for Journals by Title or ISSN
for Articles by Keywords
help
  Subjects -> LAW (Total: 1223 journals)
    - CIVIL LAW (37 journals)
    - CONSTITUTIONAL LAW (44 journals)
    - CORPORATE LAW (80 journals)
    - CRIMINAL LAW (18 journals)
    - CRIMINOLOGY AND LAW ENFORCEMENT (138 journals)
    - FAMILY AND MATRIMONIAL LAW (21 journals)
    - INTERNATIONAL LAW (165 journals)
    - JUDICIAL SYSTEMS (22 journals)
    - LAW (691 journals)
    - LAW: GENERAL (7 journals)

LAW (691 journals)                  1 2 3 4 | Last

Showing 1 - 200 of 354 Journals sorted alphabetically
ABA Journal Magazine     Full-text available via subscription   (Followers: 19)
Acta Politica     Hybrid Journal   (Followers: 13)
Acta Universitatis Danubius. Juridica     Open Access  
Actualidad Jurídica Ambiental     Open Access   (Followers: 1)
Adelaide Law Review     Full-text available via subscription   (Followers: 19)
Administrative Law Review     Open Access   (Followers: 39)
Aegean Review of the Law of the Sea and Maritime Law     Hybrid Journal   (Followers: 7)
African Journal of Legal Studies     Hybrid Journal   (Followers: 6)
African Journal on Conflict Resolution     Open Access   (Followers: 15)
Afrilex     Open Access   (Followers: 4)
Air and Space Law     Full-text available via subscription   (Followers: 18)
Akron Law Review     Open Access   (Followers: 3)
Al Ihkam : Jurnal Hukum & Pranata Sosial     Open Access   (Followers: 1)
Al-Ahkam     Open Access   (Followers: 1)
Alaska Law Review     Open Access   (Followers: 9)
Albany Law Review     Free   (Followers: 6)
Alberta Law Review     Full-text available via subscription   (Followers: 14)
Alternative Law Journal     Hybrid Journal   (Followers: 1)
Alternatives : Global, Local, Political     Hybrid Journal   (Followers: 13)
Amazon's Research and Environmental Law     Open Access  
American Journal of Comparative Law     Full-text available via subscription   (Followers: 51)
American Journal of Jurisprudence     Hybrid Journal   (Followers: 15)
American Journal of Law & Medicine     Full-text available via subscription   (Followers: 12)
American journal of legal history     Full-text available via subscription   (Followers: 4)
American Journal of Trial Advocacy     Full-text available via subscription   (Followers: 7)
American University Law Review     Open Access   (Followers: 15)
American University National Security Law Brief     Open Access   (Followers: 8)
Amicus Curiae     Open Access   (Followers: 5)
Amsterdam Law Forum     Open Access   (Followers: 9)
Annual Survey of South African Law     Full-text available via subscription   (Followers: 5)
Anuario de Psicología Jurídica     Open Access   (Followers: 1)
ANZSLA Commentator, The     Full-text available via subscription   (Followers: 4)
Appeal : Review of Current Law and Law Reform     Open Access  
Arbitration Law Monthly     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Arbitration Law Reports and Review     Hybrid Journal   (Followers: 12)
Arctic Review on Law and Politics     Open Access  
Arena Hukum     Open Access  
Arizona Law Review     Open Access   (Followers: 3)
Arizona State Law Journal     Free   (Followers: 2)
Arkansas Law Review     Free   (Followers: 5)
Ars Aequi Maandblad     Full-text available via subscription   (Followers: 2)
Art + Law     Full-text available via subscription   (Followers: 11)
Article 40     Open Access   (Followers: 2)
Artificial Intelligence and Law     Hybrid Journal   (Followers: 8)
Asian American Law Journal     Open Access   (Followers: 3)
Asian Journal of Legal Education     Full-text available via subscription   (Followers: 6)
Asian Pacific American Law Journal     Open Access   (Followers: 2)
AStA Wirtschafts- und Sozialstatistisches Archiv     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Australasian Law Management Journal     Full-text available via subscription   (Followers: 7)
Australian and New Zealand Sports Law Journal     Full-text available via subscription   (Followers: 8)
Australian Feminist Law Journal     Hybrid Journal   (Followers: 10)
Australian Indigenous Law Review     Full-text available via subscription   (Followers: 16)
Australian Journal of Legal History     Full-text available via subscription   (Followers: 19)
Ave Maria Law Review     Free   (Followers: 2)
Badamai Law Journal     Open Access  
Baltic Journal of Law & Politics     Open Access   (Followers: 7)
Bar News: The Journal of the NSW Bar Association     Full-text available via subscription   (Followers: 5)
Behavioral Sciences & the Law     Hybrid Journal   (Followers: 20)
Beijing Law Review     Open Access   (Followers: 7)
Berkeley Journal of Entertainment and Sports Law     Open Access   (Followers: 6)
