Followed Journals
Journal you Follow: 0
 
Sign Up to follow journals, search in your chosen journals and, optionally, receive Email Alerts when new issues of your Followed Journals are published.
Already have an account? Sign In to see the journals you follow.
Similar Journals
Journal Cover
Revista de Ensino de Ciências e Matemática
Number of Followers: 2  

  This is an Open Access Journal Open Access journal
ISSN (Print) 2179-426X - ISSN (Online) 2179-426X
Published by Universidade Cruzeiro do Sul Homepage  [1 journal]
  • Robótica Educacional enquanto recurso pedagógico: prática e teoria no
           processo de ensino-aprendizagem

    • Authors: Meiri das Graças Cardoso; Juliana Fernandes Lança, Viviane Roberta da Silva Sanada, Valdeci da Silva Araújo
      Abstract: A Robótica Educativa vem sendo incorporada as práticas pedagógicas, tornando-se uma grande aliada na relação teoria e prática. O presente artigo trata-se de um relato de experiência referente a um trabalho desenvolvido com alunos do 7º ano de uma escola da rede particular do Município de Londrina/Paraná. A atividade realizada com os alunos possuiu como objetivo trabalhar os conteúdos de máquinas simples, média aritmética e velocidade média, conceitos introduzidos neste ano de ensino, nas disciplinas de Laboratório de Ciências e Matemática. Partindo desta experiência, o presente artigo, se propõe a verificar de que forma ocorre a tomada de consciência de tais conteúdos pelos alunos, e o papel que a Robótica Educacional exerceu, enquanto recurso pedagógico. Portanto, primeiramente realizamos a descrição da atividade e depois analisamos, a fim de, compreender a importância da utilização de metodologias ativas como prática de ensino para o melhor desenvolvimento dos alunos, levando ao êxito no processo de ensino-aprendizagem. Como resultado de pesquisa, com a observação da proposta, a experiência permitiu observar que, atividades que envolvem a manipulação de materiais concretos, através da construção e programação de artefatos tecnológicos, despertaram nos alunos a curiosidade, criação e teste de hipóteses, facilitando, assim, o processo de ensino e aprendizagem.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:37:58 -030
       
  • Uma aula de campo no parque mochuara (Cariacica-ES): atividades
           investigativas para a Alfabetização Científica

    • Authors: José Ramos de Sousa; Carlos Roberto Pires Campos
      Abstract: Um dos desafios atuais da educação científica aponta para a criação de estratégias que favoreçam aprendizagens que geralmente não são promovidas na educação formal. Esta pesquisa tem por objetivo investigar as contribuições advindas do desenvolvimento de uma prática pedagógica participativa que culminou com uma aula de campo no Parque Municipal Natural Mochuara em Cariacica/ES, com vistas a favorecer avanços na alfabetização científica dos alunos. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, na qual foi desenvolvida uma prática pedagógica participativa, cujos dados foram colhidos por meio de vídeos, portfolios, questionários e diário de campo, interpretados à luz dos indicadores da alfabetização científica. Os resultados mostraram que a atividade estimulou a capacidade de organização das informações, o levantamento de hipóteses na interpretação dos resultados das ações antrópicas no ambiente, o aprofundamento dos conceitos de ciências e a melhoria dos relacionamentos interpessoais entre os alunos.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:32:42 -030
       
  • Uma análise das categorias da história e filosofia das ciências nos
           periódicos de ensino de ciências

    • Authors: Alline de Alencar Macedo; Francisco Régis Vieira Alves, Maria Cleide da Silva Barroso
      Abstract: A História e Filosofia da Ciência (HFC) tornou-se um assunto de grande interesse nos últimos anos, pois a interação entre HFC e o ensino ocorre de várias formas, podendo ser como propostas baseadas em diferentes tendências pedagógicas. Porém, o número de trabalhos publicados a respeito da temática HFC no Ensino de Ciências, que relatam resultados de investigações empíricas sobre trabalhos com esse tema apresentando a característica de revisão bibliográfica dividindo a HFC em categorias é inexistente na literatura. Devido à relevância do tema surgiu a necessidade de reunir e organizar os conhecimentos produzidos pelas pesquisas anteriores, percebeu-se a necessidade de fazer um levantamento bibliográfico dos trabalhos que envolvem a referida temática e dividi-las em categorias pela heterogeneidade encontrada diante das leituras, tendo como objetivo trazer um panorama de como a HFC vem sendo estudada. Analisamos um total de 107 artigos publicados entre 2012 e 2017 nas cinco revistas nacionais e uma internacional melhores avaliadas pela CAPES. Os resultados revelaram que das seis categorias que a HFC fora dividida existe um número muito expressivo (metade das categorias) de trabalhos publicados na área da física, como também ficou evidenciado uma escassez e até inexistência de trabalhos na área da Química e Biologia.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:31:24 -030
       
  • Uma análise da estratégia didática sala de aula invertida no processo
           ensino e aprendizagem de genética em turmas do ensino médio técnico
           integrado de uma escola pública

    • Authors: Cristiano Lopes Santos; Amauri da Silva Barros
      Abstract: Para a aprendizagem de genética com a metodologia ativa sala de aula invertida, o aluno estuda o conteúdo em casa e, na escola, esclarece as dúvidas com o professor. Dessa maneira, tivemos como questionamento: quais os pontos positivos e negativos na aprendizagem do conteúdo de genética através da implementação da sala de aula invertida como estratégia de ensino' Assim, objetivamos identificar, analisar e avaliar os benefícios e as dificuldades encontradas na aplicação da metodologia e, dessa forma, contribuir na orientação dos professores de biologia que desejarem aplicar essa estratégia didática na aprendizagem do conteúdo de genética. Realizamos uma análise qualitativa dos dados, a partir da coleta através da aplicação de questionários e dos registros no diário de bordo. A pesquisa demostrou que a sala de aula invertida permite um aumento na quantidade de questionamentos pelos estudantes e confirmou que sem atividades bem construídas e um processo avaliativo diversificado e bem estruturado, o sucesso da aplicação da metodologia será comprometido.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:28:37 -030
       
  • Sequência Didática como uma nova estratégia de ensino nas aulas de
           ciências do Fundamental II

    • Authors: Antônio Carlos dos Santos Júnior
      Abstract: O ensino de Ciências deve possibilitar a inserção de novas metodologias que venham a motivar e persuadir os estudantes a participarem ativamente das aulas, resultando em cidadãos capazes de compreender, intervir e transformar a realidade. Diante disto, este artigo apresenta as Sequências Didáticas (SD) como uma nova estratégia de ensino para as aulas de ciências, trazendo uma reflexão da teoria com a prática dessa área de ensino nas escolas. Assim, o presente trabalho tem como objetivo compreender os limites e as possibilidades do uso de Sequências Didáticas nas aulas de Ciências. Quanto à natureza da pesquisa, trata-se de uma abordagem qualitativa, de caráter explicativo. A coleta dos dados se deu pelo desenvolvimento da Sequência Didática, em que foram registradas no caderno de campo as descrições e as análises da aplicação. Os resultados obtidos mostram que a utilização de Sequências Didáticas torna o ensino de Ciências mais simples e significante, estimulando a participação e a motivação do aluno. Contudo, várias problemáticas provenientes do modelo tradicional de ensino, as quais os alunos estão habituados, precisam ser sanadas para que aconteça uma aprendizagem satisfatória.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:26:18 -030
       
