A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z  

  Subjects -> SCIENCES: COMPREHENSIVE WORKS (Total: 374 journals)
The end of the list has been reached or no journals were found for your choice.
Similar Journals
Journal Cover
Revista Catarinense da Ciência Contábil
Number of Followers: 0  

  This is an Open Access Journal Open Access journal
ISSN (Print) 1808-3781 - ISSN (Online) 2237-7662
Published by Conselho Regional de Contabilidade de Santa Catarina Homepage  [1 journal]
  • Ações de legitimidade e evidenciação contábil

    • Authors: Juliana Ferreira de Carvalho, Lívia Janaína Silva, Juliano Lima Soares
      Abstract: Empresas envolvidas em tragédias socioambientais têm despertado cada vez mais o interesse da sociedade e dos órgãos reguladores. Nesse sentido, os casos das empresas Samarco S.A. e Vale S.A. destacam-se no contexto brasileiro em função dos impactos socioambientais que ocorreram nas regiões em que operam. Desse modo, essa pesquisa visou analisar as ações de legitimidade social, segundo a tipologia de Suchman (1995), evidenciadas pelas empresas Samarco S.A. e Vale S.A., após os desastres de Mariana em 2015 e Brumadinho em 2019. Para tanto, classifica-se como qualitativa e utilizou-se como metodologia para responder ao problema de pesquisa a Análise de Conteúdo aplicada ao Relatório da Administração (RA) e Notas Explicativas (NE) das Demonstrações Financeiras (DF). O período de análise da Samarco S.A. foi de 2015 a 2020; já a análise da Vale S.A. compreendeu os anos de 2019 e 2020. Os principais resultados inferem que as empresas analisadas pretenderam ganhar legitimidade geral no período analisado. Essa legitimidade é utilizada como ação ou estratégia quando a empresa incorre em algum evento de conotação negativa e precisa assegurar a continuidade de suas operações. Ademais, nos casos da Samarco e Vale, percebe-se que os eventos referentes às tragédias foram reportados de maneira superficial e sem reconhecimento efetivo da culpabilidade dos responsáveis.
      PubDate: 2022-09-09
      DOI: 10.16930/2237-766220223257
      Issue No: Vol. 21 (2022)
       
  • A composição do endividamento das firmas e a macroeconomia do
           capital

    • Authors: Octávio Valente Campos, Wagner Moura Lamounier, Rafael Morais de Souza
      Abstract: O objetivo desta pesquisa é analisar a influência que as políticas monetárias exercem sobre a composição do endividamento das corporações brasileiras. Desse objetivo derivam 2 hipóteses. A primeira analisa o agregado da amostra e a segunda direciona os testes para os setores produtivos. A amostra do estudo é composta por 220 empresas: 84 de bens de consumo, 89 de bens de capital e 47 de utilidade pública. Os dados coletados referem-se aos anos de 2009 a 2019. A metodologia empregada para a análise dos dados se dá por meio dos modelos de dados em painel, pela abordagem GMM. Segundo os resultados pode-se concluir - à luz da macroeconomia do capital - que a composição do endividamento das firmas pode ser determinada pelos momentos de mercado definidos pelas políticas monetárias, de modo que tal influência é distinta a depender do setor ao qual as empresas se situam na cadeia produtiva. Estes resultados complementam a literatura que estuda os impactos das políticas monetárias e de variáveis macroeconômicas sobre as finanças corporativas, principalmente por meio de modelagem econométrica estruturada em dados contábeis.
      PubDate: 2022-09-09
      DOI: 10.16930/2237-766220223296
      Issue No: Vol. 21 (2022)
       
  • Análise da relação entre o desempenho acadêmico e as estratégias de
           aprendizagem de graduandos de Contabilidade do EAD

