Subjects -> MEDICAL SCIENCES (Total: 8690 journals)
    - ALLERGOLOGY AND IMMUNOLOGY (220 journals)
    - ANAESTHESIOLOGY (121 journals)
    - CARDIOVASCULAR DISEASES (338 journals)
    - CHIROPRACTIC, HOMEOPATHY, OSTEOPATHY (21 journals)
    - COMMUNICABLE DISEASES, EPIDEMIOLOGY (236 journals)
    - DENTISTRY (294 journals)
    - DERMATOLOGY AND VENEREOLOGY (163 journals)
    - EMERGENCY AND INTENSIVE CRITICAL CARE (124 journals)
    - ENDOCRINOLOGY (151 journals)
    - FORENSIC SCIENCES (42 journals)
    - GASTROENTEROLOGY AND HEPATOLOGY (189 journals)
    - GERONTOLOGY AND GERIATRICS (138 journals)
    - HEMATOLOGY (158 journals)
    - HYPNOSIS (4 journals)
    - INTERNAL MEDICINE (178 journals)
    - LABORATORY AND EXPERIMENTAL MEDICINE (99 journals)
    - MEDICAL GENETICS (58 journals)
    - MEDICAL SCIENCES (2415 journals)
    - NURSES AND NURSING (370 journals)
    - OBSTETRICS AND GYNECOLOGY (207 journals)
    - ONCOLOGY (386 journals)
    - OPHTHALMOLOGY AND OPTOMETRY (141 journals)
    - ORTHOPEDICS AND TRAUMATOLOGY (170 journals)
    - OTORHINOLARYNGOLOGY (83 journals)
    - PATHOLOGY (100 journals)
    - PEDIATRICS (275 journals)
    - PHYSICAL MEDICINE AND REHABILITATION (158 journals)
    - PSYCHIATRY AND NEUROLOGY (833 journals)
    - RADIOLOGY AND NUCLEAR MEDICINE (192 journals)
    - RESPIRATORY DISEASES (105 journals)
    - RHEUMATOLOGY (79 journals)
    - SPORTS MEDICINE (81 journals)
    - SURGERY (406 journals)
    - UROLOGY, NEPHROLOGY AND ANDROLOGY (155 journals)

