Publisher: Fundação Joaquim Nabuco (Total: 3 journals)   [Sort by number of followers]

Showing 1 - 3 of 3 Journals sorted alphabetically
Cadernos de Estudos Sociais     Open Access  
Ciência & Trópico     Open Access  
Horizontes LatinoAmericanos     Open Access  
Similar Journals
Journal Cover
Ciência & Trópico
Number of Followers: 0  

  This is an Open Access Journal Open Access journal
ISSN (Print) 0304-2685 - ISSN (Online) 2526-9372
Published by Fundação Joaquim Nabuco Homepage  [3 journals]
  • Chagall e os olhos da esperança

    • Authors: Saulo di Tarso Begliomini de Araújo
      Abstract: O presente artigo investiga a formação da paisagem transcultural e da paisagem afetiva que emerge a partir da análise da obra de Marc Chagall e o contexto brasileiro, na formação judaica do Brasil, refletindo as relações entre a autobiografia e obra do pintor, através do paralelo entre Vitebsk, aldeia russa onde Chagall nasceu na Bielorrússia, e a vida de judeus convertidos nos arruados nordestinos,  narrando a vida de criptojudeus e a expressão do Cordel, da arte armorial e do frevo. Uma análise crítica da arte moderna que leva em consideração a capacidade que tanto Chagall quanto artistas e pensadores brasileiros como Mario de Andrade, Manuel Bandeira, Anita Malfatti, Cícero Dias, Villa-Lobos Ariano Suassuna, Capiba, Antônio Nóbrega e diversos artistas anônimos e populares da poesia, literatura e do frevo tiveram a capacidade de criar vanguardas a partir da origem local e da não separação entre arte popular e arte erudita, revelando o êxodo judaico como formação essencial da cultura brasileira que une no mesmo patamar criativo a expressão entre Brasil profundo, a arte moderna europeia e expressões como a música judaica contemporânea. O ensaio reflete ainda o engajamento de um grupo de artistas na política permanente da paz e da integração entre diversas culturas, eixo que perfaz tanto a arte brasileira quanto o decurso da vida e obra de Marc Chagall, ambos transformando a tradição em vanguarda ao mesmo tempo em que seus contemporâneos rompiam as tradições para criar as vanguardas do século XX. Palavras-chave: Marc Chagall. Arte Armorial. Êxodo. Paisagem afetiva. Transculturalismo.
      PubDate: 2022-07-08
      DOI: 10.33148/cetropicov46n1(2022)art1
      Issue No: Vol. 46, No. 1 (2022)
       
  • Palestina/Israel no contexto do deslocamento geopolítico

    • Authors: Martín A. Martinelli
      Abstract: O documento analisa, a partir da geopolítica, as disquisições entre Israel (em seu papel coimperial) e Palestina, observando seu contexto internacional e regional, na última década. Das rebeliões árabes de 2011, uma tentativa de alterar o status quo. Criou-se a impressão de que haveria grandes mudanças –caso destituíssem vários mandatos extensos – porém, uma contrarrevolução repressiva os sufocou. Junto a isso, a doutrina norte-americana de recolonizar a região com intervenções e suas políticas de duplicidade de critérios, minadas pelo ressurgimento russo e pelo reaparecimento chinês. Palavras-chave: Geopolítica. Coimperial. Resistência. Revolta.
      PubDate: 2022-07-08
      DOI: 10.33148/cetropicov46n1(2022)art2
      Issue No: Vol. 46, No. 1 (2022)
       
