Subjects -> MUSEUMS AND ART GALLERIES (Total: 56 journals)
Showing 1 - 7 of 7 Journals sorted alphabetically
Acervo : Revista do Arquivo Nacional     Open Access   (Followers: 4)
Acta Musei Nationalis Pragae - Historia     Open Access  
Acta Museologica Lithuanica     Open Access  
AICCM Bulletin     Hybrid Journal   (Followers: 1)
American Museum Novitates     Open Access   (Followers: 5)
Annals of the Ditsong National Museum of Natural History     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
Archivalische Zeitschrift     Hybrid Journal   (Followers: 8)
Archivaria     Open Access   (Followers: 36)
Archives     Full-text available via subscription   (Followers: 8)
Archives and Manuscripts     Hybrid Journal   (Followers: 59)
Archives and Museum Informatics     Hybrid Journal   (Followers: 196)
Boletín Científico : Centro de Museos. Museo de Historia Natural     Open Access  
Bulletin of Kyiv National University of Culture and Arts. Series in Museology and Monumental Studies     Open Access   (Followers: 2)
Collections : A Journal for Museum and Archives Professionals     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Curator     Hybrid Journal   (Followers: 15)
ICOFOM Study Series     Open Access  
Journal of Archival Organization     Hybrid Journal   (Followers: 28)
Journal of Conservation and Museum Studies     Open Access   (Followers: 20)
Journal of Curatorial Studies     Hybrid Journal   (Followers: 10)
Journal of Educational Media, Memory, and Society     Full-text available via subscription   (Followers: 12)
Journal of Jewish Identities     Full-text available via subscription   (Followers: 13)
Journal of Museum Education     Hybrid Journal   (Followers: 18)
Journal of the History of Collections     Hybrid Journal   (Followers: 13)
Journal of the Institute of Conservation     Hybrid Journal   (Followers: 28)
Journal of the Society of Archivists     Hybrid Journal   (Followers: 37)
Journal of the South African Society of Archivists     Full-text available via subscription   (Followers: 8)
La Lettre de l’OCIM     Open Access  
Land Use Policy     Hybrid Journal   (Followers: 29)
Memoirs of the Queensland Museum, Culture     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
Metropolitan Museum Journal     Full-text available via subscription   (Followers: 11)
MIDAS     Open Access  
Museologia & Interdisciplinaridade     Open Access  
Museum and Society     Open Access   (Followers: 6)
Museum Anthropology     Hybrid Journal   (Followers: 21)
Museum Anthropology Review     Open Access   (Followers: 10)
Museum History Journal     Hybrid Journal   (Followers: 19)
Museum International     Hybrid Journal   (Followers: 17)
Museum International Edition Francaise     Hybrid Journal   (Followers: 4)
Museum Management and Curatorship     Hybrid Journal   (Followers: 23)
Museum Worlds : Advances in Research     Full-text available via subscription   (Followers: 5)
Museums & Social Issues     Hybrid Journal   (Followers: 9)
Museums Journal     Full-text available via subscription   (Followers: 18)
Nordisk Museologi : The Journal Nordic Museology     Open Access  
Norsk museumstidsskrift     Open Access  
RBM : A Journal of Rare Books, Manuscripts, and Cultural Heritage     Open Access   (Followers: 23)
Revista de Museología : Kóot     Open Access   (Followers: 1)
Revista del Museo de Antropología     Open Access   (Followers: 1)
Revista del Museo de La Plata     Open Access  
Sillogés     Open Access   (Followers: 2)
South African Museums Association Bulletin     Full-text available via subscription   (Followers: 2)
Technè     Open Access   (Followers: 1)
Technology and Culture     Full-text available via subscription   (Followers: 31)
Tejuelo : Revista de ANABAD Murcia     Open Access  
Travaux du Muséum National d’Histoire Naturelle “Grigore Antipa” (The Journal of “Grigore Antipa” National Museum of Natural History)     Open Access   (Followers: 2)
Uncommon Culture     Open Access   (Followers: 3)
Μουσείο Μπενάκη     Open Access  
Similar Journals
Journal Cover
Museologia & Interdisciplinaridade
Number of Followers: 0  

  This is an Open Access Journal Open Access journal
ISSN (Online) 2238-5436
Published by Universidade de Brasília Homepage  [67 journals]
  • Editorial

    • Authors: Ana Lúcia de Abreu Gomes, Clovis Carvalho Britto, Monique Batista Magaldi
      Pages: 01 - 11
      Abstract: XXX
      PubDate: 2019-10-31
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.28103
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • Museus de Educação:

