A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z  

  First | 1 2 3 4 5        [Sort alphabetically]   [Restore default list]

  Subjects -> PSYCHOLOGY (Total: 983 journals)
Showing 601 - 174 of 174 Journals sorted by number of followers
Academic Psychiatry and Psychology Journal : APPJ     Open Access   (Followers: 42)
Advanced Journal of Professional Practice     Open Access   (Followers: 32)
Adaptive Human Behavior and Physiology     Hybrid Journal   (Followers: 12)
Advances in Neurodevelopmental Disorders     Hybrid Journal   (Followers: 8)
Aging Psychology     Open Access   (Followers: 8)
Adolescent Research Review     Hybrid Journal   (Followers: 7)
Behavior and Social Issues     Full-text available via subscription   (Followers: 7)
Forensic Science International : Mind and Law     Open Access   (Followers: 7)
Lamella     Open Access   (Followers: 7)
Evolution, Mind and Behaviour     Full-text available via subscription   (Followers: 7)
Current Research in Ecological and Social Psychology     Open Access   (Followers: 7)
Mediation Theory and Practice     Full-text available via subscription   (Followers: 7)
Quality and User Experience     Hybrid Journal   (Followers: 6)
Affective Science     Hybrid Journal   (Followers: 6)
Thérapie familiale     Full-text available via subscription   (Followers: 6)
Behavioural Public Policy     Hybrid Journal   (Followers: 6)
Brain Science Advances     Open Access   (Followers: 6)
International Journal of Applied Positive Psychology     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Crime Psychology Review     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Consumer Psychology Review     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Scandinavian Journal of Sport and Exercise Psychology     Open Access   (Followers: 5)
Journal of Family Trauma, Child Custody & Child Development     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Journal of Creativity     Open Access   (Followers: 5)
Revista de Psicodidáctica (English ed.)     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Possibility Studies & Society     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Clinical Practice & Epidemiology in Mental Health     Open Access   (Followers: 4)
Sleep Medicine : X     Open Access   (Followers: 4)
cultura & psyché : Journal of Cultural Psychology     Hybrid Journal   (Followers: 4)
Beyond Behavior     Hybrid Journal   (Followers: 4)
Journal of Psychosocial Systems     Open Access   (Followers: 4)
Community Psychology in Global Perspective     Open Access   (Followers: 3)
Journal of Play in Adulthood     Open Access   (Followers: 3)
Comprehensive Results in Social Psychology     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Behavioural Sciences Undergraduate Journal     Open Access   (Followers: 3)
Journal of Psychosexual Health     Open Access   (Followers: 3)
Journal of Psychology and Theology     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Behavioral Disorders     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Psychologie Clinique     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
Perspectives Psy     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
Journal of Behavioral and Cognitive Therapy     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Wellbeing, Space & Society     Open Access   (Followers: 3)
Clocks & Sleep     Open Access   (Followers: 2)
Journal of Performance and Mindfulness     Open Access   (Followers: 2)
Human Behavior and Emerging Technologies     Hybrid Journal   (Followers: 2)
International Journal of School & Educational Psychology     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Contemporary Psychoanalysis     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Psychoanalytic Study of the Child     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Personnel Assessment and Decisions     Open Access   (Followers: 2)
Jungian Journal for Scholarly Studies     Open Access   (Followers: 2)
Torture Journal     Open Access   (Followers: 2)
Comprehensive Psychoneuroendocrinology     Open Access   (Followers: 2)
School Psychology Review     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Health Sciences Review     Open Access   (Followers: 2)
Gestalt Theory. An International Multidisciplinary Journal     Open Access   (Followers: 1)
KULA : knowldge creation, dissemination, and preservation studies     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Threat Assessment and Management     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Scientonomy : Journal for the Science of Science     Open Access   (Followers: 1)
Psych     Open Access   (Followers: 1)
Society and Security Insights     Open Access   (Followers: 1)
Revista Psicológica Herediana     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Professional Counseling: Practice, Theory & Research     Hybrid Journal   (Followers: 1)
Journal of Health Service Psychology     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Perspectives on Behavior Science     Hybrid Journal   (Followers: 1)
JCPP Advances     Open Access   (Followers: 1)
SSM - Mental Health     Open Access   (Followers: 1)
Focus on Exceptional Children     Open Access  
Psisula : Prosiding Berkala Psikologi     Open Access  
Know and Share Psychology     Open Access  
Methods in Psychology     Open Access  
Gadjah Mada Journal of Professional Psychology     Open Access  
Revista de Investigacion Psicologica     Open Access  
CES Psicología     Open Access  
Psicoespacios     Open Access  
Katharsis     Open Access  
Journal of Theoretical Social Psychology     Hybrid Journal  
Nordic Psychology     Hybrid Journal  
Scandinavian Psychoanalytic Review     Hybrid Journal  
Human Arenas : An Interdisciplinary Journal of Psychology, Culture, and Meaning     Hybrid Journal  
Journal of Cognitive Enhancement     Hybrid Journal  
Occupational Health Science     Hybrid Journal  
Augmented Human Research     Hybrid Journal  
Spanish Journal of Psychology     Hybrid Journal  
Journal of Graduate Studies in Northern Rajabhat Universities     Open Access  
Journal of Graduate Research     Open Access  
Psicologia e Saúde em Debate     Open Access  
Dhammathas Academic Journal     Open Access  
INSAN Jurnal Psikologi dan Kesehatan Mental     Open Access  
People and Animals : The International Journal of Research and Practice     Open Access  
Heroism Science     Open Access  
Open Psychology Journal     Open Access  
Open Neuroimaging Journal     Open Access  
Studia z Kognitywistyki i Filozofii Umysłu     Open Access  
Studies in Asian Social Science     Open Access  
Psychology     Open Access  
Gogoa     Open Access  
Journal of Global Engagement and Transformation     Open Access  
Cuadernos de Marte     Open Access  
Psocial : Revista de Investigación en Psicología Social     Open Access  
Journal of Cognitive Systems     Open Access  
Jurnal Ilmiah Psikologi Terapan     Open Access  
Revista Laborativa     Open Access  
Jurnal Educatio : Jurnal Pendidikan Indonesia     Open Access  
Journal of Technology in Behavioral Science     Hybrid Journal  
Western Undergraduate Psychology Journal     Open Access  
Zeitschrift für Psychosomatische Medizin und Psychotherapie     Hybrid Journal  
Zeitschrift für Individualpsychologie     Hybrid Journal  
Wege zum Menschen : Zeitschrift für Seelsorge und Beratung, heilendes und soziales Handeln     Hybrid Journal  
Themenzentrierte Interaktion     Hybrid Journal  
Praxis der Kinderpsychologie und Kinderpsychiatrie     Hybrid Journal  
Musiktherapeutische Umschau : Forschung und Praxis der Musiktherapie     Hybrid Journal  

  First | 1 2 3 4 5        [Sort alphabetically]   [Restore default list]

Similar Journals
Journal Cover
Trabalho (En)Cena
Number of Followers: 0  

  This is an Open Access Journal Open Access journal
ISSN (Online) 2526-1487
This journal is no longer being updated because:
    the publisher no longer provides RSS feeds
  • NOTIFICAÇÕES DE ACIDENTES DE TRABALHO EM SÃO JOÃO DEL-REI ENTRE 2021 E
           2022: A REALIDADE DOS MARCENEIROS

    • Authors: Juliana Gabriela Vieira Passos, Danilo de Brito Garcia, Luiz Gonzaga Chiavegato Filho
      Pages: e023019 - e023019
      Abstract: Trata-se de uma análise descritiva dos dados epidemiológicos obtidos através de um monitoramento local de acidentes e doenças do trabalho, no município de São João del-Rei/MG. Essa experiência foi implementada em 2017, visando contribuir para melhorar a qualidade da informação em saúde do trabalhador, superando barreiras históricas dos sistemas de notificação de acidentes de trabalho no Brasil. Entre as dificuldades estão a subnotificação de agravos ligados ao trabalho e as altas taxas de informalidade do mercado de trabalho. Os dados apresentados referem-se ao período de um ano, entre 01/01/2021 e 01/01/2022. Os resultados dessa experiência revelaram que há diferenças importantes em relação aos dados epidemiológicos oficiais sobre acidentes e doenças ocupacionais, no município. Tal fenômeno ocorreu, com destaque, para a ocupação de marceneiro, na qual tais profissionais apresentaram alta incidência de acidentes de trabalho, bem maior do que foi registrado pelos bancos de dados oficiais. Espera-se, com esses dados, contribuir para a construção de políticas públicas em saúde do trabalhador no município e para o fortalecimento de ações e práticas de intervenção nas condições e na organização do trabalho em prol do desenvolvimento de ambientes de trabalho mais saudáveis e sustentáveis.
      PubDate: 2023-11-19
      DOI: 10.20873/2526-1487e023019
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • A SAÚDE DOS TRABALHADORES DA SAÚDE DURANTE A PANDEMIA DA COVID-19: ENTRE
           O PRAZER E SOFRIMENTO NO TRABALHO