  • Risco e perigo

    • Authors: Maria José de Rezende
      Abstract: Risco e perigo são noções que estão presentes em diversas áreas da ciência. Na Sociologia não poderia ser diferente. Há nas suas formulações uma vasta discussão sobre esses dois conceitos que têm sido empregados para retratar as várias situações de suposta, real ou potencial ameaças à vida individual e coletiva. Ao longo da história há momentos em que o risco e o perigo ganham dimensões desafiadoras tanto para as Ciências Sociais e Humanas quanto para as Ciências Naturais. A partir de 2019, isso se torna evidenciado com o surto pandêmico da COVID 19. Este estudo tem como material empírico os diagnósticos e as prescrições expostos nos documentos preparados pelas Nações Unidas para propor - aos governantes, aos Estados, às lideranças políticas e organizações da sociedade civil - ações, práticas e procedimentos tanto para proteção dos mais vulneráveis, no contexto pandêmico, quanto para definir medidas de combate aos impactos sociais e econômicos decorrentes do Sars-Cov-2. Constatou-se que os documentos produzidos dentro do sistema ONU enfatizam sobremaneira, em suas proposições prescritivas, os riscos sociais, econômicos e políticos derivados da pandemia, ou seja, os riscos vão muito além do perigo de contágio que já é, por demais, preocupante. Palavras-chave: Risco e perigo. Pandemia Covid-19. Nações Unidas. Proposições prescritivas.
      PubDate: 2022-07-08
      DOI: 10.33148/cetropicov46n1(2022)art3
      Issue No: Vol. 46, No. 1 (2022)
       
  • Conhecimento “com” ou “sobre” os outros'

    • Authors: Gilvanildo Ferreira
      Abstract: Este artigo, influenciado por pensadores da chamada “virada ontológica na antropologia”, apresenta um modelo teórico-metodológico constituído a partir de relações horizontalizadas nos campos da teoria etnografia e pesquisa antropológica. Ao analisar a literatura especializada sobre este liame entre atores sociais e pesquisadores, observa-se que “textualistas” afirmam que os escritos são confeccionados apenas por eles - mesmo quando se usam os nomes dos nativos, estão apenas confirmando as ilustrações dos analistas; já os “pós-sociais” acreditam que há outras formas de textualização etnográfica que foge da lógica de coautores como coeditores monológicos (dialética do crítico-literário), quebrando a conexão da troca desigual. Contrastando essas abordagens divergentes; como tornar os métodos etnográficos e antropológicos o resultado de uma negociação construtiva, composta por alocuções que não estejam apenas relacionados dialogicamente no discurso, mas também nos produtos das pesquisas' No texto, apresentam-se as problemáticas levantadas sobre estas relações de poder que historicamente caracterizam o estudo antropológico e a construção etnográfica entre os diferentes agentes. Palavras-chave: Virada ontológica. Antropologia colaborativa. Teoria etnográfica. Pesquisa antropológica.
      PubDate: 2022-07-08
      DOI: 10.33148/cetropicov46n1(2022)art4
      Issue No: Vol. 46, No. 1 (2022)
       
  • A cultura política no Brasil profundo nas décadas de 1960-2000

    • Authors: Jefferson Evanio Silva
      Abstract: O trabalho discute a produção intelectual da etnóloga francesa Collete Callier Boisvert relativa à dinâmica das relações políticas presentes numa cidade da microrregião do Agreste pernambucano investigada pela pesquisadora ao longo de quase meio século. Problematiza, a partir de uma análise do discurso de seus textos: (a) os temas geradores do seu procedimento analítico, isto é, as regularidades enunciativas; (b) a interdiscursividade, a partir do estudo da filiação e dos momentos de deslocamento estabelecidos pela narrativa da pesquisadora com a história do pensamento social brasileiro da primeira metade do século XX. Seu trabalho lançou as bases para uma análise fecunda de fenômenos como o clientelismo rural e urbano, as relações entre chefes e clientes e os processos de estratificação social vigentes no interior do Nordeste durante a vigência da Ditadura Militar brasileira e nas primeiras décadas da redemocratização do país. Palavras -chave: Nordeste brasileiro. Cultura política. Clientelismo.
      PubDate: 2022-07-08
      DOI: 10.33148/cetropicov46n1(2022)art5
      Issue No: Vol. 46, No. 1 (2022)
       
  • Lutas feministas e enfrentamento às desigualdades e às violências
           sofridas pelas mulheres no Brasil