  • Representações sociais e práticas curriculares: um encontro
           nas aulas de biologia

    • Authors: Paula Roberta Galvão Simplício; Adriana Cavalcanti dos Santos
      Abstract: A investigação teve por objetivo analisar as relações entre as Representações Sociais e o conhecimento científico sobre as infecções virais nas aulas de Biologia de turmas do PROEJA. O corpus da pesquisa consiste em diálogos coletados em contexto de grupo focal, cujas vozes dos sujeitos foram analisadas tendo por base as orientações da Análise Textual Discursiva. A discussão apontou que os alunos construíram Representações Sociais sobre infecções virais, sobretudo, nas suas relações na comunidade e/ou em contextos que foram infectados por algum tipo de vírus. E que estes saberes podem ser potencializados e reelaborados cientificamente por meio de práticas curriculares contextualizadas que garantam uma justiça social e curricular.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:23:52 -030
       
  • Relações entre a teoria da transposição didática e as analogias no
           Ensino de Ciências

    • Authors: Hederson Aparecido de Almeida; Álvaro Lorencini Júnior
      Abstract: A teoria da Transposição Didática (TD) trata da conversão de saberes para serem ensinados no contexto escolar. Na sala de aula, o professor frequentemente recorre às analogias para facilitar a aprendizagem desses saberes. O presente artigo é um ensaio teórico em que se busca uma integração entre a teoria da TD proposta por Chevallard e as pesquisas sobre o uso de analogias no ensino de Ciências. Essa integração permite compreender como que as analogias funcionam como elemento que desenvolve o processo de TD em sala de aula e também como a TD se desenvolve, a partir de um recurso didático como são as analogias. No processo de TD, o tempo é um fator determinante para o professor usar uma analogia, mas sua efetividade ocorre mediante o planejamento. Tanto os saberes quanto as analogias históricas têm o seu contexto histórico omitido. Esta omissão se legitima nos livros didáticos e influencia o modo de agir do professor. Apesar da TD e o uso de analogias serem vistos como processos naturais, é preciso reconhecer o seu papel pedagógico para a aprendizagem das Ciências. Isso ocorre quando os professores refletem sobre o saber e sobre as analogias que utilizam.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:22:32 -030
       
  • O Modelo Atômico de Thomson: um estudo sobre o livro didático,
           estratégia docente e concepção dos alunos

    • Authors: Danilo Lopes Santos; Geraldo Wellington Rocha Fernandes
      Abstract: Esta pesquisa teve como objetivo analisar as concepções de 22 alunos do 1º ano do ensino médio, de uma escola pública, sobre o modelo atômico de Thomson, a partir das estratégias de ensino usadas por um(a) docente de Química e das informações do livro didático. Para a coleta de dados, foi analisado o livro didático utilizado pelos participantes, aplicado um questionário aos alunos e realizada uma entrevista semiestrutura com o(a) docente de Química. A partir da Análise Textual Discursiva, emergiram categorias e subcategorias que foram analisadas dentro de quatro eixos: 1) O conteúdo do livro didático, 2) As respostas do docente, 3) As respostas dos alunos, 4) Confronto do modelo atômico de Thomson (1904) com o encontrado no livro didático e as respostas dos alunos. Concluiu-se que o modelo atômico de Thomson é representado no ensino de Química pela analogia do “pudim de passas” e que este análogo está distante do modelo proposto por Thomson em 1904, dificultando a compreensão correta por parte dos discentes.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:21:10 -030
       
  • O impacto do uso de tecnologias no desempenho docente – estudo
           comparativo entre Brasil e Portugal

    • Authors: Pedro Miguel Marques da Costa; Generosa do Nascimento, Marcelo Borges Rocha
      Abstract: Este artigo é parte da dissertação de mestrado cujo objeto de estudo foi a Avaliação de Desempenho Docente, através de uma análise comparativa entre duas instituições de ensino particular, uma localizada em Portugal e outra no Brasil. A Avaliação de Desempenho Docente é um importante instrumento, para as escolas e para os professores, pois promove o desenvolvimento profissional, a motivação do corpo docente e conduz à reflexão, à melhoria do desempenho dos professores e da qualidade do ensino. Para o efeito foram realizadas entrevistas com professores para investigar o impacto do uso de tecnologias no desempenho docente. A maioria dos entrevistados percebe a importância da tecnologia para suas práticas e, ambas instituições incentivam seu uso por considerarem que facilita o desempenho do professor e a aprendizagem dos alunos.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:19:41 -030
       
  • O ensino em zoologia e o pressuposto utilitarista: uma análise dos livros
           didáticos do ensino médio (pnld 2018-2020)

    • Authors: Hugo José C.C de Azevedo; Eric Vinaud de Melo Farias, Cristiane Pereira Ferreira, Rosane Moreira Silva de Meirelles
      Abstract: O pressuposto utilitarista foi concebido de ideais filosóficos do século XIV, onde em sua base conceitual delegava-se utilidade a todos os seres vivos perante o ser humano, sendo este pressuposto desenvolvido e adaptado ao modelo capitalista atual de Estado. No Ensino em Zoologia tem havido uma superestimação dos animais enquanto utilidade para a sociedade, promovendo para esta biociência um modelo não condizente com sua estrutura formativa enquanto saber científico e escolar. Neste contexto, o objetivo deste estudo foi observar e analisar qualitativamente os pressupostos utilitaristas presentes nos livros didáticos participantes do PNLD 2018 destinado ao Ensino médio regular, no conteúdo de Zoologia, sendo desenvolvida uma análise de todos os livros didáticos incluídos no Programa Nacional do Livro Didático do triênio de 2018-2020 através da análise de conteúdo proposto por Bardin (2011), os quais foram distribuídos em todo território brasileiro. Foram encontrados, com frequência, pressupostos utilitaristas em 8 coleções aprovadas por este programa do Ministério da Educação, sugerindo que o Ensino em Zoologia no que tange os livros didáticos estaria marcado por pressupostos utilitaristas da categoria economicamente positivos.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:18:22 -030
       
  • O ensino de Botânica na Educação Básica e possíveis métodos para o
           aprimoramento da aprendizagem

