Subjects -> LAW (Total: 1397 journals)
    - CIVIL LAW (30 journals)
    - CONSTITUTIONAL LAW (52 journals)
    - CORPORATE LAW (65 journals)
    - CRIMINAL LAW (28 journals)
    - CRIMINOLOGY AND LAW ENFORCEMENT (161 journals)
    - FAMILY AND MATRIMONIAL LAW (23 journals)
    - INTERNATIONAL LAW (161 journals)
    - JUDICIAL SYSTEMS (23 journals)
    - LAW (843 journals)
    - LAW: GENERAL (11 journals)

LAW (843 journals)                  1 2 3 4 5 | Last

Showing 1 - 200 of 354 Journals sorted alphabetically
ABA Journal Magazine     Full-text available via subscription   (Followers: 16)
Acta Judicial     Open Access   (Followers: 2)
Acta Juridica     Full-text available via subscription   (Followers: 5)
Acta Politica     Hybrid Journal   (Followers: 19)
Acta Universitatis Danubius. Juridica     Open Access  
Acta Universitatis Lodziensis : Folia Iuridica     Open Access  
Actualidad Jurídica Ambiental     Open Access  
Adelaide Law Review     Full-text available via subscription   (Followers: 19)
Administrative Law Review     Open Access   (Followers: 37)
Aegean Review of the Law of the Sea and Maritime Law     Hybrid Journal   (Followers: 7)
African Journal of Legal Studies     Hybrid Journal   (Followers: 9)
African Journal on Conflict Resolution     Open Access   (Followers: 28)
Ahkam : Jurnal Hukum Islam     Open Access  
Ahkam : Jurnal Ilmu Syariah     Open Access   (Followers: 1)
Air and Space Law     Full-text available via subscription   (Followers: 19)
Akron Law Review     Open Access   (Followers: 4)
Al 'Adalah : Jurnal Hukum Islam     Open Access  
AL Rafidain law journal     Open Access  
Al-Ahkam     Open Access  
Al-Istinbath : Jurnal Hukum Islam     Open Access  
Alaska Law Review     Open Access   (Followers: 9)
Alberta Law Review     Open Access   (Followers: 13)
Alternative Law Journal     Hybrid Journal   (Followers: 8)
Alternatives : Global, Local, Political     Hybrid Journal   (Followers: 10)
Amazon's Research and Environmental Law     Open Access   (Followers: 2)
American Journal of Comparative Law     Full-text available via subscription   (Followers: 60)
American Journal of Jurisprudence     Hybrid Journal   (Followers: 19)
American Journal of Law & Medicine     Full-text available via subscription   (Followers: 10)
American Journal of Legal History     Full-text available via subscription   (Followers: 10)
American Journal of Trial Advocacy     Full-text available via subscription   (Followers: 6)
American University Law Review     Open Access   (Followers: 13)
American University National Security Law Brief     Open Access   (Followers: 6)
Amicus Curiae     Open Access   (Followers: 5)
Anales : Facultad de Ciencias Jurídicas y Sociales de la Universidad Nacional de La Plata     Open Access  
Anales de la Cátedra Francisco Suárez     Open Access  
Annales Canonici     Open Access  
Annales de droit     Open Access  
Annales de la Faculté de Droit d’Istanbul     Open Access  
Annales Universitatis Mariae Curie-Skłodowska, sectio G (Ius)     Open Access  
Annals of the Faculty of Law in Belgrade - Belgrade Law Review     Open Access  
Anuario da Facultade de Dereito da Universidade da Coruña     Open Access  
Anuario de la Facultad de Derecho : Universidad de Extremadura (AFDUE)     Open Access  
Anuario de Psicología Jurídica     Open Access   (Followers: 1)
ANZSLA Commentator, The     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
Appeal : Review of Current Law and Law Reform     Open Access   (Followers: 1)
Arbeidsrett     Full-text available via subscription  
Arbitration Law Monthly     Full-text available via subscription   (Followers: 4)
Arbitration Law Reports and Review     Hybrid Journal   (Followers: 12)
Arctic Review on Law and Politics     Open Access   (Followers: 1)
Argumenta Journal Law     Open Access  
Arizona Law Review     Open Access   (Followers: 5)
Arizona State Law Journal     Free   (Followers: 2)
Arkansas Law Review     Free   (Followers: 4)
Ars Aequi Maandblad     Full-text available via subscription   (Followers: 4)
Art + Law     Full-text available via subscription   (Followers: 11)
Artificial Intelligence and Law     Hybrid Journal   (Followers: 14)
ASAS : Jurnal Hukum dan Ekonomi Islam     Open Access   (Followers: 1)
Asia Pacific Law Review     Open Access   (Followers: 1)
Asia-Pacific Journal of Ocean Law and Policy     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Asian American Law Journal     Open Access   (Followers: 2)
Asian Journal of Law and Society     Hybrid Journal   (Followers: 9)
Asian Journal of Legal Education     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
