Journal Cover
Horizonte : Revista de Estudos de Teologia e Ciências da Religião
Number of Followers: 2  

  This is an Open Access Journal Open Access journal
ISSN (Print) 1679-9615 - ISSN (Online) 2175-5841
Published by Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais Homepage  [14 journals]
  • Expediente - Horizonte, Belo Horizonte, v. 19, n. 60, set./dez. 2021

    • Authors: Fabiano Victor Campos
      Abstract: Expediente - Horizonte, Belo Horizonte, v. 19, n. 60, set./dez. 2021
      PubDate: 2021-12-31
       
  • Apresentação

    • Authors: Carlos Frederico Barboza de Souza
      Pages: 941 - 941
      Abstract: Com grande satisfação, a HORIZONTE, revista de estudos de Teologia e Ciências da Religião, publica mais um número, este agora dedicado à temática da “Espiritualidade e Saúde”. Trata-se de um conteúdo que cresce sobejamente no Brasil nos últimos anos, que tem sido presenteado com grande produção e eventos acadêmicos. E a qualidade da produção tem se ampliado, assim como o nível dos eventos, que têm aumentado tanto na quantidade de participantes, quanto na quantidade de eventos disponibilizados para a comunidade acadêmica. Por sua vez, diversos periódicos têm se dedicado a esta temática recentemente no Brasil. Este quadro brevemente apresentado aponta para a importância de tal temática hodiernamente e para a demanda que se tem por conhecê-la e discuti-la.
      PubDate: 2021-12-31
       
  • Espiritualidade e saúde:

    • Authors: Roberto Pereira Miguel
      Pages: 946 - 946
      Abstract: Editorial - Dossiê Espiritualidade e saúde - Horizonte, v. 19, n. 60, set./dez. 2021. “Acho que nunca passei um minuto do dia me perguntando por que eu realizei este trabalho, ou se valeu à pena. O chamado para proteger a vida – e não apenas a vida, mas a identidade de outra pessoa; talvez não seja demais dizer a alma de outra pessoa – era óbvio em sua sacralidade. Antes de operar o cérebro de um paciente, eu entendi que eu primeiro preciso conhecer a sua mente: sua identidade, seus valores, o que faz a sua vida valer à pena, e que tipo de devastação é razoável para deixar aquela vida terminar”. KALANITHI, 2016, p. 97-98).    
      PubDate: 2021-12-31
      DOI: 10.5752/P.2175-5841.2021v19n60p946
       
  • Religião, espiritualidade e saúde:

    • Authors: Lisete Mónico
      Pages: 951 - 951
      Abstract: As religiões sempre foram, em parte, religiões de cura. Ao longo da história, têm sido perspetivadas como aliadas na procura de sentido para a vida e suas vicissitudes, com destaque para as situações de doença. Desde o trabalho inaugura de William James, que referia o papel preventivo da religião em certas doenças, associado à ação da ciência, diversos estudos têm explorado a relação entre religiosidade/espiritualidade e saúde e bem-estar. Mas que papel e funções a religião desempenha hoje em dia, nas sociedades ocidentais contemporâneas' Neste artigo procuramos dar resposta a esta questão, bem como sistematizar um conjunto de investigação acerca da influência da espiritualidade/religiosidade em diversas áreas do ser humano, designadamente na saúde, bem-estar, suporte social e prevenção e redução de comportamentos de risco. Dos autores clássicos à contemporaneidade, este artigo debruça-se sobre: i) conceitos de religiosidade e espiritualidade; ii) o papel e funções da religião; iii) a interligação entre religião, sociedade, religiosidade, saúde e doença; iv) a influência da espiritualidade e religiosidade na saúde, bem-estar, suporte social, prevenção primária e comportamentos de risco; v) Religiosidade e espiritualidade enquanto estratégia de coping para entendimento e manejo de situações críticas.
      PubDate: 2021-12-31
      DOI: 10.5752/P.2175-5841.2021v19n60p951
       
  • Cuidadores(as) espirituais nos cuidados paliativos:

    • Authors: Hartmut August, Mary Rute Gomes Esperandio
      Pages: 978 - 978
      Abstract: O cuidado espiritual é um componente essencial para a qualidade dos serviços em cuidados paliativos (CP). Este artigo apresenta a revisão da literatura empírica sobre cuidadores(as) espirituais que atuam nos Cuidados Paliativos. O método utilizado foi a revisão integrativa, com levantamento nas bases Periódicos CAPES, PsycARTICLES e PubMed. Após exame das 643 publicações encontradas, 54 estudos foram selecionados para análise, categorizados em quatro grandes temas: “identidade dos(as) cuidadores(as) espirituais”, “capacitação dos(as) cuidadores(as) espirituais”, “atuação dos(as) cuidadores(as) espirituais” e “impactos da atuação dos(as) cuidadores(as) espirituais”. O suporte espiritual é fator vital para o bem-estar e a qualidade de vida no fim da vida, sendo que o cuidado paliativo transdisciplinar é fundamental para prover atendimento às necessidades espirituais e psicossociais, o que será facilitado pela adoção de métodos padronizados. Currículos de treinamento e ferramentas de avaliação específicos permitem a avaliação sistemática nos resultados dos pacientes, familiares e clínicos. Considerando a importância da religiosidade no contexto cultural brasileiro, o aprofundamento do tema do cuidado espiritual é de grande relevância para profissionais que trabalham em CP. A Bioética e a Teologia são chamadas a contribuir com estudos nessa área a fim de que o cuidado espiritual possa ser efetivamente integrado nas equipes de CP.
      PubDate: 2021-12-31
      DOI: 10.5752/P.2175-5841.2021v19n60p978
       
  • As duas alternativas da pesquisa em espiritualidade e saúde

    • Authors: Humberto Schubert Coelho
      Pages: 998 - 998
      Abstract: Na medida em que o termo espiritualidade é em si mesmo ambíguo, o desafio específico da pesquisa em espiritualidade e saúde enquanto campo é definir de que maneiras o conceito ‘espiritualidade’ pode ser frutiferamente aplicado à saúde física e mental. Uma vez que a relatividade hermenêutica de um conceito humanístico tem de se relacionar com os resultados mensuráveis das ciências empíricas, algumas dificuldades inevitavelmente surgem. Isso não impediu, contudo, a formação de duas abordagens claramente definidas na pesquisa em espiritualidade e saúde; uma a que poderíamos chamar hermenêutica-existencial e a outa mais relacionada às ciências da natureza. Por falharmos em distinguir essas opções, muitas das interações entre a ciência da religião ou os estudos da religião e a pesquisa em espiritualidade e saúde é prejudicada ao ponto da quase ausência de diálogo. Nosso intuito aqui é apresentar e conceituar as duas alternativas nos termos das ciências humanas.
      PubDate: 2021-12-31
      DOI: 10.5752/P.2175-5841.2021v19n60p998
       
  • Espiritualidade e saúde:

    • Authors: Ana Luísa Prosperi Leite, Fabio L. Stern, Silas Guerriero
      Pages: 1015 - 1015
      Abstract: O artigo objetiva compreender como o termo “espiritualidade” tem sido utilizado na área da saúde, discutindo os problemas decorrentes e as possíveis adversidades de sua polissemia. Para tanto, dividimos o estudo em três partes. Na primeira, apresentamos as diferentes definições de “espiritualidade” nas ciências humanas, sua relação histórica com a teologia cristã, e recente ressignificação pela Nova Era. Na sequência, demonstramos como a maior parte das produções sobre a temática na área da saúde adota uma concepção reificada e essencializada de espiritualidade. Na terceira, discutimos as principais fragilidades identificadas no estudo. O termo espiritualidade está sendo utilizado nas ciências médicas para que a religião adentre seus espaços, inclusive de políticas públicas, ainda que de modo secularizado. Um paralelo com a fenomenologia da religião foi traçado para demonstrar as consequências da má conceituação de uma categoria em longo prazo. Por fim, identificamos uma supervalorização da dimensão psicológica da espiritualidade em detrimento das dimensões morais e rituais.
      PubDate: 2021-12-31
      DOI: 10.5752/P.2175-5841.2021v19n60p1015
       