MEDICAL SCIENCES (2415 journals)            First | 3 4 5 6 7 8 9 10 | Last

Showing 1201 - 1400 of 3562 Journals sorted alphabetically
Journal of Evaluation In Clinical Practice     Hybrid Journal   (Followers: 6)
Journal of Evidence-Based Healthcare     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Evidence-Based Integrative Medicine     Open Access   (Followers: 18)
Journal of Evidence-Based Medicine     Partially Free   (Followers: 4)
Journal of Exercise Science & Fitness     Open Access   (Followers: 29)
Journal of Experimental and Clinical Anatomy     Open Access   (Followers: 2)
Journal of Family and Community Medicine     Open Access   (Followers: 3)
Journal of Family Medicine and Primary Care     Open Access   (Followers: 11)
Journal of Foot and Ankle Research     Open Access   (Followers: 6)
Journal of Forensic Science and Research     Open Access   (Followers: 2)
Journal of Gandaki Medical College-Nepal     Open Access  
Journal of Generic Medicines     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Journal of Geographical Sciences     Hybrid Journal   (Followers: 1)
Journal of Global Antimicrobial Resistance     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Journal of Hand Therapy     Hybrid Journal   (Followers: 19)
Journal of Head & Neck Physicians and Surgeons     Open Access   (Followers: 2)
Journal of Health & Medical Informatics     Open Access   (Followers: 62)
Journal of Health and Biological Sciences     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Health Design     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Health Economics and Outcomes Research     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Health Promotion and Behavior     Open Access  
Journal of Health Research and Reviews     Open Access  
Journal of Health Science and Medical Research     Open Access  
Journal of Health Science Research     Open Access  
Journal of Health Sciences     Open Access   (Followers: 1)
Journal of health sciences     Open Access  
Journal of Health Sciences / Sağlık Bilimleri Dergisi     Open Access  
Journal of Health Sciences and Medicine     Open Access  
Journal of Health Sciences and Medicine     Open Access   (Followers: 6)
Journal of Health Sciences and Surveillance System     Open Access  
Journal of Health Sciences Scholarship     Open Access  
Journal of Health Specialties     Open Access  
Journal of Health Studies     Open Access  
Journal of Healthcare Informatics Research     Hybrid Journal   (Followers: 1)
Journal of Heavy Metal Toxicity and Diseases     Open Access  
Journal of Helminthology     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Journal of Herbs Spices & Medicinal Plants     Hybrid Journal  
Journal of HIV for Clinical and Scientific Research     Open Access   (Followers: 2)
Journal of Hospital Medicine     Hybrid Journal   (Followers: 11)
Journal of Huazhong University of Science and Technology [Medical Sciences]     Hybrid Journal  
Journal of Human Hypertension     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Journal of Human Rhythm     Open Access  
Journal of Human Transcriptome     Open Access  
Journal of Ideas in Health     Open Access  
Journal of Inflammation     Open Access   (Followers: 2)
Journal of Inflammation Research     Open Access  
Journal of Injury and Violence Research     Open Access   (Followers: 6)
Journal of Innovation in Health Informatics     Open Access   (Followers: 17)
Journal of Institute of Medicine     Open Access  
Journal of Insulin Resistance     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Interactional Research in Communication Disorders     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Journal of Interferon & Cytokine Research     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Journal of International Medical Research     Open Access   (Followers: 3)
Journal of Interventional Medicine     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Investigative Medicine     Hybrid Journal   (Followers: 3)
Journal of Islamabad Medical & Dental College     Open Access   (Followers: 2)
Journal of Istanbul Faculty of Medicine     Open Access  
Journal of Karnali Academy of Health Sciences     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Kathmandu Medical College     Open Access   (Followers: 1)
Journal of King Abdulaziz University : Medical Sciences     Open Access   (Followers: 2)
Journal of Laboratory Medicine     Hybrid Journal   (Followers: 27)
Journal of Laryngology and Voice     Open Access   (Followers: 11)
Journal of Lasers in Medical Sciences     Open Access  
Journal of Law, Medicine & Ethics     Hybrid Journal   (Followers: 28)
Journal of Legal Medicine     Hybrid Journal   (Followers: 7)
Journal of Limb Lengthening & Reconstruction     Open Access  
Journal of Lumbini Medical College     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Mahatma Gandhi Institute of Medical Sciences     Open Access  
Journal of Manipulative and Physiological Therapeutics     Hybrid Journal   (Followers: 6)
Journal of Manmohan Memorial Institute of Health Sciences     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Marine Medical Society     Open Access  
Journal of Materials Science : Materials in Medicine     Hybrid Journal   (Followers: 4)
Journal of Maternal and Child Health     Open Access  
Journal of Mechanics in Medicine and Biology     Hybrid Journal  
Journal of Medical and Biological Engineering     Hybrid Journal   (Followers: 4)
Journal of Medical and Biomedical Sciences     Open Access   (Followers: 2)
Journal of Medical Case Reports     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Medical Cases     Open Access   (Followers: 6)
Journal of Medical Colleges of PLA     Full-text available via subscription  
Journal of Medical Disorders     Open Access  
Journal of Medical Economics     Hybrid Journal   (Followers: 8)
Journal of Medical Education and Curricular Development     Open Access   (Followers: 6)
Journal of Medical Ethics     Partially Free   (Followers: 27)
Journal of Medical Ethics and History of Medicine     Open Access   (Followers: 19)
Journal of Medical Humanities     Hybrid Journal   (Followers: 21)
Journal of Medical Hypotheses and Ideas     Open Access  
Journal of Medical Imaging and Health Informatics     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Journal of Medical Investigation and Practice     Open Access  
Journal of Medical Laboratory and Diagnosis     Open Access  
Journal of Medical Law and Ethics     Full-text available via subscription   (Followers: 17)
Journal of Medical Microbiology     Full-text available via subscription   (Followers: 6)
Journal of Medical Sciences     Open Access  
Journal of Medical Sciences     Open Access  
Journal of Medical Screening     Hybrid Journal   (Followers: 6)
Journal of Medical Signals and Sensors     Open Access   (Followers: 3)
Journal of Medical Society     Open Access  
Journal of Medical Systems     Hybrid Journal  
Journal of Medical Toxicology     Hybrid Journal   (Followers: 6)
Journal of Medical Ultrasound     Open Access   (Followers: 2)
Journal of Medicinal Botany     Open Access  
Journal of Medicinal Chemistry     Hybrid Journal   (Followers: 209)