Asian Pacific American Law Journal     Open Access   (Followers: 3)
AStA Wirtschafts- und Sozialstatistisches Archiv     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Asy-Syir'ah : Jurnal Ilmu Syari'ah dan Hukum     Open Access  
Australasian Law Management Journal     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
Australian and New Zealand Sports Law Journal     Full-text available via subscription   (Followers: 7)
Australian Feminist Law Journal     Hybrid Journal   (Followers: 10)
Australian Indigenous Law Review     Full-text available via subscription   (Followers: 20)
Australian Journal of Legal History     Full-text available via subscription   (Followers: 16)
Australian Year Book of International Law Online     Hybrid Journal  
Ballot     Open Access  
Baltic Journal of Law & Politics     Open Access   (Followers: 5)
Bar News: The Journal of the NSW Bar Association     Full-text available via subscription   (Followers: 7)
Behavioral Sciences & the Law     Hybrid Journal   (Followers: 29)
Beijing Law Review     Open Access   (Followers: 4)
Berkeley Journal of Entertainment and Sports Law     Open Access   (Followers: 5)
Berkeley Technology Law Journal     Free   (Followers: 15)
BestuuR     Open Access  
Bioderecho.es     Open Access  
Bioethics Research Notes     Full-text available via subscription   (Followers: 15)
Boletín de la Asociación Internacional de Derecho Cooperativo     Open Access  
Bond Law Review     Open Access   (Followers: 17)
Boston College Journal of Law & Social Justice     Open Access   (Followers: 11)
Boston College Law Review     Open Access   (Followers: 15)
Boston University Law Review     Free   (Followers: 11)
Bratislava Law Review     Open Access  
BRICS Law Journal     Open Access   (Followers: 1)
Brigham Young University Journal of Public Law     Open Access   (Followers: 6)
Brill Research Perspectives in Comparative Discrimination Law     Full-text available via subscription  
Brill Research Perspectives in International Investment Law and Arbitration     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
British Journal of American Legal Studies     Open Access   (Followers: 1)
Brooklyn Law Review     Open Access   (Followers: 4)
Bulletin of Medieval Canon Law     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
Bulletin of Yaroslav Mudryi NLU : Series : Philosophy, philosophy of law, political science, sociology     Open Access  
Business and Human Rights Journal     Full-text available via subscription   (Followers: 5)
C@hiers du CRHIDI     Open Access  
Cadernos de Dereito Actual     Open Access  
Cahiers de la Recherche sur les Droits Fondamentaux     Open Access  
Cahiers Droit, Sciences & Technologies     Open Access   (Followers: 1)
California Law Review     Open Access   (Followers: 22)
California Western Law Review     Open Access   (Followers: 3)
Cambridge Law Journal     Hybrid Journal   (Followers: 124)
Cambridge Yearbook of European Legal Studies     Hybrid Journal   (Followers: 4)
Campus Legal Advisor     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Canadian Journal of Law & Jurisprudence     Full-text available via subscription   (Followers: 10)
Canadian Journal of Law and Society     Hybrid Journal   (Followers: 23)
Canadian Journal of Law and Technology     Open Access   (Followers: 1)
Case Western Reserve Law Review     Open Access   (Followers: 2)
Časopis pro právní vědu a praxi     Open Access  
Catalyst : A Social Justice Forum     Open Access   (Followers: 10)
Católica Law Review     Open Access  
Chicana/o-Latina/o Law Review     Open Access   (Followers: 2)
China : An International Journal     Full-text available via subscription   (Followers: 20)
China Law and Society Review     Full-text available via subscription  
China-EU Law Journal     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Chinese Journal of Comparative Law     Hybrid Journal   (Followers: 7)
Chinese Journal of Environmental Law     Hybrid Journal  
Chinese Law & Government     Full-text available via subscription   (Followers: 8)
Chulalongkorn Law Journal     Open Access  
Cleveland State Law Review     Free   (Followers: 2)
Clínica Jurídica per la Justícia Social : Informes     Open Access  
College Athletics and The Law     Hybrid Journal   (Followers: 1)
Colombia Forense     Open Access  
Columbia Journal of Environmental Law     Open Access   (Followers: 12)
Columbia Journal of Gender and Law     Open Access   (Followers: 1)
Columbia Journal of Law & the Arts     Open Access   (Followers: 2)
Columbia Journal of Law and Social Problems     Full-text available via subscription   (Followers: 15)