    • Authors: Samuel de Oliveira Durso, Sonia Rosa Arbues Decoster
      Abstract: Este estudo teve como objetivo identificar a relação existente entre as estratégias de aprendizagem adotadas por graduandos de contabilidade do Ensino a Distância (EAD) e seus respectivos desempenhos acadêmicos. Com a pandemia provocada pela Covid-19, várias Instituições de Ensino Superior (IES) precisaram investir em tecnologias que facilitam a introdução e disseminação do EAD. Apesar das similaridades de conteúdo entre o ensino presencial e o EAD, o processo de aprendizagem é distinto entre as modalidades, tornando-se necessário compreender as estratégias que ajudam a explicar o desempenho desses discentes. Para atingir o objetivo proposto pela pesquisa, foi conduzido um levantamento com 174 discentes do curso de Ciências Contábeis EAD de uma IES privada com sede na cidade de São Paulo. A análise dos dados contou com técnicas quantitativas, como teste de médias, análise de componentes principais e regressões lineares simples e múltiplas. A partir dos resultados da pesquisa, foi possível identificar uma correlação positiva entre as principais estratégias utilizadas pelos discentes e o desempenho no curso, corroborando com a literatura sobre o tema. Em especial, as estratégias cognitivas mostraram-se mais importantes para os estudantes da amostra da pesquisa. Os resultados do estudo ajudam a compreender como os discentes de contabilidade do EAD utilizam estratégias que ajudam no seu desempenho acadêmico, o que pode ser útil para os gestores de curso, estudantes da área, professores e para a condução de políticas educacionais pela classe contábil.
      PubDate: 2022-08-31
      DOI: 10.16930/2237-766220223303
      Issue No: Vol. 21 (2022)
       
  • Um estudo dos aspectos relacionados à presença de ruídos no processo de
           elaboração da informação contábil: haveria a influência de
           heurísticas comportamentais'

    • Authors: Rodrigo de Alencar Ferreira Araújo Araújo, Rodrigo Vicente dos Prazeres, Tiago de Moura Soeiro, Valdemir da Silva
      Abstract: Esta pesquisa teve por objetivo analisar as relações entre a habilidade comunicativa, o grau de conhecimento e a posição dentro do sistema sociocultural dos elaboradores com a presença de ruídos no processo de elaboração da informação contábil. Para tanto, foi aplicado um questionário com 233 profissionais atuantes no mercado de trabalho e as análises foram conduzidas por meio das técnicas de regressão logística e de testes de diferença entre grupos. Como resultados, foi possível verificar que a habilidade comunicativa e o grau de conhecimento influenciam na presença de ruídos no processo de elaboração, posta a observação de relações positiva e negativa, respectivamente, para as proxies formação acadêmica e experiência profissional. Estes resultados contribuem com evidências de que há uma maior propensão de incorrência em ruídos por parte de elaboradores com maior grau de formação acadêmica, ao passo que elaboradores com maior experiência profissional ou que atuam no campo da Contabilidade Financeira incorrem em um menor grau de ruído.
      PubDate: 2022-08-19
      DOI: 10.16930/2237-766220223285
      Issue No: Vol. 21 (2022)
       
  • Usabilidade dos sistemas de custos no Setor Público Federal

    • Authors: Enio Alves de Souza, Evaldo Cesar Cavalcante Rodrigues
      Abstract: O objetivo deste estudo foi identificar qual a percepção de usabilidade dos sistemas de custos do Setor Público Federal por parte dos gestores e usuários das informações de custos. Para isto, realizou-se uma pesquisa junto a setoriais e seccionais de custos do Governo Federal, mediante aplicação de questionário que foi validado por brainstorming e por grupo focal. Os dados quantitativos da pesquisa foram obtidos a partir aplicação do modelo de análise Multicritério para Apoio à Decisão - Construtivista “Multicriteria Decision Aid - Constructivist” (MCDA-C). Os resultados, gerados no software MyMCDA-C, evidenciaram que nove critérios atingiram os pontos ótimos, alcançando nível excelente de usabilidade, os quais foram considerados como muito significativo para alcance dos objetivos de uso dos sistemas de custos. O maior esforço foi para “metodologia de custos” e o menor para “ferramentas tecnológicas”. Em termos práticos, ficou evidente que o esforço em buscar uma metodologia de custos pertinentes aos objetivos do órgão é maior que as ferramentas tecnológicas atualmente disponíveis. A pesquisa também visou contribuir com base bibliográfica para estudos futuros quanto a usabilidade na área de ciências contábeis e subsidiar as entidades do setor público ao elencar neste trabalho critérios para implantação de custos com foco em usabilidade.
      PubDate: 2022-08-19
      DOI: 10.16930/2237-766220223224
      Issue No: Vol. 21 (2022)
       
  • Proposta de Aperfeiçoamento do Portal da Transparência do Poder
           Executivo de Santa Catarina