    • Authors: Thaís Augusta Máximo , Tatiana Torres, Maria Luiza Benício Lopes , Antonio Jeimison da Silva Pereira
      Pages: e023020 - e023020
      Abstract: Durante a pandemia da Covid-19, que se propagou no Brasil no ano de 2020, a atuação dos trabalhadores da saúde mostrou-se essencial e suscitou a necessidade de atenção à saúde mental desses profissionais. Desta forma, este artigo intenciona investigar e apontar as vivências de prazer e sofrimento experienciadas pelos trabalhadores. Trata-se de uma pesquisa qualitativa que contou com a participação de 51 trabalhadores da saúde da região Nordeste, entre 24 e 60 anos, de diferentes categorias. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas, utilizando-se o aporte teórico da Psicodinâmica do Trabalho, construindo-se um corpus textual que foi processado por um software de análise textual. Posteriormente, foi realizada a análise dos dados pelos pesquisadores que apresentaram quatro classes temáticas: Óbito como sofrimento, Estratégias de manutenção da saúde, Reconhecimento no trabalho e Trabalho multiprofissional na pandemia. A partir das análises, destacou-se o reconhecimento no trabalho como peça fundamental para superação do sofrimento, transformando-o em prazer e contribuindo para manutenção da saúde do trabalhador. Sendo assim, mostram-se basilares medidas que preconizem a valorização e reconhecimento dos profissionais, seja ele social, da gestão do trabalho, dentre as categorias, mas principalmente da gestão pública, assumindo o compromisso de oferecer condições de trabalho adequadas.
      PubDate: 2023-11-19
      DOI: 10.20873/2526-1487e023020
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • CONSTRUÇÃO E EVIDÊNCIAS DE VALIDADE DA ESCALA DE RASTREIO
           DA CARGA MENTAL DE TRABALHO

    • Authors: Karen Rayany Ródio-Trevisan, Roberto Moraes Cruz , Pedro Augusto Crocce-Carlotto, Romilda Guilland
      Pages: e023021 - e023021
      Abstract: Esse estudo contempla as evidências de validade de conteúdo e de estrutura interna da Escala de Rastreio da Carga Mental de Trabalho (ERCMT). Participaram da etapa de identificação de evidências de validade de conteúdo 74 pessoas, entre elas 11 psicólogos atuantes como juízes em duas etapas distintas; 9 professores do ensino básico; e 54 trabalhadores com ensino médio incompleto. Para identificação das evidências de validade baseadas na estrutura interna participaram outros 709 trabalhadores. Os resultados indicam que a ERCMT composta por quatro fatores (cognitivo, psicossocial, afetivo e organizacional) possui boas evidências de validade de conteúdo: IVC (Índice de Validade de Conteúdo) 95,1; Kappa de Fleiss 0,65; CVC (Coeficiente de Validade de Conteúdo) 0,89 e boas evidências de validade baseadas na estrutura interna com índices de precisão para cada fator de 0,96; 0,94; 0,94; e 0,77 (TCT) e 0,96; 0,89; 0,96; e 0,97 (TRI). A versão inicial da escala construída com 171 itens foi reduzida para 116 itens por meio dos procedimentos para obtenção de evidências de validade de conteúdo e posteriormente reduzida para 74 itens com base nos resultados decorrentes das evidências de validade da estrutura interna.
      PubDate: 2023-11-19
      DOI: 10.20873/2526-1487e023021
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • ZELO E COOPERAÇÃO COMO MOBILIZAÇÕES SUBJETIVAS FUNDAMENTAIS PARA
           PRESERVAÇÃO DA SAÚDE E SEGURANÇA NO TRABALHO: ESTUDO SOBRE O TRABALHO
           DE ELETRICISTAS DE LINHA VIVA

    • Authors: Flávia Traldi, José Roberto Montes Heloani, Sandra Francisca Bezerra Gemma
      Pages: e023022 - e023022
      Abstract: Este artigo tem como objetivo analisar o trabalho real e as mobilizações subjetivas do zelo e da cooperação presentes na atividade de eletricistas, como aspectos necessários para a prevenção e promoção da saúde e segurança no trabalho. A pesquisa foi realizada com toda uma equipe de Eletricistas de Linha Viva (ELV) alocada no processo de distribuição de energia de uma companhia elétrica privada do interior de São Paulo. Como método, realizou-se a aplicação das primeiras etapas da Análise Ergonômica do Trabalho (AET). Entrevistas individuais e coletivas com os eletricistas foram tratadas por meio da Análise de Conteúdo e articuladas às contribuições teóricas da Psicodinâmica do Trabalho. Os resultados apontam que o trabalho dos ELV é permeado por variabilidades próprias que ultrapassam as prescrições impostas pela rígida organização devido aos riscos inerentes ao processo e por isso, se torna incapaz de ser antecipado integralmente. Logo, torna-se fundamental o desenvolvimento de mobilizações subjetivas, individuais e coletivas, pelo zelo e pela cooperação para a realização do trabalho, a prevenção e a promoção da saúde e da segurança no trabalho.
      PubDate: 2023-11-19
      DOI: 10.20873/2526-1487e023022
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • ANÁLISE ESTATÍSTICA E PSICOMÉTRICA DA EQUIVALÊNCIA ENTRE A APLICAÇÃO
           TRADICIONAL E COMPUTADORIZADA DO INVENTÁRIO DE SINTOMAS DE STRESS DE LIPP
           (ISSL-R) EM PESSOAS COM DIFERENTES PERFIS SOCIODEMOGRÁFICOS E
           OCUPACIONAIS

    • Authors: Yuri Carpenter, Pedro Salustiano, Roberto Cruz, Luis Anunciação
      Pages: e023023 - e023023
      Abstract: O estresse é uma condição que impacta negativamente a saúde e a segurança no trabalho. Sua avaliação costuma ser feita com escalas de autorrelato e a versão revisada do Inventário de Sintomas de Stress de Lipp (ISSL-R) é um instrumento frequentemente utilizado para tal finalidade. O objetivo deste estudo é investigar a equivalência entre formas paralelas deste instrumento - formato tradicional (papel e caneta) vs. computacional. Dados foram coletados de 339 participantes, em um delineamento cruzado, em que cada participante realizou a atividade em dois momentos nos dois formatos propostos. Uma ANOVA fatorial com medidas repetidas foi calculada para verificar a interação entre o tipo de formato e o momento de aplicação. Os achados concluíram que os formatos tradicionais e computacionais são equivalentes (F(1, 283) = 0,106, p = 0,745). Em síntese, os achados indicam que a realização do ISSL-R em formato tradicional ou computadorizado geram resultados equivalentes, permitindo que as mesmas tabelas normativas sejam usadas.
      PubDate: 2023-11-19
      DOI: 10.20873/2526-1487e023023
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • A INFLUÊNCIA DO CONTEXTO DE TRABALHO NA SAÚDE DE SERVIDORES DE
           INSTITUIÇÃO FEDERAL DE ENSINO SUPERIOR

    • Authors: Sérgio Henrique Barroca Costa
      Pages: e023024 - e023024
      Abstract: Esta pesquisa tem o objetivo de analisar a influência do contexto de trabalho sobre a saúde de servidores de Instituto Federal de Ensino Superior (IFES), para propor modelo teórico e categorias analíticas e debater os reflexos do contexto discutindo possíveis alternativas individuais, coletivas e organizacionais. Caracterizou-se a dinâmica das interferências do ambiente externo sobre o Contexto de Trabalho, as Estratégias de Mediação Individuais e Coletivas e o Custo Humano do Trabalho da Saúde dos Servidores de IFES. A pesquisa de caráter exploratório foi realizada no período pré-pandemia, utilizando de análise documental de registros de adoecimento, da aplicação do Inventário de Trabalho e Riscos de Adoecimento (ITRA), em 32 respondentes, tratado e analisado com o SPSS e entrevistas semiestruturadas individuais, com cinco servidores, gravadas, transcritas e categorizadas pela técnica de análise de conteúdo. Os resultados obtidos apresentaram consistentes indícios que o contexto de trabalho das IFES, em suas dimensões organização do trabalho, condições de trabalho e relações sociais no trabalho, afetam a saúde física, mental e social dos servidores e devem refletir e encontrar alternativas de forma individual, coletiva e política.
      PubDate: 2023-11-19
      DOI: 10.20873/2526-1487e023024
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • O REAL DO TRABALHO FRENTE AO CONTEXTO DE PRECARIZAÇÃO E O TRABALHO
           MEDIADO POR PLATAFORMAS DIGITAIS

