A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z  

  Subjects -> PHILOSOPHY (Total: 762 journals)
The end of the list has been reached or no journals were found for your choice.
Similar Journals
Journal Cover
Revista Eletrônica Espaço Teológico
Number of Followers: 1  

  This is an Open Access Journal Open Access journal
ISSN (Print) 2177-952X
Published by PUCSP Homepage  [13 journals]
  • Editorial

    • Authors: Célia Maria Ribeiro, Glaucio Alberto Faria de Souza
      Pages: 3 - 4
      PubDate: 2021-12-23
      Issue No: Vol. 15, No. 28 (2021)
       
  • O discipulado de Maria de Nazaré a partir da narrativa da
           anunciação (Lc 1, 26 - 38)

    • Authors: Maria da Penhada Cruz
      Pages: 5 - 24
      Abstract: O presente artigo tratará do discipulado da Virgem Nazarena à luz da perícope da Anunciação narrada em Lc 1, 26-38. Sendo assim, esta perícope constitui o objeto material deste estudo; por sua vez, o objeto formal é o campo da Teologia bíblica. Essa seleção de versículos coloca o leitor diante de Maria de Nazaré, quando chamada a um seguimento sem reservas, bem como diante do desfecho – feliz – dessa mútua entrega: a de Deus a Maria, a de Maria a Deus. Pretende-se, portanto, com este trabalho, compreender como o Senhor atua no discípulo, que se compromete, de forma consciente e responsável, com o projeto salvífico. Para tanto, apropriamo-nos da leitura de Lc 1,26-38, com a qual se pode concluir que a Palavra de Deus dirigida a Maria constitui um chamado pessoal específico, que a conforma em um modelo de discípula para todo aquele que for alcançado pelo chamado divino.
      PubDate: 2021-12-23
      Issue No: Vol. 15, No. 28 (2021)
       
  • E o Verbo se fez diálogo

    • Authors: Faustino dos Santos
      Pages: 25 - 40
      Abstract: A pluralidade das religiões, enquanto realidade inegável da vida humana, desafia a fé cristã a encontrar caminhos possíveis de reflexão, diálogo e encontro em vista da unidade. Se por um lado, a busca desses caminhos exige a conversão da pretensão de superioridade e exclusividade que provocou cruéis desumanidades na história das religiões, por outro lado, as razões do diálogo não devem ser justificadas simplesmente pela pluralidade em si, ou pluralismo de fato, mas pelas bases da própria fé que encontram em Deus a razão do diálogo, em Jesus de Nazaré e no anúncio e prática no Reino de Deus as justificativas para o dialogar e na defesa dos pobres e marginalizados, centro da experiência judaico-cristã de Deus, o critério e a medida da unidade das religiões. À luz daquilo que é normativo e próprio do cristianismo, esse trabalho quer apontar que os caminhos do diálogo são abertos por Deus e que encontram na singularidade de Jesus, o verbo feito diálogo com a humanidade e que foi descentrado de si, os fundamentos para o otimismo cristão com as outras religiões pela descoberta do potencial libertador que cada uma delas tem para a defesa dos necessitados e fracos enquanto sentido mais autêntico para o dialogar.
      PubDate: 2021-12-23
      Issue No: Vol. 15, No. 28 (2021)
       
  • Missio Dei

    • Authors: Merlise dos Santos
      Pages: 41 - 54
      Abstract: O presente artigo trata da missão da igreja e da relação de cada indivíduo nessa missão. A igreja é apresentada no Novo Testamento como a comunidade que reconhece o senhorio de Jesus e se apoia na ordem do próprio Cristo de anunciar o evangelho a todas as nações. O propósito de Deus ao instituir a igreja no mundo como testemunha viva do seu amor, é justificado pela missão do Reino, ao se manifestar concretamente na história. Estar em missões é acrescentar almas ao Reino celestial, é proclamar o Evangelho do Reino ensinando e incorporando os novos seguidores a uma comunidade de fé, que professe uma fé saudável, despertando em cada vida respostas que atentem às necessidades humanas, a partir da ordem do “Ide” de Jesus em Mt 28,18-20. Isso se faz ainda mais necessário em tempos de transformações socioculturais tão significativas como a dos dias atuais. Assim, a missão é missão para a igreja e para cada um.
      PubDate: 2021-12-23
      Issue No: Vol. 15, No. 28 (2021)
       