Journal of Medicine     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Medicine and Biomedical Research     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Medicine and Philosophy     Hybrid Journal   (Followers: 9)
Journal of Medicine and the Person     Hybrid Journal  
Journal of Medicine in Scientific Research     Open Access  
Journal of Medicine in the Tropics     Open Access  
Journal of Medicine Research and Development     Open Access   (Followers: 3)
Journal of Medicine, Physiology and Biophysics     Open Access   (Followers: 5)
Journal of Medicines Development Sciences     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Metabolomics & Systems Biology     Open Access   (Followers: 2)
Journal of Mind and Medical Sciences     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Molecular Medicine     Hybrid Journal   (Followers: 11)
Journal of Movement Disorders     Open Access   (Followers: 2)
Journal of Multidisciplinary Research in Healthcare     Open Access   (Followers: 3)
Journal of Muscle Research and Cell Motility     Hybrid Journal   (Followers: 1)
Journal of Nanotechnology in Engineering and Medicine     Full-text available via subscription   (Followers: 6)
Journal of Nanotheranostics     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Natural Medicines     Hybrid Journal  
Journal of Natural Science, Biology and Medicine     Open Access   (Followers: 3)
Journal of Nature and Science of Medicine     Open Access   (Followers: 4)
Journal of Negative and No Positive Results     Open Access  
Journal of Nepalgunj Medical College     Open Access  
Journal of Neurocritical Care     Open Access  
Journal of Neurodegenerative Diseases     Open Access   (Followers: 2)
Journal of Neurorestoratology     Open Access  
Journal of Neuroscience and Neurological Disorders     Open Access  
Journal of Nobel Medical College     Open Access  
Journal of Obesity and Bariatrics     Open Access   (Followers: 2)
Journal of Occupational Health     Open Access  
Journal of Occupational Therapy Education     Open Access   (Followers: 12)
Journal of Ocular Biology, Diseases, and Informatics     Hybrid Journal  
Journal of Oral Biology and Craniofacial Research     Full-text available via subscription  
Journal of Oral Health and Craniofacial Science     Open Access  
Journal of Orofacial Sciences     Open Access  
Journal of Otorhinolaryngology, Hearing and Balance Medicine     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Ovarian Research     Open Access  
Journal of Ozone Therapy     Open Access  
Journal of Palliative Medicine     Hybrid Journal   (Followers: 47)
Journal of Paramedical Sciences & Rehabilitation     Open Access  
Journal of Parkinsonism and Restless Legs Syndrome     Open Access   (Followers: 2)
Journal of Parkinson’s Disease and Alzheimer’s Disease     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Participatory Medicine     Open Access  
Journal of Patan Academy of Health Sciences     Open Access  
Journal of Pathogens     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Patient Experience     Open Access  
Journal of Patient Safety and Risk Management     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Journal of Patient-Centered Research and Reviews     Open Access  
Journal of Patient-Reported Outcomes     Open Access  
Journal of Periodontal Research     Hybrid Journal  
Journal of Personalized Medicine     Open Access   (Followers: 3)
Journal of Pest Science     Hybrid Journal   (Followers: 1)
Journal of Pharmaceutical Policy and Practice     Open Access   (Followers: 4)
Journal of Physiobiochemical Metabolism     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Journal of Physiology-Paris     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Journal of Pioneering Medical Sciences     Open Access  
Journal of Postgraduate Medicine     Open Access  
Journal of Pregnancy     Open Access   (Followers: 4)
Journal of Prevention & Intervention Community     Hybrid Journal   (Followers: 7)
Journal of Preventive Medicine and Public Health     Open Access  
Journal of Primary Prevention     Hybrid Journal   (Followers: 7)
Journal of Prosthodontic Research     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Journal of Prosthodontics     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Journal of Receptor, Ligand and Channel Research     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Regenerative Medicine     Partially Free   (Followers: 4)
Journal of Research in Medical Sciences     Open Access   (Followers: 2)
Journal of Science and Applications : Biomedicine     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Science and Technology (Ghana)     Open Access   (Followers: 3)
Journal of Scientific Innovation in Medicine     Open Access  
Journal of Scientific Perspectives     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Sensory Studies     Hybrid Journal   (Followers: 4)
Journal of Shaheed Suhrawardy Medical College     Open Access  
Journal of Shoulder and Elbow Arthroplasty     Open Access  
Journal of Sleep Disorders : Treatment & Care     Hybrid Journal   (Followers: 10)
Journal of South American Earth Sciences     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Journal of Spinal Cord Medicine     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Journal of Spinal Disorders & Techniques     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Journal of Sports Medicine and Allied Health Sciences : Official Journal of the Ohio Athletic Trainers Association     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Stem Cell Therapy and Transplantation     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Stomal Therapy Australia     Full-text available via subscription   (Followers: 1)
Journal of Strength and Conditioning Research     Hybrid Journal   (Followers: 77)
Journal of Substance Use     Hybrid Journal   (Followers: 15)
Journal of Surgical Academia     Open Access   (Followers: 1)
Journal of Surgical and Clinical Research     Open Access  
Journal of Surgical Case Reports     Open Access  
Journal of Surgical Education     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
Journal of Surgical Technique and Case Report     Open Access  
Journal of Systemic Therapies     Full-text available via subscription   (Followers: 3)
Journal of Taibah University Medical Sciences     Open Access  
Journal of Telemedicine and Telecare     Hybrid Journal   (Followers: 12)
Journal of The Academy of Clinical Microbiologists     Open Access  
Journal of the American Association for Laboratory Animal Science     Full-text available via subscription   (Followers: 9)
Journal of the American College of Certified Wound Specialists     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Journal of the American College of Clinical Wound Specialists     Hybrid Journal   (Followers: 2)
Journal of the American Medical Directors Association     Hybrid Journal   (Followers: 5)
Journal of the American Medical Informatics Association : JAMIA     Hybrid Journal   (Followers: 36)
Journal of the American Podiatric Medical Association     Full-text available via subscription   (Followers: 7)
Journal of the Anatomical Society of India     Full-text available via subscription  
Journal of the Anus, Rectum and Colon     Open Access  
Journal of The Arab Society for Medical Research     Open Access  

