Subjects -> SOCIAL SCIENCES (Total: 1714 journals)
    - BIRTH CONTROL (22 journals)
    - CHILDREN AND YOUTH (252 journals)
    - FOLKLORE (30 journals)
    - MATRIMONY (16 journals)
    - MEN'S INTERESTS (16 journals)
    - MEN'S STUDIES (90 journals)
    - SEXUALITY (53 journals)
    - SOCIAL SCIENCES (1018 journals)
    - WOMEN'S INTERESTS (44 journals)
    - WOMEN'S STUDIES (173 journals)

SOCIAL SCIENCES (1018 journals)                  1 2 3 4 5 6     

Showing 1 - 136 of 136 Journals sorted alphabetically
(En)clave Comahue. Revista Patagónica de Estudios Sociales     Open Access  
3C Empresa     Open Access   (Followers: 4)
A contrario     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
Abant İzzet Baysal Üniversitesi Sosyal Bilimler Enstitüsü Dergisi     Open Access   (Followers: 1)
Abant Kültürel Araştırmalar Dergisi     Open Access  
Abordajes : Revista de Ciencias Sociales y Humanas     Open Access   (Followers: 1)
Aboriginal and Islander Health Worker Journal     Full-text available via subscription   (Followers: 16)
About Performance     Full-text available via subscription   (Followers: 13)
Academic Journal of Interdisciplinary Studies     Open Access  
Academicus International Scientific Journal     Open Access   (Followers: 4)
Access     Full-text available via subscription   (Followers: 27)
ACCESS: Critical Perspectives on Communication, Cultural & Policy Studies     Full-text available via subscription   (Followers: 13)
ACCORD Occasional Paper     Open Access   (Followers: 4)
Accountability in Research: Policies and Quality Assurance     Hybrid Journal   (Followers: 18)
Acta Academica     Full-text available via subscription   (Followers: 6)
Acta Humana     Open Access   (Followers: 1)
Acta Scientiarum. Human and Social Sciences     Open Access   (Followers: 10)
Acta Universitatis Sapientiae, Philologica     Open Access   (Followers: 1)
Adelphi series     Hybrid Journal   (Followers: 15)
Adıyaman Üniversitesi Sosyal Bilimler Enstitüsü Dergisi     Open Access  
Adıyaman Üniversitesi Sosyal Bilimler Enstitüsü Dergisi / Adiyaman University Journal of Social Sciences     Open Access  
Administrative Science Quarterly     Full-text available via subscription   (Followers: 218)
Administrative Theory & Praxis     Full-text available via subscription   (Followers: 7)
Adnan Menderes Üniversitesi Sosyal Bilimler Enstitüsü Dergisi     Open Access  
Adultspan Journal     Hybrid Journal   (Followers: 1)
Advocate: Newsletter of the National Tertiary Education Union     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
África     Open Access   (Followers: 1)
Africa Spectrum     Open Access   (Followers: 12)
African Affairs     Hybrid Journal   (Followers: 70)
African Renaissance     Full-text available via subscription   (Followers: 4)
African Research Review     Open Access   (Followers: 8)
African Social Science Review     Open Access   (Followers: 11)
Afrika Focus     Open Access   (Followers: 1)
Afyon Kocatepe Üniversitesi Sosyal Bilimler Dergisi     Open Access  
Ágora : revista de divulgação científica     Open Access  
Ágora de Heterodoxias     Open Access  
Ağrı İbrahim Çeçen Üniversitesi Sosyal Bilimler Enstitüsü Dergisi     Open Access   (Followers: 1)
Ahi Evran Üniversitesi Sosyal Bilimler Enstitüsü Dergisi     Open Access  
Akademik Bakış Uluslararası Hakemli Sosyal Bilimler Dergisi     Open Access   (Followers: 1)
Akademik Hassasiyetler     Open Access  
Akademik İncelemeler Dergisi     Open Access   (Followers: 1)
Akademika : Journal of Southeast Asia Social Sciences and Humanities     Open Access   (Followers: 6)
Al Farabi Uluslararası Sosyal Bilimler Dergisi     Open Access  
Al-Mabsut : Jurnal Studi Islam dan Sosial     Open Access   (Followers: 1)
Aletheia : Revista de Desarrollo Humano, Educativo y Social Contemporáneo     Open Access   (Followers: 2)
Alinteri Journal of Social Sciences     Open Access   (Followers: 1)
Alliage     Free  
Alteridade     Open Access  
Ambigua : Revista de Investigaciones sobre Género y Estudios Culturales     Open Access   (Followers: 2)
American Communist History     Hybrid Journal   (Followers: 20)
Anais do Congresso de Pesquisa e Extensão e da Semana de Ciências Sociais da UEMG/Barbacena     Open Access  
Anais Eletrônicos do Congresso Epistemologias do Sul     Open Access   (Followers: 2)
ANALES de la Universidad Central del Ecuador     Open Access   (Followers: 3)
Anales de la Universidad de Chile     Open Access  
Análisis     Open Access  
Analysis     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
Andamios. Revista de Investigacion Social     Open Access   (Followers: 1)
Anduli : Revista Andaluza de Ciencias Sociales     Open Access  
Anemon Muş Alparslan Üniversitesi Sosyal Bilimler Dergisi     Open Access  
Anka E-Dergi     Open Access  
Ankara Üniversitesi Sosyal Bilimler Dergisi     Open Access  
Ankara University SBF Journal     Open Access  
Annals of Humanities and Development Studies     Open Access   (Followers: 7)
Annals of the American Academy of Political and Social Science     Hybrid Journal   (Followers: 46)
Annuaire de l’EHESS     Open Access  
Anthropocene Review     Hybrid Journal   (Followers: 9)
Anthurium : A Caribbean Studies Journal     Open Access   (Followers: 8)
Approches inductives : Travail intellectuel et construction des connaissances     Open Access  
Apuntes : Revista de Ciencias Sociales     Open Access   (Followers: 2)
Apuntes de Investigación del CECYP     Open Access  
Arbetsliv i omvandling     Open Access  
Arbor     Open Access  
Argomenti. Rivista di economia, cultura e ricerca sociale     Open Access   (Followers: 4)
Argumentos : Revista do Departamento de Ciências Sociais da Unimontes     Open Access  
Argumentos. Revista de crítica social     Open Access  
Around the Globe     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Arquivos do CMD : Cultura, Memória e Desenvolvimento     Open Access  
Articulo - Journal of Urban Research     Open Access   (Followers: 7)
Artvin Coruh University International Journal of Social Sciences     Open Access  
Asia Pacific Journal of Sport and Social Science     Hybrid Journal   (Followers: 6)
Asian Journal of German and European Studies     Open Access  
Asian Journal of Quality of Life     Open Access   (Followers: 1)
Asian Journal of Social Science     Hybrid Journal   (Followers: 16)
Asian Journal of Social Sciences and Management Studies     Open Access   (Followers: 8)
Asian Research Journal of Arts & Social Sciences     Open Access   (Followers: 1)
Asian Social Science     Open Access   (Followers: 8)
Astrolabio     Open Access  
Asya Araştırmaları Uluslararasi Sosyal Bilimler Dergisi / Journal of Asian Studies     Open Access  
Atatürk Dergisi     Open Access  
Atatürk Üniversitesi Edebiyat Fakültesi Dergisi     Open Access  
Ateneo Chinese Studies Program Lecture Series     Open Access  
Aurum Journal of Social Sciences     Open Access  
Australasian Review of African Studies, The     Full-text available via subscription   (Followers: 2)
Australian Aboriginal Studies     Full-text available via subscription   (Followers: 8)
Australian and Aotearoa New Zealand Psychodrama Association Journal     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Australian Journal of Emergency Management     Full-text available via subscription   (Followers: 30)
Australian Journal on Volunteering     Full-text available via subscription   (Followers: 2)
Australian Population Studies     Open Access  
Austrian Journal of South-East Asian Studies     Open Access   (Followers: 1)
Bandung : Journal of the Global South     Open Access   (Followers: 1)
BARATARIA. Revista Castellano-Manchega de Ciencias sociales     Open Access  
Barn : Forskning om barn og barndom i Norden     Open Access   (Followers: 1)
Basic and Applied Social Psychology     Hybrid Journal   (Followers: 43)
Basic Income Studies     Hybrid Journal   (Followers: 8)
Bayero Journal of Pure and Applied Sciences     Open Access   (Followers: 3)
Berkeley Undergraduate Journal     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Beykent Üniversitesi Sosyal Bilimler Dergisi     Open Access  
Bhakti Persada : Jurnal Aplikasi IPTEKS     Open Access  
Big Data & Society     Open Access   (Followers: 49)
Bildhaan : An International Journal of Somali Studies     Open Access   (Followers: 5)
Bilecik Şeyh Edebali University Journal of Social Science Institute     Open Access  
Bingöl Üniversitesi Sosyal Bilimler Enstitüsü Dergisi     Open Access  
Black Sea Journal of Public and Social Science     Open Access  
Black Women, Gender & Families     Full-text available via subscription   (Followers: 18)
BMC Medical Ethics     Open Access   (Followers: 21)
Bodhi : An Interdisciplinary Journal     Open Access   (Followers: 3)
Body Image     Hybrid Journal   (Followers: 15)
BOGA : Basque Studies Consortium Journal     Open Access   (Followers: 3)
Boletín Cultural y Bibliográfico     Open Access   (Followers: 3)
Boletín Memoria     Open Access  
Border Crossing : Transnational Working Papers     Open Access   (Followers: 4)
Brain and Cognition     Hybrid Journal   (Followers: 38)
British Review of New Zealand Studies     Full-text available via subscription   (Followers: 4)
BU Academic Review     Open Access  
Bulletin de l’Institut Français d’Études Andines     Open Access   (Followers: 5)
Bulletin of Social Informatics Theory and Application     Open Access  
Búsqueda     Open Access  
Caderno CRH     Open Access   (Followers: 3)
Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas     Open Access  
California Italian Studies Journal     Full-text available via subscription   (Followers: 6)
Cambio : Rivista sulle Trasformazioni Sociali     Open Access  
Caminho Aberto : Revista de Extensão do IFSC     Open Access  
Campos en Ciencias Sociales     Open Access  
Canadian Journal of Human Sexuality     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Canadian Social Science     Open Access   (Followers: 14)
Caradde : Jurnal Pengabdian Kepada Masyarakat     Open Access  
Caribbean Studies     Full-text available via subscription   (Followers: 11)
Castalia : Revista de Psicología de la Academia     Open Access  
Catalan Social Sciences Review     Open Access   (Followers: 1)
Catalyst : A Social Justice Forum     Open Access   (Followers: 9)
Catholic Social Science Review     Open Access   (Followers: 5)
CBU International Conference Proceedings     Open Access   (Followers: 3)
Cemoti, Cahiers d'études sur la méditerranée orientale et le monde turco-iranien     Open Access   (Followers: 4)
Challenges     Open Access   (Followers: 3)
Chandrakasem Rajabhat University Journal of Graduate School     Open Access  
Changing Societies & Personalities     Open Access  
China Journal of Social Work     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Chinese Journal of Social Science and Management     Open Access  
Chinese Studies     Open Access   (Followers: 8)
Cidadania em Ação : Revista de Extensão e Cultura: Notícias     Open Access  
Ciencia e Interculturalidad     Open Access   (Followers: 3)
Ciência ET Praxis     Open Access  
Ciencia Sociales y Económicas     Open Access  
Ciencia y Sociedad     Open Access   (Followers: 3)
Ciencia, Cultura y Sociedad     Open Access   (Followers: 1)
Ciencia, Técnica y Mainstreaming Social     Open Access  
Ciencias Holguin     Open Access   (Followers: 3)
Ciências Sociais Unisinos     Open Access   (Followers: 3)
Ciencias Sociales y Educación     Open Access   (Followers: 5)
Ciencias Sociales y Humanidades     Open Access   (Followers: 4)
CienciaUAT     Open Access   (Followers: 1)
Científic@ : Multidisciplinary Journal     Open Access  
Citizen Science : Theory and Practice     Open Access   (Followers: 1)
Citizenship Teaching & Learning     Hybrid Journal   (Followers: 8)
Ciudad Paz-ando     Open Access   (Followers: 1)
Civilizar Ciencias Sociales y Humanas     Open Access   (Followers: 3)
Civitas - Revista de Ciências Sociais     Open Access   (Followers: 3)
Claroscuro     Open Access   (Followers: 1)
CLIO América     Open Access   (Followers: 2)
CMU Journal of Law and Social Sciences     Open Access   (Followers: 1)
Cogent Social Sciences     Open Access   (Followers: 4)
Cognitive and Behavioral Practice     Hybrid Journal   (Followers: 12)
Colección Académica de Ciencias Sociales     Open Access  
Colonial Academic Alliance Undergraduate Research Journal     Open Access   (Followers: 4)
Communication, Politics & Culture     Open Access   (Followers: 14)
Communities, Children and Families Australia     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
Community Empowerment     Open Access  
Compendium     Open Access   (Followers: 1)
Comprehensive Results in Social Psychology     Hybrid Journal  
Comprehensive Therapy     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Comuni@cción     Open Access   (Followers: 1)
Comunitania : Revista Internacional de Trabajo Social y Ciencias Sociales     Open Access   (Followers: 1)
ConCiencia     Open Access  
Confluenze Rivista di Studi Iberoamericani     Open Access  
Connections     Open Access  
Contemporary Journal of African Studies     Full-text available via subscription   (Followers: 4)
Contemporary Social Science     Hybrid Journal   (Followers: 14)
CONTRA : RELATOS desde el Sur     Open Access  
Contribuciones desde Coatepec     Open Access   (Followers: 1)
Convergencia     Open Access   (Followers: 3)
Cooperativismo y Desarrollo     Open Access   (Followers: 1)
Corporate Reputation Review     Hybrid Journal   (Followers: 5)
CRDCN Research Highlight / RCCDR en évidence     Open Access   (Followers: 1)
Creative and Knowledge Society     Open Access   (Followers: 11)
Creative Approaches to Research     Full-text available via subscription   (Followers: 14)
Critical Psychology     Hybrid Journal   (Followers: 9)
Critical Studies on Terrorism     Hybrid Journal   (Followers: 40)
Crossing the Border : International Journal of Interdisciplinary Studies     Open Access   (Followers: 6)
CTheory     Open Access  
Cuadernos de la Facultad de Humanidades y Ciencias Sociales - Universidad Nacional de Jujuy     Open Access   (Followers: 1)