    • Authors: Gilceu Ferreira, Fabiano Maury Raupp
      Abstract: O objetivo deste artigo consiste em propor diretrizes orientativas para o aperfeiçoamento da transparência de dados e informações públicas do Estado de Santa Catarina, relacionadas à Educação, por meio do Portal da Transparência do Poder Executivo. Trata-se de uma pesquisa descritiva e qualitativa, que utilizou um modelo de análise baseado em atributos da qualidade da informação. A população consistiu em 61 pedidos de informação de 2019 da Lei de Acesso à Informação (LAI). Utilizando a análise documental e de conteúdo, os resultados mostraram que 88% dos pedidos se referem à Educação Básica e 12% ao Educação Superior. Outra classificação demonstrou que 58,8% estão associados a “Prestação de Serviços”, 29,4% em “Informações Institucionais” e 11,8% na “Gestão Financeira”. Foram elaboradas 23 proposições de conteúdo abordando aspectos da relevância, confiabilidade, linguagem, apresentação, tempestividade e série histórica, que fazem parte das dimensões utilidade, compreensibilidade e temporalidade do modelo de análise. As proposições tratam de informações organizacionais, de recursos humanos, das escolas, da universidade estadual, assim como de serviços, ações e resultados, despesas e os convênios e transferências de recursos relacionados à Educação. Abordam aspectos gerais, como o quantitativo geral de alunos, professores e escolas, mas também orientam a disponibilização de forma particularizada, como os conteúdos de cada escola. A criação da página temática “Educação” no Portal para concentrar o repertório de conteúdos e facilitar o acesso e direcionamento para outras páginas e funcionalidades existentes no Portal, aplicando filtros da educação, consistiu em uma proposta de melhoria geral.   
      PubDate: 2022-08-05
      DOI: 10.16930/2237-766220223247
      Issue No: Vol. 21 (2022)
       
  • Fatores que interferem na intenção comportamental de uso das aulas
           remotas pelos alunos do curso de Ciências Contábeis das Instituições
           Públicas Paranaenses

    • Authors: Michele Goncalves, Edenise Aparecida dos Anjos, Flaviano Costa
      Abstract: O presente trabalho tem como objetivo verificar os fatores que interferem na intenção comportamental de uso das aulas na modalidade remota pelos alunos do Curso de Ciências Contábeis nas Universidades Públicas Paranaenses. A pesquisa foi realizada por meio da abordagem quantitativa e utilizou-se para análise dos dados a técnica modelagem de equações estruturais (SEM). Empregou como base o Modelo de Aceitação da Tecnologia (TAM), sendo a amostra composta por 292 respondentes. Os resultados do estudo apontam que os acadêmicos perceberam a utilidade e importância das aulas na modalidade remota com uso de tecnologias digitais e, que o conhecimento anterior de tecnologias contribuiu positivamente na percepção de facilidade de uso. Foi possível verificar, ainda, que os acadêmicos não encontraram dificuldade em acessar as aulas no ambiente disponibilizado pelas IES. Por fim, apesar de todos os desafios do período pandêmico e a adoção emergencial da modalidade de aulas remotas, as IES paranaenses conseguiram continuar com as atividades letivas, superando grandes dificuldades em um momento de muita incerteza, e que os acadêmicos entendem que tais mudanças foram necessárias, mesmo que não tenham acontecido exatamente da forma como desejariam. Espera-se que os achados dessa pesquisa possam contribuir positivamente na formulação das estratégias de enfrentamento de crises pelas IES, assim como para o planejamento de plataformas virtuais institucionais.
      PubDate: 2022-08-01
      DOI: 10.16930/2237-766220223293
      Issue No: Vol. 21 (2022)
       
  • A influência da Governança Corporativa e dos mecanismos externos de
           controle no trade-off entre as estratégias de gerenciamento de resultados
           