Columbia Journal of Race and Law     Open Access  
Columbia Journal of Tax Law     Open Access  
Columbia Law Review (Sidebar)     Open Access   (Followers: 21)
Commercial Law Quarterly: The Journal of the Commercial Law Association of Australia     Full-text available via subscription   (Followers: 4)
Comparative Law Review     Open Access   (Followers: 45)
Comparative Legal History     Hybrid Journal   (Followers: 8)
Comparative Legilinguistics     Open Access   (Followers: 1)
Con-texto     Open Access  
Conflict Resolution Quarterly     Hybrid Journal   (Followers: 42)
Cornell Law Review     Open Access   (Followers: 14)
Corporate Law & Governance Review     Hybrid Journal  
Critical Analysis of Law : An International & Interdisciplinary Law Review     Open Access   (Followers: 6)
Cuadernos de Historia del Derecho     Open Access   (Followers: 6)
Cuestiones Juridicas     Open Access   (Followers: 2)
Current Legal Problems     Hybrid Journal   (Followers: 25)
Danube     Open Access   (Followers: 3)
De Europa     Open Access  
De Jure     Open Access   (Followers: 1)
Deakin Law Review     Full-text available via subscription   (Followers: 14)
Debater a Europa     Open Access  
Democrazia e diritto     Full-text available via subscription   (Followers: 2)
Denning Law Journal     Open Access   (Followers: 5)
DePaul Journal of Women, Gender and the Law     Open Access   (Followers: 3)
DePaul Law Review     Open Access   (Followers: 2)
Derecho Animal. Forum of Animal Law Studies     Open Access   (Followers: 1)
Derecho PUCP     Open Access   (Followers: 1)
Derecho y Ciencias Sociales     Open Access   (Followers: 1)
Derechos en Acción     Open Access  
Dereito : Revista Xurídica da Universidade de Santiago de Compostela     Full-text available via subscription  
Deusto Journal of Human Rights     Open Access   (Followers: 2)
DiH : Jurnal Ilmu Hukum     Open Access  
Dikaion     Open Access   (Followers: 1)
Dike     Open Access  
Dikê : Revista de Investigación en Derecho, Criminología y Consultoría Jurídica     Open Access  
Diké : Revista Jurídica     Open Access  
Direito e Desenvolvimento     Open Access   (Followers: 1)
Direito.UnB : Revista de Direito da Universidade de Brasília     Open Access  
Dixi     Open Access  
DLR Online     Open Access   (Followers: 1)
Doxa : Cuadernos de Filosofía del Derecho     Open Access  
Droit et Cultures     Open Access   (Followers: 7)
Droit, Déontologie & Soin     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Drug Science, Policy and Law     Full-text available via subscription   (Followers: 4)
Duke Environmental Law & Policy Forum     Open Access   (Followers: 7)
Duke Journal of Gender Law & Policy     Open Access   (Followers: 19)
Duke Law & Technology Review     Open Access   (Followers: 11)
Duke Law Journal     Open Access   (Followers: 29)
e-Pública : Revista Eletrónica de Direito Público     Open Access  
Economics and Law     Open Access   (Followers: 3)
Edinburgh Law Review     Hybrid Journal   (Followers: 20)
Education and the Law     Hybrid Journal   (Followers: 16)
Election Law Journal     Hybrid Journal   (Followers: 18)
Environmental Justice     Hybrid Journal   (Followers: 12)
Environmental Law Review     Full-text available via subscription   (Followers: 23)
Environmental Policy and Law     Hybrid Journal   (Followers: 16)
ERA-Forum     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Erasmus Law Review     Open Access  
Erdélyi Jogélet     Open Access   (Followers: 4)
Espaço Jurídico : Journal of Law     Open Access   (Followers: 1)
Estudios de Derecho     Open Access  
Ethnopolitics     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Ethos: Official Publication of the Law Society of the Australian Capital Territory     Full-text available via subscription   (Followers: 5)
EU Agrarian Law     Open Access   (Followers: 4)
European Convention on Human Rights Law Review     Hybrid Journal   (Followers: 5)
European Energy and Environmental Law Review     Full-text available via subscription   (Followers: 14)
European Investment Law and Arbitration Review Online     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
European Journal of Comparative Law and Governance     Hybrid Journal   (Followers: 11)
European Journal of Law and Technology     Open Access   (Followers: 18)
European Law Journal     Hybrid Journal   (Followers: 133)
European Public Law     Full-text available via subscription   (Followers: 44)
European Review of Private Law     Full-text available via subscription   (Followers: 37)
European Yearbook of Minority Issues Online     Hybrid Journal   (Followers: 5)