        1 2 3 4 5 6     

Similar Journals
Journal Cover
  • A configuração social do cenário religioso do distrito de
           Ponte do Cosme

    • Authors: Vitor Cesar Presoti
      Abstract: O presente artigo apresenta alguns resultados preliminares sobre a pesquisa que tem o objetivo de averiguar a interação social entre os espíritas e os católicos que compõem o meio social e religioso do distrito de Ponte de Cosme. Através da metodologia da história oral, a pesquisa procura acessar a memória coletiva dos atores sociais dos grupos em foco: católicos e espíritas, priorizando a produção das memórias que os grupos religiosos tendem a preservar. O intuito é analisar e compreender as peculiaridades do campo religioso local e, consequentemente, da configuração social do distrito de Ponte Cosme.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • A CONSTRUÇÃO E IMPLANTAÇÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS NO BRASIL E SEU
           IMPACTO SOCIAL

    • Authors: Bruno Rocha Campos
      Abstract: O presente trabalho tem como proposta apresentar uma breve análise acerca da elaboração e implantação das políticas públicas no Brasil, como forma de assegurar os direitos sociais trazidos pela Constituição da República de 1988, com ênfase na forma como os atores realizam sua definição, iniciando na identificação da situação-problema, passando à fase de implantação e culminando no monitoramento de seus resultados, bem como dos reflexos sociais ocasionados por eventuais descontinuidades nas políticas públicas implementadas. Observa-se que as construções de políticas públicas derivam da importância de adequação das soluções propostas para sua criação e seu consequente alinhamento às reais necessidades da população alvo de determinada política pública. Em razão disso, ressalta-se a necessidade de participação dos diversos atores na composição das políticas como condição essencial para realização desse processo. A descentralização do processo decisório é um passo em direção a democratização deste e traz consigo a corresponsabilização, aumentando a eficiência na criação e na implementação das políticas públicas. É importante, também, que sejam associadas as políticas públicas à efetivação da função social do Estado, que é assegurada através da Carta Magna, bem como do perfil social da população brasileira, diagnosticado mediante análise dos dados do indicador Índice de Desenvolvimento Humano (IDH).
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • A importância de jogos lúdicos no ensino de Química na
           educação básica