    • Authors: Alberto Barausse, Zita Rosane Possamai
      Pages: 12 - 15
      Abstract: Apresentação do Dossiê
      PubDate: 2019-10-31
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.28104
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • Panorama atual dos Museus de Educação em Espanha

    • Authors: Luis M. Naya Garmendia, Pauli Dávila Balsera
      Pages: 16 - 36
      Abstract: A recuperação do patrimônio histórico-educacional na Espanha está experimentando uma fase de crescimento reconhecido. Neste artigo analisamos a emergência dos primeiros museus pedagógicos e escolares, sua situação na Europa e na Espanha e, finalmente, realizamos uma cartografia de sua situação. Para isso, partimos de sua dependência institucional, aplicando uma série de categorias: relato de museu, atividades realizadas, tipologia patrimonial, audiências e gestão de museus. A conclusão a que chegamos é que a existência destes museus dá conta, devido à sua extensão territorial e agentes implicados, de um dinamismo exemplar e dos desafios que enfrentam no futuro.
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.21143
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • Museus Pedagógicos e Museus Escolares na Itália:

    • Authors: Alberto Barausse
      Pages: 37 - 56
      Abstract: O artigo ilustra a origem e os desenvolvimentos da musealização em âmbito pedagógico e
      escolar na Itália, no período entre a segunda metade do século XIX e as duas primeiras décadas do século XX. Durante este período, os museus da península italiana com caráter pedagógico e escolar foram promovidos no âmbito das mais numerosas iniciativas em nível mundial, baseadas nas ideias e nas práticas que
      circularam através das exposições universais. A contribuição pretende destacar a diferente
      natureza e finalidade dos museus oriundos da ação do Ministério de Instrução Pública, daqueles apoiados por universidades ou institutos escolares individuais.
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.25940
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • O Museu Nacional da Escola de Florença (1929-1941)

    • Authors: Juri Meda, Lucia Paciaroni
      Pages: 57 - 68
      Abstract: A presente contribuição propõe-se a reconstruir a história do primeiro verdadeiro museu da escola italiana, o Museo Nazionale di Firenze  (Museu Nacional de Florença), fundado em 1937 por Giovanni Calò dentro do edifício que abrigou a Faculdade de Ciências Políticas e Sociais, na rua Laura, e, em 1941, foi transferido para o prestigiado Palácio Gerini, sede do Centro Didático Nacional. O museu teve uma criação conturbada. Seu primeiro núcleo, de fato, foi constituído pelo Museo Didattico Nazionale ( Museu Didático Nacional)  , fundado por Calò em 1929, com o objetivo de recolher o material recebido das escolas e instituições de ensino de todo o país e exibido, entre março e abril de 1925, nos pavilhões da grande Exposição Nacional Didática de Florença. A gênese deste museu é interessante, pois foi inspirada inicialmente no modelo do museu pedagógico do final do século XIX, caracterizado como um local para a coleta de material didático produzido em escolas de todos os níveis e como laboratório para a formação e a atualização dos professores, e posteriormente, transformou-se em um museu da escola. Seu objetivo era contar  a história da escola e das instituições educativas, desde os tempos antigos até a contemporaneidade. Continham  um centro de documentação e uma biblioteca especializada anexos, os quais herdam e  incrementam as funções de formação e atualização dos professores.  
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.25999
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • Museus Pedagógicos Nacionais:

    • Authors: Zita Rosane Possamai
      Pages: 69 - 87
      Abstract: Esse artigo analisa a criação e os primeiros anos de funcionamento do Museu Pedagógico da França e do Pedagogium do Brasil, ambos inseridos no movimento internacional de implantação de museus nacionais pedagógicos e concebidos como instrumentos para o progresso da escola pública, no final do século XIX. A abordagem transnacional do projeto museal e das práticas brasileira e francesa permitiu analisar aproximações e distanciamentos entre as duas instituições. Reunir impressos e artefatos nacionais e estrangeiros em uma biblioteca e uma exposição permanente para servir de subsídio a professores e gestores da instrução pública, estava dentre as finalidades das duas instituições. 
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.27225
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • Museo Pedagógico José Pedro Varela:

    • Authors: Vera Lucia Gaspar da Silva, Gabriel Scagliola
      Pages: 88 - 104
      Abstract: No presente artigo intentamos refletir sobre diferenças entre museus pedagógicos, museus da escola e museus escolares, dando ênfase aos primeiros e tomando como unidade exemplar o Museu Pedagógico José Pedro Varela. Criado num complexo que incluía a Biblioteca Pedagógica e localizado na cidade de Montevidéu, foi fundado em 1889 por Alberto Gómez Ruano (1858–1923). Singularidade que o coloca em lugar de destaque entre exemplares desse tipo de instituição é o fato de permanecer na sede na qual foi instalado e conservar grande parte do “acervo original”, além do que lhe foi agregado ao longo dos 130 anos de existência
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.25135
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • Museus Escolares no Brasil (1930 – 1970):

    • Authors: Vânia Maria Siqueira Alves
      Pages: 105 - 124
      Abstract: Surgidos no século XIX, como recurso de ensino, os museus escolares sofreram transformações em suas funções ao longo do tempo e do espaço. Presente nas legislações educacionais brasileiras do final do século XIX e primeira metade do século XX, os museus escolares foram mobilizados nas proposições de inovação e renovação da escola primária. “Museus escolares no Brasil (1930 -1970): revitalização e crise” trata da prescrição de criação e o florescimento dos museus escolares no contexto do movimento escolanovista, mais especificamente nos anos 1930 – 1940. Diferentemente do contexto europeu onde vivenciaram um período de crise, no Brasil, os museus escolares apresentaram números significativos e estiveram presentes em orientações pedagógicas do período. Frente à carência de pesquisas e dados, operações são necessárias para transformar os fatos em dados. Além da pesquisa bibliográfica e documental, a pesquisa estatística foi crucial no levantamento de informações sobre a presença dessas instituições museológicas nesse período.
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.22094
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • Descolonizando o olhar em arte decorativa:

    • Authors: Joseania Miranda Freitas, Ritta Maria Morais Correia Mota
      Pages: 125 - 136
      Abstract: Este texto, desenvolvido no âmbito do Mestrado em Museologia, da Universidade Federal da Bahia, Brasil, propõe um exercício de descolonização do olhar em arte decorativa, baseado em revisão bibliográfica que evidencia a pluralidade do fazer cerâmico, através do estudo de uma coleção de louça. Buscou-se um caminho metodológico para estimular a explicitação da pluralidade das matrizes que compõem os acervos cerâmicos, ampliando os modos de compreensão dessa prática, de forma a encorajar outras experiências que apontem para reflexões em torno do campo da arte decorativa, objetivando evidenciar memórias ausentes, silenciadas e/ou excluídas pelos processos de registros de memória hegemônicos.
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.25057
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • Matizes políticas e culturais na criação do Museu Wanderley Pinho
           (Recôncavo Baiano – 1968-1971)

    • Authors: Mariana Cerqueira Rodriguez, Suely Moraes Cerávolo
      Pages: 137 - 159
      Abstract: O presente artigo trata criação do Museu Wanderley Pinho (1968-1971), caso específico ao campo museológico na Bahia. A problematização geral versa sobre a centralização da salvaguarda como prática pública pondo em jogo temas mais abrangentes do que a simples conservação física de bens materiais do passado, portanto, em campo político de efeitos sobre o cultural. A materialidade que caracteriza o espaço Engenho/Museu é o fio condutor da análise, pautada em diversas fontes documentais, confluindo a linha teórico-metodológica que advoga as instituições museus como campos discursivos, espaços de interpretação e arenas políticas incidindo sobre as práticas patrimoniais. Observamos as articulações entre instituições, estratégias, agentes, discursos, procedimentos e o nível da ação em condições determinadas. Conclui-se que, a narrativa museográfica trilhou decisões e seleções de modo que o uso do passado manteve a tradição ideológica de um grupo, reunindo, através da figura de José Wanderley de Araújo Pinho, o museu rememorativo de uma camada particular da sociedade baiana.
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.24621
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • Dioramas de História Natural em Museus Escolares:

    • Authors: Vinicius Rodrigues dos Santos, Martha Marandino
      Pages: 160 - 182
      Abstract: A existência de museus nos espaços escolares está relacionada tanto a exposição das pesquisas em ciência naturais como ao ensino com base nos objetos usados na “lição das coisas”. Dentre esses objetos, encontramos os dioramas, presentes em museus de história natural desde o século XIX, sendo também encontrados nos museus escolares. Assim, neste artigo, nos apoiamos na Teoria Antropológica do Didático para estudar o potencial educativo de um dos dioramas do Museu de História Natural do Colégio Dante Alighieri (MHN-CDA). Nos resultados discutimos as implicações e apontamos o potencial e o limites dos dioramas para os processos de ensino e aprendizagem.
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.22144
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • Museologia na UFRGS: trajetórias e memórias