        1 2 3 4 5 | Last

Similar Journals
Journal Cover
Argumenta Journal Law
Number of Followers: 0  

  This is an Open Access Journal Open Access journal
ISSN (Print) 1676-2800 - ISSN (Online) 2317-3882
Published by Universidade Estadual do Norte do Paraná Homepage  [2 journals]
  • AS VOZES SILENCIADAS NAS DENÚNCIAS DE FEMINICÍDIO NO ESTADO DO PARANÁ
           (2015-2020): CONTRIBUIÇÕES PARA UM OLHAR DESCOLONIAL DO SISTEMA DE
           JUSTIÇA CRIMINAL

    • Authors: Clara Maria Roman Borges, Ana Cláudia da Silva Abreu
      Pages: 19 - 50
      Abstract: O presente artigo analisa as denúncias oferecidas pelo Ministério Público do Paraná, nos casos de feminicídio, com o objetivo de demonstrar qual tem sido a contribuição desse órgão para diminuição dessa violência máxima contra a mulher. Com base nas teorias feministas descoloniais, identifica uma “denúncia padrão” pretensamente objetiva, que acaba por silenciar as vozes das vítimas mais vulneráveis a esse crime. Para recuperar essas vozes, retrata como as ausências verificadas nessa peça acusatória dissimulam o racismo e o machismo estrutural que fazem das mulheres negras as vítimas preferenciais do feminicídio e dos homens negros os principais encarcerados por esse delito.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.2475
       
  • TRÊS DÉCADAS DA CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA: DIREITOS SOCIAIS,
           POLÍTICAS PÚBLICAS E ESTADO SOCIAL

    • Authors: Matheus Silveira de Souza, Fernando de Brito Alves, Leonardo Rodrigues de Godoy
      Pages: 51 - 70
      Abstract: O presente artigo realiza um balanço dos 33 anos da Constituição da República, discorrendo, em um primeiro momento, sobre o contexto histórico e político que permeou a Assembleia Constituinte, para depois, abordar os avanços trazidos pelo texto constitucional referente aos direitos fundamentais sociais, mais especificamente o direito à saúde e a educação. Posteriormente, discute-se a importância do estudo de políticas públicas na área jurídica, evidenciando a criação de mecanismos que concretizem os direitos previstos abstratamente pela Constituição, bem como aborda-se as repercussões que recentes alterações no texto constitucional tiverem à proteção dos direitos sociais. Por fim, realizamos um breve apanhado das mudanças ocorridas na sociedade brasileira – no âmbito da educação, segurança pública, saúde e economia - durante estes 33 anos, a partir da análise de indicadores sociais. O método utilizado para cumprir os objetivos almejados foi a revisão bibliográfica.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.2446
       
  • THE DISSEMINATION OF APOROPHOBIA AND THE NECROPOLITICS PRACTICE IN BRAZIL

    • Authors: Tereza Rodrigues Vieira, Laís Silva Zimiani
      Pages: 71 - 92
      Abstract: É urgente reconhecer a existência de desigualdades sociais e enfrentar os problemas associados à pobreza no Brasil. Os discursos das lideranças políticas, sem base factual, disseminam desinformação e negação na esfera social, impedindo a implementação de medidas que promovam a inclusão social e a erradicação da pobreza. Uma de suas consequências diretas é a necropolítica, que regulamenta o poder de matar e traduz a capacidade de estabelecer quem importa e quem não importa na sociedade. A pesquisa foi norteada pelo método hipotético-dedutivo, revisão bibliográfica, com foco nos estudos de Adela Cortina.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.2398
       
  • A REAFIRMAÇÃO DOS DIREITOS DO CONSUMIDOR VIRTUAL BRASILEIRO E A LEI
           GERAL DE PROTEÇÃO DE DADOS

    • Authors: Antonio Carlos Efing, Melina Carla de Souza Britto
      Pages: 93 - 122
      Abstract: Trazendo, em um primeiro momento, o que se entende por relação contratual eletrônica e dispondo sobre as regras e princípios aplicáveis à essa nova modalidade contratual, o presente trabalho analisa se o Código de Defesa do Consumidor e o Decreto nº 7.962/2013 são suficientes para proteger o consumidor em sua vulnerabilidade virtual. Mais especificamente, o presente artigo visa analisar como a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) pode ser vista como reafirmação dos direitos dos consumidores na sociedade tecnológica e de informação, de modo a garantir maior segurança ao consumidor vulnerável. Para tanto, empregou-se o método dedutivo de pesquisa, utilizando-se da pesquisa bibliográfica, em especial, de doutrina e de artigos científicos. Conclui-se que a LGPD concede ao consumidor maior segurança e proteção em relação aos seus dados e, portanto, pode sim ser vista como uma reafirmação de seus direitos em uma sociedade tecnológica e de informação.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.1780
       
  • RESPONSABILIDADE PELA EXPOSIÇÃO E INGESTÃO DE CORPOS ESTRANHOS NOS
           ALIMENTOS DE ACORDO COM A JURISPRUDÊNCIA DO STJ

    • Authors: Iuri Bolesina, Talita de Moura Faccin
      Pages: 123 - 140
      Abstract: O presente estudo investiga a interpretação do STJ sobre a necessidade ou não da ingestão do corpo estranho em gêneros alimentícios para o dano moral' A metodologia é: método de abordagem dedutivo; método de procedimento monográfico; e técnica de pesquisa documentação indireta. Dois julgados do STJ, ambos da terceira turma, foram analisados. Ao fim, concluiu-se que a mera exposição já viola o dever de segurança, quebrando as legítimas expectativas do consumidor, gerando, dano moral. A questão da ingestão ou não é apta a modificar o valor da reparação, mas não de afetar negativamente o direito à reparação.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.1951
       