    • Authors: Francisco Fernandes Ladeira
      Abstract: Boa parte dos alunos do Ensino Médio apresenta dificuldades para compreender o conteúdo didático de Química. Diante dessa realidade, fazer com que os conhecimentos sistematizados no campo científico se tornem inteligíveis para os estudantes da educação básica e, ao mesmo tempo, não sejam banalizados, é um dos grandes desafios pedagógicos para o professor de Química. Portanto, é importante que o docente, em sua prática didática, desenvolva estratégias metodológicas que possam gerar melhorias consistentes no processo de ensino-aprendizagem. Nos últimos anos, estudos acadêmicos concluíram que o conteúdo de Química, quando aproximado ao cotidiano dos discentes e trabalhado pelo professor de maneira dinâmica, através de materiais didáticos concretos, pode fazer com que o aluno melhore significativamente o seu desempenho escolar. Nesse sentido, o presente trabalho apresenta exemplos de práticas pedagógicas que introduziram jogos lúdicos em aulas de Química no Ensino Médio em duas escolas públicas estaduais e em uma escola pública federal. As instituições de ensino localizam-se nos municípios de Alto Rio Doce e Barbacena, ambos em Minas Gerais. Os jogos utilizados abordaram a Tabela Periódica e a Teoria dos Modelos Atômicos. Nas duas experiências pedagógicas analisadas, constatamos que os discentes, de maneira geral, após a introdução de jogos lúdicos em sala de aula, melhoraram significativamente os seus desempenhos escolares e se mostraram mais motivados a participar das aulas de Química.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • A LAICIDADE NO ESTADO DEMOCRÁTICO BRASILEIRO

    • Authors: Lara Bortolusci Leporati
      Abstract: Esta pesquisa tem como objetivo investigar as relações e conflitos entre a política democrática brasileira e a religião, analisando o conceito de laicidade no Brasil. A hipótese apresentada na respectiva pesquisa sugere que tal conceito apresente significado polifônico, devido à ausência de um debate público sobre o que seja a laicidade para e na política brasileira. Neste sentido, realizamos uma pesquisa entre os documentos expedidos pelo Comitê Nacional de Respeito à Diversidade Religiosa, criado no ano de 2014 junto à Comissão dos Direitos Humanos da Presidência da República, e o acompanhamento das ações desenvolvidas pela Frente Parlamentar Evangélica, surgida no ano de 2002. Da análise destes dois movimentos de pesquisa, a Frente Parlamentar Evangélica e o Comitê Nacional da Liberdade Religiosa, a religião aparece como um estimulador de ações que podem tanto contribuir quanto prejudicar o mundo da política institucional como o mundo político das relações sociais. Levando em consideração esta análise da bancada evangélica, levantamos a seguinte questão: como podemos avaliar a existência de uma Frente Parlamentar Evangélica do Congresso Nacional' Explanaremos também os modelos de laicidade norte-americano e francês, a fim de compreender qual modelo seria mais sustentável e próximo ao brasileiro.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • A modernidade e sua epistemologia: Uma revisão dialógica sobre os temas
           religião, política e representação política

    • Authors: Edson Lugatti Bissiati
      Abstract: O presente trabalho tem como objetivo um melhor entendimento sobre o pensamento político brasileiro a partir do diálogo entre os campos da religião e da política, sob três eixos analíticos: uma recuperação sobre as relações entre política e religião; como tal reflexão ilumina os limites da imaginação ocidental a respeito da democracia representativa; como esses dois movimentos podem ser compreendidos no Brasil. Nossas argumentações se originam de uma crítica às atuais agendas de pesquisa em torno dos temas religião e política que, pautadas em clássicas dicotomias como privado e público, religião e secularização, tradição e modernidade, subjetividade e objetividade, dividiram as percepções sobre o lugar da religião nas sociedades moderna, em especial no Brasil. Em contrapartida, tomadas como modelos culturais e epistemológicos ao longo do processo de constituição da modernidade, tais agendas contribuíram para aprofundar o debate intelectual e jurídico sobre a ideia de representação política como um mecanismo voltado à participação social em sociedades democráticas. Nesse contexto, nosso pressuposto é que as dicotomias foram postas não apenas como marco divisor entre abordagens teóricas, mas, fundamentalmente, como geradoras de impasses para e entre o funcionamento das instituições, acabando por enclausurar a concepção de representação política em modelos que escapam aos atuais anseios dos sujeitos/cidadãos e dos movimentos sociais que utilizam considerações religiosas ou não. Um dos resultados destas observações pode ser identificado na proposição de apenas reformulações técnicas no debate da reforma política no Brasil. Em outras palavras, o tema da religião não é pautado pela representação política como em outras democracias, como nos Estados Unidos e na França, nações que primam por tipos de laicidade do Estado discutidos e corroborados por seus cidadãos. Laicidades que, por fim, acabaram por construir formas de religião civil que aprofundam a vida democrática.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • A PRÁTICA DE ENSINO DA LEITURA E COMPREENSÃO LEITORA: PRIMEIRAS
           ANÁLISES

    • Authors: Agatha Eleutério Paulo
      Abstract: O presente trabalho parte do projeto “A prática de ensino da leitura e compreensão leitora”, que nasceu da reflexão sobre a importância do ensino de estratégias cognitivas e metacognitivas no desenvolvimento das habilidades de compreensão leitora dos alunos. Sendo assim, a pesquisa tem como objetivo observar se o uso dessas estratégias está presente em salas de aula da rede pública de Barbacena. É então realizada uma pesquisa em turmas do 3º ano do Ciclo de Alfabetização em duas escolas municipais, momento escolhido com base no fato de as políticas públicas determinarem este como o momento de consolidação de habilidades básicas de leitura. A pesquisa se mostra pertinente mediante a influência produzida pelo ensino dessas estratégias na evolução do conhecimento e da capacidade de compreensão dos alunos, tornando fundamentais as práticas pedagógicas que se baseiem nesse pressuposto. A fundamentação teórica compreende, principalmente, os trabalhos de Magda Soares, Isabel Solé e Evely Boruchovitch – pesquisadoras de renome nas áreas do Letramento e da Psicologia Educacional, respectivamente. O percurso metodológico que envolve o desenvolvimento do projeto, inclui observações sistemáticas em sala de aula orientadas por um roteiro estruturado, registros das práticas observadas em diário de campo e entrevistas semiestruturadas a serem realizadas com as professoras de cada turma, visando entender o nível de conhecimento das mesmas em relação às estratégias de compreensão e aos aspectos cognitivos e metacognitivos necessários no processo de ensino de leitura. As análises dos resultados obtidos referem-se às primeiras salas observadas em cada escola e, até o momento, apresentam um distanciamento entre a prática necessária na formação de leitores competentes e a prática cotidiana real. Durante as aulas pode-se notar a ausência de ativação de estratégias de compreensão fundamentais para um bom resultado das atividades propostas. Como exemplo, é possível citar a falta de definição dos objetivos que se pretende atingir em cada situação de leitura, o que é fundamental para guiar a forma com que se lê o texto proposto e, influencia fortemente a construção de sentido do mesmo. Os gêneros textuais são trabalhados de forma muito rápida e separados de seus usos sociais, o que pode não motivar os alunos, além de dificultar a assimilação das novas informações. Os momentos de leitura deleite não deixam espaço para manifestações dos alunos, mesmo que sejam comentários intimamente interligados com o conteúdo, situações que deveriam ser fomentadas pelos docentes com a intenção de envolver os alunos na atividade. Em certa ocasião, um aluno foi instruído a permanecer em silêncio após solicitar à professora o significado de uma palavra que não conhecia.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • MUITO ALÉM DOS SENTIDOS