    • Authors: Rafael Scuizato Telles, Romildo de Oliveira Moraes
      Abstract: O estudo teve por objetivo analisar a influência da governança corporativa (GC) e de mecanismos externos de controle no trade-off entre as estratégias de gerenciamento de resultados por accruals discricionários e por decisões operacionais. A amostra foi composta por 177 empresas listadas na B³. A governança corporativa foi investigada por meio do índice desenvolvido por Leal et al. (2015). O gerenciamento de resultados foi captado pelo modelo de Paulo (2007) no caso dos accruals discricionários, pelo modelo de Roychowdhury (2006) no caso das despesas operacionais e o teste de Vuong (1989) para o trade-off entre essas estratégias. O estudo amplia as investigações no âmbito do gerenciamento de resultados ao investigar se fatos endógenos (governança corporativa) e exógenos (mecanismos externos de controle) à empresa influenciam os gestores em suas opções por gerenciarem os resultados pelos accruals discricionários ou pelas decisões operacionais. Nos resultados, verificou-se que a governança corporativa e os mecanismos externos de controle influenciam no trade-off entre as estratégias de resultado. A presença destas variáveis levou os gestores a priorizarem a utilização do gerenciamento por meio dos accruals discricionários em detrimento do gerenciamento por meio das decisões operacionais. A pesquisa contribui com a literatura sobre gerenciamento de resultados ao detectar variáveis que influenciam nas decisões discricionárias dos gestores quanto a qual estratégia de gerenciamento utilizar, trazendo contribuições práticas ao sinalizar para os stakeholders que a governança e os mecanismos externos de controle são eficazes em seu papel de inibirem o gerenciamento de resultados.
      PubDate: 2022-07-05
      DOI: 10.16930/2237-766220223250
      Issue No: Vol. 21 (2022)
       
  • Entropia da informação e ranking das empresas do IBOVESPA

    • Authors: Lucas Benedito Gomes Rocha Ferreira, Crisiane Teixeira da Silva, Luiz Fernando Câmara Viana, Tatiane Meurer
      Abstract: Este estudo analisa os pesos de indicadores multidimensionais de desempenho para determinar o ranking das empresas listadas no índice Bovespa. Trata-se de uma pesquisa quantitativa por meio do método multicritério entropia da informação, em que os indicadores das dimensões ambiental, social, de governança, econômico-financeira e de mercado foram obtidos pela base de dados Refinitiv Eikon. Assim, foi possível estabelecer os pesos dos indicadores para cada ano com a finalidade de determinar os rankings das empresas em nível setorial e geral. A variável inovação ambiental foi responsável pela maior relevância informacional, enquanto os indicadores como retorno sobre patrimônio líquido e alavancagem financeira obtiveram os menores pesos. Quanto ao ranking, a Renner ocupou a primeira colocação, o que torna possível inferir que essa companhia vem se destacando nos indicadores retratados com maior peso. Além disso, os setores de comunicação e utilidade pública apresentaram as maiores pontuações médias, ao passo que os segmentos de saúde e energia tiveram os menores desempenhos em média. Esses resultados indicam a relevância da prestação de informações corporativas para alcançar os investidores, cada vez mais preocupados com boas práticas de gestão e com indicadores socioambientais. Ademais, os achados sugerem que inovar em questões ambientais não consiste em uma prioridade para as empresas da amostra, suscitando o questionamento se essas organizações visualizam a legitimidade ou retornos de inovações bem-sucedidas como recompensas dos investimentos realizados. A pesquisa contribui ao apontar que empresas com melhores práticas ambientais poderão obter mais benefícios, assim como a sociedade, diante da qualidade de vida e da preservação ambiental.
      PubDate: 2022-06-24
      DOI: 10.16930/2237-766220223246
      Issue No: Vol. 21 (2022)
       
  • Impacto da agressividade fiscal na rentabilidade das empresas de capital
           aberto listadas na B3

    • Authors: Milena Becker Xavier, Viviane Theiss, Marília Paranaíba Ferreira
      Abstract: A prática da agressividade fiscal visa amenizar o alto custo com impostos ocasionado pela complexidade da legislação tributária, mira diminuir gastos tributários e maximizar o desempenho das organizações. O presente estudo analisa o impacto da agressividade fiscal na rentabilidade das empresas de capital aberto listadas na B3 no período de 2016 a 2020, posto que no contexto brasileiro, as evidências sobre a relação entre essa prática e a rentabilidade das empresas ainda são limitadas. A amostra final do estudo foi composta por 204 empresas brasileiras e as proxies utilizadas para a mensuração da agressividade fiscal foram o Book Tax Difference total (BTD) e Effective Tax Rate (ETR). Em relação às variáveis de rentabilidade, observou-se o retorno de investimentos, retorno para acionistas e atividades operacionais. A análise foi feita por meio de estatísticas descritivas, regressões múltiplas (com efeitos aleatórios) e quantílicas, sendo que os resultados encontrados não apresentaram consenso entre as proxies. Enquanto a BTD aponta que quanto maior a agressividade fiscal maior a rentabilidade, a ETR demonstra relação inversa. Em virtude de as proxies de agressividade fiscal não demonstrarem consenso nos resultados, não foi possível afirmar que maiores níveis de agressividade fiscal aumentam a rentabilidade das companhias abertas listadas na B3. Nesse sentido, as evidências empíricas permitem reflexões sobre o uso da agressividade fiscal no Brasil e a tomada de decisão dos gestores.
      PubDate: 2022-06-10
      DOI: 10.16930/2237-766220223229
      Issue No: Vol. 21 (2022)
       