    • Authors: Ana Carolina Gelmini de Faria, Ana Celina Figueira da Silva, Elias Palminor Machado, Marlise Maria Giovanaz
      Pages: 183 - 195
      Abstract: O trabalho reflete as primeiras etapas do projeto de extensão Museologia na UFRGS: Trajetórias e Memórias. A iniciativa foi concebida no ensejo da celebração dos dez anos de vigência desta graduação, quando a equipe de discentes, docentes e técnicos-administrativos diagnosticaram duas circunstâncias: que os vestígios da trajetória do curso encontravam-se em processo de dissociação e perda; e que esses mesmos indícios possuíam potencialidade enquanto acervo da memória da formação em Museologia, caracterizando-se como fontes da História da Educação. Iniciou-se, assim, um tratamento de gestão de acervos de viés museológico no software Tainacan, processo que culminou em um repositório digital de acesso público.
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.23254
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • Acessibilidade nos Museus brasileiros:

    • Authors: Cláudia Celeste, Camila Silveira
      Pages: 196 - 212
      Abstract: A presente pesquisa busca mapear a tendência nas pesquisas acadêmicas que discutem acessibilidade e inclusão em Museus no Brasil. Com base nos pressupostos da pesquisa qualitativa do tipo documental, o corpus da pesquisa foi o Catálogo de Teses de Dissertações da CAPES. Os procedimentos metodológicos envolveram o levantamento e a leitura dos resumos. Para a análise dos dados, utilizou-se a Análise de Conteúdo. Foram localizados apenas treze trabalhos que discutem questões pertinentes à Acessibilidade em Museus. Os resultados mostram que é necessário aprofundar a pesquisa na área e promover a consolidação na produção científico nacional.
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.24783
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • Democracia:

    • Authors: Clovis Carvalho Britto
      Pages: 213 - 219
      Abstract: Texto de apresentação
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.27322
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • Democracia e Direitos Humanos:

    • Authors: Kátia Regina Felipini Neves
      Pages: 220 - 235
      Abstract: O artigo reflete sobre Democracia e Direitos Humanos e a crise na contemporaneidade. Questiona as instituições museológicas, em que a maioria ainda não assumiu como parte de sua missão colaborar na formação de cidadã/os para a valorização dos princípios democráticos e do respeito aos direitos humanos, deixando essa responsabilidade a cargo das instituições criadas para essa finalidade. Coloca aos museus o desafio de continuar com sua trajetória de transgressões, assumindo a temática dos direitos humanos nas ações museológicas de forma sistêmica e problematiza de que forma as Universidades podem inserir a temática nos seus três pilares – ensino, pesquisa e extensão –, especialmente na formação em Museologia.
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.27321
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • Formação em Museologia no Brasil e conquistas democráticas:

    • Authors: Ivan Coelho de Sá
      Pages: 236 - 257
      Abstract: No contexto das transformações internacionais provocadas pelos movimentos de Contracultura que repercutiram no campo da Museologia e reverberaram no Brasil, provocando, no antigo Curso de Museus-MHN, uma série de reformas conceituais que reavaliaram as tradicionais concepções de Museologia, a proposta deste artigo é fazer um recorte sobre a politização dos alunos na transição das décadas de 1960 e 1970. Para tanto, será feita uma narrativa recuperando a história e a memória de uma crise suscitada entre a direção do Curso e o Diretório Acadêmico, em 1968, que culminou com a expulsão de duas estudantes acusadas de subversão.
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.27323
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • Formação em Museologia e as conquistas da sociedade
           democrática:

    • Authors: Maria Célia T. Moura Santos
      Pages: 258 - 275
      Abstract: A partir da narrativa de suas vivências em atividades de pesquisa, ensino e extensão, no Curso de Museologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA), como estudante e professora, até sua aposentadoria, em 1997, a autora faz uma aproximação com o tema do IV Seminário Brasileiro de Museologia (SEBRAMUS), identificando as teias de relações e os caminhos percorridos, buscando indicadores de uma atuação participativa e transversal, no interior da Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas da UFBA e fora da Universidade. Ressalta a participação do Curso da UFBA na formulação e implantação da Política Nacional de Museus, citando exemplos de resultados alcançados com as ações do Projeto-Piloto do Eixo 3 da Política Nacional de Museus – Formação e Capacitação de Recursos Humanos –, implantado em Salvador-BA. Faz uma reflexão sobre as contribuições advindas para o desenvolvimento do campo museal, na atualidade, ressaltando a participação ativa dos demais cursos, dos profissionais, dos estudantes e dos vários atores sociais que se alinharam e ainda se alinham em torno da construção de sociedades democráticas, nos inspirando para novas possibilidades de ação-reflexão-ação.
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.27324
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • Um ponto de vista e a identificação de perspectivas desafiadoras