    • Authors: Gessyca Tatielle Santana; Geraldo Wellington Rocha Fernandes
      Abstract: Este trabalho tem o objetivo de investigar o que se tem publicado em Anais e Revistas da área de ensino de Ciências, a fim de evidenciar como se caracteriza o ensino de Botânica na educação básica (EB). Foi realizado um levantamento bibliográfico das produções em ensino de Botânica, com foco na EB, a partir dos Anais do ENPEC e ENEBIO, e das revistas que se apresentavam na classificação do Quadriênio 2013-2016, realizada pela CAPES, referente ao Ensino com Qualis A1/A2 e B1/B2, até 2018. Foram selecionados 46 artigos, sendo classificados e analisados por meio da Análise Textual Discursiva (ATD). A partir da ATD emergiram três categorias: 1) Estratégias/métodos para aprimoramento do ensino; 2) Análises e concepções sobre o ensino de Botânica; e 3) Material didático. A análise indica que a pesquisa sobre o ensino de Botânica na EB ainda é pequena, mas que existe uma preocupação com o ensino/aprendizagem.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:16:54 -030
       
  • O ensino da segurança química no Ceará: um foco em cursos superiores da
           área da saúde

    • Authors: Marco Antonio Ferreira da Costa; Carlos Couto Castelo Branco, Cintia Moraes Borba, Maria Eveline Castro Pereira, Liana Perdigão mello, Maria de Fátima Barrozo da Costa
      Abstract: O artigo é derivado de resultados de projetos financiados pelo CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientifico e Tecnológico), envolvendo profissionais da Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV) / Instituto Oswaldo Cruz (IOC), Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca (ENSP), todos localizados na Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ) / RJ, em parceria com a Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem (FFOE), da Universidade Federal do Ceará (UFC), e do Laboratório Central de Saúde Pública do Ceará (LACEN/CE). Teve como objetivo pesquisar a situação atual do ensino da segurança química em cursos superiores da área da saúde no Estado do Ceará. Foi uma pesquisa realizada em dois momentos; o primeiro foi uma pesquisa descritiva, com abordagem qualitativa e que teve como sujeitos profissionais, professores e alunos de cursos da área da saúde. Como instrumentos de coleta de dados foram utilizados questionários; o segundo constou de uma pesquisa webgráfica em sites de cursos da área da saúde de instituições do Ceará. Os resultados obtidos apontam para uma ausência preocupante da segurança química nas grades curriculares dos cursos estudados, o que torna esta pesquisa um instrumento importante, para se alavancar essa área, não apenas na região Nordeste, mas também, nas demais regiões do Brasil.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:15:31 -030
       
  • O ensino da Estatística descritiva para o tratamento da informação no
           Ensino Médio

    • Authors: Maria Tereza Rodrigues Mileo; Juliano Tonezer da Silva
      Abstract: Em nossa sociedade globalizada o aluno tem sido submetido constantemente a informações que precisam ser decodificadas e compreendidas, fazendo com que a Estatística Descritiva assuma papel-chave na interpretação e análise de dados. Neste sentido, o presente trabalho tem por objetivo apresentar contribuições e dificuldades de uma metodologia de ensino de Estatística Descritiva por meio da tecnologia – especificamente da planilha eletrônica – proposta e aplicada em uma turma da 2ª série do ensino médio de uma escola estadual, localizada na cidade de Oriximiná-PA. O referencial teórico é a Teoria da Aprendizagem Significativa (TAS) de David Ausubel e utilizou-se de uma sequência didática baseada no conceito de Unidade de Ensino Potencialmente Significativa (UEPS), preconizada por Marco Antonio Moreira. Foi estruturada em treze encontros, tendo por contextualização a Cultura Paraense. Evidenciou-se  que a pesquisa alcançou os objetivos propostos ao proporcionar aos alunos habilidades de tratamento da informação (decodificação, compreensão, interpretação e retenção) considerando sua participação em algumas etapas do método estatístico. E também, que a inserção da metodologia de ensino, proposta e aplicada, permitiu potencializar o processo de ensino e aprendizagem da estatística descritiva, possibilitando a aprendizagem significativa dos alunos participantes.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:14:05 -030
       
  • “O caminho das ervilhas”: recurso didático no ensino da
           genética mendeliana

    • Authors: Maurício dos Santos Araújo; Aracelli de Sousa Leite
      Abstract: A Genética tornou-se uma área de grande visibilidade no contexto científico e social. Entretanto, é reportado na literatura a complexidade dos conteúdos e processos, atrelados a carência de metodologias de ensino. Por isso, este estudo teve como objetivo verificar o desempenho dos alunos do Ensino Superior do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí após a aplicação de um material didático, “O caminho das ervilhas”, para a construção da aprendizagem. Utilizamos a pesquisa de campo, com abordagem qualitativa, onde participaram 15 alunos do curso de Ciências Biológicas do Instituto Federal do Piauí. Como atividade de intervenção pedagógica, foi desenvolvido um jogo didático-digital para trabalhar conceitos e processos genéticos. Evidenciou-se que os alunos apresentavam dificuldades em aplicar os conhecimentos matemáticos na resolução de problemas genéticos, além de demonstrarem insegurança no momento da interpretação desses dados. Por meio da atividade de intervenção, percebeu-se que a metodologia de ensino contribuiu na aprendizagem dos alunos. Portanto, o uso de metodologias alternativas no ensino de Genética indica a possibilidade de correlacionar teoria e prática de forma lúdica e interativa, além de desenvolver conteúdos vistos como teóricos no ensino de Genética.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:12:33 -030
       
  • Nanociência e Nanotecnologia em foco: reflexões sobre um tema a ser
           explorado na educação em ciências.

    • Authors: Paulo Ricardo da Silva; José Guilherme da Silva Lopes
      Abstract: A Nanociência e a Nanotecnologia (N&N) vem ganhando amplo espaço no campo científico e difundindo-se cada vez mais nas mídias. Possibilita a articulação entre várias áreas de conhecimento e contribui para novas abordagens a respeito do mundo natural, implicando no desenvolvimento de novas tecnologias que podem impactar a organização da sociedade. Entretanto, não é um tema consensual, marcado por debates no campo científico e social, muitas vezes é veiculado de maneira equivocada nas mídias de massa, além de ser pouco explorado no ensino de Ciências Naturais. Dessa forma, o presente artigo tem o objetivo de apresentar reflexões teóricas envolvendo conceitos e aplicações da N&N, aspectos controversos, como a mídia vem abordando este assunto e aspectos que possibilitam sua inserção na Educação Básica, a partir de um levantamento bibliográfico de artigos, teses e dissertações e publicações em eventos da área de ensino de Ciências Naturais.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:11:01 -030
       
  • Matemática: um desafio para a Educação Básica conforme demonstrado nos
           resultados das avaliações externas no Brasil e no estado de Goiás

    • Authors: Rosemeire Terezinha da Silva; Solange Xavier dos Santos
      Abstract: O presente texto tem por objetivo apresentar o panorama e provocar uma reflexão sobre os resultados da aprendizagem de Matemática no Ensino Médio no Brasil e no estado de Goiás. Para isso, foi realizado um levantamento qualiquantiativo dos resultados das três avaliações em larga escala dos últimos 12 anos, o PISA (no âmbito internacional), o SAEB (no nacional) e o SAEGO (no estadual). Os dados obtidos mostram que as três avaliações apresentam resultados insatisfatórios, demonstrando que o ensino aprendizagem de Matemática no Ensino Médio não atende às necessidades mínimas indispensáveis aos educandos.  Contudo, os resultados revelam que avaliação em larga escala constitui um fator fundamental para a qualificação da educação, pois envolve não apenas conhecimentos específicos sobre conteúdos escolares, mas também questões socioemocionais. Além disso, provocam em todos os envolvidos no processo educacional uma inquietação positiva, instigando-os a sair da sua zona de conforto para buscar estratégias e políticas públicas a fim de alcançar resultados melhores nos indicadores.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:09:44 -030
       