Berkeley Technology Law Journal     Free   (Followers: 11)
Bioethics Research Notes     Full-text available via subscription   (Followers: 13)
Bond Law Review     Open Access   (Followers: 17)
Boston College Environmental Affairs Law Review     Open Access   (Followers: 7)
Boston College Journal of Law & Social Justice     Open Access   (Followers: 8)
Boston College Law Review     Open Access   (Followers: 17)
Boston University Law Review     Free   (Followers: 10)
BRICS Law Journal     Open Access  
Brigham Young University Journal of Public Law     Open Access   (Followers: 6)
Brigham Young University Law Review     Full-text available via subscription   (Followers: 7)
British Journal of American Legal Studies     Open Access  
Brooklyn Law Review     Open Access   (Followers: 2)
Bulletin of Medieval Canon Law     Full-text available via subscription   (Followers: 2)
C@hiers du CRHIDI     Open Access  
Cadernos de Dereito Actual     Open Access  
Cadernos do Programa de Pós-Graduação em Direito - PPGDir./UFRGS     Open Access   (Followers: 1)
Cadernos Ibero-Americanos de Direito Sanitário     Open Access  
Cahiers, Droit, Sciences et Technologies     Open Access  
California Law Review     Open Access   (Followers: 19)
California Lawyer     Free  
California Western Law Review     Open Access   (Followers: 2)
Cambridge Law Journal     Hybrid Journal   (Followers: 131)
Campbell Law Review     Open Access   (Followers: 4)
Campus Legal Advisor     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Case Western Reserve Law Review     Open Access   (Followers: 1)
Časopis pro právní vědu a praxi     Open Access  
Časopis zdravotnického práva a bioetiky     Open Access  
Catalyst : A Social Justice Forum     Open Access   (Followers: 10)
Catholic University Law Review     Open Access   (Followers: 2)
Chicago-Kent Law Review     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
Chicana/o-Latina/o Law Review     Open Access   (Followers: 2)
China : An International Journal     Full-text available via subscription   (Followers: 17)
China-EU Law Journal     Hybrid Journal   (Followers: 4)
Chinese Journal of Comparative Law     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Chinese Law & Government     Full-text available via subscription   (Followers: 6)
Cleveland State Law Review     Free   (Followers: 1)
College Athletics and The Law     Hybrid Journal   (Followers: 1)
Colombia Forense     Open Access  
Columbia Journal of Environmental Law     Free   (Followers: 10)
Columbia Journal of Law and Social Problems     Full-text available via subscription   (Followers: 11)
Columbia Law Review (Sidebar)     Open Access   (Followers: 13)
Commercial Law Quarterly: The Journal of the Commercial Law Association of Australia     Full-text available via subscription   (Followers: 5)
Comparative Law Review     Open Access   (Followers: 40)
Comparative Legal History     Full-text available via subscription   (Followers: 7)
Con-texto     Open Access  
Conflict Resolution Quarterly     Hybrid Journal   (Followers: 34)
Conflict Trends     Full-text available via subscription   (Followers: 8)
Cornell Law Review     Open Access   (Followers: 7)
Criterio Jurídico     Open Access  
Critical Analysis of Law : An International & Interdisciplinary Law Review     Open Access   (Followers: 2)
Cuadernos de Historia del Derecho     Open Access   (Followers: 5)
Cuestiones Juridicas     Open Access   (Followers: 1)
Current Legal Problems     Hybrid Journal   (Followers: 25)
Danube : The Journal of European Association Comenius - EACO     Open Access   (Followers: 2)
De Jure     Open Access   (Followers: 1)
De Rebus     Full-text available via subscription  
Deakin Law Review     Full-text available via subscription   (Followers: 15)
Defense Counsel Journal     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Democrazia e diritto     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Denning Law Journal     Full-text available via subscription   (Followers: 8)
DePaul Journal of Women, Gender and the Law     Open Access   (Followers: 2)
DePaul Law Review     Open Access   (Followers: 1)
Der Staat     Full-text available via subscription   (Followers: 13)
Derecho PUCP     Open Access   (Followers: 3)
Derecho y Ciencias Sociales     Open Access   (Followers: 1)
Die Verwaltung     Full-text available via subscription   (Followers: 10)
Dikaion     Open Access   (Followers: 1)
Dike     Open Access  
Direito e Desenvolvimento     Open Access   (Followers: 1)
Direito e Liberdade     Open Access  
Diritto penale contemporaneo     Free   (Followers: 2)
Diritto, immigrazione e cittadinanza     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Dixi     Open Access  