    • Authors: Letícia Silva Val
      Abstract: Este artigo pretende analisar o movimento dialético na construção do pensamento filosófico, tendo inicio no idealismo de Platão e no realismo de Aristóteles; o filósofo prussiano Immanuel Kant tenta sintetizar em sua obra conceitos a priori e a posteriori. A partir da filosofia kantiana é possível estabelecer parâmetros para a construção do pensamento de variados fatos e fenômenos, sendo de grande auxílio na formação do senso crítico. Ao falar sobre as relações de troca entre sujeito e objeto, Kant contribui com a Antropologia, para o antropólogo que vai a campo e estabelece um laço com o grupo estudado; contribui também para a metodologia do trabalho sociológico. No filme Muito Além do Jardim de 1979, conhecemos o personagem Chance Gardner, um homem que não possui nenhum conhecimento que não seja relacionado à jardinagem ou televisão, analisando as relações de Chance, nota-se que muitas vezes ele não passa de uma projeção do outro com quem interage. Também no cinema o movimento surrealista propõe uma discussão sobre explicações lógicas e conexões feitas pelo cérebro para atribuir sentidos às coisas e aos acontecimentos.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • A REPRESENTAÇÃO SOCIAL DA HOMOSSEXUALIDADE EM CARTAZES DE FILMES
           HOMOERÓTICOS

    • Authors: João Paulo Silva Barbosa
      Abstract: Este artigo é um recorte de minha dissertação de Mestrado em Letras que — sob o título "A representação social do homossexual em títulos de filmes homoeróticos traduzidos da língua inglesa para o português brasileiro, em sua relação com as imagens utilizadas na produção do material de divulgação" — foi defendida na Universidade Federal de São João del-Rei, em 2016. Sendo um recorte, este trabalho contempla, portanto, apenas uma parte dos resultados da dissertação que nos serviu de base. Estabelecemos como objeto a representação social da homossexualidade e como corpus 02 pares de cartazes de filmes homoeróticos (versão original e traduzida de Flawless / Ninguém é perfeito, do diretor Joel Schumacher, e Keep the lights on / Deixe a luz acesa, de Ira Sachs). Inseridos numa perspectiva multimodal, propomos a abordagem de um problema social com dimensão semiótica. Adotamos uma visada semelhante à pesquisa de mestrado, para investigar a representação social da homossexualidade em cartazes de filmes homoeróticos, relacionando os títulos traduzidos da língua inglesa para o português brasileiro e os elementos gráfico-visuais. Partimos de uma análise discursiva do corpus, orientando-nos pelo quadro tridimensional das práticas de linguagem proposto por Fairclough (2001). Esse procedimento, amplo por si e cujo escopo é o discurso, solicitou-nos acionar um elenco teórico de apoio, a saber: a Gramática Sistêmico-Funcional (HALLIDAY; MATTHIESSEN, 2004) e os Estudos da Tradução (BRAGA; PAGANO, 2011; FERREGUETTI; FIGUEREDO; PAGANO, 2011; HARVEY, 2000; KENNY, 1998; RODRIGUES JÚNIOR, 2006a, b) para analisar os elementos verbais; a Gramática do Design Visual (KRESS; VAN LEEUWEN, 2006) para subsidiar a leitura das imagens; a perspectiva de representação social (HALL, 1997) — ampliada pelos pressupostos da Teoria Queer (BUTLER, 1998, 2002, 2003; PRECIADO, 2002), pelo dispositivo histórico da sexualidade (FOUCAULT, [1976] 1988) e pelas contribuições do cinema queer (LOPES, 2005; LOURO, 2008; PAIVA,2007) — para identificar os constructos da representação da homossexualidade no corpus. Percebemos, ao longo da análise realizada, que a representação da homossexualidade pode atrelar-se a indicadores sociais relacionados à figura do sujeito homossexual, entre eles: estereótipos, subordinação e legitimação. O trabalho que desenvolvemos evidenciou que o discurso patenteado da heterossexualidade ainda agencia a representação de LGBTs (lésbicas, gays, bissexuais travestis, transexuais e transgêneros), entretanto o fenômeno da representação social não se mostrou inflexível, pois as relações hegemônicas, assim como nos assegura Gramsci (2001), encontram-se em constante instabilidade e desarticulação.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • O DEBATE ENTRE CULTURA E IDENTIDADE E A ANÁLISE DA INFLUÊNCIA CULTURAL
           BANTO NA MÚSICA CONGADEIRA

    • Authors: Samuel Avelar Junior
      Abstract: O presente trabalho visa compreender e complexificar o debate acerca dos conceitos relativos à cultura e identidade, tendo em vista a produção de um trabalho analítico a partir dos aspectos culturais e musicais de grupos de Congada de Minas Gerais, mais especificamente da região das Vertentes, Sul de Minas e Centro Oeste mineiro. Primeiramente será feito um debate acerca das noções de identidade e cultura, colocaremos em contato algumas das construções teóricas de especialistas da área com o objetivo de esclarecer as atuais crises e as dificuldades de se trabalhar com estes elementos teóricos, além de buscar formas de desenvolver estas noções de maneira crítica e prática. Este trabalho têm também como objetivo as análises da influência da musicalidade Banto nas músicas populares brasileiras e por seguinte, na musicalidade do Congado, com o intuito de compreender os aspectos culturais da prática congadeira e suas noções de identificações musicais com a África.
      Para compreendermos e ampliarmos os significados culturais e musicais do Congado é importante problematizar os debates e construções acerca do caráter de identidade cultural, da identidade étnica, das apropriações culturais e das representações coletivas. Assim, parte deste trabalho irá direcionar a atenção nas análises acerca dos conceitos analíticos relativo à identidade e cultura e, posteriormente, a relação entre estes conceitos e as práticas musicais compartilhadas entre os sujeitos pertencentes à cultura negra e africana no Brasil. O desafio de compreender a cultura congadeira se torna complexa, procuramos definir neste trabalho os aspectos da cultura africana de origem Banta nas práticas da Congada, realizando, por exemplo, as análises e comparações de pontos de Umbanda e da musicalidade do Jongo.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SUAS INTERFACES COM AS CONCEPÇÕES SOCIOLÓGICAS
           NA EDUCAÇÃO ESCOLAR: SEXO, ORIENTAÇÃO SEXUAL E IDENTIDADE DE GÊNEROS.
           UM CAMPO EM CONSTRUÇÃO1

    • Authors: Douglas Libério Oliveira
      Abstract: Buscaremos neste artigo contribuir para uma reflexão crítica sobre o papel da/do professora/or de Ciências e de Biologia no Ensino Fundamental e Médio respectivamente, na sua potencialidade de agente transformador de representações e de práticas cis-heteronormativas no espaço escolar compreendido aqui como um “campo educacional” que (re)produz normas fundadas em “marcadores sociais da diferença”.Consideramos ser essa uma discussão fundamental para a educação escolar uma vez que cabe a/ao profissional docente desta área do conhecimento abordar junto às/aos discentes do ensino básico temáticas tais como sexo biológico e o aparelho reprodutor masculino e feminino, por exemplo. Vis-à-vis as diversidades e identidades sexuais e de gêneros que demandam serem problematizadas e pluralizadas nas perspectivas das Ciências Sociais e dos Direitos Humanos. É preciso “estranhar” e “desnaturalizar” a concepção social e normativa de que há uma determinação puramente biológica sobre as subjetividades (orientação sexual e identidade de gênero). E isso está posto para as Ciências Biológicas na sua interface com as concepções sociológicas de construção da realidade social e das identidades e suas diversidades. Esse é o objetivo que visamos alcançar ao desenvolver o artigo “Ciências Biológicas e suas Interfaces com as Concepções Sociológicas na Educação Escolar: Sexo, Orientação Sexual e Identidade de Gênero. Um Campo em Construção” aqui proposto
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • OS FRAGMENTOS EM ELES ERAM MUITOS CAVALOS

