Portuguesa Homepage  [7 journals]
  • Editorial

    • Authors: Ana Mineiro
      Pages: 3 - 3
      PubDate: 2022-01-03
      DOI: 10.34632/cadernosdesaude.2022.11670
      Issue No: Vol. 14, No. 1 (2022)
       
  • A oxigenoterapia nasal de alto fluxo na pessoa com infeção por
           SARS-CoV-2 – uma scoping review

    • Authors: Ricardo José Ramos Faria, Sofia de Oliveira Dias Lopes, Maria Manuela Madureira Lebre Madureira, Isabel Cristina Mascarenhas Rabiais
      Pages: 4 - 11
      Abstract: Introdução: a infeção por SARS-CoV-2 veio modificar os cuidados de saúde, levando a que técnicas inovadoras de administração de oxigénio fossem testadas. A Oxigenoterapia nasal de alto fluxo (ONAF) ganhou destaque nesta pandemia, tornando-se, muitas vezes, controversa na abordagem ao doente com COVID-19. Objetivos: o objetivo desta scoping review é mapear a evidência disponível sobre os benefícios do uso da ONAF no doente com infeção por SARS-CoV-2.  Materiais e métodos: a presente scoping review será guiada segundo a metodologia do Joanna Briggs Institute. Foram definidos critérios de elegibilidade com base na população, conceito e contexto, considerando adultos com infeção por SARS-CoV-2 (população), oxigenoterapia nasal de alto fluxo (conceito), contexto hospitalar (contexto). Considerou-se bibliografia publicada e não publicada em português, inglês e espanhol, sendo limitada para publicações do ano 2020, nas bases de dados MEDLINE complete, CINAHL complete, PubMed, Cochrane, Nursing & Allied Health Collection e ainda OpenGrey e RCAAP. Dois revisores independentes triaram os títulos e resumos e posteriormente analisaram o texto completo dos documentos selecionados, extraindo a informação útil. Resultados: pela pesquisa em bases de dados encontraram-se 119 artigos, tendo sido apenas incluídos 12 na scoping review. Na generalidade, todos os estudos apresentam benefícios acerca da utilização da ONAF na pessoa com infeção por SARS-CoV-2, nomeadamente na redução da taxa de ventilação mecânica, na redução do tempo de internamento, uma melhor tolerância da técnica, bem como mais conforto, comparativamente a outras terapias de administração de oxigénio. Considera-se que o risco de contaminação por aerossolização é reduzido, caso sejam garantidas as devidas medidas de segurança. Conclusões: a ONAF é considerada uma técnica segura e com benefícios na abordagem ao doente com infeção por SARS-CoV-2. Ressalvamos que os enfermeiros têm um papel fundamental na vigilância e segurança da pessoa submetida à ONAF.
      PubDate: 2022-01-03
      DOI: 10.34632/cadernosdesaude.2022.11485
      Issue No: Vol. 14, No. 1 (2022)
       
  • O valor das estratégias aumentativas e alternativas de comunicação para
           os adultos com afasia de Broca: uma revisão narrativa da literatura

