Subjects -> BUSINESS AND ECONOMICS (Total: 3570 journals)
    - ACCOUNTING (132 journals)
    - BANKING AND FINANCE (306 journals)
    - BUSINESS AND ECONOMICS (1248 journals)
    - CONSUMER EDUCATION AND PROTECTION (20 journals)
    - COOPERATIVES (4 journals)
    - ECONOMIC SCIENCES: GENERAL (212 journals)
    - ECONOMIC SYSTEMS, THEORIES AND HISTORY (235 journals)
    - FASHION AND CONSUMER TRENDS (20 journals)
    - HUMAN RESOURCES (103 journals)
    - INSURANCE (26 journals)
    - INTERNATIONAL COMMERCE (145 journals)
    - INTERNATIONAL DEVELOPMENT AND AID (103 journals)
    - INVESTMENTS (22 journals)
    - LABOR AND INDUSTRIAL RELATIONS (61 journals)
    - MACROECONOMICS (17 journals)
    - MANAGEMENT (595 journals)
    - MARKETING AND PURCHASING (116 journals)
    - MICROECONOMICS (23 journals)
    - PRODUCTION OF GOODS AND SERVICES (143 journals)
    - PUBLIC FINANCE, TAXATION (37 journals)
    - TRADE AND INDUSTRIAL DIRECTORIES (2 journals)

LABOR AND INDUSTRIAL RELATIONS (61 journals)

Showing 1 - 61 of 61 Journals sorted alphabetically
Acciones e Investigaciones Sociales     Open Access   (Followers: 1)
Anuario IET de Trabajo y Relaciones Laborales     Open Access  
Arbeiderhistorie     Full-text available via subscription  
Arbeidsrett     Full-text available via subscription  
Arbetsliv i omvandling     Open Access  
Arbetsmarknad & Arbetsliv     Open Access  
Asia Pacific Public Relations Journal     Open Access   (Followers: 1)
Australian Bulletin of Labour     Full-text available via subscription   (Followers: 4)
Çalışma İlişkileri Dergisi     Open Access  
Capital and Class     Hybrid Journal   (Followers: 9)
Class, Race and Corporate Power     Open Access   (Followers: 2)
Coaching : Theorie & Praxis     Open Access   (Followers: 3)
Economic & Labour Market Review     Hybrid Journal   (Followers: 13)
Economic and Labour Relations Review     Hybrid Journal   (Followers: 18)
Estudios del Trabajo : Revista de la Asociación Argentina de Especialistas en Estudios del Trabajo (ASET)     Open Access  
European Labour Law Journal     Full-text available via subscription   (Followers: 17)
Forskning & Forandring : Research and Change     Open Access  
Giornale di Diritto del Lavoro e relazioni industriali     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Hak İş Uluslararası Emek ve Toplum Dergisi     Open Access  
Indian Journal of Labour Economics     Hybrid Journal  
International Journal of Business Reflections     Open Access   (Followers: 2)
International Journal of Collaborative Enterprise     Hybrid Journal  
International Labor Rights Case Law     Hybrid Journal   (Followers: 7)
International Labour Law Reports Online     Hybrid Journal   (Followers: 11)
IZA Journal of Labor & Development     Open Access   (Followers: 4)
IZA Journal of Labor Economics     Open Access   (Followers: 17)
IZA Journal of Labor Policy     Open Access   (Followers: 5)
Journal for Labour Market Research     Open Access   (Followers: 11)
Journal of Collective Bargaining in the Academy     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Employment Counseling     Partially Free   (Followers: 2)
Journal of Human Resources     Full-text available via subscription   (Followers: 46)
Journal of Labor and Society     Hybrid Journal   (Followers: 1)
Journal of Labor Economics     Full-text available via subscription   (Followers: 88)
Journal of Participation and Employee Ownership     Hybrid Journal  
Labor e Engenho     Open Access  
Labor History     Hybrid Journal   (Followers: 24)
Labor Studies Journal     Hybrid Journal   (Followers: 11)
Laboreal     Open Access  
Labos : Revista de Derecho del Trabajo y Protección Social     Open Access   (Followers: 2)
Labour & Industry     Hybrid Journal   (Followers: 12)
Labour & Law Issues     Open Access   (Followers: 6)
Lan Harremanak : Revista de Relaciones Laborales     Open Access  
Management and Labour Studies     Hybrid Journal   (Followers: 4)
MIX : Jurnal Ilmiah Manajemen     Open Access  
Mundo do Trabalho Contemporâneo     Open Access  
Nordic Journal of Working Life Studies     Open Access  
Nowadays and Future Jobs     Open Access   (Followers: 1)
Población y Sociedad     Open Access  
Project Leadership and Society     Open Access   (Followers: 1)
Quaderni di Economia del Lavoro     Full-text available via subscription  
Revista de Estudios Jurídico Laborales y de Seguridad Social     Open Access  
Revista Gestão e Desenvolvimento     Open Access  
Revista Latinoamericana de Antropología del Trabajo     Open Access  
Scandinavian Journal of Work and Organizational Psychology     Open Access   (Followers: 3)
Social and labour relations : Theory and Practice     Open Access  
Sociohistórica     Open Access  
Sociología del Trabajo     Open Access   (Followers: 1)
Søkelys på arbeidslivet (Norwegian Journal of Working Life Studies)     Open Access  
Tidsskrift for Arbejdsliv     Hybrid Journal  
Transfer - European Review of Labour and Research     Hybrid Journal   (Followers: 16)
Travail et Emploi     Open Access   (Followers: 5)
Similar Journals
Journal Cover
Revista Gestão e Desenvolvimento
Number of Followers: 0  