    • Authors: Richard Bertolin Oliveira
      Abstract: O presente trabalho tem como objetivo realizar uma breve análise do livro Eles eram muitos cavalos, de Luiz Ruffato, lançado em 2001. A estrutura da obra volta o olhar do leitor para o seu aspecto heterogêneo, mas, ao mesmo tempo, essa característica dificulta sua classificação. O livro é composto de sessenta e nove textos fragmentados, pertencentes a uma grande diversidade de gêneros discursivos e cuja organização não se preocupa com uma sequência linear ou cronológica. Em sua totalidade, os textos seguem a temática urbana, sendo protagonizados por um variado número de personagens anônimos que habitam um dos maiores centros urbanos e culturais de nosso país: a cidade de São Paulo. Diversos também são os narradores e as linguagens por eles utilizadas para narrar os acontecimentos, construir imagens e transmitir ao leitor os fluxos de pensamento dos personagens. Diante dessa heterogeneidade de aspectos que compõem a obra, buscamos relacionar o texto à noção de fragmentação, abordada por Stuart Hall (2006), e aos pressupostos teóricos sobre o narrador pós-moderno, discutidos por Linda Hutcheon (1988) e Silviano Santiago (1989). As bases teóricas escolhidas promovem um debate sobre os aspectos da representação pós-moderna, característica marcante na composição da estrutura e das identidades representadas por Ruffato.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • CONFLITOS TOLERADOS NA ESCOLA

    • Authors: Dulcineia Beatriz Oliveira
      Abstract: Tem por finalidade esse trabalho refletir sobre o conflito existente nas escolas e a problemática do bullying. Expressão essa de origem inglesa, definindo um tipo especifico de conflitos que de certa forma, tem sido invisibilizado pela comunidade escolar. Permanecendo invisível perante a sociedade, na teoria é no espaço escolar que se da às praticas entre pares diante desse, envolvendo crianças e adolescentes. Percebendo que o conflito vem sendo negligenciado e o sofrimento que causado por ele esta cada vez mais invisível as instituições, que poderiam desenvolver políticas preventivas a esse. Fica, pois uma lacuna, contudo leituras de estudos anteriores apresentam-se causas possíveis desse fenômeno, que vem afetando o discente, desencadeando a baixo estima, comportamento agressivo, a estigmatização, o que vem privando a sociabilidade dos mesmos. O que vai tornar possível a conscientização do corpo docente juntamente com o discente para vencer a violência psicológica que assombram os estigmatizados e manter no espaço escolar, através da prevenção, um lugar em que as trocas e a sociabilidade aconteça. Assegurar na vida adulta a superação desse conflito que vem percorrendo a sociedade contemporânea, e permitir que esses futuros adultos possam ser respeitados. O que vai assegurar ainda com o envolvimento de toda comunidade escolar a construir uma conscientização eficaz da não violência na sociedade que estão inseridos.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • CURRICULO –ACONTECIMENTO: INVENÇÕES EM UMA SALA DE AULA DE
           MÚSICA

    • Authors: Felipe Vargas Silva
      Abstract: Corpos lançados a encontros em sala de aula. Educação Maior instituída que se fazer instituir. educação menor vazando, arranhando, tremendo e abalando um modo maior. Banalidades em sala de aula nos levam a que' O que se quer quando ser quer educação' Levado pela filosofia de Gilles Deleuze e Félix Guattari esse texto trama com currículo e formação e invenção e resistência e militância e ética e e e... Pensar a multiplicidade a partir de um exercício de pensamento que engendre outros movimentos com escola para além das subordinações do Estado. Pensar com e escola e multiplicidade uma formação que não sejam capturadas em detrimento de um poder hegemônico Pensar a educação com banalidades e com restos e pensar a formação com ética e resistência.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • POLÍCIA MILITAR DO RIO DE JANEIRO, FILTRAGEM RACIAL E SUAS IMPLICAÇÕES
           NA DISCUSSÃO DO RACISMO NO BRASIL

    • Authors: Marcelle Luiz Andrade
      Abstract: Este trabalho tem como objetivo entender como os discursos e as práticas da segurança pública se relacionam com a questão racial ao longo do processo de modernização brasileiro. Para tanto, trazemos um debate em torno da atuação da Polícia Militar do Rio de Janeiro por parte de seu policial no tocante a abordagem do suspeito de cor negra nas periferias cariocas. Tal estudo utiliza de entrevistas em organizações sociais que tratam de questões raciais e reportagens de repercussão nacional e regional sobre o tema. A hipótese deste estudo se sustenta que a forma de atuação dura e racista da polícia, a qual tem sido criticada pela impressa e por pesquisadores ao longo dos anos, contribui para o constrangimento da democracia no país. Assim, uma reflexão da atuação desse policial na filtragem do suspeito se faz necessária para o entendimento do Estado democrático de direito brasileiro, pois é possível visualizar uma caracterização de uma chamada “cor padrão” por parte do agente militar em suas atuações. A discussão teórica tem como base os estudos de Erving Goffman, em especial a ideia de estereótipo e de representação do indivíduo na sociedade, dialogando com as abordagens sobre raça de Nina Rodrigues. Nossa hipótese dialoga com inúmeras pesquisas e conhecimentos acumulados sobre a complexidade das relações raciais no Brasil, ao perceberem uma perpetuação da ideia de marginalização dos negros no senso coletivo, a qual também é observada na atuação da PM/RJ. Desde modo, a argumentação irá decorrer de casos reais, entrevistas e a articulação com pensadores modernos e contemporâneos sobre o racismo no Brasil e os que estudam a segurança pública ao longo dos últimos anos. O resultado deste estudo aponta que o processo de modernização brasileiro ainda não se desvencilhou de um ideário racialista, presente em fins do século XIX e início do século XX, que indicava que negros e pardos deturpariam a constituição da sociedade brasileira em termos culturais, políticos e sociais.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • Desnaturalização do ser criança

    • Authors: Damodara Krishna Vargas
      Abstract: O objetivo deste artigo é gerar reflexão sobre o conceito de tempo e de como em nosso atual quadro social tudo está ocorrendo de forma mais rápida e menos natural. Não estamos dando tempo ao tempo, estamos acelerando processos que de tão simples parecem inúteis, estamos pulando etapas e de tão apressados, nem prestamos atenção a isso. Tratamos o tempo como uma entidade que pode ensinar, machucar, cicatrizar. Matamos essa entidade, sem perceber, ao dizer para nossas crianças que elas precisam amadurecer, precisam deixar a utopia de lado para cair na realidade e a frase mais pavorosa: “você precisa deixar de criança”. Com o tempo o ser criança, ouvindo todas essas frases que o inibem, deixa de se expor ao mundo e para nós mesmos. É necessário, para nós sermos melhores e até mesmo para o mundo ser melhor, mantermos o ser criança dentro de nós. É necessário manter a utopia em nós para que nunca deixemos de acreditar que as mudanças são possíveis. Mas matamos o tempo de nossas crianças, não deixamos que cresçam naturalmente, desnaturalizamos o ser criança e consequentemente, matamos os sonhos, a imaginação, a criatividade, a esperança. Essas consequências estão nos afetando através da sociedade com seus indivíduos cheios de preconceito, de ego, cheios de si e vazios do ser criança.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • POLÍTICA E MARKETING: BREVE ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DO ELEITOR
           CONSUMIDOR BRASILEIRO

    • Authors: Bruno José Magri
      Abstract: O mundo globalizado é mostrado como um mundo perverso, onde o meio técnico-científico-informacional vem sendo utilizado não para integrar todo o planeta mas para provocar a desigualdade baseada no consumo e nas formas de reprodução capitalista. O geógrafo brasileiro Milton Santos dialoga com esta perspectiva ao afirmar que “De fato para a grande maior parte da humanidade a globalização está se impondo como fábricas de perversidades” (SANTOS, 2001), tais como o desemprego crônico, queda na qualidade de vida das classes médias, a baixa na média dos salários, generalização da pobreza e da fome em várias partes do mundo, entre outros, temas e discussões que ingressam e engrossam os discursos de diversas plataformas políticas. No cenário político brasileiro contemporâneo têm sido aproveitadas as técnicas e noções de promover o consumo por diferentes classes sociais, de tal modo que, na política no sentido de organização de um Estado para interesses de seus cidadãos é trabalhada como outra mercadoria qualquer ofertada em seu respectivo mercado. As estratégias de marketing têm sido utilizadas no âmbito político promovendo a imagem dos candidatos de tal forma a compactuar com os interesses do maior número de eleitores possíveis aproveitando-se da ideia da “laminação a ouro” apresentada por Sennet (2006) onde o produto final é diferenciado dos demais por meio de estratégias de marketing especificas que o valorize. Pretende-se verificar e compreender tal analogia no cenário político brasileiro pós-constituinte de 1988 a forma como o perfil do eleitor brasileiro sofre uma evolução no modo de “consumir política” baseado nas estratégias de Marketing.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • Processos ou mecanismos' Fluxos ou estruturas' Uma análise
           comparativa das perspectivas de Bruno Latour, Tim Ingold e Pierre Bourdieu
           