  First | 3 4 5 6 7 8 9 10 | Last

Similar Journals
Journal Cover
Journal of Health and Biological Sciences
Number of Followers: 1  

  This is an Open Access Journal Open Access journal
ISSN (Print) 2317-3084 - ISSN (Online) 2317-3076
Published by Unichristus Homepage  [1 journal]
  • Visceral Leishmaniasis hospitalizations and seasonality in Fortaleza,
           Ceará, Northeast Brazil between 2003 – 2012

    • Authors: Robério Dias Leite, Renata Leal Meneses, Thais Fontes de Magalhães, Maurício Yukio Ogawa, Hayssa de Oliveira Falcão, Anastácio de Queiroz Sousa
      Pages: 128 - 132
      Abstract: Introduction: The knowledge of the relationship between Visceral Leishmaniosis and climatic aspects is already well established in the literature of other countries, but lack data of this relationship in Brazil. Objective: This study aimed to describe the seasonal distribution of hospitalizations for Visceral Leishmaniosis (VL) in a referral hospital for infectious diseases located in an endemic area of the semiarid in the Northeast of Brazil. Methods: The number of monthly hospitalizations between 2003 and 2012 was recorded retrospectively and was correlated with climate variables. Results: During this period 1,302 patients were hospitalized. We observed an inverse relationship with the monthly amount of precipitation (r = - 0.725; p = 0.008), the number of days per month with precipitation (r = - 0.683; p = 0.0144) and relative humidity (r = - 0.746; p = 0.005) when compared with the monthly number of hospitalizations due to VL. Inversely, there was a direct relationship with the maximum monthly mean temperature and the number of hospitalizations due to VL (r = 0.643; p = 0.024). Conclusions: The rainy season, characterized by more rainfall and higher humidity, was correlated with fewer hospitalizations for VL. Conversely, in months with higher temperatures the number of hospitalizations for VL was higher.
      PubDate: 2018-04-02
      Issue No: Vol. 6, No. 2 (2018)
       
  • Leishmaniose visceral humana: Estudo do perfil clínico-epidemiológico na
           região leste de Minas Gerais, Brasil

    • Authors: Waneska Alexandra Alves, Darises Soares Fonseca
      Pages: 133 - 139
      Abstract: Introdução: Leishmaniose Visceral (LV) é uma doença sistêmica que afeta animais e o homem. Incluída entre as seis doenças endêmicas mais importantes no mundo, é de notificação compulsória e apresenta número elevado de óbitos. Objetivo: Descrever o perfil clínico-epidemiológico dos casos notificados de LV em Governador Valadares nos anos de 2008 a 2015. Métodos: Estudo transversal descritivo por meio de dados secundários de domínio público do banco de dados do SINAN-Net. Figuras e tabelas foram confeccionados com os programas EpiInfoTM versão 7.2 e Microsoft Excel®. Resultados: Foram confirmados 154 casos de LV residentes em Governador Valadares distribuídos em cinquenta (59,5%) dos 84 bairros. As taxas de incidência e letalidade acumuladas foram de sete casos por 100 mil habitantes e 13%, respectivamente. Variáveis demográficas: 69,5% eram do sexo masculino; 29,2% foram menores de cinco anos de idade; 40,7% eram de raça/cor parda. As principais manifestações clínicas foram febre (92,8%), fraqueza (77,9%), emagrecimento (74%), palidez (72%) e hepatomegalia (57,1%); 11,7% dos casos eram de coinfectados por HIV; 99 (66,4%) casos receberam a droga de primeira escolha. 87% dos casos foram curados clinicamente. Conclusões: O perfil apesentado foi semelhante ao descrito na literatura. Constou-se alto percentual de cura pelo diagnóstico precoce e tratamento oportuno. Pel;a detecção tardia, os indivíduos demoram a ser tratados e tendem a ter o quadro agravado, evoluindo para o óbito. Com estes dados, espera-se promover o diálogo entre os diversos setores da saúde para implementação de estratégias e políticas públicas controladoras e preventivas da doença.
      PubDate: 2018-04-02
      Issue No: Vol. 6, No. 2 (2018)
       
  • Análise comparativa de características tomográficas de nódulos e
           massas pulmonares benignas e malignas

    • Authors: Kelser de Souza Kock, Maria Fernanda Nicolau, Cicero Inacio da Silva
      Pages: 140 - 144
      Abstract: Introdução: a análise quantitativa das características de nódulos e massas pulmonares por meio da tomografia computadorizada pode auxiliar o diagnóstico médico a estratificar o risco de malignidade. Objetivo: comparar características tomográficas de massas e nódulos pulmonares benignos e malignos, identificando a intensidade em escala de Hounsfield e padrões de textura. Método: estudo transversal, quantitativo, descritivo de levantamento. Foram selecionados prontuários de pacientes internados no Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC) em Tubarão-SC, no ano de 2014 com diagnósticos de neoplasia benigna dos brônquios e do pulmão (NPB) (D143) e neoplasia maligna do lobo superior, do brônquio ou pulmão (NPM) (C34). Resultados: Foi observado que a chance para malignidade esteve relacionada ao sexo masculino OR=9,4 (IC 95% 1,7–51,1) com p=0,009, área>13,18 cm2 OR=14,6 (IC 95% 2,6–82,1) com p=0,002, nos parâmetros de textura, a correlação≤0,166550 OR=10,3 (IC 95% 2,1–49,2) com p=0,004 e momento inverso da diferença> 0,166550 OR=28,0 (IC 95% 4,2–184,3) com p=0,001. Conclusão: houve diferença entre os grupos NPB e NPM entre os parâmetros clínico-epidemiológicos e entre algumas características de textura analisadas.
      PubDate: 2018-04-02
      Issue No: Vol. 6, No. 2 (2018)
       
  • Efeito da rutina em modelo de depressão crônico induzido por
           corticosterona em camundongos