    • Authors: Ana I. Frade, Vanda M. Pinto, Luísa d’Espiney
      Pages: 12 - 20
      Abstract: Introdução: A afasia de Broca é um distúrbio da linguagem e o déficit mais significativo ocorre na comunicação oral, com um discurso não fluente. Esta condição clínica é uma experiência subjetiva devastadora, que tem um impacto marcante na vida pessoal, familiar e social e, consequentemente, na qualidade de vida. As pessoas com afasia de Broca têm direito à recuperação da linguagem e a comunicarem efetivamente. Utilizar estratégias compensatórias ou alternativas à fala natural é especialmente importante para pessoas com afasia de Broca. Tal irá, inerentemente, minimizar o sofrimento associado à comunicação comprometida. Não foi encontrada nenhuma revisão da literatura sobre a importância específica das estratégias de comunicação aumentativa e alternativa para os adultos com afasia de Broca. Objetivos: Explorar o conhecimento atual e atualizar a compreensão sobre a utilidade das estratégias de comunicação aumentativa e alternativa para os adultos com afasia de Broca. Material e método: Foi desenvolvida uma revisão narrativa da literatura com base na questão de pesquisa: Qual a utilidade da comunicação aumentativa e alternativa para os adultos com afasia de Broca' A pesquisa foi realizada nas bases de dados CINAHL e MEDLINE entre os dias 8 e 21 de janeiro de 2021. Resultados: Foram incluídos 15 artigos, publicados entre 2011 e 2020. Foram identificadas abordagens específicas de comunicação aumentativa e alternativa (sem tecnologia, baixa tecnologia e alta tecnologia), vantagens e também fatores que influenciam a eficácia destes suportes de comunicação. Esta revisão evidencia que a comunicação aumentativa e alternativa (principalmente de alta tecnologia) é eficiente na otimização da comunicação e na recuperação da linguagem de pessoas com afasia de Broca. Conclusões: A comunicação aumentativa e alternativa deve ser utilizada em adultos com afasia de Boca com dois objetivos principais: compensatório e restaurador. As estratégias de alta tecnologia têm um impacto particularmente positivo.
      PubDate: 2022-01-03
      DOI: 10.34632/cadernosdesaude.2022.11483
      Issue No: Vol. 14, No. 1 (2022)
       
  • UCCI Sagrada Família, um modelo de governação possível
           na RNCCI

    • Authors: Pedro Alexandre António Ferreira
      Pages: 21 - 26
      Abstract: A UCCI Sagrada Família iniciou a sua atividade em 2012, sendo um prestador da RNCCI para a tipologia de longa duração e manutenção e uma unidade de saúde da Misericórdia da Amadora. No decurso dos 10 anos, que agora assinalamos, foi desenvolvido um modelo de governação de natureza incremental, centrado nas necessidades dos seus utentes e familiares e alicerçado na qualidade, na interdisciplinaridade, numa cultura de segurança e numa abordagem holística. Está estruturado num processo de planeamento estratégico que visa a obtenção de resultados, consubstanciados em indicadores de outcome, monitorizados trimestralmente através de um Tableau de Bord. A obtenção de ganhos em saúde, de qualidade de vida e de satisfação são as principais metas a que se propõe. A adequação dos cuidados às novas necessidades, à incerteza, a um novo perfil dos utentes, decorrentes do período pandémico, constrangida pelos ditames da sustentabilidade e da disponibilidade de recursos humanos da saúde, emerge com o principal desafio que se coloca à equipa multidisciplinar da UCCI Sagrada Família para os próximos anos.
      PubDate: 2022-01-03
      DOI: 10.34632/cadernosdesaude.2022.11443
      Issue No: Vol. 14, No. 1 (2022)
       
  • Infecção por VIH entre imigrantes na Guiana Francesa: alto risco durante
           os primeiros anos após a chegada

    • Authors: Mathieu Nacher, Aude Lucarelli, Florence Huber, Sebastien Rabier, Maylis Douine, Antoine Adenis, Nicolas Vignier
      Pages: 27 - 30
      Abstract: Introdução. Mais de 75% dos pacientes com HIV na Guiana Francesa são estrangeiros, a maioria dos quais estão realmente infectados localmente. Objetivos. O nosso objetivo era estimar a distribuição das infecções no tempo após a chegada, utilizando uma coorte retrospectiva. Métodos. A modelagem da erosão CD4 permitiu estimar a data da infecção que foi comparada à data de chegada na Guiana Francesa no subconjunto de pacientes estrangeiros que foram estimados como tendo adquirido o HIV localmente.
      Resultados. Entre os pacientes estimados como tendo sido infectados na Guiana Francesa e tendo chegado após 1999, mais da metade tinha sido infectada dentro de 4 anos e que um quarto dos pacientes tinha adquirido o HIV dentro dos 2 primeiros anos após a chegada (mediana de 3,9 anos IQR=2,1-7,8 anos).
      Conclusões. O valor agregado dos resultados atuais é mostrar a rápida dinâmica da infecção após a chegada e enfatizar a necessidade de uma prevenção combinada cada vez mais proativa nos imigrantes recém-chegados.
      PubDate: 2022-01-03
      DOI: 10.34632/cadernosdesaude.2022.11173
      Issue No: Vol. 14, No. 1 (2022)
       