    • Authors: Beatriz Amália Albarello, Lêda Gonçalves de Freitas, Manuela Silvestre Fernandes Alencar, Maria Eduarda Santos Pontes Pinto
      Pages: e023025 - e023025
      Abstract: Considerando a dominância do capitalismo em sua fase neoliberal, a precarização do trabalho é consolidada pelas plataformas digitais, com os serviços de delivery. Neste modo de produção, os trabalhadores, seduzidos pelo capital em sua fase rentista, tem uma falsa ideia de empreendedorismo. O trabalhador, subsumido pelo algoritmo, se implica ao trabalho, numa lógica da produtividade, aceleração, flexibilidade e subsunção do poder do capital, para encontrar meios de sobrevivência. Foi realizada uma pesquisa qualitativa e descritiva do tipo pesquisa-ação. Participaram do estudo três trabalhadores, sendo um entregador-ciclista e dois entregadores com motocicletas, que utilizam serviços de aplicativos para realizar as entregas. Esta pesquisa objetivou compreender como as organizações de plataformas digitais atuam para desequilibrar o sujeito, que busca criar possibilidades de enfrentamento na promoção da saúde no trabalho para construir processos mobilizatórios, a fim de transformar o sofrimento em prazer. O estudo mostra que os entregadores usam de recursos para enfrentar as dificuldades vindas do real do trabalho, tendo como estratégias de enfrentamento a mobilização subjetiva. Além disso, a desregulamentação reverbera a precarização do trabalho, sendo um fator de risco no que tange a garantias de direito para a promoção da saúde e segurança no trabalho.
      PubDate: 2023-11-19
      DOI: 10.20873/2526-1487e023025
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • ANÁLISE DAS AÇÕES DE SAÚDE DOS TRABALHADORES EM UMA
           ORGANIZAÇÃO GOIANA

    • Authors: Luiza Ferreira Rezende Medeiros, Kênia Luz Souza, Tatiele Souza de Oliveira, Alda Karoline Lima da Silva
      Pages: e023026 - e023026
      Abstract: Este artigo tem por objetivo descrever e analisar as ações direcionadas à saúde dos trabalhadores propostas por uma indústria do setor do agronegócio no estado de Goiás. Trata-se de um estudo observacional transcritivo de caráter quanti-qualitativo. O subsetor de Clima Organizacional foi escolhido para a coleta de dados e o documento analisado denomina-se Tratativas de Ruídos das Entrevistas. Este documento subsidia as ações de melhoria dos elementos organizacionais mediante as queixas dos trabalhadores. Após análise, constatou-se 369 verbalizações, das quais 16 foram discutidas e propostas soluções pela equipe gestora do subsetor. Os resultados apontam uma predominância de reclamações referentes às condições de trabalho. Referente às ações realizadas, estas se estruturam em intervenções, observa-se um caráter pontual e estão fortemente relacionadas ao sistema de controle da organização, justificado pela obediência às normativas técnicas. Mediante este cenário, discute-se sobre a importância do protagonismo do trabalhador para a construção de contextos laborais promotores de saúde.
      PubDate: 2023-11-19
      DOI: 10.20873/2526-1487e023026
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • INFLUÊNCIAS DAS CONSTRUÇÕES ESTEREOTIPADAS DE GÊNERO NA CARGA MENTAL
           DE TRABALHO DAS MULHERES

    • Authors: Fernanda Pereira Labiak, Maria do Carmo de Lima Silva Lacerda, Graziele Zwielewski
      Pages: e023027 - e023027
      Abstract: O objetivo deste estudo é compreender como a carga mental de trabalho das mulheres pode ser afetada por construções estereotipadas de gênero. Foi realizada uma pesquisa qualitativa e exploratória com dados secundários, disponibilizados por uma das Gerências Regionais da Secretaria de Educação do Estado de Pernambuco – Brasil. Os resultados indicaram que as mulheres são maioria (72%) executando o trabalho doméstico e familiar (20 horas ou mais por semana) além de exercerem 40 horas semanais no seu trabalho na área da educação. Embora os homens e as mulheres estejam no mesmo seguimento de trabalho formal e remunerado, com quantidades de horas de trabalho similares, há uma expectativa cultural estereotipada de que são as mulheres que devem se articular para desempenhar as tarefas domésticas e os cuidados com pessoas e animais domésticos em suas residências. Aspecto que atribui especificidades diferenciadas para a carga mental de trabalho de homens e de mulheres, uma vez que o trabalho doméstico e familiar tende a não ser remunerado, não ter férias e/ou descanso, e pode produzir um estado de alerta constante, resultando para muitas mulheres o uso excessivo das funções cognitivas e intelectuais, promovendo a exaustão mental.
      PubDate: 2023-11-19
      DOI: 10.20873/2526-1487e023027
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • “ME SINTO UMA FACHADA PRESTES A EXPLODIR": VIVÊNCIAS NO TRABALHO DE
           MULHERES POLICIAIS CIVIS

    • Authors: Larissa Przendziuk Ulbrich , Carmem Regina Giongo
      Pages: e023028 - e023028
      Abstract: O objetivo desta pesquisa é analisar as vivências de trabalho de mulheres policiais civis que atuam no serviço de acolhimento à mulher vítima de violência em uma Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM) da região metropolitana de Porto Alegre/Rio Grande do Sul, Brasil. Este estudo teve caráter exploratório descritivo de metodologia qualitativa. Para a coleta de dados foram utilizadas entrevistas semiestruturadas. Participaram da pesquisa oito mulheres policiais civis. Os dados foram submetidos à Análise Temática. Os resultados da pesquisa apontaram que o trabalho das policiais é caracterizado pela precarização da organização, das condições e da saúde e segurança no trabalho. Estes aspectos geram vivências de sofrimento e danos à saúde mental, impactando nas relações sociais e familiares das entrevistadas. Diante disso, as policiais desenvolvem estratégias de mediação do sofrimento, predominantemente individuais. Como vivências de prazer no trabalho foram destacados as relações socioprofissionais e o reconhecimento das usuárias atendidas pela delegacia. Concluiu-se que são necessários espaços de escuta e intervenção em saúde do trabalhador nas DEAMs, além de políticas estatais que garantam a segurança e os direitos das trabalhadoras.
      PubDate: 2023-11-19
      DOI: 10.20873/2526-1487e023028
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • CAPACIDADE PARA O TRABALHO INADEQUADA NA INDÚSTRIA DE REVESTIMENTOS
           CERÂMICOS: ESTUDO TRANSVERSAL NO SUL DO BRASIL

    • Authors: Paula Bortolatto, Danúbia Hillesheim, Fabrício Augusto Menegon
      Pages: e023029 - e023029
      Abstract: O artigo tem por objetivo descrever a prevalência de capacidade para o trabalho inadequada e analisar os fatores associados a essa condição em trabalhadores da indústria de revestimentos cerâmicos. O estudo caracteriza-se como transversal, foi realizado com trabalhadores de uma empresa produtora de revestimentos cerâmicos no sul do estado de Santa Catarina. A coleta dos dados foi realizada por meio de um formulário online. As variáveis foram submetidas a análise de Regressão Logística, obtendo-se as Odds Ratio (OR) brutas e ajustadas. Participaram deste estudo 867 trabalhadores. Observou-se prevalência de 19% de capacidade para o trabalho inadequada na indústria de revestimentos cerâmicos. Os fatores associados ao desfecho foram idade >35 anos (OR: 0,46; IC95%: 0,30-0,72), estado de saúde regular/ruim (OR: 15,40; IC95%: 7,95-29,83); unidade fabril central de compostagem/engenharia (OR:3,95; IC95%: 1,47;8,72), ambiente barulhento (OR: 2,75; IC95%: 1,42-5,31) e trabalho que exige esforço físico e repetitivo (OR: 1,87; IC95%: 1,06-3,29). Conclui-se que trabalhadores jovens parecem estar mais expostos a fatores que interferem de forma negativa na capacidade para o trabalho. Ações de proteção à saúde são necessárias para reduzir os riscos relacionados à capacidade para o trabalho inadequada.
      PubDate: 2023-11-19
      DOI: 10.20873/2526-1487e023029
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • ANÁLISE BIBLIOMÉTRICA DE REVISÕES SISTEMÁTICAS E META-ANÁLISES SOBRE
           COMPORTAMENTO SEGURO NO TRABALHO (2006-2023)