  • TUTELAS PROVISÓRIAS: MEIOS DE EFETIVIDADE DOS DIREITOS FUNDAMENTAIS E
           DA PERSONALIDADE

    • Authors: Marcelo Negri Soares, Raphael Farias Martins, Silvia Helena Schimidt
      Pages: 141 - 172
      Abstract: Este trabalho aborda o estudo da evolução do conceito de pessoa. Demonstra a ruptura da ordem social, política e jurídica causada pela Revolução Francesa, que ocasionou no afastamento do Estado nas relações entre os particulares. Aponta as consequências causadas na Revolução Industrial pela soberania da vontade das partes, momento histórico em que a ordem jurídica permitiu jornada de trabalho desumanas, o que levou ao Estado a intervir novamente na relação entre os particulares, a fim de lhes assegurar os direitos fundamentais. Aborda, ainda, a evolução na ordem jurídica causada pela dicotomia ato ilícito e dano, que permitiu o surgimento de instrumento de tutela preventiva concedendo efetividade ao princípio do acesso à justiça. Aborda, ainda, a tutela inibitória, tutela de remoção de ilícito, tutela provisória de urgência e tutela provisória de evidência. 
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.1960
       
  • ESCOLAS FAMÍLIAS AGRÍCOLAS: UMA DEMONSTRAÇÃO DA NATUREZA COOPERATIVA E
           COMUNITÁRIA DO HOMEM

    • Authors: Juliana Silva da Rocha Nickel, João Pedro Schmidt
      Pages: 173 - 200
      Abstract: A ideia de que o ser humano é por natureza egoísta, propenso ao conflito e que tende sempre a buscar o prazer e fugir da dor é, na primeira parte do trabalho, desmistificada através de autores como Piotr Kropotkin, Samuel Bowles, Herbert Gintis e Yuval Noah Harari. A segunda parte do trabalho aborda o comunitarismo, que tem como um de seus expoentes, Amitai Etzioni. Referida abordagem trabalha a partir do equilíbrio entre Estado, mercado e comunidade. Por fim, a terceira parte do trabalho, aborda as Escolas Famílias Agrícolas – EFAS, como expressão do comunitarismo.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.2016
       
  • AÇÕES AFIRMATIVAS NO BRASIL E O DILEMA TEÓRICO ENTRE UMA POLÍTICA DE
           REDISTRIBUIÇÃO E/OU DE RECONHECIMENTO

    • Authors: Noli Bernardo Hahn, Gabriela Felden Scheuermann
      Pages: 201 - 220
      Abstract: Neste artigo, o tema se delimita às ações afirmativas de recorte racial previstas nas Leis nº 12.711/2012 e 12.990/2014. O objetivo geral consiste em compreender as justificativas que sustentam a implementação de ações afirmativas raciais no ordenamento jurídico brasileiro. Desse modo, tem-se como problemática saber quais razões justificam as ações afirmativas, dando-lhes legitimidade frente ao direito brasileiro. Para tanto, recorre-se aos métodos de abordagem analítico e hermenêutico para analisar e interpretar a legislação brasileira à luz de teorias de reconhecimento em Nancy Fraser, Axel Honneth e Charles Taylor.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.2072
       
  • CRISE DEMOCRÁTICA E CONSTITUCIONALISMO POPULAR: SUPREMACIA JUDICIAL
           VERSUS SUPREMACIA POPULAR

    • Authors: Melina Carla de Souza Britto, Guilherme Martelli Moreira, Claudia Maria Barbosa
      Pages: 221 - 246
      Abstract: Retrata-se o empoderamento judicial no âmbito da interpretação do texto constitucional, averiguando-se a necessidade de devolução da Constituição ao povo. Neste contexto, destaca-se a necessidade de revisão das regras democráticas, questionando-se a respeito a legitimidade do Judiciário como autoridade última quanto à interpretação da Constituição. Esta revisão bibliográfica teórica e qualitativa utiliza o método dedutivo de análise. Conclui-se que a última palavra a respeito da significação do texto constitucional pertence legitimamente ao povo. Deve-se restaurar a supremacia popular em contraposição à judicial e lembrar ao povo que ele é soberano em face do Legislativo, do Executivo e também do Judiciário.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.2143
       
  • A DESCONSTRUÇÃO DO MITO DA DEMOCRACIA RACIAL E O RACISMO ESTRUTURAL NO
           BRASIL: EDUCAÇÃO E TRANSFORMAÇÃO SOCIAL

    • Authors: Danilo Henrique Nunes, Carlos Eduardo Montes Netto, Lucas Souza Lehfeld
      Pages: 247 - 282
      Abstract: O mito da democracia racial é teoria a partir da qual afirmar-se que no Brasil, indivíduos marginalizados como indígenas e negros viviam em condição de plena igualdade com os brancos. O trabalho almeja desconstruir o mito da democracia racial no Brasil, apresentando o pensamento decolonial e reafirmando a educação e a economia para o enfrentamento ao racismo estrutural. O método empregado foi o hipotético-dedutivo. Os resultados alcançados com o desenvolvimento da pesquisa contribuíram para o entendimento da democracia racial como uma mera ficção ideológica, sendo o movimento decolonial imprescindível para a concretização do combate ao racismo.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.2194
       