Droit et Cultures     Open Access   (Followers: 6)
Droit et Médecine Bucco-Dentaire     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Droit, Déontologie & Soin     Full-text available via subscription   (Followers: 2)
Drug Science, Policy and Law     Full-text available via subscription  
Duke Environmental Law & Policy Forum     Open Access   (Followers: 6)
Duke Forum for Law & Social Change     Open Access   (Followers: 7)
Duke Journal of Gender Law & Policy     Open Access   (Followers: 15)
Duke Law & Technology Review     Open Access   (Followers: 9)
Duke Law Journal     Open Access   (Followers: 26)
DULR Online     Open Access   (Followers: 1)
East Asia Law Review     Open Access   (Followers: 1)
ECI Interdisciplinary Journal for Legal and Social Policy     Open Access   (Followers: 2)
Ecology Law Quarterly     Free   (Followers: 3)
Edinburgh Law Review     Hybrid Journal   (Followers: 21)
Education and the Law     Hybrid Journal   (Followers: 12)
El Cotidiano     Open Access   (Followers: 1)
Election Law Journal     Hybrid Journal   (Followers: 17)
Energy Law Journal     Full-text available via subscription   (Followers: 4)
Environmental Justice     Hybrid Journal   (Followers: 10)
Environmental Law Review     Full-text available via subscription   (Followers: 24)
Environmental Policy and Law     Hybrid Journal   (Followers: 16)
ERA-Forum     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Espaço Jurídico : Journal of Law     Open Access   (Followers: 1)
ESR Review : Economic and Social Rights in South Africa     Open Access   (Followers: 4)
Ethnopolitics     Hybrid Journal   (Followers: 4)
Ethos: Official Publication of the Law Society of the Australian Capital Territory     Full-text available via subscription   (Followers: 4)
EU agrarian Law     Open Access   (Followers: 3)
Europaisches Journal fur Minderheitenfragen     Hybrid Journal   (Followers: 2)
European Energy and Environmental Law Review     Full-text available via subscription   (Followers: 16)
European Journal for Education Law and Policy     Hybrid Journal   (Followers: 8)
European Journal of Comparative Law and Governance     Hybrid Journal   (Followers: 3)
European Journal of Law and Technology     Open Access   (Followers: 15)
European Journal of Psychology Applied to Legal Context     Open Access   (Followers: 4)
European Law Journal     Hybrid Journal   (Followers: 119)
European Public Law     Full-text available via subscription   (Followers: 32)
European Review of Contract Law     Hybrid Journal   (Followers: 21)
European Review of Private Law     Full-text available via subscription   (Followers: 29)
European Yearbook of Minority Issues Online     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Evaluation Review     Hybrid Journal   (Followers: 13)
Evidence & Policy : A Journal of Research, Debate and Practice     Full-text available via subscription   (Followers: 8)
Faulkner Law Review     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Federal Communication Law Journal     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Federal Law Review     Full-text available via subscription   (Followers: 20)
Federal Probation     Full-text available via subscription   (Followers: 2)
Feminist Legal Studies     Hybrid Journal   (Followers: 17)
feminists@law     Open Access   (Followers: 4)
Fiat Justisia     Open Access  
First Amendment Studies     Hybrid Journal  
Florida Bar News     Free  
Florida Law Review     Open Access   (Followers: 3)
Florida State University Law Review     Open Access   (Followers: 3)
Fordham Environmental Law Review     Open Access   (Followers: 5)
Fordham Intellectual Property, Media and Entertainment Law Journal     Open Access   (Followers: 19)
Fordham Law Review     Open Access   (Followers: 13)
FORO. Revista de Ciencias Jurídicas y Sociales, Nueva Época     Open Access   (Followers: 2)
Fundamina : A Journal of Legal History     Open Access   (Followers: 7)
Geoforum     Hybrid Journal   (Followers: 21)
George Washington Law Review     Free   (Followers: 7)
Georgia Law Review     Open Access   (Followers: 1)
Georgia State University Law Review     Open Access   (Followers: 2)
Global Journal of Comparative Law     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Global Labour Journal     Open Access   (Followers: 7)
Golden Gate University Environmental Law Journal     Open Access   (Followers: 3)
Golden Gate University Law Review     Open Access   (Followers: 2)
Grey Room     Hybrid Journal   (Followers: 14)
Griffith Law Review     Hybrid Journal   (Followers: 12)
GSTF Journal of Law and Social Sciences     Open Access   (Followers: 2)