    • Authors: Jorge Jose Ramirez-Landaeta, Gileade Jesimom Braga Santos, Roberto Moraes Cruz
      Pages: e023030 - e023030
      Abstract: O estudo do comportamento seguro engloba uma ampla variedade de fatores e contextos. Nas últimas décadas tem havido um importante aumento na quantidade de publicações nesse âmbito, entretanto, poucas contribuições têm se dedicado a realizar análises sobre os avanços científicos neste campo. O objetivo deste estudo foi promover uma análise bibliométrica de revisões sistemáticas e meta-análises sobre o comportamento seguro no trabalho. Foi utilizado o protocolo PRISMA-ScR para sistematizar documentos disponibilizados na base de dados Scopus-Elsevier (setembro de 2023). Os resultados mostraram 12 artigos de meta-análises e 51 revisões publicadas no período de 2006 e 2023. O estudo identificou tendências e colaborações internacionais no campo do comportamento seguro no trabalho. Pesquisadores do Reino Unido, China, Israel, Austrália e EUA se destacaram nas revisões. A visualização das redes de citações permitiu compreender as relações entre comportamento seguro, clima de segurança, liderança e fatores pessoais e situacionais, em diferentes setores, com destaque nos setores da construção e da saúde. Por fim, este estudo buscou contribuir para identificar evidências e direcionar futuras pesquisas no campo do comportamento seguro no trabalho, fornecendo informações teóricas e tendências emergentes do corpo de literatura do período analisado.
      PubDate: 2023-11-19
      DOI: 10.20873/2526-1487e023030
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • ENFOQUES Y HERRAMIENTAS CONCEPTUALES PARA EL ESTUDIO DEL TRABAJO EN
           ACTIVIDADES DE SERVICIOS CON ATENCIÓN AL PÚBLICO

    • Authors: María Laura Henry
      Pages: e023031 - e023031
      Abstract: Este artículo tiene como objetivo reseñar cuatro enfoques conceptuales que han abordado el estudio del trabajo en actividades de servicios con atención al público y que se han ocupado de comprender el tipo de exigencias que conllevan estos trabajos. Particularmente, se analizan los aportes realizados por la ergonomía de la actividad en torno al concepto de “coproducción”, los estudios de la sociología del trabajo francesa basados en el concepto de “relación de servicio”, los desarrollos de la Psicodinámica del Trabajo y, por último, del enfoque de los Riesgos Psicosociales en el Trabajo (RPST). Estas teorías postulan, en primer lugar, la importancia de estudios a nivel micro, con observaciones detallas y prolongadas de los procesos de trabajo, para así identificar el trabajo real y conocer cómo funciona la triada trabajador-usuario-empleador. Asimismo, las teorías presentadas proponen dimensiones que son fundamentales para los estudios empíricos y permiten identificar un conjunto de exigencias que la relación de servicio impone a los trabajadores y que suelen estar ocultas o incluso naturalizadas.
      PubDate: 2023-11-19
      DOI: 10.20873/2526-1487e023031
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • FORMAÇÃO PROFISSIONAL, SAÚDE E TRABALHO: RELATO DE
           EXPERIÊNCIA NA PSICOLOGIA

    • Authors: Elka Lima Hostensky, Lígia Rocha Cavalcante Feitosa, Felipe Padilha
      Pages: e023032 - e023032
      Abstract: A formação de psicólogos tem sido marcada pela concepção de sujeito ativo na luta pela afirmação da vida e da saúde. Entretanto, estudos recentes apontam a carente inserção de profissionais no campo da Psicologia Organizacional e do Trabalho, especialmente no subcampo Saúde e Segurança no Trabalho. Diante disso, este relato tem como objetivo apresentar uma experiência de formação de psicólogos sobre a dimensão saúde-trabalho, a partir da escrita de cartas como um recurso pedagógico aplicado junto a 36 estudantes do curso de psicologia de uma Instituição de Ensino Superior catarinense. A escrita de cartas demonstrou ser um potente artifício educativo ao aproximar o estudante, ainda que hipoteticamente, às realidades plurais de trabalho onde se produzem, constantemente, processos psicossociais multifacetados com afetações distintas à saúde e segurança do trabalhador, além de permitir um olhar reflexivo sobre a estrutura dos currículos formativos frente ao papel da formação em psicologia no campo da saúde e da segurança no trabalho.
      PubDate: 2023-11-19
      DOI: 10.20873/2526-1487e023032
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • RELATO DE EXPERIÊNCIA SOBRE AS CONDIÇÕES DE SAÚDE MENTAL E PERCEPÇÃO
           DO CONTEXTO DE TRABALHO NA POLÍCIA RODOVIÁRIA FEDERAL NO ESTADO DO
           ESPÍRITO SANTO

    • Authors: Cristina Kuster Valentim, Esdras Almeida de Paula Ribeiro, Thiago Drumond Moraes
      Pages: e023033 - e023033
      Abstract: Os policiais, assim como outros operadores da segurança pública, vivenciam problemas de saúde mental tais como transtornos de estresse pós-traumático e depressão, frequentemente associados a fatores ocupacionais e organizacionais. Estes transtornos apresentam-se como aspectos centrais para incapacidade, momentânea ou definitiva, ao exercício da atividade. Nesse contexto, o objetivo deste relato é descrever as atividades desenvolvidas entre 2021 e 2022, no escopo de um programa de estágio de estudantes de graduação em Psicologia da Universidade Federal do Espírito Santo - UFES, em convênio com a Polícia Rodoviária Federal no Espírito Santo - PRF-ES. O programa propõe articular intervenções de prevenção, promoção e recuperação de saúde mental na instituição policial. Aplicaram-se dois instrumentos para rastreio das condições de saúde mental dos trabalhadores e de fatores associados: Escala de Depressão, Ansiedade e Estresse (DASS-21) e Questionário Psicossocial de Copenhagen (COPSOQ-II). Foram identificados indícios de adoecimento moderado a extremamente grave entre 40,2% dos policiais. Dos resultados, foi elaborado relatório diagnóstico institucional que embasou o delineamento de outras intervenções. A experiência do convênio entre o Departamento de Psicologia da UFES e a PRF-ES demonstra que é possível adotar práticas mais efetivas de promoção de saúde mental unindo estratégias de alcance individual e coletivo.
      PubDate: 2023-11-19
      DOI: 10.20873/2526-1487e023033
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • PRODUÇÃO DE FOLHETOS EDUCATIVOS SOBRE SAÚDE MENTAL NO TRABALHO:
           EXPERIÊNCIA NO CONTEXTO DE ESTÁGIO EM UM ÓRGÃO DO PODER JUDICIÁRIO DE
           SANTA CATARINA

    • Authors: Maria Eduarda de Melo
      Pages: e023034 - e023034
      Abstract: Ao contrário de concepções anteriores, nos dias atuais a saúde é compreendida como um fenômeno multideterminado, influenciado por aspectos como renda, inclusão social e contexto laboral. Sobre este último, os estudos têm se empenhado em compreender a relação trabalho-saúde mental, visto que as condições de trabalho e a forma como os trabalhadores se relacionam com elas podem provocar diferentes desfechos. Dentre as ações sugeridas por entidades internacionais para a redução dos fatores de risco psicossocial no trabalho e ampliação dos fatores protetivos, destaca-se a educação sobre saúde mental. Posto isso, este estudo tem por finalidade relatar a experiência de confecção de folhetos educativos virtuais sobre fenômenos psicossociais relacionados ao trabalho, sob a luz da Teoria de Demandas e Recursos do Trabalho (JD-R), no contexto de um estágio não-obrigatório de Psicologia Organizacional e do Trabalho (POT) em um órgão público do poder judiciário de Santa Catarina. Como resultados, verificou-se que o material pode ter atuado como um recurso do trabalho, estimulou o desenvolvimento de competências profissionais e suscitou diferentes aprendizagens para a autora/estagiária. Espera-se que a atividade possa contribuir com estudantes e profissionais que atuam na área da POT e sugere-se que ela seja combinada com outras ações de saúde mental.
      PubDate: 2023-11-19
      DOI: 10.20873/2526-1487e023034
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • CONSTRUINDO AÇÕES INTERDISCIPLINARES COMO CAMINHO PARA FORTALECIMENTO DA
           SAÚDE E SEGURANÇA DO(A) TRABALHADOR(A) NO SERVIÇO PÚBLICO ESTADUAL DE
           SAÚDE

    • Authors: Daniele Almeida Duarte, Claudia Regina Magnabosco-Martins, Maria de Lourdes Santiago Luz, Renata Heller de Moura
      Pages: e023035 - e023035
      Abstract: Por meio de uma pesquisa-ação em andamento, destaca-se o percurso onde são construídas ações interdisciplinares para ponderar sobre a atividade não visível, que traz para os(as) trabalhadores(as) desafios cotidianos a serem desbravados na Farmácia Pública de uma Regional de Saúde da região sul do Brasil. Através do Planejamento Estratégico Situacional, do Questionário de Autopercepção e do Mapeamento Produtivo realizados em conjunto com os(as) trabalhadores(as), busca-se evidenciar a dimensão da experiência no trabalho, recorrendo a dispositivos onde o espaço de discussão e análise conjunta da situação laboral propiciem o fortalecimento do viver-junto, tendo a cooperação, solidariedade e confiança como elementos indispensáveis para a saúde mental, na perspectiva da saúde coletiva. Nesse cenário são aliados os conhecimentos da Psicodinâmica do Trabalho e da Ergonomia no horizonte da Saúde do(a) Trabalhador(a) para que a saúde e segurança sejam ressignificadas. Os instrumentais utilizados se mostraram profícuos deflagradores do reconhecimento entre os(as) trabalhadores(as), suas mazelas, organização e processos de trabalho que estão sendo gradualmente repensados. Entretanto, são necessários avanços institucionais concretos do governo de Estado para a garantia de expressão dos(as) trabalhadores(as) e de políticas de saúde e segurança para seus(as) servidores(as).
      PubDate: 2023-11-19
      DOI: 10.20873/2526-1487e023035
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • CONSTRUÇÃO DE IMAGINÁRIO CONTRACOLONIAL NO PAÍS DAS
           DESIGUALDADES