    • Authors: Aparecida da Silva Xavier Barros, Thelma Panerai Alves
      Abstract: O artigo apresenta uma discussão teórica sobre a importância do feminismo como força política fundamental na busca por igualdade nas relações de gênero e no enfrentamento às violências sofridas pelas mulheres no cenário brasileiro atual. Para isso, inicialmente, tomamos como horizonte a importância das lutas feministas para discutir a questão do suposto fim do feminismo e sua reconfiguração. Na sequência, trazemos um breve histórico das ondas feministas, destacando seus objetos de estudo e reivindicações. Nesse debate, também procuramos dar visibilidade à questão da violação dos direitos das mulheres, visto que são a maioria das pessoas que sofrem violência de gênero em nosso país. Por fim, observamos que, em um momento de retrocesso político no qual muitas conquistas sociais no campo da afirmação dos direitos das mulheres estão sob ameaça, a relevância deste debate está relacionada à problematização de alguns aspectos da luta das mulheres para efetivação e manutenção de direitos. Palavras-chave: Feminismo. Ondas feministas. Direitos das mulheres. Justiça social. Violência de gênero.
      PubDate: 2022-07-08
      DOI: 10.33148/cetropicov46n1(2022)art6
      Issue No: Vol. 46, No. 1 (2022)
       
  • Agentes catadores de materiais recicláveis no município de
           Corrente-Piauí

    • Authors: Jacilene Costa Gomes da Silva, Maria Zenaide Alves
      Abstract: O artigo leva a refletir sobre o trabalho de agentes catadores de materiais recicláveis em um lixão a céu aberto no município de Corrente-PI. As reflexões são resultado de um trabalho desenvolvido com seis famílias que residem em um dos bairros do município, onde o agente catador de materiais recicláveis desempenha um importante papel para o desenvolvimento socioeconômico e ambiental. A pergunta central que mobilizou esta pesquisa foi: como os agentes catadores percebem o trabalho da coleta de materiais recicláveis para o desenvolvimento socioeconômica e ambiental' Assim, o nosso objetivo foi analisar o papel do trabalho dos agentes catadores de materiais recicláveis para a economia local e como contribui para a preservação do meio ambiente. Palavras-chave: Resíduos Sólidos. Reciclagem. Meio Ambiente.
      PubDate: 2022-07-08
      DOI: 10.33148/cetropicov46n1(2022)art7
      Issue No: Vol. 46, No. 1 (2022)
       
  • Importância e valores atribuídos a plantas nativas da Caatinga em um
           bairro da zona urbana de Petrolina - Pernambuco

    • Authors: Elâine Maria dos Santos RIbeiro, Franciane Nogueira de Moraes
      Abstract: Este estudo buscou analisar o valor e a importância que as pessoas atribuem à biodiversidade de plantas da Caatinga em um bairro da zona urbana de Petrolina. Para isso, realizou-se uma pesquisa de opinião para coletar dados relacionados à utilidade, importância e valor das plantas, com indivíduos de três faixas etárias (adulto 20 a 40 anos; adulto intermediário 41 a 64 anos; e idoso a partir de 65 anos), sendo 20 entrevistados por faixa etária. Inicialmente, foram selecionadas 10 espécies a partir de buscas em sites e ranqueamento das 10 espécies mais citadas na internet, as quais foram utilizadas na pesquisa de campo. Além disso, foi construído um formulário com alternativas sobre a utilidade e valor dessas espécies. Não foi encontrada correlação significativa entre o número de citações das espécies na internet e o número de vezes em que a planta foi citada como “útil” na pesquisa de campo. Entre os adultos na primeira faixa etária, foram registradas seis citações para espécie “sem importância”, e apenas duas citações na terceira faixa etária. O valor cultural foi o mais citado nas três faixas etárias, especialmente na terceira. Observou-se uma maior diversificação nos valores citados nas segunda e terceira faixas etárias. Conclui-se que o valor cultural é o mais evidente entre os sujeitos entrevistados e que as plantas em geral são consideradas úteis nas distintas idades. No entanto, os resultados apontam que os distintos valores ainda são pouco citados e conhecidos, e a sua abordagem na educação formal e informal pode ser uma importante ferramenta para conservação da flora da Caatinga. Palavras-chave: Flora da Caatinga. Valor. Utilidade. Faixas etárias. Semiárido.
      PubDate: 2022-07-08
      DOI: 10.33148/cetropicov46n1(2022)art8
      Issue No: Vol. 46, No. 1 (2022)
       