        1 2 3 4 | Last

Journal Cover Direito e Liberdade
  [0 followers]  Follow
    
  This is an Open Access Journal Open Access journal
   ISSN (Print) 1809-3280 - ISSN (Online) 2177-1758
   Published by Escola da Magistratura do Rio Grande do Norte Homepage  [1 journal]
  • PETER HÄBERLE E AS AUDIÊNCIAS PÚBLICAS NO STF: UM BALANÇO DE OITO ANOS
           / PETER HÄBERLE AND THE PUBLIC HEARINGS AT STF: AN EVALUATION OF EIGHT
           YEARS

    • Authors: Bruno Carazza dos Santos
      Abstract: Este artigo apresenta em linhas gerais a teoria de “sociedade aberta de intérpretes constitucionais” do jurista alemão Peter Häberle e a discute à luz da legislação brasileira e da jurisdição constitucional do Supremo Tribunal Federal (STF). O objetivo é demonstrar como o arcabouço legal brasileiro está se abrindo à participação de outros agentes na discussão da constitucionalidade das normas, e como o STF tem garantido melhor embasamento técnico e maior legitimidade social das suas decisões em casos controversos por meio das audiências públicas e amicus curiae. Neste trabalho demonstra-se como o discurso de Häberle (1997) encontra-se incorporado na fundamentação das decisões dos ministros relatores em casos emblemáticos do STF e é apresentado um levantamento estatístico sobre a prática das audiências públicas no STF, demonstrando como elas vêm se tornando frequentes, sendo utilizadas em diferentes espécies processuais e por um grande número de participantes representando diferentes grupos sociais – principalmente do meio acadêmico e de entidades da sociedade civil. Com base nesses indicadores, conclui-se que a Corte Constitucional brasileira tem se valido de um arranjo institucional criado sob a inspiração de Häberle (1997) para lidar com grandes temas controversos para a sociedade, garantindo a ampliação da participação de diversos intérpretes no controle concentrado de constitucionalidade.
      PubDate: 2016-12-06
      Issue No: Vol. 18 (2016)
       
  • AMPLIAÇÃO DA COMPETÊNCIA TERRITORIAL NA JUSTIÇA DO TRABALHO E A
           APLICAÇÃO DA TEORIA DE KLAUS GÜNTHER: A MIGRAÇÃO DE TRABALHADORES NO
           BRASIL/ EXTENSION OF TERRITORIAL JURISDICTION IN THE LABOR JUSTICE AND
           APPLICATION OF THE THEORY OF KLAUS GÜNTHER: THE ...