    • Authors: Lêda Gonçalves de Freitas, Liliam Deisy Ghizoni
      Pages: e023001 - e023001
      Abstract: Editorial do volume 8, ano 2023
      PubDate: 2023-11-18
      DOI: 10.20873/2526-1487e023001
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • TRABALHAR NA TERRA: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA DA LITERATURA SOBRE
           O TRABALHADOR RURAL

    • Authors: Poliana Gonçalves Ferreira, Leda Gonçalves de Freitas
      Pages: e023018 - e023018
      Abstract: O trabalhador rural brasileiro faz-se como um dos pilares da economia brasileira, sendo importante para o desenvolvimento do país. No entanto, existem poucos estudos sobre trabalhadores rurais. Este manuscrito possui o objetivo de realizar uma revisão sistemática de artigos, que abordam sobre o trabalhador rural nos últimos 5 anos, a fim de visualizar os estudos sobre esse trabalhador no meio científico brasileiro. Para a busca dos materiais utilizou-se o descritor “trabalhador rural” nas bases Scielo, Pepsic, BVS e Portal Capes Foram selecionados 74 artigos, e após a aplicação dos critérios de exclusão foram selecionadas 62 produções. Os resultados apontaram que os estudos sobre trabalhadores rurais, em sua maioria, utilizam-se de métodos qualitativos, são realizados por áreas de saúde e tem o seu ápice de publicação no ano de 2019. Evidenciando assim, a seriedade da construção de uma área do conhecimento e prática, capaz de fortalecer a discussão acerca da presença da ciência de modo geral no contexto rural.
      PubDate: 2023-11-15
      DOI: 10.20873/2526-1487e023018
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • INFLUÊNCIA DAS PRÁTICAS DE GESTÃO E EXPERIÊNCIAS DE RESTAURO NO
           DESEMPENHO INDIVIDUAL

    • Authors: Mariana Martins Pedersoli, Fabiana Queiroga, Amalia Raquel Pérez-Nebra
      Pages: e023017 - e023017
      Abstract: Esta pesquisa teve o propósito descrever a influência das práticas de gestão de pessoas e experiências de restauro no desempenho laboral individual. Trata-se de um estudo correlacional em que foram aplicados questionários com trabalhadores de organizações privadas e públicas. Estes questionários tiveram os seguintes instrumentos: Questionário de Desempenho no Trabalho Individual – IWPQ; Escala de Práticas de Gestão de Pessoas e Escala de Experiências de Restauro. Responderam à pesquisa 425 colaboradores. Foram conduzidas análises para verificação da qualidade psicométrica dos instrumentos utilizados e testagem de modelo por meio de regressão linear múltipla. Posteriormente deu-se seguimento à testagem do modelo por meio das regressões lineares múltiplas. O desempenho de tarefa teve 26% de variância explicada, sendo que os fatores que contribuíram significativamente foram práticas de suporte ao desempenho (b = 0,329; p < 0,000), relaxamento (b = -0,139; p < 0,005) e controle (b = 0,146; p < 0,005). Nenhum fator de práticas de gestão de pessoas obteve contribuição individual significativa para desempenho de contexto ou desempenho contraprodutivo. Tais resultados chamam atenção para o potencial dos construtos utilizados para predizer desempenho e sinalizam importantes implicações para a gestão.
      PubDate: 2023-10-25
      DOI: 10.20873/2526-1487e023017
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • TELETRABALHO DE PSICÓLOGAS EM INSTITUIÇÃO MILITAR ESTADUAL NO AMAZONAS
           NA PANDEMIA DE COVID-19

    • Authors: Flávia Lucena Dias de Mendonça, Ana Cláudia Leal Vasconcelos
      Pages: e023016 - e023016
      Abstract: A pandemia de covid-19 acarretou mudanças na atuação de psicólogas. Para dar conta das particularidades impostas pela crise, muitas psicólogas geriram suas atividades com base em escolhas, arbitragens e valores. O presente artigo tem como objetivo relatar a experiência de trabalho de um coletivo de psicólogas pertencentes ao setor de Psicologia de uma instituição militar, durante o período de pandemia, no estado do Amazonas. Realizou-se uma revisão de literatura e reflexões acerca da atividade dessas profissionais a partir da Ergologia (Schwartz e Durrive, 2022) e Psicodinâmica do Trabalho (Dejours, 2012). A análise evidenciou os “debates de normas e renormatização” (Schwartz, 2014) que produziram deliberações e implementações de novas formas de trabalhar; bem como a organização do trabalho e relações sociais implicadas no trabalho em home-office de uma mulher-mãe. Constatou-se o aumento da demanda por atendimento psicológico e a necessidade de ajustar a escuta clínica à modalidade remota. O trabalho e as competências das psicólogas se desenvolveram e compuseram um repertório pessoal, uma ampliação da subjetividade. Entendeu-se também que as vivências institucionais, o encontro com colegas de trabalho e as condições de trabalho físicas constituíram aspectos fundamentais do trabalho, demonstrando ser um aparato não apenas material, mas, sobretudo, de organização subjetiva.
      PubDate: 2023-10-25
      DOI: 10.20873/2526-1487e023016
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • SAÚDE MENTAL DOS TRABALHADORES NA PANDEMIA POR COVID-19: UMA REVISÃO
           INTEGRATIVA DA LITERATURA INTERNACIONAL

    • Authors: Eduardo Souza Passini, Suane Silva Pinheiro, Gabriela Gomes Makewitz, Sofia Laís Knorst, Carmem Regina Giongo
      Pages: e023015 - e023015
      Abstract: Este estudo buscou sistematizar os achados da produção científica internacional sobre a saúde mental dos trabalhadores durante a pandemia de COVID-19. Trata-se de uma revisão integrativa da literatura internacional, realizada nas bases Scopus, Web of Science e Medline/PubMed. Foram selecionados 150 estudos para análise e revisão. Os dados foram submetidos à análise estatística descritiva e à análise temática, dando origem a três eixos de discussão: Caracterização dos estudos; Saúde mental dos profissionais da saúde; Saúde mental dos trabalhadores em geral. A maioria dos estudos eram de origem asiática, de metodologia quantitativa, realizados pela área da medicina e com foco em profissionais da saúde. Os trabalhadores que estavam expostos ao vírus durante a pandemia apresentaram danos psicológicos laborais superiores à população em geral. Estes prejuízos foram associados à organização e às condições do trabalho, agravados pela precarização laboral anterior à pandemia. Já os trabalhadores em atividades laborais remotas apresentaram diminuição do bem-estar físico e mental como consequência dos riscos ocupacionais e ergonômicos elevados, falta de comunicação com colegas, sobrecarga de trabalho, problemas de gestão e excesso de informações sobre a COVID-19. Foram observadas lacunas em debates acerca do papel das políticas públicas na promoção e garantia da saúde mental.
      PubDate: 2023-10-19
      DOI: 10.20873/2526-1487e023015
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • SUPORTE ORGANIZACIONAL E OPORTUNIDADE DE ALCANCE DOS VALORES PESSOAIS NO
           TRABALHO SOB A PERSPECTIVA DE BANCÁRIOS

    • Authors: Marcela Giuliani Denardin, Luis Felipe Dias Lopes, Nuvea Kuhn, Beatriz Leite Gustmann de Castro, Denise Johann
      Pages: e023014 - e023014
      Abstract: Este estudo tem como objetivo realizar um comparativo de gênero no que diz respeito à Percepção do Suporte Organizacional e à Oportunidade de Alcance dos Valores Pessoais no Trabalho para bancários. Trata-se de uma pesquisa descritiva, com uma abordagem quantitativa. Utilizou-se o protocolo de pesquisa composto pela Escala de Percepção de Suporte Organizacional (EPSO-R) de Queiroga, Brandão e Borges Andrade (2015), e pela Medida de Oportunidades no Trabalho (MOT) de Paschoal (2008). Os instrumentos foram aplicados para uma amostra de 144 trabalhadores do setor bancário. Os principais resultados encontrados apontam que o suporte organizacional dos respondentes foi mediano e adequado, enquanto que a percepção da oportunidade no trabalho dos respondentes foi de mediana para alta. Embora não houvesse diferenças estatisticamente significativas entre os gêneros, os homens perceberam maior suporte organizacional em relação às mulheres na maior parte dos fatores. Observou-se que o gênero não foi uma variável comparável na relação entre a oportunidade de alcance dos valores pessoais no trabalho e a percepção de suporte organizacional, para este estudo em específico.
      PubDate: 2023-10-06
      DOI: 10.20873/2526-1487e023014
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • VIVÊNCIAS INTERSUBJETIVAS DE SOFRIMENTO NO TRABALHO DE MULHERES NO SETOR
           AUTOMOBILÍSTICO: ANÁLISE À LUZ DA PSICODINÂMICA DO TRABALHO