  • O grau de rigidez dos custos dos produtos e o pagamento de dividendos no
           mercado de capital brasileiro

    • Authors: Sergio Gouveia Santos, Lauro Vinicio de Almeida Lima
      Abstract: A presente pesquisa teve por objetivo analisar o reflexo do grau de rigidez dos custos dos produtos vendidos (CPV) na política de pagamento de dividendos das companhias brasileiras não financeiras de capital aberto, no período de 2005 a 2019. O estudo parte da possibilidade de existir rigidez nos ajustes dos custos dos produtos para as empresas que podem não acompanhar as variações nas receitas, inclusive diante de um cenário de diminuição no nível de atividade, comprometendo o resultado e suas destinações, como o pagamento de dividendos. A partir da validação da existência de rigidez no comportamento dos custos na amostra selecionada, por intermédio de um modelo regressivo, adotou-se uma proxy de intensidade dos ativos para mensurar o grau de rigidez e seu reflexo no pagamento de dividendos, utilizando a técnica de dados em painel de efeitos fixos. Como resultado, foram obtidos indícios de que o CPV varia em 0,96% para aumento de 1% na Receita Líquida de Vendas, enquanto diminui apenas 0,89% no inverso. Já um aumento no grau de rigidez dos custos reflete uma diminuição de 0,50 nos dividendos pagos, que também são impactados negativamente pela alavancagem financeira e positivamente pelos fluxos de caixa operacionais, de acordo com os dados da pesquisa. Assim, o estudo inferiu que entidades com maior grau de rigidez na estrutura dos custos tendem a pagar um nível menor de dividendos.
      PubDate: 2022-05-26
      DOI: 10.16930/2237-766220223240
      Issue No: Vol. 21 (2022)
       
  • Contabilidade Societária vs. Regulatória

    • Authors: Bianca França Rocha Lamounier, Mariana Guerra, José Lúcio Tozetti Fernandes, Eduardo Matos
      Abstract: Com a situação crítica de escassez hídrica que assolou o Distrito Federal nos anos de 2016 a 2017, a agência reguladora local – a ADASA– editou normativos autorizando e disciplinando a cobrança da tarifa de contingência para serviços de abastecimento de água da região oferecidos pela CAESB. Contudo, estes normativos geraram conflitos de orientações técnicas e práticas quanto aos aspectos regulatórios e contábeis. Neste contexto, o presente caso de ensino propõe a análise das normas regulatórias e societárias sobre os recursos arrecadados com esta tarifa, e o tratamento destes recursos à luz da Teoria da Contabilidade e dos Pronunciamentos Técnicos Contábeis emitidos pelo CPC. Construído a partir das demonstrações financeiras da CAESB, juntamente com documentos publicados pela concessionária e pela reguladora, aponta-se que a empresa cumpre o estabelecido pela reguladora, mas pratica operações adicionais que não são esclarecidas em notas explicativas. Pretende-se com este caso discutir o reconhecimento da tarifa de contingência como outras receitas. Ao considerar que a regulamentação restringe o acesso e a forma de uso dos recursos advindos desta tarifa, o reconhecimento como uma provisão proporcionaria preservação da saúde econômico-financeira da concessionária. Nesse caso de ensino, portanto, destaca-se que as práticas contábeis referentes à tarifa de contingência podem não ser aderentes aos pronunciamentos contábeis vigentes e à teoria da contabilidade, oportunizando a discussão e a aplicação de conceitos-chaves de contabilidade para estudantes dos cursos de graduação e pós-graduação da área.
      PubDate: 2022-05-23
      DOI: 10.16930/2237-766220223241
      Issue No: Vol. 21 (2022)
       
  • Apresentação

    • Authors: Marisa Luciana Schvabe de Morais
      PubDate: 2022-02-11
      Issue No: Vol. 21 (2022)
       
  • A imagem do profissional contábil transmitida no filme “O
           Contador”