    • Authors: Danielle Riegermann Ramos Damião, Lourival José de Oliveira
      Abstract: A Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) fixou a competência territorial para propositura e julgamento de ações laborais, sendo, em regra geral, o último local de prestação de serviços, que está prevista no art. 651 do mesmo diploma normativo. O presente artigo procurou demonstrar que com fundamento na Teoria da argumentação de Klaus Günther (2011), mesmo admitindo a regra positiva como válida (discurso de justificação), seria possível não a aplicar (discurso de aplicação). Neste sentido, o trabalho promoveu argumentos que justificariam a propositura de reclamação trabalhista em local onde fossem favorecidos os interesses do trabalhador, inclusive admitindo como competente o foro de seu domicílio ou outro que o mesmo entendesse ser melhor para a defesa de suas questões. A reflexão que foi trazida pautou-se em conflito entre a norma positiva e princípios de proteção ao trabalhador, livre acesso à justiça, razoabilidade e proporcionalidade. Como a aplicação de regras materiais e processuais do trabalho devem também proteger o hipossuficiente, não se justifica por uma questão da própria instrumentalidade do processo querer estabelecer uma regra geral, que não mais transita em harmonia com os princípios do Estado Democrático de Direito. Foi adotado o método indutivo-dedutivo, funcionalista dialético, adequados para a pesquisa da ciência jurídica.
      PubDate: 2016-12-06
      Issue No: Vol. 18 (2016)
       
  • AÇÕES DE SAÚDE CONTRA O PODER PÚBLICO: ENSAIO DE UM ROTEIRO
           DECISÓRIO / LEGAL HEALTH ISSUES FILED AGAINST THE GOVERNMENT: ESSAY OF A
           DECISION GUIDE

    • Authors: Francisco Glauber Pessoa Alves
      Abstract: O presente trabalho busca estabelecer padrões mínimos de enfrentamento das questões legais da saúde movidas contra o Poder Público no direito brasileiro. Para tanto, utilizamos fontes de informação aprimoradas, baseadas na chamada Medicina de Evidências, visando propiciar decisões mais técnicas e específicas. Há lacunas nas fontes jurisprudenciais e doutrinárias sobre o assunto. Questões sensíveis e traumáticas são lembradas, dentro do aspecto das chamadas “escolhas trágicas”. Usamos um ponto de vista que utiliza pesquisas e informações médicas, além da questão jurídica. As bases utilizadas foram a jurisprudência superior e do Conselho Nacional de Justiça. Também é defendido que o juiz considere o aspecto macro, especialmente as opções de políticas públicas legitimamente feitas pelo administrador. Valemo-nos do método analítico-discursivo. Ao final, é apresentado um roteiro decisório apto a fornecer soluções diante de casos rotineiros no cotidiano forense.
      PubDate: 2016-12-06
      Issue No: Vol. 18 (2016)
       
  • TEORIA DA AÇÃO COMUNICATIVA E ESTADO DE DIREITO: A CRIAÇÃO DE
           OUVIDORIAS NO BRASIL / THE THEORY OF COMMUNICATIVE ACTION AND RULE OF LAW:
           THE CREATION OF OMBUDSMEN IN BRAZIL

    • Authors: Guilherme de Paiva de Carvalho Martins, Paulo Marcello Fonseca Marques
      Abstract: O presente estudo propõe relacionar a teoria da ação comunicativa com a concepção de Estado Democrático de Direito em Habermas para refletir sobre a criação de ouvidorias públicas no Brasil. A teoria da ação comunicativa, concebida por Habermas, considera o entendimento mútuo, produzido por meio de diálogos baseados em discursos racionais, como forma de legitimação do sistema jurídico. A criação de mecanismos e espaços de debate e participação da população no controle da gestão pública é fundamental para a legitimidade e a validade do sistema normativo no Estado Democrático de Direito. Neste sentido, a análise evidencia que a criação de ouvidorias no Brasil pode ser associada com a teoria da ação comunicativa e a ideia de participação popular no Estado Democrático de Direito.
      PubDate: 2016-12-06
      Issue No: Vol. 18 (2016)
       
  • A UTÓPICA APLICAÇÃO DA TEORIA DA PERDA DE UMA CHANCE NO ÂMBITO DO
           DIREITO MÉDICO:UMA ANÁLISE DA JURISPRUDÊNCIA DO TJRS, TJPR E TJPE/THE
           UTOPIAN APPLICATION OF THE LOSS OF CHANCE DOCTRINE IN MEDICAL LAW:AN
           ANALISYS OF THE CASES JUDGED BY TJRS TJPR AND TJPE