    • Authors: Flávia Traldi de Lima, Giuliana Sanches Del Bianco, Sandra Francisca Bezerra Gemma
      Pages: e023011 - e023011
      Abstract: Este artigo tem como objetivo analisar as vivências intersubjetivas de sofrimento no trabalho de mulheres no setor automotivo. A pesquisa foi baseada em um estudo de caso com 24 trabalhadoras de uma indústria automotiva localizada no interior de São Paulo. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas e aplicação de questionário online, sendo que os dados foram tratados por meio de Análise de conteúdo e articulados às contribuições teóricas da Psicodinâmica do Trabalho. Quanto aos resultados, evidenciou-se que a empresa totaliza uma força de trabalho majoritariamente masculina (92%) que reforça uma clara divisão social e sexual do trabalho na cadeia de trabalho automotiva. A dinâmica organizacional culmina na dificuldade das mulheres conciliar trabalho produtivo e reprodutivo para continuar se desenvolvendo na carreira. Questionamentos sobre a competência, sobretudo em relação às mulheres que ocupam cargos de liderança e formas assédio moral foram visualizados na pesquisa. Aproximadamente 68,4% das trabalhadoras, independentemente da função que ocupavam, mencionaram igualmente sentir estresse e ansiedade, ou seja, manifestações de sofrimento no trabalho. Enquanto mecanismo de defesa, a pesquisa demonstrou que as trabalhadoras desenvolvem estratégias e comportamentos para serem aceitas e provar que são capazes o suficiente para ocupar seus cargos na organização.
      PubDate: 2023-09-13
      DOI: 10.20873/2526-1487e023011
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • PRIVILEGIADOS DA PANDEMIA: HOME OFFICE EM TEMPOS DE COVID 19

    • Authors: Ana Carolina de Souza dos Santos, Claudia Cristina Fukuda
      Pages: e023012 - e023012
      Abstract: Este estudo de caso teve por objetivo compreender o impacto da pandemia no contexto do trabalho em home office, a partir das vivências dos trabalhadores de uma empresa e à luz dos conceitos de bem-estar no trabalho. A pesquisa foi realizada em duas etapas, uma quantitativa com o estudo de dados secundários e uma qualitativa por meio de entrevista com dezoito trabalhadores. Os resultados encontrados demonstraram que o processo de transição para o trabalho em home office demandou, em um primeiro momento, uma necessidade de adaptação ao trabalho e no ambiente com os familiares; e, necessidade de conciliar as demandas dos filhos, das atividades do lar e do trabalho. Os trabalhadores perceberam as ações da empresa, logo no início da pandemia, como tempestiva e cuidadosa; porém, essa percepção não se manteve ao longo do tempo. A transição para o home office impactou, ainda, no aumento do volume de trabalho, na quantidade de horas trabalhadas e reuniões. Constatou-se que a forma como a empresa lida com o processo de transição impactou o bem-estar de seus trabalhadores. Espera-se que este estudo possa auxiliar equipes gestoras de pessoas na construção ou reformulação de iniciativas que contribuam para o bem-estar dos trabalhadores.
      PubDate: 2023-09-13
      DOI: 10.20873/2526-1487e023012
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • FATORES ASSOCIADOS À SAÚDE MENTAL DE ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS:
           PROPOSTA DE MODELO TEÓRICO

    • Authors: Daniela Ornellas Ariño, Roberto Moraes Cruz, Karen R. Ródio-Trevisan, Maria Julia Pegoraro Gai
      Pages: e023013 - e023013
      Abstract: O período dedicado à vida universitária é marcado por características particulares desta etapa de vida. Neste espaço de tempo e contexto os recursos pessoais de cada estudante são utilizados no enfrentamento de novas demandas. O presente estudo tem como objetivo identificar e caracterizar variáveis acadêmicas e de carreira relacionadas à saúde mental de graduandos e, a partir destas, a elaborar de um modelo de investigação de saúde mental para a população de estudantes universitários. Tem como método uma busca sistemática realizada nas bases de dados Web of Science, PubMed, PsycINFO, Scopus e no Portal BVS-saúde, tendo resultado a inclusão de 134 estudos para análise e discussão de resultados. Identificou-se que a saúde mental dos universitários é composta por aspectos positivos (satisfação de vida) e negativos (sintomas de ansiedade, estresse e depressão), é predita por fatores individuais, contextuais e acadêmicos. E em tal relação explicativa a autoeficácia ocupa um papel de mediador entre os fatores acadêmicos e a saúde mental. As variáveis identificadas fornecem subsídios teóricos para a construção de um instrumento de medida para avaliação da saúde mental de estudantes universitários.
      PubDate: 2023-09-06
      DOI: 10.20873/2526-1487e023013
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • HIPERCAPITALISMO, FLEXIBILIZAÇÃO E METAMORFOSES NO TRABALHO
           MÉDICO

    • Authors: Mário César Ferreira, Ana Lígia Bacca Fontana da Silveira, Bianca de Barros Bezerra, Carla Itzuri Guerrero Frausto Frausto, Gabriel Teles Pontes, Ricardo Saraiva Aguiar, Jordana Costa e Silva
      Pages: e023010 - e023010
      Abstract: As transformações aceleradas que se operam no mundo do trabalho no limiar do século XXI vem impactando significativamente as atividades profissionais nas organizações. Nesta entrevista, o Prof. Dr. Josep Blanch aborda o novo paradigma forjado pelo hipercapitalismo que vem reconfigurando o significado do trabalho e a prática da medicina. Ele argumenta que tais transformações são indissociáveis da vivência de conflitos e contradições entre os imperativos funcionais da nova ordem sanitária e os valores, normas, crenças, papéis e padrões morais de comportamento profissional. O Prof. Dr. Blanch, psicólogo, é altamente qualificado para tratar da temática em foco. Ele possui carreira acadêmica sólida, cuja referência central é o trabalho realizado na Universidade Autônoma de Barcelona (UAB/ES), vasta produção bibliográfica acadêmica, experiência internacional relevante com destaque em países da América Latina. Sua expertise profissional também se expressa pelos títulos de Professor Emérito na UAB e o obtido no Ministério da Ciências da Colômbia como Pesquisador Emérito. A entrevista nasceu da Roda de Conversa promovida na disciplina Trabalho e Cognição do Programa de Pós-Graduação em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações (PPG-PSTO) da Universidade de Brasília (UnB). O coletivo de estudantes de pós-graduação (entrevistadores) elaborou questões prévias que foram respondidas durante uma live com quase duas horas de duração.
      PubDate: 2023-08-30
      DOI: 10.20873/2526-1487e023010
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • O TRABALHO COM CADÁVERES NO IML: REVISÃO BIBLIOGRÁFICA SOB A ÓTICA DAS
           ABORDAGENS CLÍNICAS DO TRABALHO

    • Authors: Leanderson Luiz De Sá, José Newton Garcia de Araújo, João César de Freitas Fonseca
      Pages: e023009 - e023009
      Abstract: Este artigo é uma revisão de literatura que procura ampliar o conhecimento sobre produções relativas a trabalhadores que lidam cadáveres dentro dos Institutos Médico Legais (IMLs). Esse tipo de atividade relaciona-se a temas bastante amplos, como: estigma, invisibilidade social, reconhecimento no trabalho e o conceito de “trabalho sujo”. Tais conceitos estabelecem interface com as Abordagens Clínicas do Trabalho (ACT). A pesquisa incluiu artigos e dissertações que exploram esta interface. Utilizamos bases de dados como Scielo, Google Acadêmico, Banco de Teses de Dissertações da CAPES, e Biblioteca Nacional de Teses e Dissertações, sendo selecionadas 12 publicações. Observamos no universo pesquisado uma aproximação da temática por áreas de conhecimento como Psicologia, Sociologia, Direito, Antropologia e Administração. Compreendemos por meio desta revisão que o cotidiano destes trabalhadores é repleto de dificuldades diante das condições precárias oferecidas pelas instituições em que laboram. Detalhamos esses fenômenos através da construção de quatro categorias: condições e organização do trabalho; morte como objeto de trabalho; estratégias de enfrentamento; reconhecimento e satisfação no trabalho. Concluímos que as ACTs oferecem arsenal significativo de intervenção e análise da temática, mas que as pesquisas têm abordado os trabalhadores predominantemente por uma perspectiva passiva que ignora sua potencialidade de transformação do trabalho.
      PubDate: 2023-08-30
      DOI: 10.20873/2526-1487e023009
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • EVIDENCIA DE VALIDEZ DE CONTENIDO DE LA ESCALA INHUMAPS: UN ESTUDIO SOBRE
           PRÁCTICAS INNOVADORAS EN GESTIÓN HUMANA