  • Letramento e Alfabetização em matemática: entre concepções e
           prescrição curricular

    • Authors: Adriana Cavalcanti dos Santos; Silvana Paulina de Souza, Vanessa da Silva Alves, Iracema Campos Cusati, Maria das Graças Gonçalves Vieira Guerra
      Abstract: Este artigo, tendo por foco o letramento e a alfabetização em matemática, define por objetivo geral analisar a prescrição das competências de alfabetização sob a perspectiva do letramento em matemática. Visando identificar características de superação dos desafios apresentados no processo de alfabetização vis a vis as competências consolidadas pelas crianças nesse ciclo, a presente investigação analisou a correlação dessas competências com as prescrições de alfabetização em Língua Portuguesa descritas na Matriz de Referência do Programa Mais Alfabetização. Para compreender essa dimensão da política nacional de alfabetização, realizou-se um estudo documental, que entrelaça o discurso do programa em tela e os discursos acadêmicos sobre o tema. Os resultados apontam que as habilidades prescritas na Matriz de Referência analisada direcionam a avaliação da aprendizagem para a alfabetização matemática, estando latente a abordagem das aprendizagens do letramento matemático apenas nas habilidades que remetem para a resolução de problemas.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:08:08 -030
       
  • Investigando o conhecimento do aluno sobre os conceitos de área e
           perímetro de figuras planas

    • Authors: Eduardo dos Santos de Oliveira Braga; Uelton de Mendonça Souza, Ivanildo da Silva Araújo, Raina Fuzer Passos, Cecília Amorim Moreira de Azevedo
      Abstract: Neste artigo, objetiva-se verificar o conhecimento do aluno sobre os conceitos de área e perímetro de figuras planas. Foram apresentados, para isso, dois questionários a respeito do assunto em questão. O primeiro deles é de familiarização com as ideias presentes em tais conceitos. Já o segundo tem como objetivo verificar a compreensão do conceito de área e de perímetro por meio da aplicação de questões envolvendo tais assuntos. Os referidos questionários foram submetidos a cento e oitenta e um alunos da Rede Pública de Ensino, sendo eles oriundos de duas Escolas Municipais e uma Estadual do Rio de Janeiro. Ao término de ambos os questionários foi realizada a socialização das respostas encontradas pelos discentes. Baseado em nosso referencial teórico, procuramos investigar, com isso, a compreensão destes conceitos por parte dos alunos. Nestas socializações, constatamos as dificuldades apresentadas por eles com relação à geometria e, em particular, com o assunto: área e perímetro de figuras planas.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:06:36 -030
       
  • Interação e Motivação: o ensino da matemática com
           um objeto de aprendizagem

    • Authors: Beatriz Maria Zoppo; Marco Aurélio Kalinke, Marcelo Souza Motta, Maria Lucia Panossian
      Abstract: O trabalho analisou como os estudantes do Ensino Fundamental interagem com um Objeto de Aprendizagem (OA) criado no Scratch. Para a criação do OA foram consideradas as dificuldades dos estudantes em relação a sistemas de medidas, expressas por avaliações como o SAEB, além das orientações curriculares seguidas pelas escolas do município de Curitiba, considerando que uma delas seria o cenário da intervenção. O OA foi desenvolvido visando que os estudantes compreendessem os sistemas de medidas, comparando e estabelecendo relações entre as grandezas na resolução de problemas em diferentes contextos. Os dados foram obtidos a partir de uma intervenção realizada com 20 estudantes do 5º ano do Ensino Fundamental, que manusearam o OA. A pesquisa deu mostras que ele pode ser um motivador nas aulas de Matemática, uma vez que os estudantes demonstraram entusiasmo e interesse durante a realização da intervenção. Observou-se também que proporcionou momentos de interação e ações colaborativas entre os pares. Foi possível perceber que a sua utilização pode alterar a dinâmica do trabalho pedagógico nas aulas de Matemática, além de realçar a importância do professor no papel de mediador do processo, no sentido de priorizar a aprendizagem de conteúdos matemáticos.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:04:59 -030
       
  • Experimentação investigativa e interdisciplinaridade como promotora da
           escrita e desenho no ensino de ciências

    • Authors: Carlos Jose Trindade da Rocha; João Manuel da Silva Malheiro
      Abstract: O presente trabalho apresenta os resultados de uma atividade experimental investigativa realizada em um clube de ciências de uma Universidade Federal do Norte do Brasil. O objetivo foi verificar atitudes procedimentais e comunicacionais de crianças do 5º e 6º ano em uma Sequência de Ensino Investigativa (SEI) por meio da escrita e do desenho. Durante a atividade com abordagem qualitativa, foi possível verificar que os espaços não formais de aprendizagem podem ser aliados para a consolidação de um ensino de ciências contextualizado e interdisciplinar, na realização de atividades experimentais investigativas. Os dados analisados permitiram afirmar que a experimentação investigativa promove o processo procedimental e comunicacional de ensino e aprendizagem. A escrita e o desenho mostraram-se significativas para as crianças; todos participaram ativamente durante a SEI, respondendo o problema proposto, expressando seus entendimentos por meio da escrita e desenho criativos, comunicando e socializando resultados.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:03:27 -030
       
  • Estudos brasileiros sobre o princípio da complementaridade na Educação
           Matemática

    • Authors: Geslane Figueiredo da Silva Santana; Gladys Denise Wielewski, Luiz Gonzaga Xavier de Barros
      Abstract: O Princípio da Complementaridade na Educação Matemática (PCEM) afirma que, para caracterizar totalmente certos conceitos ou ideias ligadas à Educação Matemática, às vezes, é necessário apresentar características desses conceitos ou ideias que, embora aparentemente contraditórias, complementam-se. O PCEM apoia-se na Semiótica de Peirce, suas raízes encontram-se na Filosofia de Immanuel Kant, sendo o termo Princípio da Complementaridade formulado pelo físico Niels Bohr. A aplicação do PCEM como metodologia de pesquisa em Educação Matemática começou por volta de 1970, com Prof. Dr. Michael Friedrich Otte, professor emérito da Universidade de Bielefeld na Alemanha, o qual mantém vínculos fortes com universidades brasileiras, tem orientado diversas teses e dissertações colaborando para a formação de uma nova geração de pesquisadores adeptos dessa metodologia. Mediante levantamento bibliográfico, objetivamos evidenciar e catalogar uma parcela da produção dos estudos brasileiros sobre o Princípio da Complementaridade na Educação Matemática. Esta pesquisa foi realizada seguindo a metodologia proposta em Análise de Conteúdo, de Laurence Bardin. Para tanto, foi realizado um levantamento no Banco de Teses e Dissertações fomentado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). Por meio dessa coleta de dados, refletimos que, no Brasil, o PCEM configura-se como uma nova metodologia de pesquisa, a qual decididamente merece ser mais profundamente explorada e estudada, dada a multiplicidade no campo das aplicações e contribuições na e para a Educação Matemática.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 18:01:33 -030
       