    • Authors: Igor de Lucena Mascarenhas, Adriano Marteleto Godinho
      Abstract: O presente trabalho analisa a aplicação da Teoria da Perda de uma Chance no âmbito da responsabilidade civil do médico. A judicialização da saúde e o crescimento de demandas judiciais que discutem erros médicos têm permitido a aplicação de diversas teorias que tentam solucionar o problema da responsabilização civil do médico. A partir de uma análise bibliográfica, observou-se que a Teoria da Perda de uma Chance é inaplicável à responsabilidade civil do médico, em especial por tabelar percentuais de cura e recuperação, quando as variáveis que afetam tais índices são mutáveis de acordo com cada corpo. Logo, a objetificação do corpo humano, um elemento subjetivo, demonstra que a essência da teoria é incompatível com a sua aplicação na área de erro médico. Superado tal ponto, foi observado que 80% das decisões judiciais do TJPR, TJRS e TJPE entre 01 de janeiro de 2014 e 22 de setembro de 2015, quando utilizam a teoria da perda de uma chance como fundamentação para decidir, deixam de destacar nos acórdãos os percentuais de chance, o que representa uma flagrante violação à ampla defesa e ao contraditório. Por fim, propõe-se que a utilização da teoria da perda de uma chance seja mitigada, de sorte que, caso aplicada, as médias de recuperação e cura possam auxiliar o juiz no arbitramento da indenização, porém não sejam determinantes para esta.
      PubDate: 2016-12-06
      Issue No: Vol. 18 (2016)
       
  • O CASO MARBURY V. MADISON: O NASCIMENTO DO JUDICIAL REVIEW COMO ARTIFÍCIO
           POLÍTICO / THE CASE MARBURY V. MADISON: THE BIRTH OF JUDICIAL REVIEW AS A
           POLITICAL ARTIFICE

    • Authors: Ana Luiza Saramago Stern
      Abstract: O caso Marbury v. Madison entrou para a história como leading case do judicial review na Suprema Corte dos Estados Unidos da América, mas o que uma análise mais próxima revela é uma decisão que, além de seu conteúdo jurídico, teve forte conteúdo político. Este trabalho debruça-se sobre o contexto político dos primeiros anos do século XIX nos Estados Unidos para trazer à tona, da leitura crítica da decisão do chief justice Marshall, a disputa política e a afirmação de poder que estão por detrás da afirmação jurídica da Suprema Corte como guardiã da Constituição. Num período histórico em que os órgãos estatais da nascente república norte-americana ainda estão se estruturando e disputando seus poderes, a decisão de Marbury v. Madison afirma uma importante competência da Suprema Corte americana, construindo juridicamente sua competência para o controle de constitucionalidade, mas, sobretudo, politicamente assegurando para a jovem Suprema Corte uma nova e importante esfera de poder.
      PubDate: 2016-12-06
      Issue No: Vol. 18 (2016)
       
  • A COLABORAÇÃO PREMIADA ENTRE O UTILITARISMO E A RACIONALIDADE DE
           PRINCÍPIOS / THE COLABORATION BETWEEN THE UTILITARIANISM AND THE
           RATIONALITY OF PRINCIPLES

    • Authors: Miguel Tedesco Wedy
      Abstract: A colaboração/delação premiada é um instrumento eficiente para a obtenção de provas em processo penal. Porém, é um instrumento de racionalidade meramente utilitária. E é partir desse instrumento que muitas outras provas são obtidas, posteriormente, no curso da investigação criminal ou do processo penal. Impõe-se, assim, que a pesquisa objetive encontrar alternativas para limitar e adequar esse instrumento à Constituição Federal, o que se pode fazer desde uma racionalidade de princípios. Uma racionalidade de princípios que leve em conta a tradição histórica e teórica do direito premial, reconhecida em todos os lugares, mas também os seus efeitos na esfera do processo penal. Efeitos que podem afetar uma série de outros direitos, como o direito ao silêncio, a ampla defesa, a proporcionalidade, a retribuição, a igualdade de armas. Impõe-se, assim, uma nova apreciação acerca desse instituto, de modo que ele seja utilizado em situações excepcionais, respeitando-se sempre as ideias de voluntariedade e subsidiariedade, a fim de que a Constituição Federal e os princípios fundamentais do processo penal sejam respeitados.
      PubDate: 2016-12-06
      Issue No: Vol. 18 (2016)
       