    • Authors: Luz Adriana Rubio, Nancy Lorena Agudelo Gómez, Paula Andrea Mena López, Silvia Helena Mejía V´élez
      Pages: e023008 - e023008
      Abstract: Este artículo presenta resultados de validez de contenido de la escala Innovative Human Management Practices Scale (INHUMAPS) a partir de juicios de expertos y análisis de los ítems; la cual se diseñó y hace parte de los productos de la investigación sobre prácticas innovadoras de gestión humana realizada por Rubio, Agudelo, Mena y Mejía (2021). El análisis de contenido incluyó nueve expertos según los siguientes criterios: con conocimientos en la temática, experiencia en investigación o diseño de pruebas en el campo organizacional. A partir de los resultados de la valoración se clasifican los ítems de acuerdo con Tristán (2008): en esencial, útil pero no esencial y no necesario. Las calificaciones permitieron calcular la razón de validez de contenido (RVC), encontrando que los 36 ítems se mantuvieron, 27 aprobados y 9 revisados. Demostrando criterios de suficiencia, relevancia, coherencia y claridad. En general los ítems, tienden a presentar homogeneidad indicando discriminación en la respuesta. Las evidencias demuestran la validez de contenido de INHUMAPS, como una herramienta para identificar niveles de implementación en prácticas innovadoras de gestión humana.
      PubDate: 2023-07-09
      DOI: 10.20873/2526-1487e023008
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • REFLEXÕES SOBRE O FILME VOCÊ NÃO ESTAVA AQUI À LUZ DA
           PSICOPOLÍTICA DE HAN

    • Authors: Carla Furtado, Lêda Gonçalves de Freitas, Juliana de Andrade Rocha Gonçalves
      Pages: e023007 - e023007
      Abstract: Esta resenha crítica analisa o longa-metragem Você Não Estava Aqui (Sorry We Missed You, original), do diretor Ken Loach, filme realizado em 2019 e lançado no Brasil em 2020. A análise é realizada à luz da obra Psicopolítica – O Neoliberalismo e as Novas Técnicas de Poder, de Byung-Chul Han (2018). O drama narra a história de um pai de família, Ricky, que tem uma rotina exaustiva de trabalho como entregador autônomo em meio ao empreendedorismo neoliberal. Na era do trabalho controlado pelos algoritmos, o filme olha para o processo de uberização das relações de trabalho, ausentes de direitos e precarizadas. Ao retratar o cotidiano de 14 horas de trabalho do protagonista como entregador, revela a lógica das empresas de aplicativos, que consideram os entregadores como empreendedores, submetidos à ideologia da autonomia e da liberdade para trabalhar. Cena após cena, evidencia-se a psicopolítica de Han, que descreve o trabalhador empreendedor da era neoliberal como destituído de sua liberdade, propenso à compulsão e sem condições de resistência.
      PubDate: 2023-07-09
      DOI: 10.20873/2526-1487e023007
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • PREDITORES DO CONFLITO TRABALHO-FAMÍLIA EM CAMINHONEIROS

    • Authors: Marjana Zapalai Baggio, Michelle Engers Taube, Mary Sandra Carlotto
      Pages: e023004 - e023004
      Abstract: Esse estudo de delineamento observacional, analítico e transversal teve como objetivo identificar se os fatores sociodemográficos, laborais, estressores psicossociais e estratégias de coping prediziam o Conflito trabalho-família em uma amostra de 190 caminhoneiros. Os instrumentos utilizados para a pesquisa foram: questionário de dados sociodemográficos e laborais, Inventário COPE e Subescalas da Escala de Estressores Psicossociais no Contexto Laboral. Os resultados obtidos por meio da análise de regressão linear múltipla identificaram um modelo explicativo para o conflito trabalho-família constituído por seis variáveis: vínculo empregatício empregado e ter filhos, estratégia de coping focada na emoção e os riscos psicossociais: ambiguidade de papéis, pressão do grau de responsabilidade e falta de autonomia. Aponta-se a necessidade de ações voltadas para esse risco psicossocial, presente no contexto de trabalho desta categoria profissional, por parte das organizações e gestores, a fim de amenizar os impactos deste risco e promover melhores condições de trabalho.
      PubDate: 2023-05-30
      DOI: 10.20873/2526-1487e023004
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • MATERNIDADE E TRABALHO: REVISÃO INTEGRATIVA DA PRODUÇÃO
           NACIONAL ENTRE 2010 E 2020

    • Authors: Stefany Arruda Aguiar, Polyanna Peres Andrade, Carlos Manoel Lopes Rodrigues
      Pages: e023005 - e023005
      Abstract: A relação entre maternidade e trabalho representa ponto central nos estudos sobre desigualdade entre gêneros no mercado de trabalho. A compreensão desta relação é fundamental para o desenvolvimento de ações que minimizem as dificuldades das mulheres no mercado de trabalho. Assim, o objetivo deste estudo é analisar a produção científica nacional dos últimos 10 anos em relação à maternidade e trabalho, bem como identificar as mudanças da última década no escopo e achados dos estudos, comparativamente a levantamentos anteriores. A amostra final composta de 21 artigos, que em termos metodológicos são em maiorias qualitativos, transversais e exploratórios. A análise da produção indica aumento da produção brasileira, mas também a concentração da produção em um pequeno grupo de autoras e autores. A lista de tópicos analisados nas pesquisas, em comparação com estudos anteriores sofreu algumas alterações que refletem mudanças sociais, como a inserção do tema do adiamento da gravidez. No entanto, os problemas enfrentados pelas mulheres permanecem os mesmos indicando um possível baixo impacto das mudanças sociais e normativas sobre o mercado de trabalho. Os resultados indicam ainda a licença-maternidade como direito trabalhista crucial para as trabalhadoras.
      PubDate: 2023-05-30
      DOI: 10.20873/2526-1487e023005
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • ANÁLISE FÍLMICA DE “PUREZA”: UMA DISCUSSÃO DO TRABALHO DECENTE A
           PARTIR DA ESCRAVIDÃO CONTEMPORÂNEA

    • Authors: Braz Isac Andrade Santos, Juliana Aparecida Oliveira Camilo
      Pages: e023006 - e023006
      Abstract: O objetivo do presente trabalho é fazer uma discussão sobre o trabalho análogo a escravidão no Brasil à luz do filme Pureza (2019). A análise foi feita com base nas discussões do trabalho decente. Para esta discussão organizamos o texto em cinco eixos: a) apresentação do filme; b) discussão da abolição da escravatura no Brasil; c) explanação sobre a escravidão contemporânea; d) explanação sobre os mecanismos de proteção e fiscalização dos trabalhos análogos à escravidão; e) análise do trabalho análogo à escravidão a luz do trabalho decente. A história de Pureza é definida pela jornada em busca do filho Abel, ela encontra um sistema de aliciamento e cárcere no trabalho rural. Para encontrar seu filho, ela se emprega em uma fazenda onde testemunha o tratamento brutal de trabalhadores. A jornada acaba com o resgate de Abel, que só ocorre com a criação da Divisão de Fiscalização para Erradicação do Trabalho Escravo e do Grupo Especial de Fiscalização Móvel. Assim, mediante a análise deste filme, vê-se o quanto é fundamental que os mecanismos de enfrentamento a escravidão moderna possam se articular para a efetivação da erradicação desse problema social, fundamental para a efetivação do trabalho decente na sociedade.
      PubDate: 2023-05-30
      DOI: 10.20873/2526-1487e023006
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • DIMENSÃO SUBJETIVA DO TRABALHO DE RIBEIRINHOS EM UMA COMUNIDADE RURAL
           DO AMAZONAS

    • Authors: Josiane da Silva Maciel, Rosângela Dutra de Moraes, Socorro De Fátima Moraes Nina
      Pages: e023003 - e023003
      Abstract: O trabalho rural no Amazonas caracteriza-se por multiplicidade de atividades, com uma organização de trabalho peculiar, marcada pela complexidade. Este artigo fundamenta-se na abordagem teórica da Psicodinâmica do Trabalho, destacando como categoria de análise a organização do trabalho. Parte de uma pesquisa de mestrado, cujo objetivo foi analisar a organização de trabalho e as vivências de prazer e sofrimento de trabalhadores rurais em uma comunidade ribeirinha no município de Anori- AM. A pesquisa recorreu à abordagem qualitativa. Utilizou-se para a coleta dos dados entrevista semiestruturada e observação participante. Os participantes foram dez trabalhadores. Para a análise de dados recorreu-se à sistemática de análise inspirada na Grounded Theory. Nos resultados destaca-se que o Ribeirinho possui diferentes tipos de trabalho, organizado no círculo familiar, voltado para a subsistência da família. Para lidar com as adversidades, os Ribeirinhos recorrem à experiência, sabedoria prática, mobilização subjetiva e cooperação, conquistando assim a subsistência de sua família.
      PubDate: 2023-05-23
      DOI: 10.20873/2526-1487e023003
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
  • INSERÇÃO NO MERCADO DE TRABALHO BRASILEIRO POR VENEZUELANOS: UMA
           REVISÃO INTEGRATIVA