  • A ocorrência do Zika vírus durante a pandemia da Covid-19 em
           Uberlândia, Minas Gerais, Brasil

    • Authors: elisangela rodrigues, Iram Martins Costa
      Abstract: A ocorrência do Zika vírus no município de Uberlândia (MG) foi registrada inicialmente em 2016, quando os primeiros casos da doença foram notificados. O presente trabalho foi desenvolvido com o objetivo de estudar a situação epidemiológica do Zika Vírus, em meio à pandemia da Covid-19, dando a conhecer a distribuição espacial, sazonal, por faixa etária e sexo dos pacientes, no período da pandemia, nos anos de 2019-2021, no município de Uberlândia. A metodologia utilizada trata-se de um estudo ecológico, descritivo. A pesquisa foi feita por meio do levantamento de casos da doença no banco de dados da Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Uberlândia. No período de 2019 a 2021 foram confirmados 191 casos. Durante a pandemia de Covid-19, houve queda nos casos de Zika em relação ao ano de 2019: 87,3% em 2020 e 97% em 2021. A maior incidência da doença foi nos bairros do Setor Sul (28,3%), seguido pelo Setor Norte (22,5%). A sazonalidade dos casos ocorreu predominantemente no primeiro semestre de cada ano de estudo, verificou-se a redução da taxa de incidência de casos nos meses subsequentes, com a chegada do inverno. Considerando o perfil epidemiológico cerca de 78% da população afetada foi do sexo feminino. A faixa etária predominante foi na fase adulta (21 a 59 anos) com 78,5%. A análise da situação epidemiológica da Zika em Uberlândia revelou um grave problema de saúde pública como em grande parte dos municípios do país. PALAVRAS-CHAVE: Covid-19; Pandemia; Uberlândia; Vírus; Zika.
      PubDate: 2022-07-08
      DOI: 10.33148/cetropicov46n1(2022)art9
      Issue No: Vol. 46, No. 1 (2022)
       
  • Nota Editorial

    • Authors: Alexandrina Saldanha Sobreira de Moura
      Abstract: Vivemos um tempo em que a pluralidade de ideias permeiam a contemporaneidade. É tempo de permitir que o muticulturalismo seja vivenciado e reconhecido nessa vivência. Em tempos socioculturais, não se pode esquecer a crítica de pensadores e diligenciar as relações de poder historicamente construídas. Em atenção aos acontecimentos globais, é pertinente que esta edição da C&Trópico, alinhada à missão institucional da Fundação Joaquim Nabuco, reúna textos significativos aos olhos da ciência e do senso comum, com o intuito de alcançar interesses da comunidade científica e de toda a sociedade. A Revista Ciência & Trópico vem reunindo estudos diversificados de alcance que vem desde a arte ou conflitos internacionais à análise de epidemias no contexto da Covid-19. Risco e ciência apresentam-se como noções presentes em diversas áreas do pensamento político e socioambiental. Embora a definição do espaço permaneça imutável, a leitura depende da criação de uma perspectiva itinerante e pluralista que contribuem para criarmos um aprofundamento das análises apresentadas pelos autores, que emprestam mais densidade a aspectos invisíveis para cada leitor. Esperamos que estes possam construir conhecimentos a partir dos diversos saberes, descobrindo percursos diferentes que realinham sua visão de mundo. Esta edição da C&Trópico, portanto, nos conduz a não perder contato com o impulso elementar para a criação.
      PubDate: 2022-07-08
      DOI: 10.33148/cetropicov46n1(2022)notaeditorial
      Issue No: Vol. 46, No. 1 (2022)
       
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
 


Your IP address: 3.235.65.220
 
Home (Search)
API
About JournalTOCs
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-