    • Authors: Fábio Ricardo Ribeiro
      Abstract: São apresentados neste trabalho aspectos da recente ênfase em uma “ontologia plana” por parte de Bruno Latour e Tim Ingold, contrastando-se essa visão, da qual os dois autores despontam como eminentes representantes, com a perspectiva daquele que frequentemente aparece como “inimigo comum” e que pode ser lido como o mais influente sociólogo contemporâneo: Pierre Bourdieu. O intuito é tentar expor criticamente um possível debate, com importantes repercussões na teoria sociológica contemporânea - apesar de esse alcance hoje ainda se encontrar muito insatisfatoriamente dimensionado no Brasil.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • Enemigos, pero no mucho: a incoerência da retórica bélica entre Coreia
           do Norte e Estados Unidos

    • Authors: Ricardo Matos Rios
      Abstract: Este artigo pretende discutir como a Ideologia Juche, que norteia a política da
      Coreia do Norte, e o Realismo Político que guia a política externa dos Estados Unidos
      possuem mais pontos de convergência do que divergência. A análise se dará através dos
      pontos apresentados pela Juche, de Kim Il-sung, e pelo Realismo Ofensivo, de
      Mearsheimer. O arcabouço teórico também é composto por conceitos de ideologia,
      identidade e comunidades imaginadas, processo este que cria fortes dicotomias e
      desenvolve dentro desta crença que a Coreia do Norte é um inimigo perigoso e com
      armas nucleares a ser combatido ou que os Estados Unidos são um “grande Satã”, capaz
      de acabar com as sociedades ao redor do mundo e com o modo de vida norte-coreano.
      Com a sacralidade discursiva e a comunhão entre todos dentro do Estado, estas imagens
      podem perfeitamente se transformar não apenas em produto identitário, mas também
      ideológico. Em um período de crise bélica, é interessante e relevante notar as nuances
      convergentes das ideias que guiam a política externa dos dois Estados. Pretende-se
      também analisar os ganhos e perdas na balança de poder global dos dois Estados dentro
      deste conflito, além do uso da retórica bélica entre Coreia do Norte e Estados Unidos.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • Psicologia e Relações étnicas Raciais: Os efeitos psicossociais
           causadas pelo racismo na sociedade brasileira

    • Authors: Leandro Eustáquio Elias
      Abstract: A proposta de abordagem dos efeitos psicossociais causados pelo preconceito racial no cotidiano da sociedade brasileira se pretende através da análise bibliográfica de autores que se propuseram a discutir a temática, e o papel da Psicologia enquanto ciência no que se refere às relações étnicas raciais. A importância de apresentar a visão psicológica social comunitária, campo diverso que tem como uma de suas bandeiras a proposta de debruçar sobre o tema, e o quanto se tem feito no que tange a discussão do mesmo. A sociedade brasileira por bastante tempo vem buscando meios de lidar com as tensões socioeconômicas causadas pelo preconceito racial. Levar essa discussão para dentro da academia, é de suma importância, pois possibilitará aos futuros profissionais de áreas diversas, reconhecer a importância de lidar com um tema que tem ganhado certa visibilidade seja na clínica, empresa em toda esfera do âmbito público privado em geral. O racismo ainda atravessa nosso imaginário social e suas facetas afetam nossas relações sociais. Assim perguntamos por que no Brasil se torna tão complexa a discussão do racismo e seus efeitos em nossa sociedade'
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • ESTRATÉGIAS DE LEITURA

    • Authors: Ana Letícia Alves
      Abstract: A utilização de estratégias de leitura é importante, pois auxilia na interpretação e na compreensão de diversos textos e, a leitura é um processo de interação entre o leitor e o texto que é feita com alguma finalidade. Normalmente, lemos para nos divertir ou para a realização de algum tipo de trabalho. Assim, para ter uma melhor compreensão do que se está lendo, você utiliza os seus conhecimentos gerais acima do tema. Sabe-se que um dos objetivos mais importantes da escola é fazer com que os alunos aprendam a ler. Mas, no momento em que vai se fazer uma leitura, o leitor deve estar motivado e interessado em compreender o que está escrito, caso contrário não irá adquirir nenhum conhecimento, mesmo porque, um dos maiores objetivos da leitura é ler para aprender. Logo, quando há motivação e interesse em estar se apossando da leitura, se torna mais fácil alcançar uma melhor compreensão. Por isso, desde o início, as crianças devem aprender a gostar de fazer leituras para se tornarem leitores proficientes e o conhecimento prévio sobre o que está lendo é fundamental para facilitar o entendimento do leitor. Durante a leitura é importante a realização de resumos e anotações no decorrer do texto para facilitar a compreensão do que está sendo lido, o que proporciona uma leitura mais agradável e, consequentemente, menos cansativa. Quanto ao encontrar dificuldades durante a leitura, se faz necessário analisar o que está provocando esta dificuldade, e encontrar uma forma de fazer com que ela fique inexistente, para não fazer uma leitura que no fim não irá adquirir nenhum tipo de conhecimento. Para as crianças sabe-se que não é uma tarefa fácil ensinar crianças a ler, e mais complicado ainda torná-las bons leitores, o que exige tempo, paciência e dedicação para que elas adquiram gosto pela leitura e estejam sempre querendo mais. Portanto, para as crianças a leitura tem que ter uma finalidade para que possam compreender e, assim, ter vontade de compartilhar. Logo, é preciso estimulá-las a fazer parte desse mundo tão incrível e cheio de significados. Palavras-chave: Estratégias, leitura, aprendizagem.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • QUANDO LITERATURA DE CORDEL E CINEMA VIRAM ESTRATÉGIAS DE INTERVENÇÃO
           POÉTICA E RESISTÊNCIA

    • Authors: Aline Regina Brito
      Abstract: O presente artigo trata de duas perspectivas diferentes experimentadas em escolas públicas, uma de ensino médio e a outra do 2º segmento do ensino fundamental no Rio de Janeiro - o cinema e a literatura de cordel - como estratégias de resistência ao sistema autoritário e opressor cujos tentáculos provocam a invisibilidade dos nossos estudantes. Nestes contextos, busca-se oportunizar o autoconhecimento e o despertar do senso crítico para que estes estudantes exercitem o não-conformismo e atuem de forma colaborativa na desconstrução dos preconceitos impostos pela sociedade contemporânea em nossa cidade.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • QUEM SÃO ESSES COM QUEM APRENDEMOS E ENSINAMOS NA ESCOLA MODERNA