  This is an Open Access Journal Open Access journal
ISSN (Print) 1807-5436 - ISSN (Online) 2446-6875
Published by Universidade Feevale Homepage  [3 journals]
  • EXPEDIENTE

    • Authors: Mauricio Barth
      PubDate: 2022-03-28
      Issue No: Vol. 19, No. 1 (2022)
       
  • EDITORIAL

    • Authors: Cristine Hermann Nodari
      PubDate: 2022-03-28
      Issue No: Vol. 19, No. 1 (2022)
       
  • EXAMINATION OF THE EFFECTS OF INTERNAL-TO-FIRM TRANSACTION COSTS AND
           IMITATION CAPABILITIES ON THE INNOVATION PERFORMANCE AND COMPETITIVENESS
           OF THE ELECTRIC/ELECTRONIC FIRMS

    • Authors: Zafer Adiguzel, Kudret Çeltekligil, Fatma Sönmez Çakir
      Pages: 3 - 29
      Abstract: The aim of the research is to examine both the innovation performance of the electric/electronic firms within the technopark sector, and in addition, the internal-to-firm transaction costs and imitation capability that affect relationships and competition between the variables. In general, products that firms offer to the market are affected by each other, and in this case, the imitation capabilities of firms come to the fore. However, in order to be successful in an innovative and competitive environment, it is necessary to effectively manage the internal-to-firm transaction costs. Within the scope of the study, a survey was given to the engineers working in the electrical/electronic firms that produce and innovate within the body of technopark in Istanbul. A face-to-face survey study was conducted since production was not interrupted in the firms working in technopark during the pandemic process and remote working conditions were not possible for the production sector. Randomly selected firms were visited and 501 employees were interviewed. Analyses were made using the SmartPLS 3.4 Program; a 5-point Likert scale was used for the survey; factor analysis was used to determine the suitability of the scale expressions; reliability/validity analyzes were used to determine the consistency of the scale; and correlation analysis was used to determine the degree of relationship between the variables. Finally, path analysis was used to test the hypotheses, and the same program was used to determine the mediation effect. The results of the analyses showed that the cost of intra-firm transaction and imitation capability have positive effects on innovation performance and the competitiveness of the firms.
      PubDate: 2022-03-28
      DOI: 10.25112/rgd.v19i1.2766
      Issue No: Vol. 19, No. 1 (2022)
       
  • AUDITORIA INDEPENDENTE EM COOPERATIVAS AGROPECUÁRIAS: PERCEPÇÕES DOS
           RESPONSÁVEIS PELA GOVERNANÇA SOBRE MOTIVOS DA CONTRATAÇÃO

