A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z  

  Subjects -> SOCIOLOGY (Total: 553 journals)
The end of the list has been reached or no journals were found for your choice.
Similar Journals
Journal Cover
Revista de Sociologia, Antropologia e Cultura Jurídica
Number of Followers: 0  

  This is an Open Access Journal Open Access journal
ISSN (Online) 2526-0251
Published by Conselho Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Direito Homepage  [8 journals]
  • ENSAIO AUTOETNOGRÁFICO DO ACESSO À JUSTIÇA DE PESSOAS INDÍGENAS NO SUL
           DO ESTADO DO MATO GROSSO DO SUL

    • Authors: Andrei Domingos Fonseca
      Abstract: Esta pesquisa autoetnográfica busca através das narrativas trazidas, por um ex-estagiário de graduação em Direito, entender como ocorre o acesso à justiça de pessoas indígenas em duas instituições jurídicas da porção sul do Mato Grosso do Sul. Ao longo da processo autoenográfico, restou constatado que mesmo diante das diversas demandas emergenciais envolvendo violações de direitos dos povos indígenas brasileiros, o direito básico à existência, ainda é infringido, cujas raízes estão diretamente ligadas ao acesso à justiça e às políticas de morte (retro)alimentadas pelo Estado, quais sejam, Racismo de Estado e Necropolítica.
      PubDate: 2022-08-30
      DOI: 10.26668/IndexLawJournals/2526-0251/2022.v8i1.8628
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • A REALIDADE SIMULADA DO METAVERSO, SAN JUNIPERO E OS DIREITOS DA
           PERSONALIDADE

    • Authors: Jaqueline SILVA Paulichi, Oscar Ivan Prux
      Abstract: A inteligência artificial possibilita a criação de simulações virtuais com alta capacidade gráfica, possibilitando ao usuário a experiência de viver em diversas realidades ao mesmo tempo. O episódio San Junipero da série “Black Mirror” apresenta a possibilidade de se viver em uma realidade virtual após a morte. O que ocorre nesse episódio é semelhante à proposta criada por Mark Zuckerberg ao se divulgar o Metaverso. Assim, surgem os questionamentos éticos-jurídico acerca do tema, bem como os impactos nos direitos da personalidade, como a imagem, voz, privacidade, intimidade, identidade e a honra. Utilizou-se o método hipotético-dedutivo para a construção deste trabalho.
      PubDate: 2022-08-30
      DOI: 10.26668/IndexLawJournals/2526-0251/2022.v8i1.8642
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • A tradição sociológica clássica sobre o direito: entre a concepção
           normativista substantivista e a visão institucional, organizacional e
           processual sobre o jurídico

    • Authors: Emmanuel Pedro Ribeiro
      Abstract: Neste artigo, a sociologia clássica sobre o direito foi observada sob a ótica do pensamento de Boaventura de Sousa Santos. Verificou-se que a sociologia emergente importou, acriticamente, do campo jurídico, as discussões que ocupavam os juristas na segunda metade do século XIX. Constatou-se que o debate privilegiou a visão normativista substantivista sobre a concepção organizacional, institucional e processual sobre o direito. Observou-se, sobretudo, como Durkheim, Marx, Ehrlich e Weber situaram suas investigações a partir dessas discussões. Importou destacar que a constituição de uma sociologia do direito ocupada com a organização judiciária tem nos clássicos o seu ponto de partida.
      PubDate: 2022-08-30
      DOI: 10.26668/IndexLawJournals/2526-0251/2022.v8i1.8782
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • A TRANSDISCIPLINARIDADE NO ENSINO JURÍDICO UM DIÁLOGO ENTRE A
           MÚSICA E O DIREITO