  • Epistemologias do campo no ensino de Ciências da Natureza

    • Authors: Andreia Marcilio Valenga; Kachia Téchio
      Abstract: Esse artigo apresenta resultados obtidos na pesquisa realizada no mestrado e propõem reflexões sobre o conhecimento e desenvolvimento em aulas com uso de práticas experimentais no ensino de Ciências da Natureza aplicadas por professores do ensino fundamental I da educação básica em duas escolas do campo no município de Rolim de Moura, Rondônia. Partindo dos dados obtidos durante a pesquisa buscou-se analisar os métodos e práticas que abordam e contemplam a matriz curricular vigente e os conteúdos trabalhados a partir de ideias que interagem com o local e a realidade dos alunos do campo. A pesquisa tem cunho qualitativo aliado à pesquisa-ação, foram realizadas observações nas aulas de ciências durante o ano letivo de 2019. Objetiva-se contribuir para a reflexão nas ações e práticas efetivadas pelos professores no ensino de ciências para as crianças das escolas no meio rural.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:58:30 -030
       
  • Ensino de Ciências por investigação: um levantamento em
           periódicos da área

    • Authors: André Coelho Silva
      Abstract: Objetivamos levantar artigos científicos em línguas portuguesa e espanhola relacionados ao ensino de ciências por investigação, sistematizando a produção da literatura nesse campo no que diz respeito à natureza dos trabalhos, à distribuição deles ao longo do tempo e ao nível de ensino e disciplinas a eles associados. Realizamos buscas em todas as edições de trinta periódicos eletrônicos classificados nos estratos A1, A2 e B1 da Área de Ensino no Qualis-CAPES quadriênio 2013-2016. Ao todo foram encontrados 101 artigos, metade deles em apenas quatro periódicos. Analisando os resultados obtidos, evidenciamos que: a publicação de trabalhos sobre o ensino por investigação se intensificou apenas a partir de 2014; a maioria deles são de cunho empírico, havendo escassez de artigos de revisão e de artigos que analisam de que maneira essa abordagem se faz presente em recursos como livros didáticos; a maioria dos artigos de cunho empírico se relacionam aos Ensinos Fundamental e Médio, especialmente à Biologia e à Física, havendo certa escassez de trabalhos associados a cursos de Licenciatura e à disciplina Química. Por fim, sugerimos questões que podem auxiliar na ampliação e no aprofundamento deste trabalho.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:55:14 -030
       
  • Ensino de Química e a deficiência visual: análise dos inventários
           descritivos sobre materiais didáticos

    • Authors: Tânia Silva Nascimento; Samísia Maria Fernandes Machado, Edvaldo da Silva Costa
      Abstract: O Ensino de Química para as pessoas com deficiência visual implica na utilização de materiais didático-pedagógicos e tecnológicos adaptados e/ou especializados e métodos específicos de ensino para eliminar barreiras pedagógicas impostas pela diminuição da acuidade visual a que estão expostos. Neste artigo, apresentamos uma análise panorâmica dos inventários descritivos relativa à construção e utilização de materiais didáticos para o ensino de química a alunos com deficiência visual entre o interstício de 2009 a 2018. Para isso, foram utilizadas as seguintes combinações de palavras descritoras: ensino de química, inclusão escolar, deficiência visual e materiais didáticos. Foram também realizadas consultas em teses, dissertações, periódicos científicos e atas dos anais do Encontro Nacional de Ensino de Química, Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciência e Congresso Brasileiro de Química. Os resultados apontaram para o predomínio de uma visão instrumentalista do uso dos materiais como adequados, úteis e que favorecem a aprendizagem sensorialmente tátil. Ressaltamos a necessidade de reflexões mais apuradas para que a funcionalidade desses materiais não se reduza a mero instrumentalismo. Destacamos uma tendência em algumas produções sobre as investigações na construção das imagens mentais, trazendo importantes contribuições para o entendimento da elaboração conceitual a partir da percepção tátil dos materiais utilizados.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:53:18 -030
       
  • Ensino de Química – algumas aulas práticas utilizando
           materiais alternativos

    • Authors: Ana Maria Sá Durazzini; Carlos Henrique Marquezini Machado, Ana Carolina Pereira, Maria Cristiane Lima, Ana Maria Pereira, Claudiani Alves Pelegrini Peres
      Abstract: A disciplina de Química muitas vezes é vista como algo amedrontador e impossível de criar empatia para os estudantes em geral dado o seu conteúdo um tanto quanto complexo. Haja vista este problema há uma busca pela desmistificação da referida disciplina em relação aos estudantes e até mesmo alguns docentes, utilizando para isso artefatos como atividades lúdicas e aulas práticas e experimentais. O objetivo deste estudo foi a realização de quatro aulas práticas, ministradas por discentes do 5º período do curso de Licenciatura em Química, dentro da disciplina de Práticas Pedagógicas I, no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sul de Minas (IFSULDEMINAS) - Campus Pouso Alegre, para comprovar que o ensino da química pode ser realizado com algumas práticas sem a necessidade de um laboratório propriamente dito. Houve a possibilidade de auxílio imediatamente de acordo com as dificuldades encontradas pelos estudantes ao longo das aulas, que possuem potencial para serem aplicadas novamente tanto na disciplina de Práticas Pedagógicas I destinada ao 5º período do curso de Licenciatura em Química quanto para demais turmas de Cursos Superiores ligadas à Química, além de Ensino Fundamental e Médio. A ausência de um laboratório não impede à realização das práticas descritas e realizadas aqui.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:51:19 -030
       
  • Ensino de Ciências e estudantes surdos: discussões e
           reflexões

    • Authors: Nelson Dias; Alexandra Ayach Anache, Ruberval Franco Maciel
      Abstract: Este artigo é uma revisão de literatura sobre ensino de ciências e estudantes surdos, faz parte de uma pesquisa de doutorado ainda em andamento. O objetivo é compreender como são as aulas de ciências com estudantes surdos, discutir e problematizar estratégias, metodologias e processos avaliativos em turmas com esse público por meio de publicações realizadas em teses,  dissertações e periódicos. Foram realizados buscas em três bancos de dados diferentes, teses e dissertações Capes, periódicos Capes e Google Acadêmico, com os seguintes descritores: “ensino de ciências”, “surdo”, “inclusão”. Após o levantamento de dados, foram criados cinco eixos para serem discutidos. As discussões relacionam-se às linguagens utilizadas no contexto da sala de aula, formas de planejamentos, interação entre intérprete e professor de Ciências, aquisição de conhecimento científico e elaboração de materiais. Conclui-se que a Libras precisa ganhar protagonismo na sala de aula, bem como ser inserida nas estratégias de ensino, atividades e avaliação para de fato o estudante surdo ser incluído e sentir-se pertencente ao ambiente escolar.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:49:33 -030
       