    • Authors: Emanuel de Araújo Pinheiro, Leonardo de Sabóia Sousa, Alyne Alves da Silva, Carolina de Paiva Farias, Silvania Maria Mendes Vasconcelos, José Eduardo Ribeiro Honório Júnior
      Pages: 145 - 151
      Abstract: Introdução: a depressão é uma doença altamente prevalente na população mundial e apesar de não ter sua causa estabelecida, algumas teorias tentam esclarecer sua etiologia. A rutina é um flavonoide pertencente à classe dos flavonóis, que tem propriedades anti-inflamatória e antioxidante. Objetivo: avaliar os efeitos antidepressivos da rutina em um modelo crônico induzido por corticosterona em camundongos. Metodologia: foram utilizados camundongos Swiss fêmeas (25-30g) que receberam corticosterona 20mg/kg ou tween 3% por 21dias. Outros grupos receberam corticosterona por 14 dias e entre 15o ao 21o dia de tratamento, rutina (0,2, 2,0 e 10mg/kg) ou fluoxetina10mg/kg ou diazepam 1mg/Kg. Uma hora após a última administração, os animais passaram pelos testes de campo aberto, labirinto em cruz elevada e nado forçado. Após os testes, os animais foram sacrificados por decapitação e as áreas cerebrais córtex pré-frontal, hipocampo e corpo estriado dissecados. Para análise entre os grupos foi usado o teste “t” de Student e para comparação múltipla dos parâmetros utilizará a Análise de Variância (ANOVA). Resultados: a corticosterona foi capaz de induzir a depressão nos animais. No teste de campo aberto, a rutina 0,2, 2,0 e 10mg/kg reduziram a locomoção. A menor dose da rutina apresentou melhor resposta, aumentando o número de entrada e tempo de permanência no braço aberto no teste de labirinto em cruz elevada. Também reduziu significativamente o tempo de imobilização no teste de nado forçado. Conclusão: a substância apresentou atividades ansiolítica e antidepressiva.
      PubDate: 2018-04-02
      Issue No: Vol. 6, No. 2 (2018)
       
  • Influência da publicidade na automedicação na população de um
           município brasileiro de médio porte

    • Authors: Jucier Gonçalves Júnior, Sávio Emanuel Dos Santos Moura, Gabriela Carvalho Lage Dantas, Antonia Máximo de Lima, Wânia Sandra Bezerra de Brito, Bárbara de Oliveira Brito Siebra, Jair Paulino de Sales, Estelita Lima Cândido
      Pages: 152 - 155
      Abstract: Introdução: A automedicação é uma prática que, feita de forma arbitrária, traz riscos reais à saúde da população. Entretanto, seus fatores contributivos, sobretudo a influência da propaganda no consumo de fármacos, não tem uma correlação bem estabelecida na literatura. Objetivos: Estimar a prevalência da automedicação e avaliar a influência da propaganda nesse hábito. Método: estudo transversal, quantitativo, no município de Crato, Ceará, Brasil, com amostra de 104 pessoas. Resultados: 67% da amostra praticava automedicação. Destas, 80% conheciam os riscos para a prática. Uma parcela de 67,6% dos praticantes revelou ser influenciada pela propaganda para a escolha do medicamento e, entre eles, a taxa de automedicação foi de 1,6x maior (p=0,004). O sexo, a idade e a renda não exerceram influência sobre a referida prática (p>0,05). Conclusões: A prevalência de automedicação entre os participantes é elevada, o que denota uma necessidade real de se repensar as normas regimentais de publicidade, assim como desperta e sugere para o impacto que campanhas publicitárias bem elaboradas podem ter no público em geral, configurando uma potencial ferramenta de saúde pública.
      PubDate: 2018-04-02
      Issue No: Vol. 6, No. 2 (2018)
       
  • Perfil das vítimas não fatais atendidas nos hospitais de Porto Velho
           entre 2015 e 2016, Rondônia, Brasil

    • Authors: Carlos Henrique de Sant'Ana Barros, Tasso Eugênio de Souza Matos, Julia Caroline Azevedo Reis, Petrônio de Oliveira Brandão, Elair Martins Barbosa da Silva, Ana Paula Pio Alves da Silva, Uelington Jacson Fonseca da Costa, Horácio Tamada
      Pages: 156 - 164
      Abstract: Introdução: Os acidentes de trânsito representam uma séria questão para a saúde pública brasileira, já que são responsáveis por alta morbimortalidade de adultos jovens, principalmente entre os usuários de motocicletas. Objetivo: Analisar o perfil dos acidentes de trânsito com vítimas não fatais que geraram internações nos hospitais de Porto Velho - RO, Amazônia Ocidental. Metodologia: Trata-se de um estudo transversal realizado entre agosto de 2015 a março de 2016, por meio da utilização de um formulário on-line com 34 questões que versaram sobre dados sociais, dados do acidente, dados de lesões e traumatismos, dados sobre condutores de veículos e dados de crianças enquanto passageiras. Foram entrevistadas 310 vítimas. Resultados: Houve predominância do sexo masculino 79% (n = 236). A idade média dos indivíduos foi 35 anos. Quanto ao grau de instrução, 43% (n = 128) cursaram até o ensino fundamental incompleto, sendo 3,7% (n=11) analfabetos. As motocicletas corresponderam a 90% (n = 253) dos veículos utilizados pelos entrevistados, sendo a colisão entre carro e moto a mais observada (n = 117). Vítimas condutoras somaram 76,2% (n = 227) e 38,8% (n = 88) destes não possuíam CNH. Apenas 46,9% (n = 140) das vítimas tinham residência na capital. Entre as lesões graves, houve 10 casos com necessidade de amputação. Conclusão: Acidentes de trânsito são um dos principais problemas de saúde pública em Porto Velho. Baixo grau de instrução e um número elevado de condutores sem portar habilitação sugere falha na supervisão da compra e venda informal de veículos.
      PubDate: 2018-04-02
      Issue No: Vol. 6, No. 2 (2018)
       