  • PRESIDENCIALISMO DE COALIZÃO NO ESTADO DE SÃO PAULO / COALITION
           PRESIDENTIALISM IN THE STATE OF SÃO PAULO

    • Authors: Murilo Gaspardo, Artur Marchioni
      Abstract: O referencial teórico básico deste trabalho é o conceito de “presidencialismo de coalizão” e as diversas pesquisas empíricas em que foi aplicado na análise das relações entre Executivo e Legislativo na esfera federal após a promulgação da Constituição de 1988, especialmente as obras de Fernando Limongi e Argelina Figueiredo. Procurou-se, pois, compreender, como se constrói a governabilidade no sistema jurídico-político brasileiro (“presidencialismo de coalizão”) por meio do “poder de agenda” do Presidente da República, da concentração das decisões da Câmara nos líderes partidários (em razão da estrutura decisória prevista em seu Regimento Interno) e da “patronagem”. Como contraponto, recorreu-se à crítica a essa forma de se obter governabilidade desenvolvida por Marcos Nobre com seu conceito de “pemedebismo”, prática caracterizada pela formação de “supermaiorias” parlamentares e por um sistema de bloqueios a quaisquer tentativas de transformações políticas estruturais. A partir dessas referências teóricas e empíricas, passou-se a investigar a hipótese de as relações entre Executivo e Legislativo no âmbito do Estado de São Paulo ocorrem conforme a mesma lógica do “presidencialismo de coalizão”.
      PubDate: 2016-12-06
      Issue No: Vol. 18 (2016)
       
  • COLISÃO DE DIREITOS: A LIBERDADE DE IMPRENSA E OS DIREITOS DA
           PERSONALIDADE DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES / COLLISION OF RIGHTS: FREEDOM
           OF THE PRESS AND RIGHTS OF PERSONALITY OF CHILDREN AND ADOLESCENTS

    • Authors: Rômulo Magalhães Fernandes
      Abstract: O presente artigo aborda o recorrente tema da colisão de direitos fundamentais, em particular, os direitos da personalidade de pessoas em desenvolvimento e da liberdade de imprensa. No atual cenário brasileiro, em que os meios de comunicação de massa ganham centralidade na formação e difusão de informações no país, percebe-se, por alguns veículos da mídia, a prática cotidiana da exploração do uso da imagem de crianças e adolescentes, nos quais ficam expostos a situações vexatórias e constrangedoras. Sem a pretensão de suprimir a liberdade de imprensa pelos direitos de crianças e adolescentes, ou vice-versa, este artigo visa aprofundar a solução dos conflitos entre tais direitos assegurados na Constituição de 1988. Para tanto, adota-se, como metodologia para dirimir esse conflito, a ponderação de bens e valores a partir da aplicação do princípio da proporcionalidade ao caso concreto. Neste sentido, destacam-se as contribuições doutrinárias de Robert Alexy e Ronald Dworkin e o estudo das decisões do Supremo Tribunal Federal (STF).
      PubDate: 2016-12-06
      Issue No: Vol. 18 (2016)
       
  • FICHA TÉCNICA

    • Authors: Ficha Técnica
      Abstract: Ficha Técnica
      PubDate: 2016-12-06
      Issue No: Vol. 18 (2016)
       
  • CRITÉRIOS DE PUBLICAÇÃO

    • Authors: Critérios de Publicação
      Abstract: Critérios de Publicação
      PubDate: 2016-12-06
      Issue No: Vol. 18 (2016)
       
 
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
Fax: +00 44 (0)131 4513327
 
Home (Search)
Subjects A-Z
Publishers A-Z
Customise
APIs
Your IP address: 54.166.107.51
 
About JournalTOCs
API
Help
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-2016