  • Intervenções de enfermagem promotoras da autoestima em crianças e
           adolescentes – scoping review

    • Authors: Marta Castanheira Ferreira, Margarida Maria de Sousa Lourenço Quitério, Zaida Borges Charepe
      Pages: 31 - 43
      Abstract: Introdução: A autoestima é um elemento essencial para a construção e manutenção do bem-estar social, emocional e mental da criança e do adolescente, desempenhando um papel fundamental no seu desenvolvimento. É um foco de atenção para a enfermagem, estando descrita ao nível da Classificação Internacional para a Prática de Enfermagem (CIPE) e sendo a sua promoção uma intervenção autónoma de Enfermagem. A realização desta revisão permitirá sintetizar o conhecimento existente sobre a promoção da autoestima na criança e no adolescente, contribuindo não só para o aumento do conhecimento em enfermagem, mas também para a melhoria da prática dos cuidados de enfermagem nesta área, particularmente na área da Enfermagem de Saúde Infantil e Pediátrica. Objetivos: mapear as intervenções de enfermagem promotoras da autoestima na criança e adolescente. Materiais e métodos: Scoping Review, baseada na metodologia The Joanna Briggs Institute. A pesquisa foi realizada nas bases de dados MEDLINE, CINAHL, SciELO e LILACS, e no motor de busca Google Académico. Foram incluídos artigos em que os participantes fossem crianças (recém-nascido, lactente, toddler, pré-escolar, escolar) ou adolescentes, e que abordassem e descrevessem as intervenções de enfermagem promotoras da autoestima em qualquer contexto. Resultados: A pesquisa originou 13 artigos que revelaram as seguintes intervenções: programa de melhoria da autoestima, programa “Empower U”, programa de autocuidado, programa de melhoria da autoestima, psicoterapia positiva de grupo, treino de assertividade, programa de mentoria de controlo da obesidade, educação para controlo da raiva,brincar terapêutico, programa de intervenção artística, programa de educação estruturada, programa de promoção de saúde com utilização de florestas urbanas e estudantes de enfermagem como mentores, e terapia cognitiva e psicoeducação familiar. As intervenções são maioritariamente de grupo e foram desenvolvidas a partir da pesquisa de literatura sobre a temática da autoestima e de outras teorias/terapias, outras foram adaptadas a partir de programas/terapias já existentes e outros replicaram programas já existentes. A população dos artigos selecionados são, na sua maioria, adolescentes, existindo também artigos com crianças em idade pré-escolar e escolar, e os contextos comunitários com domínio do contexto escolar. Conclusões: Foram encontradas diversas intervenções de enfermagem promotoras da autoestima distintas entre si demonstrando que se pode promover a autoestima de diversas formas. Apesar da importância da autoestima, a literatura encontrada continua focada na população adulta, existindo pouca investigação ao nível pediátrico. Dada a relevância deste tema para o cuidado da saúde de crianças e adolescentes recomenda-se a realização de mais investigação nesta área.
      PubDate: 2022-01-03
      DOI: 10.34632/cadernosdesaude.2022.10960
      Issue No: Vol. 14, No. 1 (2022)
       
  • As vivências dos estudantes de enfermagem em unidades neonatais:
           revisão integrativa