  • Intervenção educativa na equipe de enfermagem diante dos
           cuidados paliativos

    • Authors: Gleice Kelle Beserra Viana, Hashilley Alberto da Silva, Ana Karine Girão Lima, Ana Luiza Almeida de Lima, Carla Monique Lopes Mourão, Alisson Salatiek Ferreira de Freitas, Aline Mayra Lopes Silva, Elenilce Teixeira dos Santos, Francisca Taciana Sousa Rodrigues
      Pages: 165 - 169
      Abstract: Introdução:  Estudos demonstram haver limitações acerca do conhecimento sobre Cuidados Paliativos (CP), bem como a existência de dificuldade em discutir sobre o assunto com os profissionais de enfermagem Objetivo: descrever a experiência, enquanto acadêmicas de enfermagem, durante o desenvolvimento e a implementação de uma atividade de intervenção educativa à equipe de enfermagem sobre CP. Métodos: Trata-se de um estudo descritivo do tipo relato de experiência, realizado a partir do programa de iniciação científica de um centro universitário, como projeto de extensão acadêmica, no período de agosto de 2015 a julho de 2016. Resultados e Discussão: A atividade educativa possibilitou o desenvolvimento do pensamento crítico, tanto para as acadêmicas que realizaram o estudo e conduziram a intervenção, como para os participantes da pesquisa, que, durante toda a atividade, foram instigados a contribuir de forma ativa com o processo de aprendizagem. Essa intervenção educativa permitiu que os participantes se apropriassem de estratégias de planejamento, comunicação e organização do cuidado prestado ao paciente que necessita de CP. Acredita-se que a participação dos alunos de graduação em Enfermagem em projetos de iniciação científica favorece a formação de sujeitos capazes de reconhecer e intervir em problemas reais, em busca de transformações sociais que libertem e transformem o meio em que atuam. Conclusão: Conclui-se que, durante a formação acadêmica de enfermagem, a participação em projetos de iniciação científica, bem como o desenvolvimento de atividades que envolvem estratégias educativas dinâmicas pode propiciar um impacto positivo no conhecimento do aluno, favorecendo a formação de um profissional com pensamento crítico-reflexivo e influente em seu campo de atuação.
      PubDate: 2018-04-02
      Issue No: Vol. 6, No. 2 (2018)
       
  • Repercussões da mobilização passiva nas variáveis hemodinâmicas em
           pacientes sob ventilação mecânica

    • Authors: Edwiges Aline Freitas Peixoto Cavalcante, Debora Helen Marques da Silva, David Santos Pontes, Paulo Goberlânio De Barros Silva, Andréa Stopiglia Guedes Braide, Márcia Cardinalle Correia Viana
      Pages: 170 - 175
      Abstract: Introdução: A mobilização passiva é amplamente utilizada dentro das unidades de terapia intensiva visando prevenir e/ou minimizar os efeitos deletérios ocasionados pelo imobilismo em pacientes em estado grave. Contudo, pouco se sabe sobre o efeito dessa técnica na hemodinâmica do paciente. Objetivo: Analisar as repercussões da mobilização passiva nas variáveis hemodinâmicas em pacientes sob ventilação mecânica. Métodos: Estudo de campo, observacional, transversal e quantitativo, realizado de agosto de 2015 a maio de 2016. As variáveis de frequência cardíaca (FC); pressão arterial média (PAM), pressão arterial sistólica (PAS), pressão arterial diastólica (PAD) e saturação periférica de oxigênio (SpO2), foram mensuradas em três momentos: antes de iniciar as mobilizações (T1), ao término (T2) e 2 minutos após o término (T3). Resultados: A amostra constou de 15 pacientes, sendo 9 (60%) do gênero feminino, com idade mediana de 57 anos. Não se constataram alterações significativas nas variáveis FC, PAS e PAM. No entanto, pôde-se notar uma queda significante da PAD (p=0,010) e SpO2 (p=0,028) entre os tempos T2 e T3 na mobilização de membros superiores (MMSS) e alteração significativa da PAS (p=0,040) na mobilização de MMSS entre os tempos T2 e T3 em pacientes com mais de 60 anos. Conclusão: A realização da mobilização passiva em pacientes sob ventilação mecânica não ocasionou alterações significativas na hemodinâmica do ponto de vista clínico e pode ser considerada uma técnica segura e viável para minimizar os efeitos deletérios gerados pelo imobilismo.
      PubDate: 2018-04-02
      Issue No: Vol. 6, No. 2 (2018)
       
  • O papel do enfermeiro na oxigenoterapia: revisão narrativa da
           literatura