    • Authors: Maria Cristina Oliveira Bruno
      Pages: 276 - 281
      Abstract: O texto apresenta a trajetória do ensino da Museologia no país, a partir de um ponto de vista retrospectivo entre as realidades, as utopias e os embates, sublinhando os desafios atuais.
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.27325
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • Museos para crear consciencia, museos para los derechos humanos:

    • Authors: Ana Maria Sosa González
      Pages: 282 - 300
      Abstract: Los Museos de la Memoria del Cono Suramericano se han constituido en instituciones promotoras de los Derechos Humanos acompañando el proceso de reconstrucción de la memoria vinculada a las dictaduras recientes. Al ser museos que operan con memorias dolorosas que no toda la sociedad reconoce, son espacios de conflictos. El MUME en Uruguay es un espacio museal y cultural de estas características. Se propone como un espacio dedicado a la recuperación de la memoria vinculada al terrorismo de Estado de la última dictadura (1973-1984) con una clara intención de aportar conocimiento a las nuevas generaciones sobre la historia del pasado reciente del Uruguay desarrollando actividades de investigación, artísticas, educativas y culturales que promueven el sentido crítico y la reflexión como generadores de consciencia crítica sobre la sociedad y sus fenómenos. En este artículo se trabajará sobre las impresiones de sus públicos y gestores como manera de analizar el alcance de estas propuestas y sus dificultades en tanto museos que trabajan con memorias tan dolorosas como recientes.
      PubDate: 2019-10-29
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.27336
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • Coleção Mário de Andrade no Museu Afrodigital -
           Estação Pernambuco:

    • Authors: Charles Douglas Martins
      Pages: 301 - 309
      Abstract: Ao depararmos com a vasta coleção de objetos disponíveis na reserva técnica da Coleção Mário de Andrade, no Centro Cultural São Paulo, constatamos, através de registros históricos, que estes objetos tratavam-se de material apreendido durante a fase de intolerância ocorrida na década de 30 do século passado. Após 80 anos, uma equipe de pesquisadores pernambucanos retornam ao Centro Cultural São Paulo (CCSP) com o objetivo de digitalizar essa coleção e disponibilizá-la à sociedade. O que se descobre após a publicação desta pesquisa são tensões oriundas do desejo de restituição destas obras pelas comunidades de terreiros, herdeiras deste acervo, bem como uma nova visão do museu virtual exercendo forte papel social neste processo.
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.27326
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • “Luta, resistência e conquista”:

    • Authors: Silmara Küster de Paula Carvalho
      Pages: 310 - 329
      Abstract: O presente artigo aborda uma síntese da extensão universitária iniciada em 2011 e conduzida pelo Curso de Museologia da Universidade de Brasília no Ponto de Memória da cidade Estrutural, Distrito Federal. Tece a experiência vivenciada, chamando a atenção para a importância de ampliar o olhar para uma museologia conectada com a vida. Aponta aspectos do contexto urbano diante dos problemas sociais evidenciados a partir da Pesquisa Distrital por Amostra de Domicílios (PDAD-2015) e da Universidade de Brasília. Apresenta iniciativas de memória anteriores à fundação do Ponto de Memória propriamente dito, os desafios encontrados e as ações museais realizadas desde essa fundação.
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.27327
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
  • À luz do presente

    • Authors: Pedro Ernesto Freitas Lima
      Pages: 330 - 334
      Abstract: A presente resenha trata do livro O pensamento museológico de Gilberto Freyre, organizado por Mario Chagas e Gleyce Kelly Heitor. Ressaltamos como os diversos autores integrantes da publicação discutiram e exploraram as tensões e contradições das concepções museológicas de Freyre, especialmente aquelas referentes ao seu projeto para o Museu do Homem do Nordeste (MuHne). A publicação discute como o MuHne, à luz dos atuais debates sobre museu, identidade e sociedade, pode hoje lidar criticamente com o seu passado, quando a preocupação freyreana de representar socio-antropologicamente o “homem” comum do Nordeste do país era a questão fundamental do museu.
      PubDate: 2019-10-30
      DOI: 10.26512/museologia.v8i16.26203
      Issue No: Vol. 8, No. 16 (2019)
       
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
 


Your IP address: 3.210.184.142
 
Home (Search)
API
About JournalTOCs
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-