    • Authors: Daniel Pereira Lopes
      Abstract: O presente artigo aborda sobre a experiência do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência – PIBID – e tem como pretensão criar um campo de diálogos, cuja base está atrelada à Educação. Para isso, procurou-se observar a aplicação do subprojeto de Ciências Sociais, a Oficina Preparatória para o ENEM, ligando a importância da Sociologia nos contextos curriculares trabalhados. A análise ao longo do andamento das oficinas foi comprometida pela pauta da observação, da aproximação, do diálogo entre o Bolsista e o Estudante à medida em que os conteúdos foram sendo trabalhados com o público. Além disso, optou-se por maneiras variáveis a fim de interromper com o tradicionalismo existente nas salas de aula. Em outras palavras, tentou-se resgatar o que eles já trazem consigo, unindo teoria e prática. Espera-se, então, um momento analítico estruturado em dois eixos temáticos: o primeiro é condizente com a busca por identificar quem é o público dessa escola moderna, também das instituições brasileiras no atual século, apresentando os contextos educacionais do passado e da atualidade frente à sociedade. O segundo ponto será analisar as oficinas do Subprojeto de Ciências Sociais como uma tentativa de interrupção do ensino tradicional, passado de geração a geração, que somam ao tradicionalismo. Ensinar na contemporaneidade não requer somente o conhecimento acumulado durante a graduação e a transmissão da historicidade humana. A escola moderna enfrenta ainda alguns atrasos e aspectos inalterados: pode-se percebê-la como um ambiente social imutável desde a chegada do estudante até a conclusão da sua vida escolástica. Além disso, as instituições brasileiras de ensino aparentemente não se reconhecem no tempo e insistem na reprodução de um contexto em que a escola era unitária, ou seja, a eleita para propagar conhecimento. Enfim, há um vácuo educacional: o distanciamento da escola com o mundo do estudante, com a cultura, com as suas crenças e tradições. Precisa-se adequar a essa nova geração que, incansavelmente, tem fome pela tecnologia, enfrenta problemas de diversas ordens, que tem o seu “planeta emoção” afetado a todo instante nesta sociedade que vomita informações e consolida momentos que são voláteis, efêmeros. Educar é então apenas a transmissão e a reprodução de ideias já prontas, existentes e não a provocação do conhecimento. Primeiro que informação e conhecimento são duas circunstâncias distintas: a informação e seu excesso esgota o cérebro, é algo que acumulativo. Enquanto conhecimento não esgota, mas seleciona aquilo que é visto como importante e passa a ser construído, é algo seletivo. Enfim, o diálogo irá abarcar a experiência do subprojeto aplicado e as novas metodologias que puderam ser inventadas e reinventadas. É aqui que tem-se a possibilidade de visualizar de mais perto aquilo que talvez a própria educação tapeia há décadas.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • MODOS DE FAZER E CONCEBER A POLÍTICA A PARTIR DO NÍVEL MUNICIPAL

    • Authors: Jamile Aparecida Moreira
      Abstract: Barbacena é famosa pela produção de rosas, pela história do antigo hospital psiquiátrico da cidade, pelo clima europeu, entre outros. Entretanto, o destaque do presente trabalho se deve a disputa política entre as famílias Bias Fortes e Andrada no município. É importante abordar a concepção que os moradores têm sobre a política municipal, procurando entender em que medida a disputa política afetou a cidade e a vida dos barbacenenses. Muitos trabalhos se debruçaram sobre a temática da disputa entre as duas famílias, mas considero que poucos estudaram o ponto de vista dos moradores. Com os problemas que a política nacional enfrenta é crucial procurar entender como a população se vê diante dessa crise na política brasileira. Foi de grande importância conversar com os habitantes e políticos locais para entender o significado da disputa política para ambos.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • REPRESENTAÇÃO POLÍTICA, DEMOCRACIA E ESTADO BRASILEIRO: UMA ANÁLISE
           SOCIOPOLÍTICA

    • Authors: Paula Aparecida Liguori
      Abstract: Este trabalho tem por objetivo recuperar as bases epistemológicas da representação política moderna, aplicando-as para o caso brasileiro contemporâneo. Assim, nos embasando na teoria de Bernard Manin, acreditamos que o governo representativo é um sistema político original, diferenciado do regime democrático de governo. Embora, ambos, estejam combinados na maioria do mundo ocidental. Neste sentido, a representação política tem as metamorfoses como sua maior característica, considerando-se as mudanças temporais e espaciais que perpassam as sociedades. Disso, a percepção de crise é uma constante no governo representativo. Desta maneira, nossa hipótese aponta que os setores organizados da sociedade civil brasileira, como os partidos políticos, têm cada vez menos representado os anseios do povo com suas táticas de hegemonia e luta por permanência no Estado. Em outros termos, observamos uma espécie de captura da sociedade civil pelo Estado democrático por meio, fundamentalmente, do governo representativo. Assim, existe uma concentração de poder no Estado ocasionando um processo de expropriação dos direitos sociais e uma fissura cada vez maior entre os representantes e o povo.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • A COBIÇA E O FETICHE: SÍMILES DA LEI EM PAULO DE TARSO E KARL
           MARX

    • Authors: Nelson Rodrigues Filho
      Abstract: O presente trabalho pretende oferecer um delineamento daquilo que se entende por similitudes da lei em Paulo de Tarso e Karl Marx, a partir da análise dos conceitos de cobiça em Paulo de Tarso e fetiche em Karl Marx, um estudo científico-sociológico. Destarte, necessário é, explanar conceitos primordiais para o bom êxito na compreensão dos argumentos apresentados: cobiça, fetiche e lei.


      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • Preconceito contra a população LGBT: uma análise qualitativa e
           quantitativa das ações adotadas para promover atendimentos mais
           humanizados

    • Authors: Kethelin Aparecida Silva
      Abstract: Atualmente estamos vivendo em uma sociedade onde o preconceito está presente constantemente. No Brasil os índices de agressões físicas e psicológicas contra a população LGBT têm aumentado. Observa-se que as politicas públicas tem se mobilizado com campanhas para promover o respeito e eliminar o preconceito que culmina em atos de violência. Infelizmente a realidade das múltiplas orientações sexuais e identidades de gênero ainda possuem inúmeros casos de agressões físicas, porém a violência psicológica cria marcas profundas, além de desencadear problemas emocionais. A partir de novas estratégias e de novos comportamentos podemos estimular o acolhimento, o atendimento e o encaminhamento das demandas da população LGBT, sem discriminação e com respeito, favorecendo a diminuição das dificuldades vividas por esta população nos serviços públicos, de saúde, nas escolas, entre outros locais. O preconceito é resultado de muitos fatores interacionados, portanto não há uma estratégia especifica para solucionar o problema. Com base nos determinantes sociais da saúde pode-se verificar que os diferentes modos de vida, ambientes de trabalho e valores culturais podem afetar as pessoas como no acesso a saúde e no cuidado, por exemplo, todas as pessoas têm direito ao atendimento humanizado e livre de discriminação por orientação sexual, contudo ainda existem relatos de que esse direito foi violado. Com base nesses aspectos faremos uma análise de alguns serviços que tem adotado essas inciativas além de fazer um paralelo com outras propostas de trabalho que tem como finalidade reduzir os dados de violência além de reestabelecer os laços sociais, e minimizar os efeitos psicológicos que o preconceito promove.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • Marcas do Catolicismo popular na literatura

    • Authors: Talita Ariane Silva Ferreira
      Abstract: O campo religioso brasileiro apresenta-se como um espaço propenso a abrigar às diversidades culturais que compõe o país. Assim, a religião católica, ainda majoritária no país, apesar dos declínios apresentados nos últimos censos, abriga no seu interior uma grande diversidade de práticas. Nesta perspectiva, o catolicismo popular apresenta-se como uma prática, capaz de abrigar as mais diversas formas de vivência da fé, conservando-se autônomo em relação ao catolicismo oficial. Essas vivências do catolicismo popular têm fortes marcas na cultura popular nordestina, tendo sido expressa nas obras literárias e dramatúrgicas que contam as histórias deste povo. Neste trabalho pretende-se observar as formas que autores como Guimarães Rosa e Ariano Suassuna, se apropriam desta marca da cultura nordestina em suas obras tornando-as belíssimas ilustrações deste fenômeno que compõe a riqueza cultural daquela região. Os autores conseguem expressar de forma intensa toda a plasticidade que compõe o modo genuíno de ser católico no Brasil. O que vem reforçar a presença de laços estreitos entre religiosidade e cultura popular, que aparecem não só na literatura e na dramaturgia destes e de outros autores, mas também, nas danças, músicas e festividades populares que compõe esta grande diversidade. Assim, mesmo tratando-se de ficção, as obras literárias têm muito a dizer sobre a forma como a fé destes atores participa, em grande medida, das suas ações cotidianas e como constituem para eles formas de compreensão do mundo.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • Apenas uma reflexão sobre a dúvida