    • Authors: Vanessa Schaefer, Sandro Augusto Martins Bittencourt, Luana Zanetti Trindade Ferraz
      Pages: 30 - 56
      Abstract: O objetivo deste estudo é identificar os motivos que levam as cooperativas agropecuárias do Rio Grande do Sul a contratar serviços de auditoria independente, mesmo que legalmente estejam desobrigadas. Sob a ótica da teoria da agência, as respostas dos responsáveis pela governança, tais como presidentes, conselhos fiscais e contadores são utilizadas como determinantes para o estudo. Para atingir o objetivo proposto, utilizou-se um estudo de caso múltiplo, com abordagem qualitativa, por meio de pesquisa documental e entrevistas em quatro cooperativas. Os dados foram tratados por meio da análise de conteúdo com o estabelecimento de categorias por “acervo”, resultando em doze categorias iniciais que serviram de base para a interpretação. Os resultados encontrados demonstraram que as cooperativas estudadas contrataram auditoria independente principalmente para: detectar falhas humanas e erros contábeis, aumentar a qualificação técnico contábil, elevar o nível de segurança das informações contábeis aos usuários, detectar e prevenir fraudes, incrementar a transparência das transações, atender exigências de instituições financeiras, criar vantagem competitiva, motivar a equipe contábil e facilitar acesso ao crédito. Complementarmente, foi possível detectar que 68,75% dos presidentes e 45,83% dos conselhos fiscais apresentaram, em suas respostas, motivações relacionadas às relações de agência. Por fim, frente às descobertas da pesquisa, foi possível confirmar as preocupações dos responsáveis pela governança com assuntos ligados ao conflito de agência, contudo, ainda assim, verificaram-se lacunas que contrariam esta teoria, as quais poderão servir de estímulo para realização de outras pesquisas nesta área.
      PubDate: 2022-03-28
      DOI: 10.25112/rgd.v19i1.2264
      Issue No: Vol. 19, No. 1 (2022)
       
  • GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS INTERNACIONAL E ISOMORFISMO EM COMPANHIAS
           MULTINACIONAIS: UMA REVISÃO INTEGRATIVA DE LITERATURA

    • Authors: Rodilon Teixeira
      Pages: 57 - 79
      Abstract: O presente estudo tem por objetivo analisar o posicionamento das pesquisas sobre o tema Gestão de Recursos Humanos Internacional (GRHI) e o Isomorfismo como influência para a escolha das práticas de recursos humanos em companhias multinacionais. O trabalho realizado foi uma pesquisa bibliográfica de artigos abrangendo o período entre 1994 e 2019, obtidos na base de dados Web of Science (WOS), que, através de uma revisão integrativa da literatura, realizou análise quantitativa, apresentando o panorama das produções internacionais da temática, além da análise qualitativa, que identificou e agrupou os artigos em três categorias (convergência, divergência e dualidade). Os achados demonstram o aumento das citações desses artigos após 2010, o que evidencia o maior interesse dos pesquisadores. Além disso, constatou-se um predomínio da categoria “convergência”, mas não configurando existir hegemonia de nenhuma categoria, além de constatar uma diversidade de fatores e de forças neste campo que influenciam o nível de alinhamento das práticas de recursos humanos da matriz com suas subsidiárias.
      PubDate: 2022-03-28
      DOI: 10.25112/rgd.v19i1.2639
      Issue No: Vol. 19, No. 1 (2022)
       
  • A APROPRIAÇÃO DA CRIATIVIDADE NOS ESTUDOS DE GESTÃO: UMA REVISÃO
           INTEGRATIVA E IDENTIFICAÇÃO DE LACUNAS NA LITERATURA

    • Authors: Kelly Maria Paz e Silva, Henrique Muzzio, Jackeline Amantino de Andrade, Carlos César de Oliveira Lacerda
      Pages: 80 - 104
      Abstract: O presente estudo teve como objetivo analisar como a criatividade tem sido apropriada nos estudos de gestão dos últimos cinco anos por meio de uma revisão integrativa de literatura. A revisão integrativa foi realizada com o apoio da plataforma SPELL, utilizando os seguintes filtros: Palavra-chave: criatividade; Período da publicação: janeiro de 2015 a janeiro de 2020; Tipo de documento: artigo; Idioma: português. Esta busca resultou num quantitativo de 32 (trinta e duas) publicações. Com a leitura acurada dos resumos, foram excluídos 8 (oito) artigos do corpus, pois tratavam de temas que não levavam em consideração a prática da criatividade nas organizações, totalizando 24 (vinte e quatro) artigos. Realizou-se a leitura do corpus e como resultados foram criados quadros que correspondem às matrizes de síntese das categorias temáticas, delimitadas como: “Relações entre criatividade e inovação”; “Métricas para aferir a criatividade”; Criatividade como insumo para a economia criativa”; e “Outras perspectivas emergentes”. Percebe-se uma heterogeneidade temática dos estudos do corpus, tendo-se como recomendações que futuros estudos possam abordar a inter-relação entre a criatividade e a inovação, elementos da gestão da criatividade, abordagens qualitativas como alternativas às métricas e a possibilidade de estudos em contextos diferenciados, como negócios sociais, empreendimentos turísticos e organizações públicas.
      PubDate: 2022-03-28
      DOI: 10.25112/rgd.v19i1.2731
      Issue No: Vol. 19, No. 1 (2022)
       