    • Authors: Felipe Fernandes da Silva, Manuella Castelo Branco Pessoa
      Pages: e023002 - e023002
      Abstract: É possível enxergar no Brasil um fluxo expressivo e diversificado de imigrantes venezuelanos/as urbanos/as e de indígenas Warao. Boa parte procura por trabalho, constituindo um cenário desafiador. Esse estudo tem como objetivo a realização de uma revisão integrativa a respeito da inserção no mercado de trabalho por imigrantes venezuelanos/as no Brasil. Foi realizada uma revisão integrativa da literatura, que cumpriu seis etapas: identificação do tema e questão de pesquisa; critérios de inclusão e exclusão; definição de informações a serem retiradas dos estudos; avaliação; interpretação; e apresentação da revisão. Concluiu-se que a situação encontrada no Brasil não garante uma inserção digna de imigrantes venezuelanos/as no mercado de trabalho. Diversas dificuldades são encontradas e se intensificam quando falamos de mulheres venezuelanas e indígenas Warao. Os postos de trabalho, em sua maioria, são precarizados e até mesmo em condições análogas à escravidão.
      PubDate: 2023-05-23
      DOI: 10.20873/2526-1487e023002
      Issue No: Vol. 8, No. Contínuo (2023)
       
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
 


Your IP address: 44.213.60.33
 
Home (Search)
API
About JournalTOCs
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-
JournalTOCs
 
 

 A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z  

  First | 1 2 3 4 5        [Sort alphabetically]   [Restore default list]

  Subjects -> PSYCHOLOGY (Total: 983 journals)
Showing 601 - 174 of 174 Journals sorted by number of followers
Academic Psychiatry and Psychology Journal : APPJ     Open Access   (Followers: 42)
Advanced Journal of Professional Practice     Open Access   (Followers: 32)
Adaptive Human Behavior and Physiology     Hybrid Journal   (Followers: 12)
Advances in Neurodevelopmental Disorders     Hybrid Journal   (Followers: 8)
Aging Psychology     Open Access   (Followers: 8)
Adolescent Research Review     Hybrid Journal   (Followers: 7)
Behavior and Social Issues     Full-text available via subscription   (Followers: 7)
Forensic Science International : Mind and Law     Open Access   (Followers: 7)
Lamella     Open Access   (Followers: 7)
Evolution, Mind and Behaviour     Full-text available via subscription   (Followers: 7)
Current Research in Ecological and Social Psychology     Open Access   (Followers: 7)
Mediation Theory and Practice     Full-text available via subscription   (Followers: 7)
Quality and User Experience     Hybrid Journal   (Followers: 6)
Affective Science     Hybrid Journal   (Followers: 6)
Thérapie familiale     Full-text available via subscription   (Followers: 6)
Behavioural Public Policy     Hybrid Journal   (Followers: 6)
Brain Science Advances     Open Access   (Followers: 6)
International Journal of Applied Positive Psychology     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Crime Psychology Review     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Consumer Psychology Review     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Scandinavian Journal of Sport and Exercise Psychology     Open Access   (Followers: 5)
Journal of Family Trauma, Child Custody & Child Development     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Journal of Creativity     Open Access   (Followers: 5)
Revista de Psicodidáctica (English ed.)     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Possibility Studies & Society     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Clinical Practice & Epidemiology in Mental Health     Open Access   (Followers: 4)
Sleep Medicine : X     Open Access   (Followers: 4)
cultura & psyché : Journal of Cultural Psychology     Hybrid Journal   (Followers: 4)
Beyond Behavior     Hybrid Journal   (Followers: 4)
Journal of Psychosocial Systems     Open Access   (Followers: 4)
Community Psychology in Global Perspective     Open Access   (Followers: 3)
Journal of Play in Adulthood     Open Access   (Followers: 3)
Comprehensive Results in Social Psychology     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Behavioural Sciences Undergraduate Journal     Open Access   (Followers: 3)
Journal of Psychosexual Health     Open Access   (Followers: 3)
Journal of Psychology and Theology     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Behavioral Disorders     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Psychologie Clinique     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
Perspectives Psy     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
Journal of Behavioral and Cognitive Therapy     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Wellbeing, Space & Society     Open Access   (Followers: 3)
Clocks & Sleep     Open Access   (Followers: 2)
Journal of Performance and Mindfulness     Open Access   (Followers: 2)
Human Behavior and Emerging Technologies     Hybrid Journal   (Followers: 2)
International Journal of School & Educational Psychology     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Contemporary Psychoanalysis     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Psychoanalytic Study of the Child     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Personnel Assessment and Decisions     Open Access   (Followers: 2)
Jungian Journal for Scholarly Studies     Open Access   (Followers: 2)
Torture Journal     Open Access   (Followers: 2)
Comprehensive Psychoneuroendocrinology     Open Access   (Followers: 2)
School Psychology Review     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Health Sciences Review     Open Access   (Followers: 2)
Gestalt Theory. An International Multidisciplinary Journal     Open Access   (Followers: 1)
KULA : knowldge creation, dissemination, and preservation studies     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Threat Assessment and Management     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Scientonomy : Journal for the Science of Science     Open Access   (Followers: 1)
Psych     Open Access   (Followers: 1)
Society and Security Insights     Open Access   (Followers: 1)
Revista Psicológica Herediana     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Professional Counseling: Practice, Theory & Research     Hybrid Journal   (Followers: 1)
Journal of Health Service Psychology     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Perspectives on Behavior Science     Hybrid Journal   (Followers: 1)
JCPP Advances     Open Access   (Followers: 1)
SSM - Mental Health     Open Access   (Followers: 1)
Focus on Exceptional Children     Open Access  
Psisula : Prosiding Berkala Psikologi     Open Access  
Know and Share Psychology     Open Access  
Methods in Psychology     Open Access  
Gadjah Mada Journal of Professional Psychology     Open Access  
Revista de Investigacion Psicologica     Open Access  
CES Psicología     Open Access  
Psicoespacios     Open Access  
Katharsis     Open Access  
Journal of Theoretical Social Psychology     Hybrid Journal  
Nordic Psychology     Hybrid Journal  
Scandinavian Psychoanalytic Review     Hybrid Journal  
Human Arenas : An Interdisciplinary Journal of Psychology, Culture, and Meaning     Hybrid Journal  
Journal of Cognitive Enhancement     Hybrid Journal  
Occupational Health Science     Hybrid Journal  
Augmented Human Research     Hybrid Journal  
Spanish Journal of Psychology     Hybrid Journal  
Journal of Graduate Studies in Northern Rajabhat Universities     Open Access  
Journal of Graduate Research     Open Access  
Psicologia e Saúde em Debate     Open Access  
Dhammathas Academic Journal     Open Access  
INSAN Jurnal Psikologi dan Kesehatan Mental     Open Access  
People and Animals : The International Journal of Research and Practice     Open Access  
Heroism Science     Open Access  
Open Psychology Journal     Open Access  
Open Neuroimaging Journal     Open Access  
Studia z Kognitywistyki i Filozofii Umysłu     Open Access  
Studies in Asian Social Science     Open Access  
Psychology     Open Access  
Gogoa     Open Access  
Journal of Global Engagement and Transformation     Open Access  
Cuadernos de Marte     Open Access  
Psocial : Revista de Investigación en Psicología Social     Open Access  
Journal of Cognitive Systems     Open Access  
Jurnal Ilmiah Psikologi Terapan     Open Access  
Revista Laborativa     Open Access  
Jurnal Educatio : Jurnal Pendidikan Indonesia     Open Access  
Journal of Technology in Behavioral Science     Hybrid Journal  
Western Undergraduate Psychology Journal     Open Access  
Zeitschrift für Psychosomatische Medizin und Psychotherapie     Hybrid Journal  
Zeitschrift für Individualpsychologie     Hybrid Journal  
Wege zum Menschen : Zeitschrift für Seelsorge und Beratung, heilendes und soziales Handeln     Hybrid Journal  
Themenzentrierte Interaktion     Hybrid Journal  
Praxis der Kinderpsychologie und Kinderpsychiatrie     Hybrid Journal  
Musiktherapeutische Umschau : Forschung und Praxis der Musiktherapie     Hybrid Journal  

  First | 1 2 3 4 5        [Sort alphabetically]   [Restore default list]

Similar Journals
Similar Journals
HOME > Browse the 73 Subjects covered by JournalTOCs  
SubjectTotal Journals
 
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
 


Your IP address: 44.213.60.33
 
Home (Search)
API
About JournalTOCs
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-