  • O REDESENHO, À LUZ DOS DIREITOS HUMANOS, DO PAPEL DOS APOIADORES NAS
           MEDIDAS DE SUPORTE AO EXERCÍCIO DA CAPACIDADE CIVIL PELAS PESSOAS COM
           DEFICIÊNCIA NO BRASIL

    • Authors: Silvia Leticia de Almeida, Marcelo Figueiredo
      Pages: 283 - 306
      Abstract: Objetiva-se com o presente artigo uma análise da capacidade civil da pessoa com deficiência, observadas as alterações introduzidas no ordenamento jurídico brasileiro pela Convenção de Nova York e pelo Estatuto da Pessoa com Deficiência, especialmente no tocante aos relevantes desafios impostos aos apoiadores.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.2203
       
  • A (DES)INTEGRAÇÃO SOCIAL E A MEDIDA SOCIOEDUCATIVA DE INTERNAÇÃO: UMA
           ANÁLISE A PARTIR DO CENTRO DE ATENDIMENTO SOCIOEDUCATIVO (CASE) DE
           MOSSORÓ/RN

    • Authors: Ana Karolina Medeiros Fernandes, Maria Júlia Costa Leite e Sousa, Ramon Rebouças Nolasco de Oliveira
      Pages: 307 - 330
      Abstract: O trabalho aborda a medida socioeducativa de internação, analisando sua aplicação no Centro de Atendimento Socioeducativo (CASE) de Mossoró/RN. Foram examinados processos judiciais e arquivos dos adolescentes internados na unidade, entre 2013/2016. Objetivou-se analisar o perfil dos socioeducandos e a (des)integração social promovida pela privação da liberdade, identificando os egressos que voltaram a ser investigados pela prática de ilícitos. Diagnosticou-se que dos 148 adolescentes internados na unidade, 97 (65,5%) foram considerados não reintegrados, sendo novamente processados por infrações/crimes. Concluiu-se pela necessidade de melhoria na política de acompanhamento de egressos do sistema socioeducativo.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.2243
       
  • DANOS CAUSADOS AO NASCITURO PELA GESTANTE: UMA PROPOSTA DE
           RESPONSABILIZAÇÃO CIVIL

    • Authors: Bianca Fernanda Rodrigues, Júlia Bagatini
      Pages: 331 - 356
      Abstract: O presente artigo objetiva realizar um estudo sobre a situação jurídica do nascituro, analisando as discussões existentes no tocante ao início da personalidade jurídica e ponderando sobre a possibilidade de responsabilização civil da gestante que, por descumprimento ao dever de cuidado, cause a este lesão à sua integridade física e/ou psíquica. Torna-se necessária referida discussão uma vez que a doutrina e os julgados não chegam a uma conclusão sobre a possibilidade ou não de responsabilização civil da gestante nestas situações, bem como, torna-se um obstáculo a falta de normatização do assunto.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.1577
       
  • REFORMA DO REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL: um mero ajuste fiscal
           com violação de direitos sociais

    • Authors: Sandoval Alves da Silva, João Renato Rodrigues Siqueira, Camille de Azevedo Alves
      Pages: 357 - 390
      Abstract: O estudo objetiva analisar a instituição de alíquotas progressivas e de contribuições extraordinárias advindas com a EC n.º 103/2019 no RPPS, questionando se as mudanças caracterizam um mero ajuste fiscal. Para tanto, adotou-se o método de abordagem hipotético-dedutivo e, como método de procedimento, o bibliográfico. Assim, verificou-se que pode ser considerada um mero ajuste fiscal: pela ausência de estudo atuarial; por ignorar o princípio da referibilidade e pela adoção de alíquotas que, diante da carga tributária total, configuram confisco; por violar a isonomia; além de não diversificar a base de financiamento e de custeio da Previdência.    
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.2154
       
  • UM TIPO DE CESARISMO CONSTITUCIONAL: MUTAÇÃO AUTOCRÁTICA NO
           PÓS-MODERNISMO CONSTITUCIONAL

    • Authors: Vinício Carrilho Martinez, Vinícius Alves Scherch
      Pages: 391 - 410
      Abstract: Será tratado no texto o fenômeno político denominado por ora processo de adaptação ou ainda reformulação constitucional, que, na verdade, constitui-se de uma prática antiga, o Cesarismo Constitucional ou Cesarismo Plebiscitário e que é composto por reformulações constitucionais, ao sabor do realismo político, que impõem a forma sobre o conteúdo e, modificam a qualidade, o oposto do que pretende o Poder Constituinte originário. Pela imposição de profunda mudança na quantidade do realismo político, transforma-se a espécie pela mutação do gênero. A pesquisa é de caráter conceitual, exploratória e de análise conjuntural. Como se perfaz um período em que ainda estamos vivenciando as experiências de “politização do Judiciário”, como efeito longa manus do realismo político – especialmente no condão do Poder Executivo –, os resultados iniciais demonstram grave distorção das funções republicanas no que tange ao Estado de Direito: sem clara divisão de poderes, não há sobrevida aos direitos fundamentais.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.2001
       