  • Educação Ambiental e Ensino de Ciências: o lixo como tema gerador de
           uma sequência didática nas aulas de química

    • Authors: Kelly Roberta Pinheiro de Sousa; Sinaida Maria Vasconcelos, Maria Dulcimar de Brito Silva
      Abstract: A Educação ambiental deve estar presente em todas as etapas do processo educativo escolar, porém, não existe na legislação nenhuma proposta de como a mesma, deve ser inserida no ambiente educacional. Surge então, a possibilidade de trabalhá-la de diversas maneiras entre as quais, através de temáticas ambientais transversais de maneira interdisciplinar. Assim, o presente trabalho possui natureza experimental com abordagem quanti-qualitativa e objetivos exploratórios, sendo uma pesquisa de campo com modalidade de pesquisa-didática utilizando-se para tanto de sequências didáticas (SD), com o objetivo de avaliar sua eficiência em relacionar a temática ambiental com os conteúdos químicos na aprendizagem dos estudantes. A pesquisa foi realizada com um total de 33 alunos do 1º ano do Ensino Médio, através de testes com questões abertas e múltipla escolha, respondidos antes e após a SD, respectivamente, com o tema gerador: Lixo. Os resultados obtidos foram avaliados segundo a análise textual proposta por Moraes (2003) e revelaram a princípio, inabilidade dos estudantes em relacionar temas ambientais com o conteúdo químico, evidenciando uma lacuna inter/transdisciplinar na sala de aula, após aplicação da SD obtiveram êxito significativo em suas respostas. A SD demonstrou-se eficiente como procedimento de contribuição na promoção de Educação ambiental relacionada a temáticas ambientais.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:48:14 -030
       
  • Desenho de uma sequência de ensino-aprendizagem sobre os princípios da
           Teoria Cognitivista da Aprendizagem Multimídia (TCAM)

    • Authors: Diana Guimarães Silva; Ricardo Ferreira das Neves, Helaine Sivini Ferreira
      Abstract: No contexto escolar, a imagem representa um recurso visual presente em materiais multimídias, utilizada na prática docente durante as aulas, buscando auxiliar o estudante, junto ao texto escrito, na compreensão de conteúdos das ciências. Algumas imagens podem apresentar informações divergentes ao conhecimento científico, havendo necessidade do uso de parâmetros teórico-metodológicos para mensurar seu valor cognitivo, evitando obstáculos epistemológicos e equívocos conceituais na aprendizagem. A pesquisa objetivou o desenho e a aplicação de uma Sequência de Ensino-Aprendizagem para a apropriação dos Princípios Multimídia de Mayer (2001) com licenciandos em Ciências Biológicas. O desenho da sequência se fundamentou na abordagem Construtivista Integrada de Martine Méheut (2005), configurada no momento formativo e de construção colaborativa com os licenciandos. Os resultados indicaram dissonâncias entre o desenho e a aplicação da sequência, mas foi considerada válida, uma vez que os percursos de aprendizagem dos licenciados foram significativos. Evidenciamos a relevância do conteúdo trabalhado para atuação docente e a efetividade da sequência desenhada para a formação empreendida, visto que propiciou significativa articulação entre teoria e prática.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:46:18 -030
       
  • Combate endemia: um protótipo para o ensino de ciências

    • Authors: Marcos Emanuel de Barros Silva; Fernando Silvio Cavalcante Pimentel
      Abstract: Os jogos digitais vêm ganhando cada vez mais espaço no meio educacional. Além da pesquisa e análise desses artefatos da cultura digital, a criação e o designe é um passo adiante para a educação. O objetivo deste artigo é apresentar o desenvolvimento de um protótipo de jogo digital denominado “Combate Endemia” como estratégia de apoio para as aulas de Ciências. Trata-se de um jogo digital educacional que está sendo produzido na Engine Construct 2[1]. Como justificativa, levamos em consideração o histórico, incidência, e a prevalência das principais doenças endêmicas presentes no contexto brasileiro. A escolha das endemias para o jogo foi baseada nos seguintes critérios: doenças endêmicas do estado de Alagoas, que ainda sejam problemas de saúde pública para o estado e que estejam dentro dos conteúdos trabalhados em Ciências no Ensino Fundamental. As endemias selecionadas para integrar o jogo foram: esquistossomose, dengue, zika e chikungunya. O que se espera com a construção do jogo digital, é que possa ser um instrumento para auxiliar a aprendizagem dos estudantes sobre a importância de boas práticas em Educação e Saúde no combate as endemias de forma lúdica e motivadora nos anos iniciais e finais do Ensino Fundamental.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:43:42 -030
       
  • Clube da Lua: o clube de astronomia de crianças dos anos iniciais do
           ensino fundamental

    • Authors: Nathalie de Freitas Alvaide; Adriana Pugliese
      Abstract: O trabalho faz alusão à realização de práticas pedagógicas sobre a temática de Astronomia-Astronáutica, desenvolvidas em um clube de ciências, no âmbito de uma escola pública. As atividades foram realizadas tendo em vista o movimento Maker e STEM/STEAM, com crianças do 3º ano do Ensino Fundamental, uma professora e uma estagiária. Dentre as ações realizadas para potencializar o processo de alfabetização científica dos envolvidos, destacam-se: elaboração de atividades interativas, o uso de mídias para a apropriação e divulgação científica, pesquisas por diferentes meios, abordagens de conteúdos através de experiências práticas e oficinas, produções artísticas, exposição cultural, atividade de estudo do meio e participação em evento acadêmico. Ressalta-se a importância de que iniciativas individuais de professores, ao mostrarem resultados significativos, sejam incorporadas pela escola de modo que se transformem em projetos institucionais.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:42:07 -030
       
  • Avaliação de objetos de aprendizagem: uma ferramenta prática para o
           Ensino de Estatística

    • Authors: Fernanda Angelo Pereira; Maria das Mercês Coutinho Mota, Liamara Scortegagna
      Abstract: O presente artigo tem como objetivo apresentar o desenvolvimento e aplicação de um instrumento para avaliar as características e os aspectos técnicos e pedagógicos de Objetos de Aprendizagem (OA) com o intuito de verificar se esses recursos são adequados para o uso em sala de aula. Para o desenvolvimento do instrumento, buscamos, em pesquisas bibliográficas, métodos avaliativos de OA já existentes, bem como em estudos das metodologias de desenvolvimento desses recursos educacionais, os quais resultaram em um novo instrumento, denominado "Ficha de avaliação de OA digital". A aplicabilidade e eficácia dessa ficha foi validada por meio da avaliação do OA “Pesquisas Estatísticas no Dia a Dia”, um objeto voltado para o ensino de estatística, disponibilizado no repositório de OA do MEC. Observamos, a partir dos resultados obtidos, a necessidade e importância da avaliação dos OA disponíveis em repositórios para atestar a qualidade e a adequação do uso desses em sala de aula. Ressaltamos que a avaliação do OA a partir da ficha elaborada permitiu uma visão ampla e minuciosa do objeto, realçando o olhar crítico das autoras e salientando as características positivas apresentadas pelo recurso educacional digital, bem como a sua adequação para a introdução dos conceitos de Estatística no processo educacional.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:40:27 -030
       