    • Authors: Jullya Carolline Folle Alves, Adriana Fank, Laurindo Pereira de Souza, Marcia Guerino de Lima
      Pages: 176 - 181
      Abstract: Introdução: A oxigenoterapia é a administração de O2, em concentrações maiores que as existentes no ar ambiente. Objetivo: a proposta deste estudo de revisão narrativa da literatura foi conhecer a produção científica disponível acerca da importância do papel do enfermeiro e de suas ações quanto à oxigenoterapia. Método: trata-se de uma pesquisa de revisão narrativa da literatura, por meio de busca nas bases de dados virtuais e artigos de fontes sistematizadas que contemplavam o tema do estudo, utilizando os descritores: oxigenoterapia, enfermagem, conhecimento, sendo selecionado um total de 31 artigos, publicados entre os anos de 2004 a 2015, além da busca em livros que contemplavam a temática disponível na biblioteca Maria da Penha Lenci Campos da Faculdade de Ciências de Biomédicas de Cacoal/FACIMED. Resultados: os resultados foram sistematizados e analisados de modo a contribuir para o fortalecimento e conhecimento do enfermeiro a respeito dos cuidados com a oxigenoterapia e sua aplicabilidade. Conclusão: evidenciou-se a necessidade de realização de novas pesquisas que abordem o papel do enfermeiro e os cuidados de enfermagem a respeito dos métodos não invasivos de oxigênio.
      PubDate: 2018-04-02
      Issue No: Vol. 6, No. 2 (2018)
       
  • Epigenética e exercício físico: influência em
           transtornos de ansiedade'

    • Authors: Mariana de Oliveira Lobo, Felipe Carneiro Krier, Ramires Alsamir Tibana, Jonato Prestes
      Pages: 182 - 188
      Abstract: Introdução: A embora o número de estudos que correlacionam os efeitos da atividade física com aspectos morfofisiológicos cerebrais e com transtornos de ansiedade tenha crescido, existe limitação no campo do treinamento de força (TF) e seu papel de modificador comportamental, assim como sua relação com eventos epigenéticos. Objetivo: realizar uma revisão sistemática da literatura em relação aos efeitos do exercício físico e à influência transgeracional das características epigenéticas em quadros de transtornos de ansiedade. Métodos: realizou-se uma pesquisa bibliográfica em Literatura científica nacional e internacional, nas bases eletrônicas: Literatura Latino-Americana em Ciências da Saúde (LILACS), Scientific Electronic Library Online (SciELO) e Public Medline (PubMed). Na busca, sem limitação de período de tempo, utilizaram-se as seguintes palavras-chave, em português/inglês: “Ansiedade”; “Ansiedade e exercício físico”; “Treino de força e Transtorno de Ansiedade”; “Transtorno do Pânico”; “Transtorno de Ansiedade Generalizada”; “Epigenética”. Resultados: notou-se que, nos quadros de transtornos de ansiedade, os ajustes fisiológicos aos quais o organismo se torna submetido extrapolam o âmbito do sistema nervoso autônomo e atingem o sistema endócrino e imunitário, tornando-se duradouro. A prática de exercício físico e a epigenética demonstraram relevante papel na modificação dos principais sinais e sintomas dessa psicopatologia. Conclusões: os artigos estudados apresentaram tipos de estudo bastante distintos entre si, demonstrando o benefício alcançado pela prática de exercício físico nos quadros de transtorno de ansiedade, mas não possibilitaram delinear que tipos e metodologias são os mais adequados. Ficou evidente a necessidade da correlação entre Treinamento de força e epigenética.
      PubDate: 2018-04-02
      Issue No: Vol. 6, No. 2 (2018)
       
  • A prática do aleitamento materno e os fatores que levam ao desmame
           precoce: uma revisão integrativa

    • Authors: Ariana Passos Cavalcante Lima, Davi da Silva Nascimento, Maísa Mônica Flores Martins
      Pages: 189 - 196
      Abstract: Introdução: o aleitamento materno exclusivo é a melhor fonte de alimentação e proteção do bebê até o sexto de mês de vida, não necessitando de nenhum outro tipo de alimento ou líquido. Objetivo: identificar os fatores que interferem na prática do aleitamento materno e analisar os motivos que levam ao desmane precoce. Método: trata-se de um artigo de revisão integrativa da literatura mediante os descritores: aleitamento materno, lactente e desmame precoce, com um recorte temporal de 2012 a 2016. Resultados: entre os fatores que dificultam a prática do aleitamento materno destacam-se: leite fraco/insuficiente, pouco incentivo dos profissionais de saúde para a prática de aleitamento materno exclusivo, falta de conhecimento da mãe sobre a importância do aleitamento materno. Já entre os fatores causadores do desmame precoce, destacam-se: uso de chupeta, volta ao trabalho ou ao estudo, trauma mamilar e dor, baixo nível de escolaridade da genitora, e o aumento da idade da criança. Considerações finais: faz-se necessário o fomento da prática do aleitamento materno, a fim de promover resultados que possam contribuir para a prevenção de agravos e a promoção de saúde do binômio mãe e filho.
      PubDate: 2018-04-02
      Issue No: Vol. 6, No. 2 (2018)
       
  • Visão de profissionais, acadêmicos e usuários da atenção primária à
           saúde sobre o descarte correto de medicamentos: revisão integrativa da
           literatura