  • AGENDA 2030 SUAS PERPECTIVAS E A DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA COMO
           PRINCÍPIO CONSTITUCIONAL

    • Authors: Marilda Tregues Sabbatine, Edinilson Donisete Machado, Oliviê Samuel Paião
      Pages: 411 - 430
      Abstract: Agenda 2030 visa ao desenvolvimento com sustentabilidade, sendo um plano de ação para as pessoas, planeta, prosperidade, buscando a paz universal. São 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, 169 metas, para erradicar a pobreza, promover vida digna, nos limites do planeta. Existe uma programação, intentando “salvar o mundo”. Objetivam erradicação da fome, pobreza, cuidando da saúde, educação. Igualdade de gêneros, água potável, energia renovável, trabalho digno, reduzir desigualdade, indústria, infraestrutura, cidades, comunidades, produção, consumo sustentáveis. Proteção da vida marinha, terrestre, ação climática, paz justiça e instituições eficazes, como parceiras na implementação dos objetivos. Analisar-se- á os motivos da não concretização dos objetivos, e metas, trazendo lados positivos e negativos das programações. Os trabalhos iniciaram em 2015 com previsão para 2030, já em 2012, na conferência Rio +20, os Estados membros da ONU se comprometeram com objetivos e metas, da agenda. A sociedade civil está vinculada a Agenda, sendo essas instituições partes protagonistas no cumprimento e planejamento das programações, pretende-se demonstrar que o cumprimento das metas e objetivos da Agenda 2030, não será alcançado, restando apenas uma projeção e engodo repetido nas demais agendas e outros movimentos tendentes a solucionar os problemas expostos a 2030.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.2004
       
  • MODERNIDADE, DIREITO E FLÂNEUR: ENTRE OS VADIOS

    • Authors: Diogo Bacha e Silva
      Pages: 431 - 458
      Abstract: O presente artigo busca explorar a relação entre modernidade e direito. Relação essa que aparece, ao mesmo tempo, paradoxal e contraditória. O direito aparece como um instrumento de dominação e, portanto, ocasiona a subinclusão e sobreinclusão de indivíduos em um capitalismo de massa. Investigar e explorar esse fenômeno a partir da ótica da filosofia e como a figura heroica do flâneur de Walter Benjamin deve se relacionar com o direito.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.2018
       
  • TRIBUNAIS SUBNACIONAIS, PREFERÊNCIAS PESSOAIS E POLÍTICAS PÚBLICAS: AS
           DECISÕES INDIVIDUAIS DOS JUÍZES DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE PERNAMBUCO EM
           MATÉRIA DE POLÍTICAS DE SAÚDE

    • Authors: Michelle Fernandez, Jose Mario Wanderley Gomes Neto, Ernani Carvalho
      Pages: 459 - 478
      Abstract: O objetivo deste artigo é analisar a interferência do judiciário na implementação das políticas de saúde a partir das premissas do modelo atitudinal de análise do comportamento dos juízes. O Poder Judiciário vem ocupando um papel central nos processos políticos nas diferentes democracias do mundo: especialmente quando se analisa o processo das políticas públicas, percebe-se uma crescente e significativa participação das instituições e atores relacionados ao sistema de justiça. Assim, as preferências pessoais dos juízes membros de Tribunais subnacionais influenciariam em suas decisões nos conflitos envolvendo políticas públicas de saúde' Esta pesquisa analisou um banco de dados original, codificado a partir de decisões monocráticas do Tribunal de Justiça do Estado de Pernambuco referentes a saúde pública, tomadas entre 2000 e 2017, de modo a testar a existência de associação entre as características dos magistrados (proxy para suas preferências individuais) e os resultados dos julgamentos.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.2052
       
  • ATIVIDADE NOTARIAL FRENTE ÀS TRANSFORMAÇÕES DE UMA SOCIEDADE
           DIGITALIZADA: Fé Pública na Sociedade da Informação

    • Authors: Jorge Shiguemitsu Fujita, Rosemeire Solidade da Silva Matheus
      Pages: 479 - 502
      Abstract: O trabalho pretende discorrer sobre as atividades notariais e suas características básicas e demonstrar que as novas tecnologias existentes, em especial a certificação digital, blockchain, algoritmos hashing,  conferem segurança jurídica e são  instrumentos que podem flexibilizar a atividade notarial ampliando o espectro de atuação junto a sociedade em geral. O monopólio e proteção legal conferidos à função notarial, da forma como organizada nos dias de hoje, impedem o reconhecimento e avanço de tecnologias capazes de modernizar a atividade e avançar frente as novas realidades trazidas pela sociedade da informação.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.2086
       
