A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z  

  Subjects -> SOCIOLOGY (Total: 553 journals)
The end of the list has been reached or no journals were found for your choice.
Similar Journals
Journal Cover
Em Debate
Number of Followers: 0  

  This is an Open Access Journal Open Access journal
ISSN (Online) 1980-3532
Published by Universidade Federal de Santa Catarina Homepage  [21 journals]
  • Editorial

    • Authors: Ricardo Gaspar Müller
      Pages: 1 - 3
      Abstract: Editorial do n. 17, 2017.1
      PubDate: 2018-10-11
      DOI: 10.5007/1980-3532.2017n17p1
      Issue No: Vol. 1, No. 17 (2018)
       
  • E. P. Thompson e a tradição romântica inglesa

    • Authors: Luiz Alberto Souza
      Pages: 4 - 14
      Abstract: Este trabalho analisa a importância do romantismo na obra do historiador inglês Edward Palmer Thompson. Para tanto, busca definir a visão romântica desde a perspectiva da análise crítica marxista. Na seqüência, aborda a centralidade da tradição romântica inglesa para o projeto intelectual do chamado grupo dos historiadores marxistas britânicos. Finalmente, partindo de uma leitura do “Pós-escrito” à segunda edição de William Morris, realiza uma interpretação do sentido geral do romantismo enquanto elemento constituinte do pensamento e da perspectiva política de Thompson.
      PubDate: 2018-10-11
      DOI: 10.5007/1980-3532.2017n17p4
      Issue No: Vol. 1, No. 17 (2018)
       
  • Comunismo, o inimigo do Ocidente – Entre o exterminismo e a
           resistência

    • Authors: Eliton Felipe de Souza
      Pages: 15 - 35
      Abstract: Este trabalho pretende traçar um panorama sobre a trajetória do Partido Comunista Brasileiro desde a sua origem, entre 1906 e 1922, até o período de redemocratização do país, após a ditadura militar, em 1985, procurando evidenciar o quanto o partido sofreu com a repressão e com as diversas intervenções do Estado, principalmente no contexto de Guerra Fria do Pós-Segunda Guerra Mundial. Para isso, algumas categorias propostas por Thompson foram muito caras a produção deste artigo, como o de Exterminismo, diretamente vinculada a Guerra Fria e, no caso deste trabalho, a eliminação dos comunistas, e o de Alteridade do Outro, que servira de base para a criação do inimigo em comum das ditaduras latino-americanas, novamente, o comunismo.

      PubDate: 2018-10-11
      DOI: 10.5007/1980-3532.2017n17p15
      Issue No: Vol. 1, No. 17 (2018)
       
  • Para uma compreensão materialista histórica e dialética do conceito de
           classe: uma retomada das obras clássicas de Marx e Engels e das
           produções de E.P. Thompson

    • Authors: Luísa Bonetti Scirea, Raphael Sansonetti Valverde
      Pages: 36 - 54
      Abstract: Classe Social é um dos principais conceitos na tradição marxista e um dos conceitos chave das Ciências Sociais. A relevância deste para a análise das identidades e sociedades contemporâneas é atualmente debatida e problematizada, ganhando destaque no debate entre marxistas e pós-marxistas, assim como na suposta emergência de uma “nova classe média brasileira” a partir dos “Anos Lula” (2003-2011). Este artigo busca contribuir para a qualificação deste debate na medida em que retoma noção de classe social dentro da tradição marxista, explicitando diferentes tratamentos deste conceito nas obras de Marx e Engels e mobilizando o historiador inglês E. P. Thompson para exemplificar como um membro de uma abordagem “materialista histórica” da tradição marxista continuou a mobilizar e dar sentido ao conceito de classe social.
      PubDate: 2018-10-11
      DOI: 10.5007/1980-3532.2017n17p36
      Issue No: Vol. 1, No. 17 (2018)
       
  • O relógio ou nós' Uma visão da invenção do tempo social na
           percepção político-cultural de Edward P. Thompson

    • Authors: Artur Mazzucco Fabro
      Pages: 55 - 69
      Abstract: As obras de E.P Thomspon permeiam uma diversidade de assuntos que se encaixam muito bem nas chamadas ciências sociais, entretanto, por ser um historiador, seu pensamento adquire um cunho muito proveitoso para a disciplina da História: a dita história vista de baixo. Foi a partir dessa escolha de análise, que poderia ser creditada vista a influência de Marx e do marxismo em sua vida, que o historiador inglês consegue construir uma narrativa muito rica da maneira com que os trabalhadores ingleses estavam se relacionando com o restante da sociedade onde viviam; como compartilhavam seus costumes em comum e quais eram suas peculiaridades comparadas ao restante da Europa. No meio de tantos acontecimentos em decorrência do avanço do capitalismo, o “surgimento” do tempo enquanto necessário para regular as relações de trabalho se mostrou como um terreno fértil para que se desvendem algumas características desse sistema econômico que mudou completamente a humanidade.
      PubDate: 2018-10-11
      DOI: 10.5007/1980-3532.2017n17p55
      Issue No: Vol. 1, No. 17 (2018)
       
  • A abordagem de classe de Edward P. Thompson e sua aplicabilidade para
           estudos empresariais.