    • Authors: Filippi Mickael Martini Honorio, Elvis Joel Rodrigues da Silva, Silvana Anita Walter, Sidnei Celerino da Silva
      Abstract: Com o intuito de compreender como a imagem do contador é propagada pela mídia, analisou-se elementos de legitimidade propostos por Suchman (1995) e estereótipos ligados à imagem do contador presentes no filme “O Contador” (2016). A pesquisa caracterizou-se como documental, descritiva e qualitativa. Para a análise e interpretação dos dados, utilizou-se a Análise de Conteúdo categorial proposta por Bardin (2010), sendo que as categorias foram formadas a priori. Evidenciou-se que os elementos de legitimidade estiveram presentes, quanto à legitimidade pragmática, na forma como o contador se veste; no envolvimento em trabalhos criminosos; na demonstração de sua capacidade técnica. Na legitimidade moral, existem dilemas éticos conflitantes nas ações do contador, especialista em dinheiro sujo. Quanto à legitimidade cognitiva, ele é visto como alguém que agrada seus clientes e nem sempre escolhe a profissão por afinidade. Em relação aos estereótipos, observou-se discrepância entre gêneros; dificuldade de relacionamento; falta de senso de humor e que o profissional contábil apresenta raciocínio lógico e matemático apurado e competência em suas funções. Destaca-se, portanto, como contribuições da pesquisa, a elucidação das distorções encontradas sobre a imagem dos contadores em estudos empíricos, em relação ao que é veiculado na mídia, por meio do filme analisado, buscando assim, combater imagens negativas da profissão, ao identificar como elas surgem. Com isso, a área contábil beneficia-se com uma possível mudança na percepção popular da importância dos contadores para as empresas, ao entender que o profissional criminoso, exposto nas mídias atuais, diverge daquele que é exigido pelo mercado de trabalho.
      PubDate: 2022-02-11
      DOI: 10.16930/2237-766220223225
      Issue No: Vol. 21 (2022)
       
  • Influência da responsabilidade social corporativa na qualidade das
           demonstrações contábeis de empresas brasileiras

    • Authors: Maria Macileya Azevedo Freire, Antonio Rodrigues Albuquerque Filho
      Abstract: Diante de um mercado cada vez mais exigente, consciente das necessidades e efeitos das ações organizacionais, cresce o interesse de evidenciação e controle das informações divulgadas. Assim, com o objetivo de investigar a influência da Responsabilidade Social Corporativa (RSC) na qualidade das demonstrações contábeis de empresas brasileiras, realizou-se uma pesquisa descritiva junto a 300 empresas listadas na B3, aplicando-se estatística descritiva, teste de diferença entre médias, correlação e regressão logística para o tratamento dos dados. Foram analisadas a Responsabilidade Social Corporativa (RSC) medida pela métrica geral CSRHub, e a qualidade da informação representada pela republicação dos seus demonstrativos financeiros, considerando-se que esse parâmetro sinaliza baixa qualidade da informação inicialmente divulgada. Os resultados evidenciaram que existem diferenças estatisticamente significantes na RSC referente às empresas que republicam suas demonstrações contábeis comparadas as empresas que não republicam seus demonstrativos, denotando que, as empresas que não republicam suas informações tendem a apresentar um maior investimento em RSC. Constatou-se, ainda, que quanto maior a RSC e o tamanho organizacional, menor a republicação das demonstrações contábeis pelas empresas. Por fim, verificou-se que existe uma influência negativa da RSC na republicação das demonstrações contábeis, apresentando que quanto maior a RSC, menor a probabilidade de republicação das demonstrações contábeis pelas empresas. Desta forma, empresas com maiores níveis de RSC apresentam maior possibilidade de elevar os cuidados com a informação divulgada, e, assim, denotar maior qualidade da informação contábil. Dessa maneira, aceitou-se a hipótese deste estudo de que empresas que apresentam maiores práticas de RSC divulgam demonstrações contábeis de maior qualidade.
      PubDate: 2022-02-11
      DOI: 10.16930/2237-766220223223
      Issue No: Vol. 21 (2022)
       
  • Impacto e tendência da Pós-graduação em Contabilidade
           no Brasil

    • Authors: Valcemiro Nossa
      PubDate: 2022-02-07
      DOI: 10.16930/2237-766220223256
      Issue No: Vol. 21 (2022)
       
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
 


Your IP address: 18.208.187.128
 
Home (Search)
API
About JournalTOCs
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-