  • Atividades Experimentais e teóricas: um caminho trilhado por estudantes
           do quinto ano no estudo dos quadriláteros

    • Authors: Roselene Alves Amâncio; Eliane Sheid Gazire
      Abstract: Geralmente, nos anos iniciais do Ensino Fundamental, privilegiam-se atividades de percepção das formas geométricas e nos anos finais, o ensino de Geometria tende a ser mais teórico. No entanto, é importante que as atividades experimentais e a conceituação estejam presentes em qualquer nível de ensino. Assim, neste artigo apresenta-se e discute-se uma sequência de atividades relativa ao estudo dos quadriláteros que foi realizada por estudantes do quinto ano do Ensino Fundamental. Eles obtiveram as figuras que representavam cada tipo de quadrilátero por meio de dobraduras e recortes, fizeram trabalhos artísticos com essas figuras, exploraram suas propriedades a partir da obtenção dos eixos de simetria, socializaram suas descobertas, depois construíram quadriláteros no geoplano e representaram as construções realizadas no papel pontilhado. A pesquisa evidenciou que é possível e necessário que, desde os anos iniciais, a manipulação, a construção e os desenhos sejam trabalhados de forma articulada com o conhecimento teórico da geometria. Constatou-se, ainda, que as interações e negociações de significados têm papel fundamental no processo de aprendizagem.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:37:12 -030
       
  • Análise do Nível de Intensidade dos Ruídos no Centro Comercial do
           Município de Abaetetuba-Pará

    • Authors: Manoel de Jesus dos Santos Costa; Antônio Fernando de Sousa Nascimento, Elivânia da Silva Machado, Cristiane Gomes Moraes, Sebastião Martins Siqueira Cordeiro, Jose Francisco da Silva Costa
      Abstract: O objetivo deste trabalho foi utilizar uma fundamentação teórica referente aos logaritmos para analisar o nível de intensidade dos ruídos, presentes em lojas do centro comercial de Abaetetuba-PA. Neste contexto, foram utilizados dados fornecidos pela Secretária de Meio Ambiente do Município de Abaetetuba (SEMEIA), bem como dados oriundos de uma pesquisa de campo obtidos através de um aplicativo de celular vinculados a uma fórmula analítica dependente dos logaritmos. Dessa maneira, a investigação consiste em responder se o nível de intensidade dos ruídos pode afetar o aparelho auditivo da população que frequentam as lojas do centro comercial. Com a determinação dos valores     de intensidade do nível de ruído obtido com o aplicativo de celular e em comparação com os valores da organização Mundial da Saúde (OMS), comprovou-se que há discordâncias quanto aos valores apresentados e determinados, tornando-se numa problemática que precisa ser sanada com conscientização e ações para evitar algum tipo de agravamento no aparelho auditivo. Assim sendo, a investigação desenvolvida na pesquisa comprovou que as lojas do centro comercial do município em questão necessitam de uma fiscalização que oriente os lojistas contra a poluição sonora. Tal afirmação foi ratificada através de visualizações gráficas de maneira quantitativa no que diz respeito a constatação dos valores de intensidade nos níveis sonoros determinados na localidade em que a pesquisa aconteceu. Finalmente, foram indicadas estratégias buscando minimizar a problemática apresentada na presente pesquisa.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:34:04 -030
       
  • Afrocentrando discursos por outra natureza da ciência e da tecnologia
           para ensinar ciências

    • Authors: Roberth De-Carvalho
      Abstract: Conhecimentos científicos e tecnológicos são formulados na conjuntura sociocultural, político-econômica e ideofilosófica das sociedades, produzindo sentidos em seus sistemas discursivos. Considerando que tradições coloniais silenciaram naturezas outras da ciência e da tecnologia, principalmente as relativas ao repertório de linguagens de povos originários, cumpre ao ensino de ciências promover formações discursivas em interlocução com outras formas-conteúdos de intervenção na realidade, visibilizando outros discursos tecnocientíficos. Para tanto, por uma abordagem contra-hegemônica, analisamos a narrativa do filme: Os deuses devem estar loucos, de 1980, enfocando a cultura tecnocientífica de uma sociedade da África do Sul, em Botswana, para propor uma reformulação discursiva para ensinar ciências. Revisionando gestos particulares de poder, de ser e de saber por projetos de fazer-ser social, sugerimos caminhos para um ensino de ciências afrocentrado na Educação Básica.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:30:28 -030
       
  • Abordagens Bioéticas no Ensino de Biologia: um estudo de caso no
           ensino médio

    • Authors: Carla da Silva Ribeiro; Ronaldo Revejes Pedroso, Nerilson Marques Lima, Teresinha de Jesus Aguiar dos Santos Andrade
      Abstract: A abordagem da bioética em sala de aula abre novos horizontes para a percepção de responsabilidades morais e éticas, através da contextualização de normas sociais e científicas. Este estudo investigou o nível de compreensão de alunos da 3ª série do ensino médio sobre os diversos conceitos de Bioética. O estudo de natureza qualitativa teve como metodologia a aplicação de questionários e a realização de uma oficina sobre “Bioética e sua abordagem no ensino de Biologia”. Observou-se uma divergência de opiniões na aproximação entre bioética e educação básica entre os alunos, alguns com visões bem definidas sobre problematizações éticas na ciência outros com deformações conceituais que atrapalham o processo de aprendizagem no ensino da ciência e da educação científica. Acredita-se que a inserção de temas para reflexões éticas e/ou bioéticas nas práticas de ensino ainda no ensino médio contribuem para a construção do saber científico-tecnológico como para a formação de cidadãos críticos e participativos, visto que, são através delas que os estudantes são ensinados a opinar, a se posicionar e argumentar com consciência e criticidade.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:28:51 -030
       
  • A reformulação de um objeto de aprendizagem de matemática buscando
           melhorar sua usabilidade

    • Authors: Taniele Loss Nesi; Marco Aurélio Kalinke, Marcelo Souza Motta, Emerson Rolkouski
      Abstract: O presente artigo trata de um relato de experiência referente ao processo de reformulação de um Objeto de Aprendizagem (OA), denominado “Descobrindo Comprimentos”, de acordo com padrões de usabilidade. Para tanto, apresenta-se a versão anterior do OA e algumas características da linguagem de programação utilizada, o Scratch, na sequência aborda-se o conceito de usabilidade. Para a efetivação da reformulação foram elaboradas quatro etapas, adaptadas de pesquisas que se dedicaram à tradução de OA. Tais etapas, aliadas à proposta de microciclos (análise, design, avaliação, reformulação e revisão), se mostraram adequadas ao processo de reformulação. Além desse resultado, concluiu-se que para aprimorar a usabilidade do OA é necessário agregar profissionais de design e programação e reformular interfaces em busca de maior atratividade, mobilidade, interatividade e clareza de informações.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:27:08 -030
       