  • Um homem guiado pelo Espírito de Deus

    • Authors: Denilson Mariano da Silva
      Pages: 55 - 74
      Abstract: A partir de uma breve contextualização sócio eclesial do período em que o Pe. Júlio Maria De Lombaerde, como Missionário da Sagrada Família, veio para o Brasil, percorremos os relatos de sua viagem e dos primeiros anos de missão em Macapá buscando neles os traços que evidenciam a ação do Espírito em seu agir e em seu ser missionário. Isto fazemos distribuindo o percurso deste texto em cinco passos: não querer dominar as pessoas; não ter a ambição de adquirir bens ou vantagens; usar de mansidão, humildade e acolhida; demonstrar verdadeira caridade e apresentar uma vida de testemunho cristão. A ação Espírito revela traços que transcendem os limites de seu tempo histórico e permitem ver os sinais da atualidade da ação missionária do Pe. Júlio Maria para os tempos de hoje.
      PubDate: 2021-12-23
      Issue No: Vol. 15, No. 28 (2021)
       
  • Uma Exegese de Mc 3,28-29 e Mt 12,31-32

    • Authors: Aislan Fernandes Pereira
      Pages: 75 - 92
      Abstract: É tradicional a interpretação de que as passagens de Mc 3,28-29, Mt 12,31-32 e Lc 12,10 retratam a “blasfêmia contra o Espírito santo” como o pecado impossível de perdoar: o “pecado imperdoável”. Entretanto, grande tem sido a dificuldade teológica para explicar que tipo de pecado é ou foi capaz de ser imperdoável, dado o sacrifício do Filho de Deus. Diante de tal dificuldade, a estratégia de certas explicações teológicas têm sido enfatizar, sem forte apelo ao texto bíblico, não o pecado da blasfêmia, mas a vida do pecador enquanto um dos fatores principais para a impossibilidade do perdão. Este ensaio busca exatamente reforçar esse fator através de uma rica exegese das passagens, sobretudo em sua língua original, e oferecendo inclusive traduções alternativas. Também, busca-se explicitar uma consequência inesperada à tradição: de que a impossibilidade de perdão não está restrita à blasfêmia.
      PubDate: 2021-12-23
      Issue No: Vol. 15, No. 28 (2021)
       
  • A evolução da liturgia das horas

    • Authors: Douglas Klug
      Pages: 93 - 103
      Abstract: Jesus orienta seus discípulos a seguirem seus exemplos e a rezar. Neste artigo é possível identificar o desempenho do Ofício Divino, ou então, Liturgia das Horas ao longo da história da Igreja, sobretudo durante o percurso entre o Concílio de Trento e o Concílio Ecumênico Vaticano II. O artigo relata toda a caminhada que foi percorrida pela Liturgia das Horas, as suas modificações e melhoramentos, desta que é conhecida como a oração oficial da Igreja. Várias adaptações foram necessárias devido ao momento histórico que se vivia. Com a chegada do Vaticano II muitas portas foram se abrindo e, consequentemente, muitos elementos ficaram acessíveis ao Povo de Deus. Foi o caso desta liturgia, que, com a Constituição Sacrosanctum Concilium, os fiéis tiveram acesso à ela, que deixou de ser restrita aos padres e monges. Não há mais obrigatoriedade em ser na língua latina, pois a partir deste evento ela é publicada em vernáculo, ou seja, nos diversos idiomas. Desta forma, tendo a Liturgia das Horas muito próxima de todos, é possível cada vez mais as pessoas terem um diálogo próprio e próximo com o Senhor através desta ferramenta oracional.
      PubDate: 2021-12-23
      Issue No: Vol. 15, No. 28 (2021)
       
  • Implicações da Fraternidade como paradigma eclesial neste tempo
           de pandemia

    • Authors: Leandro Rasera Adorno
      Pages: 104 - 126
      Abstract: Os recentes escritos do magistério de Francisco são caracterizados por seus insistentes apelos em prol do princípio evangélico da Fraternidade como farol a iluminar uma humanidade envolta em espessas nuvens de indiferença, individualismo e discórdia. Este cenário tornou-se ainda mais acirrado com a disseminação pandêmica da Covid-19, que desestabilizou, repentinamente, os já enfraquecidos vínculos fraternais que esforçadamente resistiam. Se por um lado, persiste um salutar processo de sensibilização humana frente a escalada de inimizade social patente em diversos âmbitos, constata-se com perplexidade quantos instrumentalizam o discurso da fraternidade para fins ideológicos, interesseiros. Portanto, este artigo objetiva-se, primeiramente, em arrazoar a mensagem de Francisco sobre a Fraternidade como bússola para a Igreja e a sociedade hodierna e, sobretudo, intenta explicitar algumas inevitáveis exigências que esta impõe àqueles que, verdadeiramente, sentem-se impelidos a vivenciá-la.
      PubDate: 2021-12-23
      Issue No: Vol. 15, No. 28 (2021)
       
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
 


Your IP address: 35.172.223.251
 
Home (Search)
API
About JournalTOCs
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-