  • PROPOSTA DE FRAMEWORK SOBRE AS RELAÇÕES ENTRE ESTRUTURA E ESTRATÉGIA DE
           RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA COM CAPACIDADES DINÂMICAS

    • Authors: Emanuelly Comoretto Machado, Gilnei Luiz de Moura, Simone Alves Pacheco de Campos, Tatiane de Andrade Neves Hörbe
      Pages: 105 - 129
      Abstract: Este estudo foi desenvolvido com o objetivo de identificar as relações existentes entre a Estrutura e Estratégia de Responsabilidade Social Corporativa com as Capacidades Dinâmicas. Para tanto, adotou-se um plano de pesquisa descritivo e, como estratégia, optou-se pelo estudo de casos de caráter qualitativo. Para o alcance dos objetivos propostos foi realizado um estudo em duas organizações de setores distintos que apresentam características diferentes de estrutura e de estratégias de Responsabilidade Social Corporativa adotadas. No que se refere aos resultados encontrados, destaca-se que a Alfa, por apresentar características do Estágio Estratégico, desenvolve a Capacidade de Aprender. A Beta, por estar em um estágio que é considerado de transição, Estágio de Cuidado, possui a Capacidade de Interação já bem definida, mas, devido às suas particularidades, começa a apresentar características relativas da Capacidade de Aprender. Logo, a partir deste estudo é possível concluir que não necessariamente uma organização precisa apresentar características apenas de um estágio ou de uma capacidade, ela pode apresentar características de dois ou mais estágios, bem como estar em uma fase de transição entre as capacidades e apresentar características de mais de uma capacidade. Portanto, Capacidades Dinâmicas de Responsabilidade Social Corporativa ou, conforme foi denominado nesse estudo, Responsabilidade Social Corporativa Dinâmica é necessária quando uma organização passa por um processo de amadurecimento das questões de Responsabilidade Social Corporativa e passa de um estágio para outro.
      PubDate: 2022-03-28
      DOI: 10.25112/rgd.v19i1.2607
      Issue No: Vol. 19, No. 1 (2022)
       
  • CALÇADÃO OU SHOPPING CENTER' PERCEPÇÃO DE QUALIDADE NA VISÃO DO
           CONSUMIDOR BRASILEIRO

    • Authors: Lindemberg Costa Junior, Leonilde da Conceição Silva, César Henrique Souza Lima, Liana Eida Marques dos Reis
      Pages: 130 - 153
      Abstract: Este estudo tem como objetivo comparar a qualidade percebida das lojas do calçadão versus as lojas dos shopping centers na visão do consumidor brasileiro. Como ferramenta para coletar os dados, utilizou-se o Retail Service Quality (RSQ) estruturado em 28 (vinte e oito) perguntas, analisando os seguintes construtos: aspectos físicos, confiabilidade, interações pessoais, solução de problemas e políticas internas. Pretende-se ainda, em caráter experimental, identificar se a percepção de qualidade do consumidor em relação a um mesmo produto é alterada quando vendido em “praças” diferentes. Os resultados evidenciam que em média o shopping center tem mais características de qualidade em comparação com o calçadão. Segurança, climatização e entretenimento oferecido pelos shoppings são os principais diferenciais estratégicos na percepção de qualidade do consumidor, tornando-se vantagens estratégicas em comparação com os empresários do calcadão. Identificou-se ainda que a percepção de qualidade dos produtos vendidos em shopping center é maior do que os produtos vendidos no calçadão.
      PubDate: 2022-03-28
      DOI: 10.25112/rgd.v19i1.2683
      Issue No: Vol. 19, No. 1 (2022)
       