  • A explicação como tipo textual nos livros didáticos de ciências
           naturais – aproximações teórico-metodológicas

    • Authors: Mirtes Ribeiro Lira; Francimar Martins Teixeira
      Abstract: Investigar sobre explicação em livros didáticos de Ciências é ir à busca do modo didático-pedagógico de dizer o conhecimento científico acerca dos fenômenos físicos, químicos e biológicos. Assim, ressaltamos que, dentre os tipos textuais que compõem o livro didático, a explicação é um requisito chave para o ensino e aprendizagem em Ciências. Dado o fato da importância da explicação dos conteúdos nos livros didáticos, este trabalho tem por objetivo apresentar um panorama das pesquisas que envolvem o livro didático de Ciências, com destaque àqueles que abordam a explicação de conteúdos. Para tanto, buscamos a revisão sistemática de literatura a respeito de estudos sobre a explicação nos livros didáticos de Ciências em 08 periódicos da área de educação-ensino. Como resultado, localizamos 63 artigos que abordam o livro didático de Ciências. Destes materiais, apenas 08 trabalhos estão relacionados com a explicação nos livros didáticos. Entretanto, os autores a tomam para tratamento dos dados das pesquisas sem um aprofundamento teórico entre os aspectos estruturais e linguísticos-discursivos da explicação.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:23:18 -030
       
  • A Early Algebra nos livros didáticos: um olhar sobre a abordagem de
           sequências de padrões

    • Authors: Daiane Venâncio Bitencourt; Vera Lúcia Merlini
      Abstract: Esta pesquisa refere-se à análise de livros didáticos de Matemática dos Anos Inicias do Ensino Fundamental a respeito de uma vertente da Early Algebra: sequência. Tendo como objetivo investigar como os livros didáticos têm abordado o pensamento algébrico, considerando o ponto de vista da sequência. Para dar apoio no tocante a Early Algebra, foram consideradas as ideias de Blanton e Kaput; e Carraher et al, entre outras. Trata-se de uma pesquisa documental. Para fazer essa análise foi escolhida uma coleção de livros didáticos considerada pelo PNLD de 2016 como a coleção mais distribuída, os exemplares usados são do 1º ano ao 5º ano do Ensino Fundamental. A análise foi realizada sob três perspectivas, a saber: (i) contabilizar o total de tarefas de cada livro e o total de tarefas relacionadas à sequência; (ii) contabilizar as sequências de acordo com as classificação pictórica ou numérica; (iii)  apresentar e discutir duas tarefas de cada livro relacionadas à sequências, a primeira e a última tarefa. Como resultado, foi observado que a coleção converge para as normas da BNCC; tarefas de sequências permeiam todos os livros didáticos da coleção. As tarefas podem tornar-se grandes aliadas do professor para promover o pensamento algébrico nos estudantes.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:19:51 -030
       
  • A congruência semântica na definição de limites: uma análise dos
           critérios conservados por alunos no Ensino Superior

    • Authors: Silvia Teresinha Frizzarini; Claudete Cargnin, Adriele Carolini Waideman, Luciane Guedes
      Abstract: O trabalho objetiva analisar quais critérios de congruência são conservados no estudo de limites e tecer reflexões sobre a influência dos critérios conservados nos recortes de produções realizadas por alunos que cursam o Ensino Superior da Universidade Tecnológica Federal do Paraná. A metodologia utilizada é a análise bibliográfica dos livros utilizados por esses alunos e algumas de suas produções documentais com problemas que envolvem limites. Para isso, são utilizados os pressupostos teóricos dos registros de representação de Duval, em específico a congruência semântica, para a análise do conceito de limite. São consideradas as transformações das diferentes representações, por tratamento e conversão, das regras utilizadas no cálculo de limites, representação gráfica, aproximação numérica e representação algébrica.  Os resultados apresentados foram que, apesar dos critérios conservados nos cálculos algébricos por substituição sejam matematicamente comprováveis, nos casos em que se aplica, eles são semanticamente não congruentes, ou seja, não há univocidade semântica entre as unidades significantes respectivas dos registros numérico e gráfico. Portanto, outras metodologias são necessárias para se interpretar o conceito limites de uma função, por meio de diferentes representações.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:17:12 -030
       
  • A Ciência na percepção de alunos da primeira etapa do Ensino
           Fundamental: um enfoque estrutural das representações sociais

    • Authors: Dayvisson Luis Vittorazzi; Tiego dos Santos Freitas, Alcina Maria Testa Braz da Silva
      Abstract: Fundamentado no referencial teórico-metodológico da Teoria das Representações Sociais, com atenção especial a sua abordagem estrutural, o presente trabalho trouxe como objetivo identificar o conteúdo e a organização das representações da Ciência de um grupo de alunos do 5º ano do Ensino Fundamental de uma escola municipal no Estado do Espírito Santo. Por meios da aplicação de questionário com questões abertas e itens para evocação livre de palavras a partir do termo indutor “Ciência”, aplicado a 51 alunos, com atenção às técnicas aplicadas à Teoria do Núcleo Central, foi possível perceber que a representação se ordena em torno de elementos que se relacionam com conteúdos, procedimentos e agentes na produção do conhecimento científico. As análises permitiram inferir algumas relações dessas representações com a formação científica e pretendem contribuir com reflexões acerca dos processos de ensino e aprendizagens das Ciências nesta etapa da Educação Básica.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 17:13:50 -030
       
  • A prática no ensino de botânica: o que dizem os principais
           congressos'

    • Authors: João Paulo Reis Soares; João Rodrigo Santos da Silva
      Abstract: Este trabalho tem como objetivo levantar documentos referentes às principais publicações em congressos de Botânica e Ensino de Ciências e Biologia. Para tal, analisa os seguintes congressos: Congresso Nacional de Botânica (CNBot), Encontro Nacional de Ensino de Biologia (ENEBIO), Encontro Nacional de Pesquisa em Ensino de Ciências (ENPEC), Congreso Internacional Enseñanza de las ciencias todos ocorridos entre os anos 2013-2017. Desta forma esta pesquisa visa à compreensão das práticas no ensino de botânica, onde se almeja uma melhor compreensão das principais dificuldades no ensino do tema. A pesquisa aponta que, apesar de muitas atividades diferenciais estarem sendo desenvolvidas no ensino de botânica, boa parte dos trabalhos ainda estão arraigados em uma abordagem conteudista e baseada na memorização, enfatizando a real necessidade de novos estudos sobre o tema, bem como melhorias nos cursos de formação de professores.
      PubDate: Dom, 18 Out 2020 00:00:00 -030
       
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
 


Your IP address: 18.232.146.10
 
Home (Search)
API
About JournalTOCs
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-