    • Authors: Rodolfo Palazzo Dias
      Pages: 70 - 83
      Abstract: O artigo desenvolve o conceito de classe de Edward P. Thompson,  problematizando a sua operacionalidade especificamente para estudos empresariais no Brasil. A metodologia do “contextualismo linguístico” orientou a construção da pesquisa através do conceito de sentido: o processo mental realizado pelo autor ao desenvolver determinados conceitos. Pensar classe como “acontecimento”, como dinâmica, permite: a) diferencia-lo do conceito de grupo (substância); b) destacar seu aspecto histórico, diacrônico; c) definir o papel da dialética no conteúdo do conceito; d) romper com definições a priori do que se define como econômico, político e ideológico, problematizando como esses elementos interagem efetivamente na realidade. A importância do conceito de classe para a Ciência Política brasileira é tão grande quanto a dificuldade de operacionaliza-lo; definir as suas potencialidades, trabalho realizado aqui, é tarefa importante para orientar os que desejam observar as classes na realidade.
      PubDate: 2018-10-11
      DOI: 10.5007/1980-3532.2017n17p70
      Issue No: Vol. 1, No. 17 (2018)
       
  • Da representação à participação: uma inflexão entre autores
           representativistas

    • Authors: Gustavo Venturelli
      Pages: 84 - 106
      Abstract: Este artigo, dentro do debate mais amplo da teoria democrática, apresenta as ideias de de Pitkin (1967, 2006), Manin (1995, 1997) e Dahl (2005, 2012) sobre o conceito de representação, os princípios do governo representativo e as instituições representativas, respectivamente. Por mais que esses autores tenham se debruçado com afinco sobre esta instância da vida e teoria políticas, trabalhos posteriores dos mesmos apontam para preocupações sobre o que é tratado, usualmente, como seu extremo oposto: a participação. Assim, apresentamos também as contribuições dos autores voltadas à democracia participativa (PITKIN; SCHUMER, 1982), os modos de participação não institucionalizados (MANIN, 2013) e a igualdade política (DAHL, 2006). Constata-se que há uma inflexão da representação à participação por parte desses autores, assim como a literatura da área tem mostrado, também, uma inflexão contrária, isto é, da participação e deliberação em direção à representação, constatada em diversos estudos (ROMÃO, 2011; GURZA LAVALLE; ISUNZA VERA, 2011; AZEVEDO, 2012; LUCHMANN, 2014). 
      PubDate: 2018-10-11
      DOI: 10.5007/1980-3532.2017n17p84
      Issue No: Vol. 1, No. 17 (2018)
       
  • A contribuição de Luis Felipe Miguel ao debate sobre o conceito
           de representação

    • Authors: Peterson Roberto da Silva
      Pages: 107 - 126
      Abstract: Neste artigo, discuto a contribuição de Luis Felipe Miguel para o debate contemporâneo sobre o conceito de representação. Primeiro avalio o debate inaugurado por Pitkin e Manin. Pitkin analisa a representação como autorização, accountability, descritividade e simbolismo. Identificando a necessidade de tratá-la como atividade, a autora expõe dois eixos de contenção, mesmo quando arepresentação é estudadasistemicamente: entre representação de interesses individuais e coletivos, e entre o mandato fiduciário e o imperativo. Partindo do estudo sistêmico e histórico da representação, Manin analisa também elementos constitutivos de sistemas de governo baseados no conceito de representação. Miguel percebe os interesses como simultaneamente individuais e gerais, produzidos em processos sociais de universalização de interesses. Isso implica um adensamento do conceito de representação porquanto ele envolva aspectos como as condições materiais de uma sociedade e seus mecanismos de circulação de ideias, como a organização dos meios de comunicação de massa.
      PubDate: 2018-10-11
      DOI: 10.5007/1980-3532.2017n17p107
      Issue No: Vol. 1, No. 17 (2018)
       
  • A doçura da fruta e o fel do conflito laboral: sindicato dos
           trabalhadores da indústria de conservas de Pelotas (RS)

    • Authors: Laura Senna Ferreira, Maria Soledad Etcheverry Orchard
      Pages: 127 - 146
      Abstract: A indústria de conservas de frutas e hortaliças de Pelotas (RS) já foi a maior empregadora da cidade. Desde fins dos anos 1980 o setor vivenciou o encerramento da maior parte das empresas, como resultado do processo de racionalização tecnológica e gestorial. O desemprego no segmento acarretou numa maior vulnerabilidade econômica e fragilização política dos trabalhadores. Este artigo busca compreender de que maneira as transformações nessa indústria impactaram na atuação do sindicato dos trabalhadores da categoria, considerado um dos mais combativos da região. Trata-se de uma pesquisa realizada a partir de fontes documentais e junto aos trabalhadores, sindicalistas e empresários, com o propósito de entender as razões da intensificação dos conflitos do trabalho e a postura sindical frente aos novos desafios do mundo laboral.
      PubDate: 2018-10-11
      DOI: 10.5007/1980-3532.2017n17p127
      Issue No: Vol. 1, No. 17 (2018)
       
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
 


Your IP address: 44.210.85.190
 
Home (Search)
API
About JournalTOCs
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-