  • EMPREENDEDORISMO, INOVAÇÃO E DESENVOLVIMENTO HUMANO NO MUNDO:
           ANÁLISE COMPARATIVA

    • Authors: Macário Neri Ferreira Neto, José Ednilson de Oliveira Cabral, Jéssyca Lages de Carvalho Castro Rodrigues
      Pages: 154 - 178
      Abstract: O empreendedorismo, como resultado, é relevante na geração de renda e emprego e, consequentemente, no desenvolvimento das nações, enquanto, como processo, eleva o nível de inovação do ecossistema empreendedor. Nesse sentido, este artigo tem como objetivo geral avaliar a relação entre empreendedorismo, inovação e desenvolvimento humano, sob a perspectiva comparativa entre as nações. Para alcance deste objetivo, foram utilizados dados secundários disponibilizados nos sites de órgãos mundiais, sobre empreendedorismo, inovação e desenvolvimento humano, frutos de pesquisas conduzidas por instituições de reconhecida capacidade técnica. Para análise dos dados se fez uso do aplicativo PLS-Sem, com a utilização de equações estruturais para verificar a validade das hipóteses. Da revisão da literatura se formulou um modelo conceitual, tendo habilidades empreendedoras como antecedente de atitude e aspiração empreendedora que, mediados por capacidade de inovação, impactam o índice global de inovação e, finalmente, o desenvolvimento humano dos países. Todas as hipóteses foram confirmadas possibilitando concluir que o empreendedorismo contribui para o desenvolvimento humano dos países. Embora existam vários estudos sobre empreendedorismo e inovação, ainda são raros os modelos que avaliam o efeito sobre o desenvolvimento humano. Daí a contribuição deste estudo para a academia, no sentido de que pode gerar estudos futuros regionalizados e com mais informações, que confirmem ou rejeitem as hipóteses em menor nível de agregação.
      PubDate: 2022-03-28
      DOI: 10.25112/rgd.v19i1.2636
      Issue No: Vol. 19, No. 1 (2022)
       
  • QUALIDADE LOGÍSTICA E SEUS EFEITOS NAS EXPORTAÇÕES MUNDIAIS
           DE BENS AGRÍCOLAS

    • Authors: Carolina Rodrigues Corrêa Ferreira, Lauro Cesar Pinto Fagundes, Bruna Gonçalves de Souza
      Pages: 205 - 224
      Abstract: A qualidade da rede logística é um importante aspecto das relações comerciais entre países, principalmente no caso dos bens agrícolas, pois a rapidez e cuidado na entrega são de extrema importância por sua maior perecibilidade. Assim, esse trabalho tem por objetivo avaliar o impacto da eficiência logística nas exportações de bens agrícolas, no período entre 2007 e 2018, para um grupo de 168 países. Para tanto, propõe a realização de uma análise descritiva de um indicador de eficiência logística e a estimação de uma regressão baseada no modelo gravitacional. A análise descritiva mostrou que os países com pior desempenho são aqueles mais pobres e os do continente africano, enquanto os de melhores resultados são aqueles de alta renda. A regressão estimada revelou que uma maior qualidade logística afeta positivamente as exportações agrícolas. Desta forma, é necessário discutir quais políticas e ações devem ser feitas com o objetivo de aprimorar a rede de logística nos países, estimulando projetos que visem melhorar a infraestrutura, a rastreabilidade e tornar mais eficientes os procedimentos aduaneiros.
      PubDate: 2022-03-28
      DOI: 10.25112/rgd.v19i1.2696
      Issue No: Vol. 19, No. 1 (2022)
       
  • CORPORAÇÕES MONOPOLISTAS: AS CONSEQUÊNCIAS AO BRASIL DA HEGEMONIA NA
           PRODUÇÃO E NO CONSUMO ALIMENTAR

    • Authors: Julice Salvagni, Nicole de Souza Wojcichoski, Marina Guerin, Victória Mendonça da Silva
      Pages: 225 - 244
      Abstract: Buscou-se compreender a maneira como a população brasileira produz e consome alimentos sob o controle das corporações agroindustriais, indicando as implicações do vigente sistema capitalista à vida em sociedade. Trazer ao debate a complexidade desse modelo sociopolítico e econômico é necessário para que se possam pensar alternativas que reduzam os danos dessa relação deletéria. Considera-se, portanto, que o consumo de alimentos no Brasil é controlado por corporações monopolistas que são responsáveis não só pela produção do alimento, como também pelo beneficiamento, distribuição e todas as etapas do processo. A agroindústria tem hegemonia na produção e na representação política parlamentar dos ruralistas, responsáveis por mudanças importantes nas leis do país, que beneficiam seus interesses na liberação de incentivos fiscais, liberação de uso de agrotóxicos e transgênicos e até mesmo queda ou manutenção de um presidente no poder. O controle na política e na produção também impacta nos aspectos geopolíticos, influenciando nas mudanças ambientais e sociais ao migrarem de uma região a outra por benefícios e incentivos fiscais, deixando o solo devastado, afetando pequenos produtores, agricultura familiar e causando gentrificação. Ademais, há impacto negativo na saúde de quem produz e de quem consome, dado o uso de transgênicos que demandam uma grande quantidade de fertilizantes e aditivos químicos.
      PubDate: 2022-03-28
      DOI: 10.25112/rgd.v19i1.2761
      Issue No: Vol. 19, No. 1 (2022)
       
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
 


Your IP address: 3.235.176.80
 
Home (Search)
API
About JournalTOCs
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-