  • Religião, espiritualidade e saúde:

    • Authors: Thiago Antonio Avellar de Aquino
      Pages: 1041 - 1041
      Abstract: O objetivo do presente artigo é apontar a perspectiva da Logoterapia de Viktor Frankl acerca da religiosidade e da espiritualidade e suas expressões no contexto da saúde. Para tanto, realizou-se uma revisão da literatura das principais obras do autor. Abordam-se os conceitos de sentido na obra de Frankl assim como os de saúde, religião, religiosidade e espiritualidade. Por fim, ilustram-se algumas casuísticas que retratam a expressão da religiosidade como dimensão saudável do espírito humano em diferentes aspectos existenciais. Conclui-se que, de acordo com o pensamento de Viktor Frankl, a espiritualidade humana emerge como uma força salvífica.
      PubDate: 2021-12-31
      DOI: 10.5752/P.2175-5841.2021v19n60p1041
       
  • Percepção de docentes brasileiros sobre as relações entre saúde,
           religião, espiritualidade e seu ensino

    • Authors: Taís Oliveira da Silva, Alexander Moreira de Almeida, André Luis Mattedi Dias, Marcus Welby-Borges
      Pages: 1057 - 1057
      Abstract: Apesar do maior reconhecimento da importância das relações entre saúde, religião e espiritualidade no cuidado em saúde, as universidades brasileiras ainda não fornecem treinamento adequado nesse âmbito. O objetivo desse artigo é compreender como docentes de uma universidade pública brasileira percebem as relações entre saúde, religião, espiritualidade e seu ensino. 10 professores foram submetidos à entrevista semiestruturada e os dados foram analisados por meio da análise de conteúdo. Apreenderam-se três núcleos temáticos e, a partir destes, emergiram cinco categorias: Religião e Espiritualidade: Conceitos superpostos'; Bom ou ruim para a saúde'; Dimensão excluída da prática clínica; Ensino: Seria bom, mas não agora; Questionamentos e barreiras à inclusão no ensino. Os resultados demonstraram que os participantes superpunham os conceitos de religião e espiritualidade, reconheceram seus impactos positivos sobre a saúde, entretanto, enfatizaram seus aspectos problemáticos. O ensino de saúde, religião e espiritualidade não foi considerado prioritário e as crenças do corpo docente parecem influenciar nesta posição. Diante da quantidade e qualidade das evidências científicas sobre o impacto positivo da religião/espiritualidade na saúde, a inserção desse tópico na formação dos profissionais de saúde não deve depender apenas das percepções e/ou preferências do corpo docente universitário.
      PubDate: 2021-12-31
      DOI: 10.5752/P.2175-5841.2021v19n60p1057
       
  • A espiritualidade no atendimento de mulheres usuárias de
           substâncias

    • Authors: Janine Targino
      Pages: 1078 - 1078
      Abstract: O artigo apresenta e analisa as representações acerca da espiritualidade presentes nos relatos de mulheres usuárias de substâncias que buscam acolhimento em comunidades terapêuticas (CTs) de perfil religioso. Os dados observados são provenientes de entrevistas semiestruturadas realizadas ao longo do segundo semestre de 2020 com mulheres acolhidas em duas CT’s, sendo uma delas de perfil católico carismático e outra vinculada a uma igreja que compõe o protestantismo histórico. As lideranças dessas instituições foram igualmente ouvidas com a intenção de alcançar informações a respeito da maneira como religião e espiritualidade são acionadas e articuladas no método empregado por essas CTs. A principal conclusão desse trabalho indica que as estratégias institucionais aplicadas para afastar essas mulheres do uso de substâncias fundamentam-se em narrativas religiosas que, muitas vezes, são ressignificadas pelas acolhidas por meio de suas próprias experiências subjetivas ao longo da permanência na CT. Ainda, deve-se ressaltar que a espiritualidade vivenciada pelas entrevistadas parece, em algumas situações, confrontar as orientações institucionais.
      PubDate: 2021-12-31
      DOI: 10.5752/P.2175-5841.2021v19n60p1078
       
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
 


Your IP address: 3.214.216.26
 
Home (Search)
API
About JournalTOCs
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-