    • Authors: Ana Maria Almeida
      Abstract: A dúvida surge com avida ou a antecede'
      Não se pode chegar a uma conclusão concreta a essa pergunta. Ela se assemelha a aquela que se refere ao ovo e a galinha.
      Mal se percebe a primeira vez em que ela surge, e como uma " hidra " da mitologia, que ao lhe cortar uma das cabeças, outras três surgem em seu lugar, assim podemos dizer que ocorre com a dúvida, ao chegar a uma resposta supostamente satisfatória, outras surgem, talvez por toda uma existência.
      Algumas dúvidas são comuns aos indivíduos, como as causas existenciais por exemplo: " Quem eu sou ", " de onde eu vim ", " qual é o principal motivo da minha existência e da minha própria vida "; esses exemplos parecem os mais difíceis de se responder, pois não existe uma certeza para se chegar a conclusão, só realmente começamos a nos conhecer como indivíduo a partir das experiências de sentimentos e fatos sociais, isto é a partir do vivenciar emoções e situações fora do íntimo, no convívio e no afetar o outro.
      A dúvida leva o ser, a crescimento, se essa for dosada e tratada como algo que é necessária para se chegar a um conhecimento, pode tornar em ceticismo se se duvidar radicalmente, sem a aceitação da verdade a que ela possa chegar duvidando sempre, também pode ser um caminho para o entendimento da verdade, chegando-se ao consenso de que a dúvida individual leva a verdades individuais e a dúvida coletiva surge a parte da necessidade de uma sociedade.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • VALORIZAÇÃO DO TURISMO RELIGOSO EM JOÃO DEL REI – MG E AS MEMÓRIAS
           DA BEATA NHÁ CHICA

    • Authors: Parley Lopes Bernini
      Abstract: O município de São João del-Rei se destaca no panorama nacional histórico cultural e religioso, fundado no período 1713, com destaque no Brasil Colônia e até os tempos atuais emerge nesta cidade as memórias da cultura religiosa, com suas sinuosas Igrejas, Praças, Projetos Arquitetônicos. Diante do exposto, o recorte deste estudo traz para o debate as memórias da Beata Nhá Chica, na comunidade rural de Rio das Mortes Pequeno e como sua valorizaçõ favorece a comunidade local. O Turismo traz em seu bojo atividades de múltiplas conexões, no âmbito cultural, social, histórico, religioso e econômico de um ambiente específico. A abordagem desta pesquisa empreendida buscou atender a comunidade rural do Rio das Mortes Pequeno, promovendo e desenvolvendo do turismo religioso, elevando o conhecimento histórico acerca da Beata Nhá Chica e a religiosidade local na sua comunidade nativa. O público entrevistado projetou em vinte pessoas, onde a metodologia utilizada repousou no método participativo, o qual os moradores da localidade contribuíram intensamente na ação extensionista. O universo empírico palco da ação esteve no município de São João del Rei, com destaque na comunidade onde a Beata nasceu. O objetivo principal deste trabalho consistiu em mapear o que existe na comunidade sobre Nhá Chica, relatos de seus possíveis milagres e valorizar a comunidade local dando voz e visibilidade. As ferramentas metodológicas galgaram em entrevistas junto aos moradores da comunidade em foco; execução de fotos; revisão à literatura acadêmica própria do tema; realização de entrevistas; busca a documentos locais que a posteriori constituíram-se e um documentário elaborado na forma de relatório; produzido com a finalidade de divulgar o Turismo Religioso, que envolve o local. A pesquisa apresentou dados relevantes sobre a vida da beata, tais como visitação ao local de seu batismo e empoderamento da comunidade receptora da ação extensionista. Ainda no trabalho de campo, foi estabelecido contato com as pessoas do grupo estudado e parentes potenciais que se mobilizaram a ajudar na coleta dos dados e por fim coletou-se relatos de relevância para o estudo do local e de seus habitantes. A ação favoreceu a elaboração de um instrumento capaz de oportunizar que o turista religioso possa realizar peregrinações no espaço de discussão, elaboração de visitações, com intuito de conhecer a religiosidade local e, por conseguinte, beneficiar e valorizar a comunidade através do fluxo turístico típico desta atividade. Com isto, houve projeção sociocultural e econômica a comunidade rural do Rio das Mortes Pequeno para além do espaço local, projetando tal grupo numa perspectiva macro, gerando sustentabilidade; potencializando economicamente sua população e favorecendo os laços de pertencimento entre os moradores desta comunidade.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • VALORIZAÇÃO DA COMUNIDADE COMO FATOR DE INSERÇÃO SOCIAL: A VISÃO DE
           UM INTERCAMBISTA EM PORTUGAL

    • Authors: Parley Lopes Bernini
      Abstract: O presente projeto almejou a avaliação documental e posteriormente in loco dos processos turísticos na região norte de Portugal sob as óticas de: Percurso do destino, Tipos de Oferta e Atrações Turísticas disponíveis na região do Porto/Portugal a luz de um discente graduando de Tecnologia em Gestão de Turismo do Instituto Federal do Sudeste de Minas Gerais – Campus Barbacena. Os procedimentos de avaliação aconteceram de janeiro a fevereiro de 2017 durante o período de mobilidade internacional ofertado pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sudeste de Minas Gerais (dito IF Sudeste MG), através do programa intitulado “IF Sudeste MG Internacional”. A orientação para o desenvolvimento desta ação ocorreu bilateralmente, tendo articulação no Brasil e em Portugal. A temática deste projeto consistiu no levantamento de informações próprias do turismo por intermédio da produção científica local, posteriormente, in loco das atividades existenciais na região Norte de Portugal e suas potencialidades, analisando seus serviços ofertados e recursos disponíveis ao bem-estar do turista. Optou-se por utilizar como metodologia a pesquisa qualitativa, exploratória e descritiva, analítica e de observação participante, a fim de adaptar-se à realidade existente no ambiente de estudo. A problemática deste projeto consistiu em levantar as informações pertinentes a região turística do grande Porto no que se refere a atividade de turismo e a construção de suas rotas, sejam elas estruturadas por entidades governamentais ou não. Por resultados, foi observado a presença da comunidade pertencente a rota do Fresco – especificamente no Alentejo –, onde os autóctones mobilizaram-se para a realização da atividade turística, valorizando sua representatividade e costumes locais; oportunizando o acesso à geração de renda e inserção no mundo do trabalho; projetando-os para além do seu lugar e oportunizando acesso à voz e visibilidade no espaço português. O projeto apresentado, almejou a troca de conhecimentos e fortalecimento dos laços existentes entre Brasil e Portugal. Por fim, buscou-se criar saberes e sinergias próprias do Turismo e sua gestão, na parte Norte de Portugal com a mesorregião denominada Campo das Vertentes em Minas Gerais, no que se refere a estruturação de rotas e roteiros e valorização de grupos sociais buscando melhoria de sua representatividade na atividade turística eficaz e eficiente.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
  • A Clínica Ampliada do Consultório na Rua e a perspectiva do cuidado à
           População em Situação de Rua usuária de Álcool e Outras Drogas

    • Authors: Elizama Franciane da Costa
      Abstract: O objetivo deste estudo procura retratar a realidade vivida pelos usuários de álcool e outras drogas em situação de rua e abordar a Política Pública do Consultório na Rua. Assim, o Consultório na Rua é um dispositivo instituído pelo Ministério da Saúde, formado por uma equipe de caráter itinerante baseado no atendimento da saúde mental. O Consultório na Rua é um programa que tem por finalidade abrir espaço para o atendimento em saúde para a População em Situação de rua e usuários de drogas. Neste contexto, o público atendido é constituído por crianças, adolescentes, adultos e idosos que vivem nas ruas e trabalhar juntamente com os dependentes químicos a Redução de Danos e também a estratégia do Projeto Terapêutico Singular. Dessa maneira, esses serviços na rua, são ofertados a todas as pessoas com situação de riscos e vulnerabilidades sociais. Nesta perspectiva, cada usuário é um e diferente, cada um necessita de um tipo diferenciado de tratamento.
      PubDate: 2018-08-20
      Issue No: Vol. 4, No. 1 (2018)
       
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
 


Your IP address: 34.204.200.74
 
Home (Search)
API
About JournalTOCs
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-