    • Authors: Airan Martins Silva Dantas, Patrick Leonardo Nogueira da Silva, José Ronivon Fonseca
      Pages: 197 - 205
      Abstract: Introdução: o avanço científico na saúde proporcionou a descoberta de novos fármacos e, consequentemente, sua disponibilização e o acesso a esses medicamentos pela população, de modo a aumentar a variabilidade terapêutica no combate a diversas patologias. A Lei nº 12.305/2010 aborda sobre a destinação de resíduos sólidos, porém não há uma aplicabilidade desta legislação, o que não retira a preocupação do poder público. Objetivo: analisar, por meio de uma revisão interativa da literatura, a visão dos profissionais, acadêmicos e usuários da Atenção Primária à Saúde e dos usuários sobre o descarte correto de medicamentos e, por meio disso, promover o cuidado com o meio ambiente e com a saúde pública. Métodos: trata-se de um estudo descritivo, exploratório, com suporte em uma revisão bibliográfica, realizada em bases de dados virtuais, sendo estas: Scientific Electronic Library Online, Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde e Biblioteca Digital de Enfermagem. A amostra foi composta por 12 estudos científicos, sendo eles, 10 artigos, uma dissertação e um resumo simples. A coleta foi realizada durante o 1º semestre de 2016 por meio de um formulário para a captação dos dados. Resultados: Os resultados demonstraram que 66,6% dos artigos utilizados referem-se a nenhuma ou a poucas informações por parte dos usuários e profissionais de saúde sobre os riscos gerados quando não são descartados de maneira adequada. Conclusão: É possível perceber que, além de gestão, há também a necessidade de elaboração de projetos e participação social e política.
      PubDate: 2018-04-02
      Issue No: Vol. 6, No. 2 (2018)
       
  • Síndrome de Cornélia de Lange e Doença de Graves: uma
           associação rara

    • Authors: Tássia Calvet Pinto Ferreira, Airton Afonso Ferreira Rebelo, Amanda Machado Kahwage, Ryssia de Oliveira Braun Guimarães
      Pages: 206 - 210
      Abstract: Introdução: A síndrome de Cornelia de Lange (SCdL) corresponde a uma condição rara caracterizada por mutações nos genes responsáveis pelas proteínas estruturais e reguladoras do complexo da coesina, levando o paciente à distrofia facial e aos atrasos no crescimento e desenvolvimento. Seu diagnóstico é baseado nos achados clínicos e/ou a identificação da heterozigose patogênica variante em N1PBL, RAD21, ou SMC3 ou homozigose patogênica variante em HDAC8 ou SMC1A. Essa síndrome possui um amplo espectro de manifestações que incluem anormalidades neurológicas, endocrinológicas, musculoesqueléticas e cutâneas. A Doença de Graves, por sua vez, representa o expoente mais comum de hipertireodismo, possui origem autoimune e resulta de uma complexa interação entre fatores genéticos e ambientais. Relato de caso: Este artigo tem por objetivo relatar um caso de uma paciente de 22 anos com diagnóstico de SCdL, a qual abriu o quadro de hipertireoidismo por Doença de Graves, apresentando insônia, irritabilidade e agitação, com melhora após tratamento medicamentoso.
      PubDate: 2018-04-02
      Issue No: Vol. 6, No. 2 (2018)
       
  • Artrite Rádio Cárpica por Candida krusei: relato de caso

    • Authors: Ubiratan Brum Castro, Auro Sérgio Perdigão Brito, Paula Lemos Carneiro Trindade
      Pages: 211 - 213
      Abstract: Introdução: Artrites sépticas de Cândida sp são incomuns, graves, e podem atingir elevado grau de morbimortalidade se não tratadas adequadamente. Ocorrem por disseminação hematogênica, especialmente em imunocomprometidos submetidos a procedimentos cirúrgicos ou por inoculação direta em pacientes leucopênicos, portadores de câncer, sepse ou doenças autoimunes. Relato de caso: O caso relatado trata de paciente imunossuprimido, portador de artrite psoriásica, com artrite séptica devido à Candida krusei – evento raro. Conclusão: Houve boa evolução com antifúngico endovenoso e desbridamento cirúrgico.
      PubDate: 2018-04-02
      Issue No: Vol. 6, No. 2 (2018)
       
  • Neurorreabilitação com o Método Padovan® em recém-nascidos com
           síndrome alcoólica fetal: relato de 2 casos

    • Authors: Lilianny Medeiros Pereira, Danielle Correia Vileicar, Mirlla Michelle Alves Uchôa
      Pages: 214 - 216
      Abstract: Introdução: Intervenções precoces podem moldar atividades cerebrais dependentes da neuroplasticidade. O Método Padovan® vem sendo estudado e utilizado como alternativa terapêutica na reabilitação de recém-nascidos com comprometimento neurológico, principalmente déficits de sucção. Relato do caso: Dois Recém-nascidos com diagnóstico de Síndrome alcoólica fetal apresentando irritabilidade e disfunção na sucção, em fonoterapia convencional sem melhora. Foram submetidos ao método uma vez ao dia, cinco dias por semana com ótimos resultados. Conclusões: O Método Padovan® foi eficaz no estabelecimento da sucção em três semanas e sua utilização mais precoce pode contribuir com menor tempo de internação.
      PubDate: 2018-04-02
      Issue No: Vol. 6, No. 2 (2018)
       
 
JournalTOCs
School of Mathematical and Computer Sciences
Heriot-Watt University
Edinburgh, EH14 4AS, UK
Email: journaltocs@hw.ac.uk
Tel: +00 44 (0)131 4513762
 


Your IP address: 3.237.71.23
 
Home (Search)
API
About JournalTOCs
News (blog, publications)
JournalTOCs on Twitter   JournalTOCs on Facebook

JournalTOCs © 2009-