    • Authors: Carina Eduarda Frias Barreira, Inês Sofia de Freitas Abreu Rodrigues, Fernanda Loureiro
      Pages: 44 - 50
      Abstract: Introdução: Durante o ensino de enfermagem a forma como os estudantes vivenciam o ensino clínico influencia a sua aprendizagem e a prestação de cuidados. Torna-se por isso relevante conhecer as vivências pois, é através da experiência adquirida pela prática e pelo contacto com a realidade dos cuidados, que o aluno é capaz de desenvolver competências como futuro profissional de saúde. Objetivos: Descrever e categorizar as vivências dos estudantes de enfermagem em contexto de ensino clínico em unidades neonatais. Materiais e métodos: Trata-se de uma revisão integrativa da literatura, tendo a pesquisa sido realizada através dos motores de busca B-on, EBSCO, PubMed e ScienceDirect. Foram utilizados os seguintes descritores no idioma inglês: Nursing Students, Undergraduate Nursing, Students Nursing, Pre-licensure Nurse, Neonate, Neonatal, Neonatal ICU, Premature, Preterm, Newborn, Infant, Experiences e Perceptions, que sofreram diversas combinações para melhor resultado bibliográfico. A questão de investigação, segundo a metodologia PICo, é Quais as vivências dos estudantes de enfermagem em unidade neonatais' A partir desta pesquisa e da análise dos artigos foram incluídos 5 estudos. Resultados: A dificuldade na prestação de cuidados apresenta-se como a conclusão comum à maioria dos artigos analisados. Acrescentam se ainda sentimentos de incompetência, inexperiência e medo, durante a prestação de cuidados devido à fragilidade e vulnerabilidade dos recém-nascidos. Conclusões: De um modo geral, os estudantes de enfermagem vivenciaram um vasto leque de emoções. Os sentimentos vivenciados foram caracterizados pela ansiedade provocada por sentimentos de inexperiência e pelo receio devido à inexperiência na prestação de cuidados a recém-nascidos.
      PubDate: 2022-01-03
      DOI: 10.34632/cadernosdesaude.2022.10302
      Issue No: Vol. 14, No. 1 (2022)
       
  • Promover a esperança perante um diagnóstico de cardiopatia congénita:
           reflexão sobre as vivências dos pais

    • Authors: Matilde Silva Carvalho, Telma Duarte, Zaida Charepe
      Pages: 51 - 57
      Abstract: Introdução: O Processo vivencial dos pais de crianças com cardiopatia congénita é marcado por inúmeros períodos críticos, descritos pelos pais como uma montanha russa emocional, centrada na incerteza entre a possibilidade da morte e sobrevivência da criança. Objetivo: refletir sobre as vivências dos pais de crianças com cardiopatia congénita complexa, relacionadas com a promoção da sua esperança numa unidade de cuidados intensivos. Métodos: utilizando o referencial do Ciclo Reflexivo de Gibbs, foi explorado um episódio da prática. Resultados: As vivências parentais são revestidas de sentimentos de medo, desespero e sofrimento, numa permanente incerteza em relação ao futuro. A esperança apresenta um papel central nas vivências diárias dos pais, e o desenvolvimento de intervenções promotoras de esperança realista é essencial, salientando-se a vivência da parentalidade, o apoio familiar e social, a fé, a celebração das conquistas das crianças e das competências parentais. Conclusões: Refletindo sobre a prática, explorámos as vivências parentais e o efeito positivo da promoção de uma esperança realista. Reconhecendo o efeito terapêutico da esperança no processo assistencial, os enfermeiros podem ajustar o plano de cuidados com a inclusão de intervenções que a promovam.
      PubDate: 2022-01-03
      DOI: 10.34632/cadernosdesaude.2022.10195
      Issue No: Vol. 14, No. 1 (2022)
       
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
 


Your IP address: 3.238.72.180
 
Home (Search)
API
About JournalTOCs
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-