  • RELAÇÕES RACIAIS E ATIVISMO PROCESSUAL NO BRASIL: UMA CONTRIBUIÇÃO
           PARA A CONTRAPOSIÇÃO AO RACISMO ESTRUTURAL

    • Authors: Alexandre de Castro Catharina
      Pages: 503 - 532
      Abstract: O racismo estrutural permeia as práticas sociais e institucionais em diversos níveis e dimensões, desde o período da escravidão negra na sociedade brasileira. Por essa razão, sua identificação e o respectivo enfrentamento devem ser realizados cotidianamente em diversos campos das relações sociais, jurídicas e políticas. A proposta deste trabalho é refletir sobre as nuances deste racismo estrutural no contexto dos processos judiciais, que tramitam no Poder Judiciário, e como o ativismo processual dos movimentos antirracistas pode contribuir para denunciá-lo e afastar, em alguma medida, seus efeitos perversos na conjuntura social brasileira. A metodologia de pesquisa utilizado no trabalho será qualitativa documental, com ênfase na análise da fundamentação das decisões judiciais. O método de abordagem dos dados será indutiva.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.2117
       
  • AS LIÇÕES DA JUSTIÇA GLOBAL PARA O ENFRENTAMENTO DOS DISCURSOS DE ÓDIO
           CONTRA MULHERES NA INTERNET

    • Authors: Jéssica Freitas de Oliveira, Rosane Leal da Silva
      Pages: 533 - 562
      Abstract: Os discursos de ódio na Internet figuram como uma das principais categorias discursivas presentes na atualidade, sobretudo aquelas que inferiorizam e subjugam as mulheres. Diante deste panorama, questiona-se: frente à problemática dos discursos de ódio contra mulheres na Internet, quais são lições da Justiça Global para o enfretamento destes discursos' O presente estudo objetiva analisar as lições da Justiça Global para o enfrentamento de discursos de ódio contra mulheres na Internet, percebidos como uma problemática de injustiça global. Para a realização desta pesquisa foram utilizados o método de abordagem dedutivo e método de procedimento monográfico, com técnicas de pesquisa bibliográficas.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.1946
       
  • EFETIVIDADE X EFICIÊNCIA: AS TRANSFORMAÇÕES TECNOLÓGICAS NO ÂMBITO DO
           ACESSO À JUSTIÇA E OS DIREITOS DA PERSONALIDADE

    • Authors: Dirceu Pereira Siqueira, Fernanda Corrêa Pavesi Lara, Henriqueta Fernanda C.A.F. Lima
      Pages: 563 - 586
      Abstract: Um dos pressupostos condutores das transformações tecnológicos no campo do acesso à justiça perpassa pela busca de maior efetividade na prestação jurisdicional. Assim, pretende-se com o presente trabalho investigar como a pauta da efetividade conjuga-se com a da eficiência com vistas à promoção do acesso à justiça e os impactos nos direitos da personalidade. Com vistas a responder a seguinte pergunta de pesquisa: Como efetividade e eficiência compõem a agenda das transformações tecnológicas no âmbito do acesso à justiça' Optou-se pela realização da revisão sistemática da literatura mediante a fixação do protocolo de pesquisa e identificação dos domínios da literatura adotados, pesquisados no idioma inglês na base de dados EBSCOhost, consistindo nos termos: access to justice AND effectiveness; access to justice AND efficiency. Como resultados destacam-se três caminhos: i. a pauta da não segregação e o desenvolvimento de modelos de acesso capazes de se expandirem para um maior número de pessoas, com estratégias inclusivas para aqueles com dificuldades de acesso à tecnologia; ii. o uso de da inteligência artificial e iii. o desenvolvimento de tribunais online. A pertinência temática da pesquisa sedimenta-se no contexto de profundas transformações sociais que precisam ser acompanhadas pela Ciência do Direito.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.2302
       
  • (IN)SUSTENTABILIDADE DAS REDES SOCIAIS: OS IMPACTOS DA MANIPULAÇÃO DE
           DADOS PELAS PLATAFORMAS DE APLICAÇÃO

    • Authors: Álerton Emanuel Poletto, Fausto Santos de Morais
      Pages: 587 - 606
      Abstract: Partindo da problemática que no atual modelo de redes sociais pela qual as pessoas podem ser reduzidas a dados comerciáveis e, nesta condição, serem objetificadas e controladas através de mecanismos de predição e manipulação comportamental em busca de ocultas finalidades econômicas ou políticas. Na perspectiva da formação de uma sociedade sustentável, busca-se a minimização dos impactos sociais e democráticos do capitalismo de vigilância e do modelo de redes sociais, pela redução do poder das redes sociais sobre os usuários. A pesquisa auxilia-se de fontes bibliográficas, desenvolvido pelo método fenomenológico-hermenêutico.
      PubDate: 2021-12-02
      DOI: 10.35356/argumenta.v0i35.2413
       
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
 


Your IP address: 44.192.25.113
 
Home (Search)
API
About JournalTOCs
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-