    • Authors: Fernanda Cristina Gomes Lage, Débora Hellen de Araújo Maciel
      Abstract: Através do método hipotético dedutivo, com o referencial teórico na Resolução n.º 5 do Ministério da Educação de 17/12/2018, da Constituição Federal de 1988, da Lei de Diretrizes e Bases da Educação e da Carta de Transdisciplinaridade, compondo a estrutura legal desta temática, objetiva-se demonstrar a aplicabilidade da música no ensino jurídico, como ferramenta capaz de estimular o educando a realizar conexões entre a teoria, a prática e a vida, em busca de uma transformação que se aproxime, antes de qualquer coisa, na construção de seres humanos. O problema encontra-se alocado na dificuldade da instrumentalização desta metodologia inovadora, tanto pelos educadores quanto pelos educandos. Portanto, o presente trabalho também pretende demonstrar esta viabilização, salvaguardando o equilíbrio entre razão e emoção, em busca de uma educação emancipatória. 
      PubDate: 2022-08-30
      DOI: 10.26668/IndexLawJournals/2526-0251/2022.v8i1.8814
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • A RELAÇÃO ENTRE DIREITO E SERVIÇO SOCIAL: REFLEXÕES PARA BUSCA DA
           JUSTIÇA SOCIAL NO BRASIL

    • Authors: Roberto Inácio Barbosa Filho, Neide Aparecida de Souza Lehfeld
      Abstract: O presente artigo trata da relação entre Direito e Serviço Social na perspectiva de fortalecimento da justiça social na atualidade. Defende-se a aproximação no intuito de que a formação jurídica esteja mais próxima da questão social, aproveitando-se de nossa dupla formação como estudioso e pesquisador que se coloca, ao mesmo tempo, como sujeito e objeto neste projeto, com objetivo de investigar as contribuições do Serviço Social para o Direito. A metodologia utilizada será revisão bibliográfica crítica. Ao final do percurso, será apresentada uma reflexão sobre a melhoria do ensino jurídico, no sentido de fortalecer a defesa da justiça social.
      PubDate: 2022-08-30
      DOI: 10.26668/IndexLawJournals/2526-0251/2022.v8i1.8841
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • EVOLUÇÃO HUMANA E O SURGIMENTO DO DIREITO: A CONTRIBUIÇÃO DE RODOLFO
           SACCO COM O CONCEITO DE DIREITO MUDO

    • Authors: Tarcísio Vilton Meneghetti
      Abstract: Rodolfo Sacco utiliza o conceito de direito mudo para propor a possibilidade da existência de direito em sociedades humanas que ainda não possuem a linguagem, mas que já viviam em sociedades organizadas. Este direito surge como exigência de responder a problemas práticos e se encontra em um momento intermediário entre sociedades de primatas não humanos e as sociedades humanas modernas que já dominam a linguagem. A pesquisa tem como objetivo apresentar reflexões acerca das contribuições de Sacco para a história e surgimento do direito, através do conceito de direito mudo e utilizou o método dedutivo, por meio de pesquisa bibliográfica.
      PubDate: 2022-08-30
      DOI: 10.26668/IndexLawJournals/2526-0251/2022.v8i1.8850
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
  • DIREITO HUMANO FUNDAMENTAL SOCIAL À EDUCAÇÃO E A TEORIA DO
           “BRANQUEAMENTO” DA RAÇA E O MITO DA “DEMOCRACIA RACIAL” NO BRASIL
           

    • Authors: Sônia Maria Cardozo dos Santos, Thaís Janaina Wenczenovicz
      Abstract: A educação é essencial para todo ser humano, pois proporciona condições para o seu desenvolvimento, preparando-o para o exercício da cidadania e, ainda, qualificando-o para o trabalho. A educação é um direito humano fundamental social estabelecido como direito de todos na Constituição Federal brasileira de 1988. Mesmo diante de documentos internacionais e da legislação interna, nem sempre esse direito é efetivado para as crianças e adolescentes pertencentes às diversas classes, raças, etnias e gêneros. O objetivo é analisar o direito humano fundamental à educação em cotejo com a teoria do “branqueamento” da raça e o mito da democracia racial.
      PubDate: 2022-08-30
      DOI: 10.26668/IndexLawJournals/2526-0251/2022.v8i1.8915
      Issue No: Vol. 8, No. 1 (2022)
       
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
 


Your IP address: 44.210.77.106
 
Home (Search)
API
About JournalTOCs
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-